1. Spirit Fanfics >
  2. Sempre foi você - NaruSaku >
  3. O ataque

História Sempre foi você - NaruSaku - Capítulo 6


Escrita por:


Notas do Autor


Postei mais cedo amores estava expirada ❤️❤️

Capítulo 6 - O ataque


Fanfic / Fanfiction Sempre foi você - NaruSaku - Capítulo 6 - O ataque

Sakura fico vários dias em seu quarto, Naruto e seus amigos foram vê-la, mas em vão ela não queria vê ninguém no momento. A falta de seu pai era enorme, e saber que o assassinaram a enfurecia. 

Naruto novamente voltou ao seu quarto, bateu na porta e nada da rosada abrir. Ele bateu mais uma vez, então sentou se no chão encostando suas costas na parede vê sua rosada daquele jeito o destruía.

- Saky eu sei como essa dor pode acabar com a gente. Mas por favor abra essa porta...deixa eu te dar meu carinho por favor.. você não está sozinha...

Ela abre a porta para o loiro entrar, ele se levanta rápido e abraça por trás. Sakura chorou tudo naquela noite, Naruto era o único conforto que tinha. 

- Naruto...quem faria isso com ele?

- Eu não sei minha pequena, mas vou descobrir a todo custo quem é o culpado.

Ele dormiu com ela naquela noite para ela não se sentir só, seu telefone começa a tocar ele atende com a voz séria.

- O que você descobriu?

- Olha quem o matou fez um ótimo trabalho, está tudo limpo não achamos nada Naruto.

- Gaara, você e o Shikamaru precisam investigar mais fundo eu quero o culpado morto entendeu.

- Está bem.

Ele desliga o celular e olha para o céu estrelado, se a Hinata for a culpada desse assassinato ele não teria nenhum pouco de pena dela. 

Sakura acorda com Naruto a beijando no rosto, isso a fez sorrir era exatamente o que ele queria. Ele levou o café da manhã dela na cama, Sakura devorou tudo sem pensar duas vezes.

- Cereja que tal a gente ir passear nas montanhas? 

- Vou adorar.- ela dá um sorriso com um pouco de geleia no canto da boca.

- Então se arrume.- ele passa o dedo aonde a geleia está e lambe.

Naruto foi para sua casa pegar tudo para o passeio que fariam, Sakura tomou um banho bem quente e demorado afinal sair um pouco faria bem ela depois de tudo que aconteceu. Ela colocou um vestido simples rosa com flores e uma sapatilha, prendeu seu belo cabelo com um laço vermelho. 

Naruto foi buscá-la, Sakura estava um pouco mais animada já não havia tanta tristeza em seu olhar. Antes de entrarem na montanha, Naruto montou um piquenique para sua rosada.

Ela ficou muito feliz com a surpresa do seu loiro, ele realmente estava fazendo de tudo para deixá-la feliz. Dentro da cesta ele tira uma garrafa de champanhe, morangos com chocolate, chantilly e uma torta de cereja.

Antes que ela pude atacar os doces o loiro a deita no pano que trouxe e fica por cima dela a olhando com muito desejo, ele tira delicadamente seu vestido enquanto beija sua boca calma. Então ele pega o chantilly e coloca nos dois peitos dela, e na sua buceta. 

Então ele chupa os dois peitos dela passando a língua em volta, então vai beijando seu corpo novamente até chegar na sua buceta. Então ele lambem em volta aonde está o chantilly e coloca a língua bem dentro de seu clitóris, Sakura segura fortemente a cabeça de Naruto.

Ela gemia sem controle algum, o puxa para cima pedindo pelo olhar que ele a fode-se ali mesmo. Ele dá um sorriso malicioso, tira sua roupa e a penetra vai devagar enquanto beijava seus boca.

Ele queria aproveitar o máximo aquele momento com ela, ele desce sua mão até sua bunda apertando e arranhando então as estocadas vão ficando mais forte e rápidas. Sakura grava suas unhas nas costas de Naruto o arranhando fortemente o mesmo solta um gemido de prazer. Ele chupa o pescoço da rosada enquanto ia mais rápido dentro dela.

A rosada o puxa para um beijo apaixonado, suas línguas brigavam entre si sentindo o sabor um do outro. Quando chegam ao seu êxtase  os dois gozam satisfeitos e eufóricos. Eles ficam deitados ali ainda nus olhando para o céu, logo após eles se vestem com sorrisos bobos e entram dentro da montanha.

Foi uma longa caminhada para chegarem até o topo daquela montanha, mas valeu muito a pena para a rosada a vista era linda conseguia vê toda Konoha dali. Então quando se virou para Naruto o viu com uma perna ajoelha e com uma caixinha em sua mão.

- Saky eu te amo e quero passar o resto da minha vida com você, aceita ser minha noiva?- ele então abre a caixinha mostrando um lindo anel com uma esmeralda muito linda. 

Sakura estava muito feliz, seu grande amor a estava pedindo em casamento. Aquele seria o momento mais feliz para ambos, como eu disse seria.

Antes que Sakura pudesse dizer sim ao seu loiro, ela sente algo quente perfurar seu peito e vê o rosto de Naruto em panico correndo até ela. Ela cambaleia para trás caindo da montanha.

- Sakuraaaaaaa!!!

Ela apenas pôde vê seu loiro com as lágrimas em seus olhos enquanto ela caia com tudo dentro do lago que havia naquela região da montanha.

Naruto correu até o lago para conseguir achar o corpo dela, mas foi em vão o corpo dela não estava mais lá. Ele gritou fortemente aos ventos, suas lágrimas caiam com a dor de perder sua rosada.

Ele escuta um barulho na árvore atrás de si, com uma velocidade anormal ele agarra o pescoço do homem que deu um tiro em sua mulher. 

- Quem foi que te mandou?! 

- Não irei te dizer, pode me matar mas cumpri minha tarefa.

Naruto quebra o pescoço dele sem piedade alguma, ele pega seu telefone e liga para Shikamaru e Gaara para irem ao seu encontro. Quando chegaram lá seu amigo estava totalmente diferente, havia escuridão em seu olhar.

- Não importa o que custe, eu quero o a pessoa responsável eu irei matar ele com minhas próprias mãos.

- Naruto eu sinto muito...- disse Shikamaru colocando uma mão em seu ombro, Gaara fez o mesmo.

Gaara chegou nem perto do corpo do assassino, e viu uma marca em seu pulso de uma nuvem vermelha. Ele mostrou a Naruto, então a Akatsuki era a responsável. Não importava quem ele tivesse que matar ele faria até chegar no mandante do crime.

- Investiguem e descobrem quem esse lixo que eu matei.

Eles acenaram e foram embora, Naruto ainda ficou ali um pouco olhando para aquele lago acendeu um cigarro enquanto as lágrimas caiam.

- Prometo minha cereja farei eles se arrependerem de ter matado você. Irei tortura cada um deles até a morte.







Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...