História Segunda chance ao Amor(Camren) - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais
Tags Camren, Norminah, Trolly
Visualizações 157
Palavras 1.180
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Festa, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi povo😊

Capítulo 18 - Casa nova e noite de Amor (Norminah)


Fanfic / Fanfiction Segunda chance ao Amor(Camren) - Capítulo 18 - Casa nova e noite de Amor (Norminah)

                Miami 2017 

               Pov:Normani 

Paramos o beijo pós o ar já se faz falta,ficamos com nossas testas coladas sorrindo bobas.Ela disse sim eu nem acredito,hoje e o um dos melhores dias de minha vida.Beijo seu pescoço lentamente sentindo sua pele se arrepiar pelo toque,paro de beijar seu pescoço e a viro de costas para tirar seu vestido preto curto que definia bem suas curvas.Desço primeiro a alça direita de seu vestido,depois a alça esquerda e me afasto um pouco dela observando o vestido deslizar facilmente pelo seu corpo.Assim que o vestido cai por completo eu admiro seu corpo só coberto por uma lingerie preta rendada.Mordo o lábios inferior e volto a me aproximar dela a abraçando por trás dando beijos em seu pescoço a fazendo suspirar me afasto novamente dela mas dessa vez a pego no colo e caminho até a cama,deito-a devagar na cama,deixando meu corpo ir para cima do seu,nossos olhos estavam conectados sem desviar-se por um segundo,minhas mãos que estavam ao lado de sua cabeça desçem pelo seu corpo,passando pelos seios,barriga, cintura,seu sexo e suas coxas,aperto suas coxas com força a fazendo soltar um gemido baixo,me fazendo sentir meu sexo pulsar,subo minhas mãos para os seus senhos,e os aperto ainda por cima do sutiã ouvindo seus gemidos baixos,me fazendo molhar mais a calcinha,paro de acariciar seus senhos e levanto um pouco seu tronco tirando seu sutiã e o jogando no chão,Dinah fecha os olhos assim que sente minha boca em seu senho esquerdo,chupo,mordo e contorno seu senho com minha língua enquanto acaricio o direito,seu mamilo já duro pelo estado de excitação,sinto Dinah começar a roçar seu sexo ainda coberto pela calcinha,no meu que está coberto pela minha calça e calcinha,deixo um gemido rouco escapa de meus lábios,Dinha leva suas mãos até a barra de meu croped e aranha de leve minha barriga me fazendo gemer baixinho contar o mamilo,paro de brincar com o seu senho esquerdo é vou para o direito repetindo o que fiz no esquerdo.Paro de acariciar seu senho e volto a beija-la com urgência,sinto suas mãos tentarem tirar meu croped,interrompo o beijo e tiro o meu croped enquanto Dinah desabotoa minha calça e puxa o zíper,a ajudo a tirar a calça é ela puxa minha calça,e eu tiro o meu sutiã já avançando para cima dela como uma predadora em busca de sua presa.voltamos a nos beijar e eu já vou desçendo minha mão em direção ao seu sexo,o toco com a ponta de meus dedos e nossa como ela está encharcada,um gemido baixo sai de meus lábios ao senti-la tão molhada,e ela me acompanha num gemido gostoso,contorno o seu sexo com os meus dedos a fazendo arquear as costas em busca de mas contato,e seus gemidos estão tirando o resto de minha sanidade,resolvo parar de enrolar e posiciono meus dedos em sua entrada a penetrando lentamente,ouvindo seu gemido de aprovação, movimento meus dedos bem devagar a ouvindo gemer e aranha minhas costas com suas unhas.

Dinah:A-Amor v-vai m-mas r-rapido.pediu entre cortadas.

Normani:Como quiser.falei aumentando a velocidade das minhas estocadas.

Junto nossos lábios num beijo selvagem enquanto a estoco cada vez mais rápido.Dinah começa a ir de encontro aos meus dedos me fazendo eu estoca-la forte,sua língua roçando com a minha é uma maravilha.Sinto seu sexo apertar meus dedos e a ouço falar.

Dinah: Amor e..eu v...vou go...gosar.declarou entre gemidos e suspiros.

Normani:Vai gosa p...para m...mim a... amor.pedi quebrando nosso beijo para tomar fôlego e voltar a beija-la.

