1. Spirit Fanfics >
  2. Secret Letters (Imagine Lee Chaeryeong) >
  3. "Vocês não são um casal?"

História Secret Letters (Imagine Lee Chaeryeong) - Capítulo 6


Escrita por:


Notas do Autor


Voltei mais rápido do que eu esperava.

Capítulo 6 - "Vocês não são um casal?"


Eu e Mark estávamos no refeitório com o resto do pessoal

Yujin: Então pera... Vocês não são um casal? - Perguntou apontando para mim e Mark.

Mark:  Exatamente. - Disse sorrindo um pouco debochadamente.

Yena: Então porque disse que queria a carta? Porque você sempre tenta proteger ela. - Perguntou Yena.

Mark: Eu não disse que queria que ela em especifico me entregasse a carta. - Disse apontando para mim.

Yeojin: Mark todo mundo sabe que você gosta dela, até ela sabe. - Disse o obvio.

Ryujin: É verdade, e ela até sente algo por você, só não é mais forte do que o sentimento dela por S/N. - Disse Ryujin e eu apenas concordei coma cabeça.

Minjoo: Então porque vocês não viram logo um casal? - Perguntou para nós dois.

Mark: Bom, eu gosto dela e eu admito isso, mas eu não sei. - Falou o garoto confuso.

Eu e todos daquele grupo sabíamos porque de Mark estar assim, na verdade é uma suspeita apenas nós achamos que ele gosta de outra pessoa também assim como eu, mas ele nunca mencionou algo concreto sobre isso, essas teorias começaram em minha cabeça quando ele falou que estava começando a duvida de sua sexualidade.

Yuna: Não sabe o que? - A garota tagarela que não havia falado nada hoje se pronunciou.

Mark: Digamos que além do fato de não ter total certeza de que gosto dela também tenho medo de estragar minha amizade com ela. - Disse o garoto olhando em direção à algo, ou melhor alguém.

Chaeyeon: Ele está certo isso pode ser só o sentimento de uma amizade muito forte que é confundida com algo maior. - Disse minha irmã e Sakura concordou.

Sana: Eu sei que eu não falo nada de bom, mas dessa vez eu concordo com a Lee mais velha, porque pensem comigo o único amigo macho da nossa bebê é o Mark, e a primeira amiga próxima de verdade que Mark teve foi a nossa criança. - Disse Sana e todos concordaram com a cabeça.

Ryujin: Parabéns Sana você falou algo de bom hoje. - Disse fazendo todos rirem.

- Mark vem comigo. - Disse após segundos de silencio.

Mark: O que você queria? - Disse sorrindo, como sempre.

- Por um acaso você está gostando do Jackson? - Perguntei baseado na direção que ele olhava mais cedo.

Mark: E-eu não sei, mas acho que sim. - Disse e eu comecei a dar pulinhos de alegria. - Mas não conta para ninguém tá? - Disse e eu comecei a concordar freneticamente com a cabeça e dei um abraço muito forte no mais alto que na mesma hora retribuiu rindo.

 

[...]

 

Já era o dia de irmos para o acampamento, eu e meus amigos estávamos todos juntos no portão da escola junto com o resto do ensino médio, nós estavamos decidindo quem iria sentar com quem.

Chaeyeon: Então a Minjoo (ou Minju os dois estão certos) vai com a Yujin, Wonyoung com a Eunbin, eu com a Sakura, Nako com Hitome, Yuri com Yena, Chaewon com Hyewon, Ryujin com Yuna, Sana e Mark fiquei surpresa com a escolha da Sana mas ok, Soyeon e Yeojin e a Chaeryeong fica sozinha.

Sana: Eu escolhi o Mark porque ele da bons conselhos amorosos e eu descobri que a escola da Tzuyu vai estar lá, ou seja ele vai me dando conselhos no caminho. - Disse e deu um sorriso - E vocês. - Apontou para todo  resto. - Vão me ajudar a conquistar ela.

Yena: A gente não iria ajudar a Lee com a Jung, tipo uma pequena aproximação? - Perguntou Yena.

Minjoo: Também.

 

[...]

 

Todos já estavam no ônibus com suas duplas e eu estava procurando um lugar vago para me sentar, e por sorte (ou azar) de minha parte só havia um que era ao lado se S/N.

- P-posso me sentar aqui. - Disse tímida com a cabeça baixa.

S/N: Claro. - Disse a garota com seu tipico sorriso que aquecia meu coração. - É você e aquele garoto namoram? - Perguntou se referindo a Mark.

- Não, porque?

S/N: Nada não, eu só acho que Jackson gosta dele. - por fim murmurou algo que eu não consegui entender.

 

[...]

 

Não estavamos nem no meio do caminho e eu já estava morrendo de sono, eu não queria dormir pois sei que ficaria com dor após acordar.

S/N: Está com sono? - A voz calma da Jung invadiu meus ouvidos e eu assenti timidamente com a cabeça. - Deite em meu ombro e descanse não quero que sinta sono no acampamento, se não você perdera toda a diversão. - Disse e eu deitei a cabeça em seu ombro com um pouco de receio.


Notas Finais


O que será que a S/N murmurou.
Essa mini interação do final foi fofinha.

Volto logo, não sei se tão rápido quanto hoje, mas volto


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...