História Sem Limites - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias Cúmplices de um Resgate
Tags Cumplices De Um Resgate, Judre, Majo, Teobela
Visualizações 85
Palavras 835
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Ficção Adolescente, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oii? Tudo bom?
Este é o segundo capitulo da maratona de 30 favoritos!

Boa Leitura!

Capítulo 11 - Vamos as compras!


Isa P.O.V

 

Gloria ao senhor, acabou as aulas (autora: Não reclama não, porque ainda tem o ano todo de aula!  Isa: Fica quieta autora! Deixa eu narrar em paz!)

Essa foi a primeira semana de aula, e minha primeira semana no colégio elite. Até que o colégio é bem legal.

Nessa semana aconteceu tanta coisa! Uma guerra de comida, um incêndio e ainda um porão com várias coisas estranhas... sem contar, que eu conheci o Joaquim, a Julia, o André e o Téo!

Peguei meu celular e meus fones, e me joguei em minha cama.

Coloquei no meu mix de músicas favoritas, e comecei a ouvir. Via a Manu andar de um lado para o outro, cuidando de suas plantas. Ela não muda mesmo.

Estava passando várias músicas legais (Isa: Claro eu que escolhi! Não podiam ser ruins!), até que começou a passar o “hino” meu e da Manu, eu comecei a cantarolar.

 

Eu- B-b-better in stereo
B-b-better in stereo
I'm up with the sunshine (let's go!)
I lace up my high tops (oh, no!)
Slam dunk, ready or not
Yeah show me what you got
 

A Manu provavelmente tinha ouvido eu cantar, pois largou o regador olhou para mim e deu um meio sorriso e começou a cantar.

Manu- I'm under the spotlight (spotlight!)
I dare you, come on and follow
You dance to your own beat
I'll sing the melody

Eu- When you say yeah, I say no

Manu- When you say stop, all I wanna do is
Go, go, go!
 

Juntas- You (you) the other half of me (me)
The half I'll never be-e
The half that drives me crazy
You (you) the better half of me (me)
The half I'll always need (need)
We both know
We're better in stereo

(B-b-better in stereo) oh oh oh
(B-b-better in stereo) oh oh oh
 

Manu-And when we're together (oh, yeah)
In sweet harmony, oh so rare!
 

Eu- If we could just agree
We would go major league

Manu-When you say yeah, I say no
 

Eu-When you say stop, all I wanna do is
Go, go, go!

Juntas- You (you) the other half of me (me)
The half I'll never be-e
The half that drives me crazy
You (you) the better half of me (me)
The half I'll always need (need)
We both know
We're better in stereo
 

Eu- You say it's wrong, I say it's right
Manu- You say it's black, I say it's white
Eu- You take a left, I take a right

Manu- But at the end of the day
We both know
 

Juntas- We're better in stereo
You, you, the other half of me, me
The half I'll never be-e
The half that drives me crazy
You, you, the better half of me, me
The half I'll always need, need
We both know
We're better in stereo

B-b-better in stereo
Better in stereo
Oh, oh
Better in stereo
Oh, oh
Better in stereo (b-b-better in stereo)
Oh, oh
Better in stereo

 

No final estávamos igual locas no quarto cantando e dançando. Toda vez que toca essa música, não importa o lugar ou as circunstâncias, eu e minha irmã sempre cantamos.

Manu- Cansei! Depois disso eu só quero minha cama_ ela disse se jogando na cama, sem se importar que a mão dela estava um pouco suja de terra, já que antes da cantoria, ela estava mexendo com suas plantas.

Eu- Eu acho que não vai dar para a gente descansar não_ disse pegando o meu celular e olhando as horas_ JÁ SÃO 13:15!

Eu e a Manu corremos para o banheiro e fomos nos arrumar. Tomamos um banho muito rápido, acho que se contar não deu nem 5 minutos!

Vesti uma saia branca plissada com estrelas pretas, uma blusa preta com uma banda de rock na frente, um tênis dourado e uma jaqueta de couro, pois estava fazendo frio.

Passei um batom meio rosado e peguei minha bolsa preta. Peguei meu celular, e o dinheiro que meus pais tinham deixado para irmos ao shopping.

A Manu estava também vestindo uma saia, ela era um marrom avermelhado e tinha uma espécie de renda nas bordas. Ela vestia uma blusa branca escrito “hope”, um tênis branco e uma jaqueta jeans.

E depois de prontas fomos correndo em direção ao shopping. Um dos poucos lugares do Rio de Janeiro que conhecemos.

A Julia estava em frente ao shopping mexendo no seu celular, quando estávamos quase próximas dela, ela deve ter percebido nossa presença e levantou a cabeça.

Julia- Aleluia, vocês chegaram? Vieram da onde?! Do Japão? _ dizia num tom irônico o que nos fez rir.

A Julia vestia uma saia xadrez azul e branco, um moletom cinza e branco, um boné cinza e um tênis All Star de cano alto preto.

Manu- Calma Julia. Viemos o mais rápido que podíamos_ dizia rindo.

Isa- Agora vamos as compras! _ percebi que a Julia e a Manu fizeram uma careta. Por isso sai arrastando elas em direção as lojas.

                                               

                                                          “ Vamos as compras! ”


Notas Finais


Até amanhã com mais dois capitulos!
Um beijão com marca de batom!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...