História Sedução - (BTS) - Taehyung - HOT - Capítulo 61


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Big Bang, Got7
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Taehyung, Você
Visualizações 4.491
Palavras 1.628
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Já tavam assinando meu atestado de óbito né?
Não vão ficar livre de mim assim tão fácil.
ME DESCULPEM FIQUEI DIAS SEM ATUALIZAR .

Capítulo 61 - Fazer amor


Fanfic / Fanfiction Sedução - (BTS) - Taehyung - HOT - Capítulo 61 - Fazer amor

Deixei a menina estirada no chão, ela estava claramente indignada. Grrr! Quem deveria estar com essa cara de "tacho" sou eu não ela. TAEHYUNG É MEU, essa gazela magrela não tem que ficar elogiando ele, NA MINHA CARA.

- Taehyung, desce dai - Puxei ele pela perna, eu estava cuspindo fogo, obviamente estava bem nítida minha raiva pois cada um que estava presenciando a cena ciumenta, claramente percebeu isso.

- Desse dai ou eu mesma subo e te tiro - Ele ergueu as mãos em sinal de rendição. Dei as costas empurrando toda aquela multidão, indicando para ele que me seguisse.

Baek estava parado, me olhava sem expressão, estava me olhando dos pés a cabeça. Qual o problema dele? 'Ta querendo morrer? 

- Que porra foi aquela s/n? - Sem da ouvidos ao maior continuei andando de braços cruzados. RAIVA . Enquanto isso ele pelejava para vestir suas roupas.

- Eii.- Segurou minha mão virando-me para ele, levantei uma sobrancelha e revirei os olhos. - Isso por acaso, é ciúmes? - Se gabou sorrindo de lado - Possessiva, nposeroeles

- Ai que caralho, para de ficar se gabando para outras garotas, querendo mostrar que é o macho alfa dessa merda. - Ele riu, eu estava ficando enfezada, eu vou tacar ele nesse lago. Ah mas vou.

- Você 'ta com raiva por que? - Virei andando ate a beira do lago cruzando os braços ficando de costas para ele.

Quando o vi parar em minha frente, pensei na possibilidade. Então, 'Puff joguei ele dentro do lado e sai correndo sem o dar chances de revidar.

Isso vai fuder muita coisa.

Mas ele mereceu, alguém tem que apagar o fogo dele . Né? Hehehe.

Corri feito uma bala, eu podia escutar ele praguejando e correndo atrás de mim. Entrei dentro do quarto e sem tempo de fechar a porta entrei dentro do guarda roupas.

 - S/n...Você não pode se esconder...Eu vou te a.c.h.a.r - Falou pausadamente, notei que ele soava um tanto, MALICIOSO, como todas as vezes..Que..me deixava aleijada no dia seguinte. Ferrou.

Ouvi um barulho de pano molhado cair no chão, creio que era suas roupas, EITA PORRA. Ai, ai, vai doer, eu estou sentindo.

- S/n? Você deixou 'seu TaeTae' molhado, já esta na hora de ele te molhar também - Isso foi tão sujo.

- Me rendo - Abri a porta o vendo sem camisa com um sorriso . 

- Ah...Pensei que iria ter que te agarrar a força - Fiz uma típica expressão de irónica. - Cadê o cumprimento do tratado 'ein'?  

- Você esta molhado, não vou transar com você assim - Andei ate a cama e sentei esbanjando um sorriso de quem não se importa.

- Vamos transar pelados, e a última coisa que você deve importar é eu estar molhado - Andou até mim retirando sua bermuda, permaneci fixando ele enquanto fazia isso. Cada movimento calculado, e cada olhar atrevido. Por que eu sinto que ele esta, diferente? 

Ele parou em minha frente e colocou a cabeça para o lado, fez um beicinho e desceu o resto de sua vestimenta. Segurou meu rosto apertando de leve causando um pequeno biquinho em meus lábios, ele colocou o joelho no espaço que ainda restava entre minhas pernas, apoiando seu joelho na cama.

- Você estava com ciúmes de mim - Começou a rir, retirei sua mão do meu rosto - Eu que sou o ciumento nessa caralha, não faça plágio do meu papel.

Sorriu antes de agir como um louco e me empurrar com força na cama. Ele me beijava com rapidez, eu perdia o compasso, mas recuperava com muito esforço. 

Ele estava com a mão já perdida em minha parte intima, eu deveria estar enjoada de transar, transar, eu não durmo sem transar, eu não como sem ser comida, eu não tomo banho sem ser o sabonete, EU SOU PRATICAMENTE UM OBJETO? Mas ele é meu namorado deveríamos transar feito loucos. 

S/n. Ele é seu primeiro namorado, o único cara que você transou "tirando o jeongguk". E eu sou a primeira namorada dele, então eu tenho que satisfaze-lo em milhões 

- Tae você só pensa em fazer sexo? _O garoto encima de mim sorri mordendo minha boca

- Não . Também penso em fazer amor - Sussurrou rente ao meu ouvido . Aaaah, como eu odeio quando ele faz isso.

- É tudo a mesma coisa não vejo diferença. - Tento o empurrar. Cu doce talvez. 

- Vou te provar agora que tem diferença. - Engoli em seco, ele falou rouco, era anormal para mim. Ele me beijou docemente, com cuidado tocava meu corpo parte por parte, canto por canto. 

Seja la o que esta acontecendo. Mas se o Tae tiver realmente retornado a sua verdadeira origem em seu outro mundo, que os extraterrestres, o segurem o máximo de tempo possível . Mas daqui a pouco eles devolvem, só eu aguento aquela praga.

Eu estava amando aqueles toques, carinhos, e chupoes leves em meu pescoço, seguindo de minha clavícula e de encontro direto e macio aos meus lábios.

