História SeeSaw (Park Jisung - NCT) - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias Loona, Neo Culture Technology (NCT)
Personagens Chenle, Choerry, Chuu, Doyoung, GoWon, Haechan, Hansol, HaSeul, HeeJin, HyunJin, Jaehyun, Jaemin, Jeno, JinSoul, Jisung, Johnny, Jungwoo, Kim Lip, Kun, Lucas, Mark, Olivia Hye, Personagens Originais, RenJun, Taeil, Taeyong, Ten, ViVi, Winwin, Yeojin, Yuta, Yves
Tags Jisung, Jisung Park, Loona, Nct, Nct Dream, Romantico, Você
Visualizações 205
Palavras 1.560
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, LGBT, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiii crias, tudo bem?

Antes de tudo quero dizer que, ESTAMOS QUASE COM 100 FAV, vcs são d+, cara, amo vcs 😍❤

Agora, quem quiser participar da fanfic, como eu falei no capítulo, passado, só diga o nome da personagem e quantos anos ela vai ter na história. Pronto.

Now moment, vamos ler. Vejo vocês lá embaixo crias~ ~(⁰▿⁰)~

Capítulo 11 - Companhias novas


Continuação...

Acordo com barulhos vindos do andar debaixo. Abro os olhos lentamente e vejo que estou jogada de cabeça para baixo, na minha cama. Pego o celular, que achei debaixo do travesseiro, e vejo que são 5:34 da manhã.


A EunJin acordou essa hora? Estranho.


Levanto da cama, calçando minhas pantufas no pé. Saio do meu quarto enrolada na coberta. Que frio ein.


Desço as escadas e me deparo com 2 meninas e Seo. Mexendo na sala, colocando os sofás em outro lugar, a TV foi para o canto. O que está acontecendo? Ainda essa hora da manhã?


As três meninas presentes percebem minha presença na escada, e param o que estão fazendo na hora. Me olharam um pouco assustadas. Afinal, quem não se assuta comigo logo de manhã? Ainda mais toda descabelada e parada na escada? Eu ia estar me cagando de medo.


— (S/n)! Acordou cedo! — EunJin deixa de arrumar a mesa e vem ao meu encontro.


— Também né, com esse barulhos logo de manhã, quem não acordaria. — desço os degraus que ainda restavam e fico de frente para a mais velha.


— Desculpa te acordar, era para fazer isso mais tarde e não ia dar. — ela aponta para as meninas e bagunça na sala.


— Isso o quê?! — pergunto estranhando.


— Aquelas são as minhas amigas da faculdade. Jung Jinsoul e Jo Haseul. Elas vão me ajudam a reformar a nossa casa, e vão morar conosco. — ela fala tudo de uma vez.


— Ah sim. Morar com a gente... Quê?! MORAR COM A GENTE? — grito meio abismada.


— Não grita, vai dar seis horas da manhã! — me desculpo e olho para ela pedindo uma explicação. — Nós duas moramos em uma casa grande, muito grande para somente duas pessoas. Elas estavam procurando apartamento em Seoul, mas são muitos caros.


— Então você ofereceu nossa casa como moradia? — termino a frase meio intrigada.


— Eu sei que está brava, mas será melhor, quem sabe você não fique muito sozinha. Terás companhia agora. — da um sorriso receoso.


— Nós vemos isto depois. — acabo a conversa com minha prima e vou em direção as garotas desconhecidas, que assistiam toda a conversa. — Annyeonghaseyo!


— Annyeonghaseyo. — eu as comprimento e elas devolvem se curvando igual a mim.


— Meu nome é (S/n). — falo analisando as duas garotas.


Uma era alta, igual a garota de antes de ontem. Aquela bonita. Essa é linda também, seus cabelos longos loiros destacam seus olhinhos arredondados. A outra é baixa, quase do meu tamanho. Cabelos nas costas, castanhos, olhos bem puxados.


— Eu sou Jinsoul. — a loira fala.


— Meu nome é Haseul. — a mais baixa fala.


— Eu sou a prima da Seo EunJin! — falo meio consiste em ter acertado nas palavras.


— Ela nos disse que tinha uma prima mais nova morando com ela. — Jinsoul diz algo tão rápido que acabo não entendendo. Olho para Jinnie na intenção de traduzir o que a loira disse.


— Eu já avisei para elas sobre isso. — para ao meu lado.


— Ah, tá. — observo o estado em que a sala está. Olho para o relógio da sala, marcando exatamente 5:51. A essa hora eu estaria acordando.


— (S/n) pode subir para se arrumar. Eu e as meninas vamos terminar aqui. Daqui a pouco eu te chamo. — assenti e acenei para as garotas.


Subo para o meu quarto. Entro no mesmo e me jogo na cama. Ainda está cedo, mas se eu tentar dormir é capaz de eu acordar atrasada de novo. Vou esperar uns minutos até dar o horário para tomar meu banho.


Pego meu celular, entro nas redes sociais vendo fotos dos meus amigos no Brasil. Bateu uma saudade de sair com aqueles loucos.


Ah, faz uma semana que não falo com meus pais. Deve ser 18:00 da tarde lá. Vou ligar para eles, matar essa saudade. Vou nos contatos, acho o da minha mãe e ligo em chamada de video para ela.


*Ligação*

— (S/n), que saudade minha filha! — minha mãe aparece na tela do meu celular sorrindo.

— Mãe! Como a senhora está? — sorrio com o sorriso contagiante dela.

— Eu estou bem, seguindo a vida com você longe. — desmancha o sorriso mas logo abre ele novamente. — Mas e você, se acostumou?