Sinto seu líquido quente melar meus dedos,e ouço seu grito de prazer enquanto seu corpo treme,por conta do orgasmo que acabou de ter.Encosto minha testa da dela enquanto tiro meus dedos de seu sexo é levo até minha boca chupando um por um,sobre seu olhar de desejo.

Dinah:Agora e a minha vez amor.falou colocando o peso do seu corpo contra o meu,me fazendo cair na cama com ela sentada em meu colo.

Dinah ataca os meus lábios ferozmente e invade minha boca sem permissão, começando a rebolar em meu colo,enfregando seu sexo em minha barriga me fazendo sentir meu sexo pulsar forte,ela espalha beijos por todo o meu pescoço seguido de chupões,Adoro quando ela é a ativa.Ela tira meu sutiã e ataca meus seios os chupando com vontade me fazendo gemer auto de prazer, enquanto acaricia o outro sem parar de rebolar em minha barriga,enquanto minhas mãos estão na sua cintura a apertando mas contra mim,Dinah passa a chupar e brincar com o meu outro seio me fazendo soltar suspiro com a respiração ofegante,logo ela desçe baijando minha barriga e cintura,minhas mãos que estavam em sua cintura caíram no colchão,ela para de frente para o meu sexo,é cai de boca nele me fazendo gritar de prazer e surpresa,pós por essa eu não esperava,ela chupa e morde meus grandes lábios,enquanto abre mais um pouco minhas pernas,para ter mas acesso ao meu sexo que estava encharcado.Sua língua me chupa tão bem,que não consigo manter os olhos abertos e cravo minhas unhas no colchão enquanto ela me chupa com maestria.Meu corpo começa a dar sinais de que iria gostar e Dinah ao perceber isso passou a movimentar mais rápido sua língua em mim.Ate que explodo em um orgasmo muito mais muito gostoso,ela chupa todo o meu líquido enquanto eu tentava controlar minha respiração,sentindo meu corpo todo tremer.Dinah para de me chupar e sobe até ficar de frente para mim é me beija me fazendo sentir meu próprio gosto.

Normani:Minha vez.falei assim que paramos de nós beijar e impulsionei o meu peso para cima do seu a fazendo cair na cama novamente.

Prendo seus braços acima da cabeça é afasto suas pernas um pouco com as minhas e colo nossos corpos,gemendo juntas ao sentir nossos sexos colados, começo a me mexer sobre ela rapidamente,enfregando nossos sexos um no outro rapidamente.Nossos gemidos concerteza dava para serem ouvidos do lado de fora,mas que se foda o mundo,eu amo a Dinah é aceite isso quem quiser.Nossos corpos estavam numa sincronia de dar medo,Dinah já acompanhava meus movimentos é rebolava sensualmente em mim,mas especificamente no meu sexo,sinto mas uma vez meu corpo dar sinais que que irei gozar,e pela expressão de Dinah ela também está perto.Nós gritamos em sintonia com prazer,pós nossos orgasmos veio juntos,fomos parando os movimentos enquanto nossos corpos tremian,junto de nossas respirações falhadas.

Normani:Eu amo você.falei lhe dando um selinho rápido,caindo ao seu lado na cama.

Dinah:Eu também te amo,mas amor de quem é essa Manssão?

Perguntou se deitando de lado,ficando cara a cara comigo já que eu também estava deitada de lado.Sorrio com sua pergunta e respondo com empolgação.

Normani:Essa Manssão e nossa.falei tentando decifrar sua expressão.

Ela me olhava sem expressão nenhuma até que ela abre um sorriso enorme,é praticamente pula em cima de mim me enchendo de selinhos,é falando a cada parada.

Dinah:Eu te amo,eu te amo,eu te amo.seu sorriso era enorme me fazendo ficar feliz por proporcionar essa felicidade a ela.

Normani:Eu também te amo.falei a abraçando apertado.

Dinah sai de cima de mim e deita a cabeça em meu peito,enquanto eu nos cubro com um edredom e faço cafuné nela.

Dinah:Boa noite amor.falou bocejando se aconchegando mas em meus braços.

Normani:Boa noite princesa.falei depositando um rápido beijo em seus lábios.

Logo adormessemos,com a sensação de amor consumado.


                    Continua....


Notas Finais


Gente se eu sumir e pq eu voltei a sentir dor no ombro certo?eu ainda não estou 100% bem.

Ps:Próximo capítulo e sobre Ally é paciência que camren já já tá de volta.

Desculpem os erros até a próxima 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...