História Segredos da Realeza - Capítulo 21


Escrita por:

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Ambre, Castiel, Debrah, Kentin, Leigh, Lynn, Lysandre, Nathaniel, Nina, Personagens Originais
Tags Castelo, Drama, Princesa, Principe, Romance, Romance Medieval, Tragedia
Visualizações 74
Palavras 930
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Mutilação, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Salut vossas majestades.
Mais um novo capitulo para vocês, mas para o próximo irei demorar um pouco.
Estamos indo para a reta final da nossa história e eu quero termina-la de forma que eu não me arrependa. Espero que entendam.
Agora, deem boas vindas a princesa Lele2003pahl e a Maluquinha32, sejam bem-vindas, o reino é de vocês.
Quero agradecer a todas que comentaram no ultimo capitulo, gosto muito de ver os seus comentários, então não esqueçam de deixa-los la em baixo.
Não esqueçam de dar uma passadinha no meu canal no youtube, o link também estará no final.
Sem demora, tenham uma boa leitura.

Capítulo 21 - Princess without a crown


Estava empolgada, mas os preparativos estavam acabando comigo. Lysandre havia pedido para o seu pai liberar a criadagem para participar do baile. Então acabou sobrando para nós deixar tudo mais do que perfeito para que não necessitarmos fazer nada no baile.

O jardim estava ficando lindo. Aparentemente as flores querem colaborar com o nosso trabalho, o labirinto que estava totalmente destruído, estava florescendo e cada vez mais verde.

Nosso trabalho estava ficando mais "fácil" já que é apenas manter o que estava pronto. Por isso não ficamos no castelo por muito tempo, o que era algo que me aliviava, pois não estava preparada psicologicamente para me encontrar com o Lysandre andando pelo castelo. Mas parecia que ele também não queria isso, parecia que ele queria evitar me encontrar para fazer um suspense para o baile.

Nessa manhã resolvi vir mais cedo para o castelo para colher alguns girassóis para trocar as flores que estavam nos vasos dentro do castelo. Por isso nem chamei a Rosalya para vir comigo, não tinha necessidade de duas pessoas e ela viria mais tarde para podar as pequenas moitas que tinham na entrada do castelo e isso é algo mais cansativo ela merece dormi mais.

 

Rosalya’s P.O.V. on

Acordei com a luz do sol que invadia meu quarto. Me levantei e fui fazer minha higiene matinal. Ao sair do banheiro me troquei e me retirei do quarto. Passei na frente dá porta de Lynn e bati duas vezes, mas não tive resposta.

- Ela saiu logo cedo senhorita Rosalya. Disse que não ia te acordar para a senhorita pode dormi um pouco mais. - Louise dizia enquanto passava por mim com uma bacia de roupas sujas.

 

Lynn é uma boa amiga. Mesmo quase não tendo nada para fazermos aquele rei não suporta nos ver parada então a cada dia inventa algo que temos que fazer, e o que sobrou para mim foi deixar aquelas moitas que tem na entrada do castelo todas geometricamente redondas.

Tomei meu café dá manhã bem reforçado já que esse trabalho exige muita força para usar aquelas tesouras de poda.

Mesmo estando dentro de casa eu podia ouvir que a vila está completamente agitada. Mas não dei muita atenção. Pequei minha coisa e sai de casa, mas ao me distanciar três passos dá porta de casa me vejo no chão e alguém sobre mim.

Olho assustada e uma menina que era um pouco maior que eu e bem mais pálida também respirava ofegante como se corresse por horas.

- P-por favor. Me ajude. - a menina de longos cabelos loiros me suplicava ajuda. - Não deixe que eles me peguem. - ela tremia olhando para os lados.

- Quem é você? Quem está te perseguindo? - perguntei sem entender.

- Katherine. Katherine Underwood. - ela disse por fim como fosse sua última suplica.

 

Ao ouvir o que ela disse fiquei surpresa. Como poderia ser a princesa. Ela não estava internada? De quem ela está fugindo. Não seria mais correto ela fugir em direção do castelo.

 

- Vossa majestade, a senhoria não quer que eu te leve até ao castelo? - falei curvando minha fronte após me levantar e ajuda-la.

- N-não. Por favor me tire daqui. - ela suplica.

Pego ela pelo braço e a puxo para dentro de casa. Ela parecia mais aliviada se sentando no sofá dá sala.

Ela estava pálida e com várias marcas roxas nos pulsos e nos tornozelos.

- Mi lady a senhorita quer alguma coisa, uma água? - pergunto já me direcionando para a cozinha.

- Não diga para ninguém que estou aqui por favor. Ninguém pode saber. - ela voltou a suplicar. Parecia desesperada.

- Oh Mi lady, o que vossa senhoria me pede é algo complicado, tendo em vista que eu moro com mais quatro pessoas. - falo sem jeito. Talvez de Lynn e de Louise de para esconder, mas dá tia Ágata? A casa é dela. Ou dela de para esconder, mas como esconderia de Louise que limpa cada cantinho dá casa? - Como não conseguirei esconder dessas pessoas vossa majestade?

- Tudo bem, mas quanto menos pessoas souber que estou aqui melhor será para mim. - afirmei em silêncio.

- Olha, irei falar com a minha amiga Amy Lynn para que ela dívida o quarto comigo e a senhorita possa ficar com ele. - disse.

Rosalya's P.O.V off

 

Katherine's P.O.V. on

Amy Lynn? Poderia ser apenas coincidência? Sim, mas por meio das dúvidas melhor evita-la.

- Não precisa se incomoda. Se você me permitir não me incomodarei de ficar no seu quarto. Desculpa minha falta de educação, eu nem ao menos perguntei seu nome.

- É Rosalya vossa majestade e será uma honra tê-la no meu quarto. - a garota sorriu sem graça.

- Então Rosalya posso lhe pedir para não contar a sua amiga que estou em sua casa. E avisar aos outros moradores também. - pedi gentilmente.

- S-Sim senhorita. - ela concordou rapidamente. – Mas mi lady sinto em lhe enformar que não poderei ficar aqui. Eu estou atrasa para meu trabalho e seu pai iria me matar. Então se sinta à vontade, meu quarto é a segunda porta a direita. Eu tentarei voltar logo. Deixe a porta trancada caso Lynn volte cedo e não te veja. - ela parecia incomodada em ter que me deixar. 

- Muito obrigada Rosalya. -sorri para mesma. E a vi sair dá casa. 

Agora mais aliviada posso pensar no que aconteceu. Como meu pai pode fazer isso. Como conseguirei falar com o Lysandre antes que ele vá me procurar lá.

Katherine’s P.O.V. off


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...