História Secret Dark - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Ariana Grande, Barbara Palvin, Camila Cabello, Demi Lovato, Jensen Ackles, Joseph Morgan, Josh Hutcherson, Liam Hemsworth, Lily Collins, One Direction, Zac Efron
Personagens Ariana Grande, Barbara Palvin, Camila Cabello, Demi Lovato, Harry Styles, Jensen Ackles, Liam Payne, Lily Collins, Louis Tomlinson, Niall Horan, Zayn Malik
Tags Demi Lovato, One Direction, Zayn Malik
Visualizações 9
Palavras 876
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Espero q gostem ☆
Malikisses ♡

Capítulo 4 - Capítulo 4


Fanfic / Fanfiction Secret Dark - Capítulo 4 - Capítulo 4

Dianna on :

Sábado. 

Frio e Chuvoso Sábado. 

E onde eu estou? Esperando passar algum taxi ja que a desgraça da minha bike furou os dois pneus de uma vez só. 

É pra voces verem o tamanho da minha sorte. A chuva engrossava a cada minuto que passava e pra acabar com a minha vida ninguem atendia a merda do celular. 

-Que legal, mais um na caixa postal, ate você Anna? Aff. 

Antes que eu guardasse meu celular a porra de um carro passou levantando uma onda de água suja sobre mim fudendo quem? 

- PORRA!!!MINHA ROUPA! MEU CELULAR! FILHO DA PUTA! TA CEGO É??-Sacudia minhas mãos pra tirar um pouco da umidade, meu celular ja era infelizmente e o dinheiro...puff ja foi.

Terei que ir a pé mesmo fazer oque nesse caralho.

Comecei a caminhar e a unica nota inteira que restou foi a de dois dólares o resto ensopou por completo.

Parei e esperei o sinal fechar pra poder atravessar. Enquanto isso tentava tirar o excesso de água de algumas partes do meu cabelo, sem sucesso pois começou a chover novamente. 

-Mas que merda!!! Ok são pedro ja entendi que foi uma pessima idéia vim ao centro essa hora da tarde, mas eu precisava poxa.- Falei olhando pra cima logo deixando meus braços cairem nas laterais do meu corpo.

-Que dia Dianna! Que dia!- Falei pra mim mesma enquanto bufava de raiva.

Assim que o sinal fechou corri pra atravessar. Chegando do outro lado segui caminhando ate que me esbarro em alguém quase indo ao chão. 

-MAS QUE INFERNO!!! OLHA POR ONDE ANDA BABACA!!- Gritei ja furiosa pois meu humor nao estava um dos melhores.

-Calma gatinha por que tanto mal humor?- Falou o fortinho de olhos claros.

-Por que eu quero? Alias sai da minha frente to querendo sair da chuva e voce esta me atrapalhando.- Tentei desviar mas ele sempre ficava a minha frente. Fui pra esquerda, ele tambem foi, fui pra direita e adivinhem?

-Aí, quer dar licença por obséquio??

-Claro madame.- Ao tentar passar ele me barra novamente me fazendo revirar os olhos.- Mas...com uma condição. 

-Não tem condição nenhuma seu idiota, a rua é publica me deixa passar.- Ele fechou a cara e segurou fortemente em meu braço.- Que isso?!

-Escuta aqui gracinha, fala direito comigo ou da proxina voce sai daqui sem língua voce entendeu bonitinha?- Segurou meu rosto o apertando. 

-Me solta seu nojento.- Tentei me soltar do mesmo mas ele era forte ate demais.- Não vai me soltar mesmo não é? acho melhor me largar ou...

-Ou oque? Vai fazer oque princesa?- Falou sarcástico. 

-Isso!- Chutei seu saco com a maior força que tive fazendo o mesmo se contorcer ao cair no chão. 

-Voce é uma garota morta... vadia!- Resmungou ele se levantando.

Sai dali correndo vendo que a chuva havia cessado um pouco, ao olhar pra trás vejo o cara atras de mim e volto a correr.

Corria sem parar pela rua ja deserta e o medo ja me matava por dentro. Dobrei a esquina contudo dando e acabo me batendo no peito de alguém. 

-Eei...calma...Dianna?- Olhei pra o dono da voz e um sorriso me invade na mesma hora.

-Zayn graças a Deus!- O abracei sendo retribuida.- Me tira daqui por favor tem um cara maluco me seguindo...

-Ah voce esta ai! Corre muito hein gracinha.- Corri pra tras de Zayn me escondendo.- Deixa ela Malik, agente so estava brincando de pega-pega.

-Deixa ela em paz Dean, cai fora daqui!- Falou Zayn fazendo o mesmo dar de ombros.

-Ok! Ok! Ja to indo.- O olhei por cima do ombro de Zayn.- Nos veremos em breve princesa. 

Encarou Zayn uma última vez e foi embora. 

-Voce ta bem?- Falou Zayn virando pra mim.

-Acho que ja ouvi isso antes.- Sorrimos.- Sim estou, mas quem era aquele cara?

-Ninguém importante, so um besta que gosta de importunar moças indefesas.- Falou ele me deixando indignada. Dei um tapa em seu peito o fazendo rir.

-Para! Eu não sou uma moça indefesa, eu sei me cuidar.

-Eu vi...ai socorro tem um monstro me perseguindo, ele quer me pegar!  Ai eu vou morrer...- Falou ele afinando sua voz enquanto pulava ao meu redor na pontinha dos pés. 

-Para com isso Zayn ta todo mundo olhando...para!- O fiz parar segurando sua mão,  na mesma hora um choque percorreu meu corpo de cima a baixo me fazendo solta-lo rápidamente de olhos arregalados. 

-Oque foi isso?- Perguntei meio assustada. O mesmo não estava diferente de mim.

-Não deve ser nada, apenas o frio...vamos, temos que ir, começará a chover em breve.- Arrumou a mochila nas costas meio nervoso. Estranho.- Quer uma carona? 

Ainda o olhava sem dizer nada. Mas é como ele disse, não deve ser nada demais...certo?

-Ah claro, seria uma boa...mas antes...sera que rola um...chocolate quente? 

Ele abriu aquele sorriso lindo que puta que pariu...xonei nessa porra.

-Acho melhor limpar.- O-olhei confusa.

-Limpar?- Ele assentiu.- Limpar oque?

-Sua baba...ta escorrendo aqui.- Falou tocando o canto da minha boca com o polegar.

-Ah besta!- Dei um tapa em sua mão fazendo o mesmo gargalhar. Amo esse sorriso genteee.

-Vem, vamos tomar o seu chocolate quente.- Falou passando o braço sobre meus ombros, senti aquele choque novamente mais nao demonstrei, to ate gostando disso.

-Ebaaa partiu Starbucks!- Sorrimos e partimos em direção ao estabelecimento. 

É são pedro...pensando bem, foi uma ótima idéia vim ao centro essa hora da tarde...

Uma ótima idéia mesmo.



Notas Finais


E ai? Esta boa? Ruim? Espero q tenham gostado vidas.
Divulguem, comentem preciso saber como esta indo a fic e se precisa de algo pra melhorar.
Bjs my vidas♡ Ate o próximo capítulo♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...