1. Spirit Fanfics >
  2. Secret Love (Taekook) >
  3. Cap 1 - O começo de tudo

História Secret Love (Taekook) - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Oii amoorees, estou aqui pra vocês com uma fic nova. É uma fic de Taekook, como já deu pra perceber, e sérioo, eu amoo muito esse casal.
Eu pretendo fazer de outros shipps pela frente como Jikook, Namjin, Sope, Yoonmin e etc.. O que acham?

Aproveitem o capítuloo💖

Capítulo 1 - Cap 1 - O começo de tudo


Desde que me entendo por gente eu sempre fui muito mimado pelos meus pais, eu era filho único e isso me fazia receber muita atenção, não só dos meus pais, mas da família inteira.

Confesso que eu adorava toda essa atenção sobre mim e me sentia muito especial. Me lembro também de uma época em que meus pais estavam muito tristes e chorando por tudo, me lembro de sempre ter que ficar com minha vó para meu pai levar minha mãe ao hospital. E claro, eu sempre perguntava para minha vó o motivo de tudo isso, mas como eu era muito pequeno, tinha entre uns 4 anos, eu nunca entendia nada.

Essa minha vida de princepizinho mimado durou entre uns 6 anos, onde um belo dia meus pais foram me buscar na escola e disseram que tinham uma surpresa para mim. E eu como uma criança que sou, amei a notícia. Passei o caminho todo animado, eu adorava presentes.

Quando cheguei em casa eles me mandaram esperar sentado na sala, e eu obedeci.  Logo após vejo meus pais vindo em minha direção segurando a mão de uma criança, um menino, que pelo que parecia era mais novo que eu.

Eu fiquei confuso e olhei para meus pais, que olhavam para a criança sorrindo. A criança por sua vez, estava sorrindo também, mas aparentava estar tão perdido quanto eu.


Taehyung- Papai? Mamãe? Quem é esse menino?


Mãe- É o seu irmão TaeTae - lançou como se fosse uma coisa que eu ouvia todos os dias. Eu senti meu coração gelar e minha raspiração parar por uns segundos.


Taehyung- Irmão? Um irmãozinho?


Pai- Sim meu filho! Esse é Jeon Jungkook, seu mais novo irmão. - diz com um templante muito contente no rosto.


Eu juro que demorei muito tempo pra digerir aquilo tudo, era muita coisa nova. Minha mãe não precisaria estar grávida para ter um bebê? E eu nunca tinha o visto, ele já nasceu grande? Eram tantas perguntas que eu tinha na mente que eu já estava quase explodindo. Meus pais perceberam essa meu sentimento e então sairam da sala, depois de pouco tempo eles voltam e se sentam ao meu lado.

Eles me explicaram tudo, que ele havia sido adotado e que mesmo assim eu deveria tratar ele como se fosse meu irmão de verdade. Claro, eu tinha apenas 6 anos de idade, não entendia o verdadeiro conceito da palavra "adotado", mas eu tentei compreende-los. A partir desse dia minha vida mudou completamente, agora não era só eu, agora ainda tinha ele. 

Ah, é mesmo, nem o apresentei. O nome dele pelo que sei era Jeon Jungkook, mas agora acabou se tornando Kim Jungkook. Na época que ele veio morar conosco que ele tinha 4 anos, e por termos nos conhecido tão cedo acabamos desenvolvendo uma amizade muito grande.

Meu irmão, que eu pensei que seria um encômodo acabou virando meu melhor amigo. Éramos muito amigos, aquilo era muito bom pra mim, mas as coisas mudaram um pouco a medida que fomos crescendo.

Eu não sei, mas eu comecei a olhar o Jungkook com outros olhos, eu não sei ao certo, mas acabei me dando conta de que eu estava observando muitos detalhes dele, como eu posso dizer?

Eu comecei a reparar mais em seu corpo, eu não entendi, aquilo era muito novo para mim. Não achem estranho mas eu juro que ele com apenas 12 anos de idade, era o homem mais lindo que eu já tinha visto na minha vida. Mas nunca passou disso, de uma simples amizade entre irmãos.

Eu acho que foi quando eu completei meus 16 anos, que eu acabei me encontrando completamente apaixonado pelo meu irmão. Eu sei o quanto isso pode parecer ridículo, mas para mim era uma sensação horrível. Eu sentia que não era correspondido, e eu também sabia que nunca poderíamos ficar juntos. Eu não poderia contar para minha família tudo de uma vez, que eu era gay e que ainda por cima era apaixonado pelo meu irmão. Como eles reagiriam? O que iria acontecer comigo depois disso? Eu não faço a mínima idéia. 

Mas por minha sorte  eu tinha uma pessoa pela qual eu podia confiar. E contar todos os meus segredos e pensamentos mais obscuros, Suho que sempre foi meu melhor amigo. Nós nos conhecemos na época que o Jungkook veio morar aqui, e eu até tinha contado isso pra ele. Mas ele também não fazia idéia do significado da palavra "adotado"

E eu falava come ele tudo, contei de quando eu comecei a olhar o Jungkook com outros olhos até a parte que eu percebi que era apaixonado por ele. Eu não poderia contar ao Jungkook isso nunca na minha vida. 

E um fato importante, é que depois de eu ter descoberto isso tudo nós nos afastamso um pouco. Eu não sei dizer, mas eu fico muito nervoso perto dele, é uma sensação embaraçosa. Mas mesmo com todo esse medo, eu ainda tinha um pouco de esperança.

Mas como nada dura pra sempre, depois que ele já tinha seus 19 anos ele falou que para a familia que tinha uma pessoa para apresentar. E todos nós, eu, mamãe, papai e até o Suho estávamos lá para ver a tão falada pessoa.

Mas mal eu sabia, que essa pessoa seria o motivo de tantos surtos e decepções minhas. Lalisa Manoban, a mais nova namorado de Kim Jungkook.

Eu juro que quando a vi entrar junto a ele eu fiquei muito confuso, até Jungkook a apresentar oficialmente como sua namorada. Meu queixo caiu no chão, minha vontade de chorar ali na frente de todos era gigante. Eu passei anos da minha vida apaixonado por uma pessoa, que eu sabia que nunca iria ter chance, mas mesmo assim aquilo foi como uma facada no meu coração. Eu não consegui me aguentar e saí dali correndo para o meu quarto e meu amigo veio correndo atrás de mim.

Eu não me lembro de muita coisa, só me lembro de quando todos já haviam ido dormir e eu estava no meu quarto chorando horrores, até ouvir alguém bater na porta e logo em seguida Jungkook entrar.

E claro, eu rápidamente tratei de secar minhas lágrimas, não poderia deixar transparecer que eu estava triste por isso.


Jungkook- Está tudo bem Tae? Por que saiu correndo aquela hora? - diz enquanto senta do meu lado na cama e me olha nos olhos - Oh meu Deus! Tae, você estava chorando?


Taehyung- Não Jungkook, eu estou bem - sorrio forçado - Não precisa de preocupar.


Jungkook- Você definitivamente não está bem. - faz um rosto preocupado e então começa enxugar minhas lágrimas com seus dedos - Não sei o que aconteceu pra vocês estar assim, mas tudo vai melhorar, e eu farei o possível para te ajudar - Ah, então você pode começar terminando com sua namorada, penso. Ele então envolve seus braços em mim e me dá um abraço apertado. Eu não penso nem duas vezes na hora de retribuir, eu estava precisando daquilo, ou melhor, eu estava precisando dele..


Notas Finais


Gente, acabei. O que vocês acharam? Aah, eu amei muito e espero que vocês também💖


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...