Ele estava nervoso? PELOS CÉUS, devolvam meu homem. Kim Taehyung esta tremendo? Mas ele esta se alimentando da sua fonte de vida. SEXO, como ele pode estar nervoso em fazer SEXO? 

- Tae? Esta tudo bem? - Encarei ele, quando notei a expressão que ele fazia quase enfartei. ELE ESTAVA TÃO FOFO.

- C-claro que eu estou b-bem . 'Te deram droga ?  - Questionou forçando uma expressão de quem não se importava. Sorri. 

- Continua então - Prendi minhas pernas em sua cintura despida, passei levemente as unhas pelas costas dele, e intencionalmente passei a brincar com seu abdómen arranhando aquela pele tão preciosa por mim. Por que? Simples, eu sou fanática por Abs.


    ~ TAEHYUNG ~


Eu nunca, nunca fiz amor. E NÃO SEI COMO FAZ, mas eu perguntei para o Jin, ele é meio experiente em questões de relações . Pois meu negocio é só sexo.

    °° Horas atrás °°

Eu estava indo para o quarto de Jin, que dividia o mesmo com Yoongi e Jimin, o resto estava em outro quarto. Assim que abri a porta eles estava cada um jogado em um canto, enquanto Jin xingava juntando roupas e alguns acessórios espalhados no chão. Inclusive garrafas de bebidas e pacotes de "porcarias" denominadas para mim como; salgadinhos e biscoitos. Eles não usam drogas, são lerdos de nascimento mesmo.

- Taehyung. Minha puta sumida, sinceramente tava sentindo sua falta - Yoongi lançou um de seus melhores  sorrisos maliciosos misturado com brincadeira. 

- Sentiu minha falta? - levantei um pouquinho minha camisa - Sério? - Fiquei sorridente forjando uma voz afeminada.

- Não seu cuzão, eu quero que você pague a porra do meu notebook que você quebrou, sem contar que roubou metade do meu estoque de vinho.E ainda me deve um porre de Won, eu quebro tua cara palhaço. - Ameaçou totalmente sério.

- Ixi! Fodeu pra tu em Taehyung - Ouvi a voz do Jimin.  - Fosse você pagava ele, vai que ele escolhe outra coisa em troca.

- Jimin. Cala a boca ou eu vou ai calar ela.

- Cala com a sua - Retrucou abaixando a revista playboy para poder me fitar.

- Então o Tae enfia a língua na boca do Jimin. E eu enfio uma coisa no Tae - Yoongi indagou me deixando perplexo, virei para ele com todas as respostas já prontas para jogar na cara dele, mas, alguém impediu.

 - Vai ser eu que vou enfiar uma mão nessas suas caras, se vocês não arrumarem isso. Taehyung o que foi? Não vê que esses tapados estão com os hormônios a flor da pele. - Eles ficaram sem jeito.

- O que eu perdi? - Sentei na cadeira.

- Jimin e o Yoongi estão todos apaixonadinhos pelas amigas da s/n - Comecei a rir.

- Milagres acontecem. Eles eram cachorros sem donos, os que não eram adestrados, totalmente "livres" - Debochei tendo o olhar fulminante dos baixinhos - Afinal. Eu não vim falar dessas vadias aqui, eu preciso ..Meio..F-falar. - Engoli seco - C-com você.

Todo mundo tava me olhando com a famosa cara de " QUE? ". A primeira vez que me viram gaguejar . Patético.

- Vazem - Ordenei e os mesmos ficaram parados - Vou começar a falar o quanto as amigas da s/n adorariam saber que tem dois babacas babando por elas - Eles reviraram os olhos e saíram.

- O que quer ? - Jin sentou na cadeira a minha frente. - Se colocar os pés ai eu te mato. - Apontou para mesinha.

- Mas eu .. - Interrompeu.

- Você ia sim - revirei os olhos e cruzei os braços pronto para começar meu desabafo. - Fala o que foi?

- Eu..Precisodeajuda - Falei embolado e nervoso.

- Que? Aqui menino sei que você é gato mas não tem bola de pelo pra você engasgar, fala logo .

- Preciso de ajuda. Eu n-aoseicomo. ARam - Cocei a garganta - F-fazer a-amor.

- Que ? Você quer que eu te ensine a fazer amor? Vai embora - Falou indignado.

- Mas, por favor Hyung, você é o único entre nos que não trocou o celebro pelo testículo.

- AAAAH.- Sentou - Como vou te ensinar?

- So me fala. Eu tenho que fazer o que na hora? Tenho quê ir rápido? Tenho que dar chupão? Ir fundo?

- Mas que merda Taehyung. Você anda pensando muito com a cabeça debaixo.

- Eu só estou confuso - Me acertei no sofá.

- Apenas uma palavra, não demonstre seu amor apenas em palavras, mas sim em gestos, seja carinho - Levantei.

- So isso? - Ele assentiu - Não serviu de nada. Vou embora, esquece essa história de fazer amor.

- TAEHYUNG. Não tem essa ideia de ir fundo, apenas faça ser ... Inesquecível.

- Todos os meus momentos com ela são inesquecíveis, eu sou inesquecível.

- Vai embora - Abriu a porta dando passagem , suspirei e passei pela mesma.

Esquecer essa historia de fazer amor é o melhor ate agora.





 


Notas Finais


Então gente. Como eu sou muito má, esqueci de avisar que minhas fics não chegam no CAP 70 MAAAAAAAS, como sou uma pessoa muito formidável .HEHEHEHE.
(Abrirei uma exceção )
Pq? Eu amo muito vcs leitores (as) e o género do meu abiguinho Taehyung nessa fic.
Só isso mesmo, tchau ate mais .
Bjs.
Fui.

🌸🌸🌸🌸


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...