— É, não me acotumei né? Mas eu me viro nessa nova rotina. — me sento na cama para conversa melhor.

— Daqui umas semanas você nem percebe. E EunJin, como ela está? — minha mãe pergunta pela minha prima.

— Está bem também, no momento deve estar fazendo o café. — minha mãe fica confusa.

— Café? Vocês vão tomar café as 18:07 da tarde? — solto um risinho.

— Mãe, aqui é 6:00 da manhã! — ela soltou um "ah" e eu ri.

— Eu esqueço sobre o fuso horário. Para mim vocês apenas moram outra cidade, ainda não caiu a ficha de que você está do outro lado do mundo. — minha mãe desabafa.

— Para mim também não, mas não é como se a senhora nunca tivesse vindo para cá. — sorrio.

— É claro, para pescar seu pai eu precisei ir até ai. — minha mãe e meu pai se conheceram virtualmente, só comecaram a namorar quando a mais velha foi atrás dele. Fico meio abobada com a história desses dois.

— E falar em meu pai, onde ele está? — questiono a minha mãe.

— Está dirimindo todo folgado na cama. Espere um momento. — minha mãe se move da onde ela estava, que parecia ser a cozinha e vai até o quarto dela. Onde mostra meu pai dormindo. — Aqui, está até babando. — nós duas rimos.

— Bom mãe eu liguei só para matar a saudade. Agora eu preciso ir, tenho que me arrumar para a escola. — olho as horas. 6:14 da manhã.

— Tudo bem querida, quando der me ligue de novo, seu pai vai querer falar com você. — vira a câmera na direção do mais velho que está dormindo.

— Ok, até mais mãe! — me despeço.

— Até minha filha, fique bem! — ela encerra a ligação.

*Ligação*


Coloco o celular em cima do criado mudo. É sempre bom conversar com os meus pais. A saudade é grande, mas só de trocar um "oi" ela vai embora.


Pego qualquer peças de roupas e entro no banheiro. Um banho sem pressa e relaxante ajuda de manhã. Saio depois de uns 30 minutos. É, passei tempo demais fazer.


Coloco minha roupa e um sobretudo preto por cima, termino de me vestir e vou arrumar o cabelo e passar uma maquiagem leve. Acabo de me arrumar e desço pronta.


Vejo que a sala está totalmente renovada. E tem jornais no chão...? Vão pintar a sala, eu acho. Chego na cozinha e as três mulheres tomam seus cafés e conversam sobre algo.


— Oh, ela chegou! — Haseul se pronuncia quando me olha. As outras duas percebem minha presença também.


— (S/n) tome seu café, ainda bem que acordou cedo hoje. — Seo trás um prato com pedaço de torta. Coreanos comem isso de manhã ou é por causa de mim?

{...}

Agora todas nós estamos dentro do carro de Seo. A mesma disse que agora que as meninas vão morar conosco devem saber onde é a minha escola. Caso algum dia precisar me levar. As duas concordaram. Uma coisa que eu não sabia é que elas tinham carro. Quando saímos de casa, vi dois carros desconhecidos estacionados em frente do portão, eu achei estranho, mas me surpreendi ao ver as duas indo até os dois.


Chegamos em frente a escola e algumas pessoas param para olhar quem está chegando. Aish, não gosto de atenção voltada à mim.


— Nós vamos descer com você. — EunJin diz e retira o cinto de segurança.


— Por quê? — pego minha bolsa e o celular na mão.


— Tenho que falar com a Sra. Myung, caso você precise sair mais cedo, ela tem que autorizar a sua saída com as meninas. — explica.


Nós três saímos de dentro do carro e o pessoal começou a olhar. Que vergonha. Haseul e Jinnie vão na frente , acho que Haseul já estudou aqui também. Enquanto eu e Jinsoul vamos atrás.


Chegamos na porta da escola e começam os cochichos sobre as meninas. Como eu sei que são sobre elas? Eu estou escutando coisas como "Oh, Yeppeuda!" ou "Neomu Yeppeoyo!". Convenhamos que me comparando com elas... É, não há dúvidas.


Parei em frente a minha sala com as garotas ainda me acompanhando.


— Bom (S/n), agora você está totalmente entregue. Não sei qual de nós três vai vir te buscar, até porque vamos estar pintando e limpando a casa. — Seo fala.


— Tudo bem, se não der nenhuma vir eu vou sozinha. Tenho a placa fotografada. — aviso e ela me olha receosa. Só que concorda.


— Até mais tarde (S/n), talvez eu me disponibilizo a vir. — eu só entendi "até mais tarde", Jinsoul tem que parar de falar rápido assim.


— Até (S/n)! — as três se despedem de mim e vão em direção para a diretoria.


Agora e a coragem para entrar na sala? Eu tenho que começar a perder essa timidez. Se não, não vou conseguir me socializar. Ta certo que não sou de muitos amigos, só que, é melhor pelo menos uns coleguinhas.


Entro na sala de cabeça baixa, mas levanto e vejo todos me olhando. Ai que vergonha. Rolo meus olhos no ambiente, afim de avistar um chinês loiro, não acho.


Ué cadê o Chen Le?


Notas Finais


Boom foi isso crias, espero que tenham gostado, embora não aconteça nada de tão interessante. Eu acho que no próximo Jisung vá começar a aparecer mais, (^.^) #Spoilerzinho

Próximo capítulo sai sábado, então eu espero vocês. Até o próximo crias~
2Bjs da Omma 💋💋


Perfil: @Giih_armyguinha


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...