História Senhor Kim "Perverso" - Capítulo 20


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bts, Kim Taehyung, Tae
Visualizações 349
Palavras 3.071
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Hentai, Lemon, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Heeeee mais um hj 😘

Boa leitura amores de My life! ❤

Capítulo 20 - Eu não quero ser um fruto de suas fantasias


Fanfic / Fanfiction Senhor Kim "Perverso" - Capítulo 20 - Eu não quero ser um fruto de suas fantasias

TAEHYUNG ON...

Abro meus olhos sentindo a luz do sol me incomodar e me lembro do ocorrido ontem. Merda! -Exclamo frustrado comigo mesmo e passo a mão por meu cabelo. Preciso conversar com s/n.-Dito a mim mesmo e ao apoiar meus pés no chão sinto um incômodo e me lembro do maldito corte e da loucura que foi ontem com minhas atitudes descontroladas.

Vou ao banheiro e faço minhas higienes matinais e de forma desanimada desso para comer algo,no corredor vejo que o quarto de hóspedes esta vazio e me questiono em devaneios se a mesma dormiu comigo. Me sinto ainda dopado e termino de desser a escada, chego na cozinha e não a encontro. Será que ela fujiu? Droga! S/N! -Chamo pela mesma e não obtenho resposta,vou no jardim do fundo e na piscina não a encontrando. Que porra s/n,se você fujiu eu não sei do que sou capaz! -Dito frustrado novamente e entro para casa procurando em cada cômodo pela mesma. S/N!

Yoongi-Que foi Taehyung?

Tae-O que faz aqui? Cadê s/n? -Questiono frustrado e meu corpo todo treme como ontém antes de eu ter minha crise. ONDE ELA ESTA PORRA?!

Yoongi-Cara você precisa almentar a dosagem de seus remédios! S/N esta bem,senta ai precisamos conversar sério. -Dito e o mesmo se senta um tanto quanto inquieto.Primeiro quero saber quando vai ser a cirurgia do tumor.

Tae-Na segunda feira,mas porque isso? Cadê minha s/n? Cade Yoongi? -Questiono possesso.

Yoongi-Ela voltou para a boate ontem e me ligou muito assustada e chorava muito com medo de que você fizesse algo com ela. Cara como você faz isso com a única garota que se apaixonou de verdade por você? Não sei o que você esta querendo! Depois do que houve ela não vai mais querer nem ficar perto de você.

Tae-Eu sei disso!

Yoongi-Seja cincero comigo. Você ama s/n Tae? -Questiono e o mesmo se cala por uns míseros segundos e logo me responde.

Tae-E você acha possível um ser humano amar duas pessoas ao mesmo tempo?

Yoongi-Não quero uma resposta retórica, quero algo concreto Tae.

Tae-Estou em uma briga interna comigo mesmo Yoongi! Yangi Mi apesar de tudo que fez comigo e estar morta eu a amo. EU AMO ESSA MALDITA MULHER,QUE TANTO ME HUMILHOU E BRINCOU COMIGO!

Yoongi-Fico perplexo com atitude de Taehyung,pois o mesmo grita como se estivesse colocando para fora algo que ele guarda e esteve sempre preso em sua garganta. E por s/n você não sente nada? E tudo que você preparou para ela antes de sair do hospital e o passeio na praia que você estava animado,não significou nada para você?

Tae-Quer saber a verdade? Eu simplesmente fantasiei essa situação em minha cabeça. Isso foi o que eu sempre quis fazer com Yangi Mi e quando ela tocou no nome dela la na praia o "mundo" de fantasias que criei pareceu desmoronar por uns minutos,mas dei um jeito de disfarçar porque s/n percebeu que fiquei mal com isso,mas quando cheguei aqui em casa não aguentei e acabei descontando a ausência daquela vadia da Yangi Mi brigando e falando coisas absurdas para s/n. Yoongi eu sei que s/n tenta preencher esse vazio mas é inútil eu não gosto dela o suficiente para entregar meus sentimentos. Porra cara eu estou confuso! -Exclamo desesperado,s/n me faz bem e sinto-me calmo perto dela,mas acho que não gosto dela o suficiente,eu sou um inútil que magoa ela e a deixa preocupada.

Yoongi-Não sei o que lhe dizer Tae, é algo complicado,mas você não pode brincar com os sentimentos dela dessa forma. Você ja viu o quão ela cuida de você mesmo depois de tudo que você faz com ela. Entenda que ela não é uma qualquer e jamais faria o mesmo que Yangi Mi fez a você.

Tae-Eu sei disso! Eu tenho consciência. Mas o que me intriga é que ela não sai de meus pensamentos,mesmo eu amando uma mulher morta que me fez mal no passado.

Yoongi-Eu acho que você esta confuso Tae! Você não ama Yangi Mi,você sente culpa do que fez com ela mesmo gostando dela. Você tem um amor possessivo o que não é algo saudável em um relacionento. Se não quer ferir os sentimentos da garota deixe ela em paz dentro daquela boate então!

Tae-Para o Hobi se apossar dela?-Indago sorrindo em desdem. Jamais! Não quero esses dois perto um do outro,sou capaz de qualquer coisa.

Yoongi-Então não entendo você! Diz não gostar dela e não a quer perto de ninguém.

Tae-Nem eu me entendo Yoongi! -Dito olhando um canto qualquer da sala. Posso não amar s/n mas gosto dela o suficiente para não deixar ninguém perto dela,principalmente o Hobi. S/N é minha! -Dito em devaneios.

Yoongi-Precisamos ir no psicólogo ver se precisa almentar a dosagem do seu remédio. Você esta muito estranho.

Tae-Vamos,só vou comer algo e tomar um calmante. Olha Yoongi não quero ferir os sentimentos de s/n,mas também não quero me distanciar dela.

Yoongi-Então se entregue totalmente a ela e esquece Yangi Mi cara! Que provas você quer mais? De valor a s/n,porque você não encontra mulher assim não,ainda mais com um cara como você.

Tae-Eu sei,preciso de um tempo pensando comigo mesmo.

TAEHYUNG OF.

...........................

S/N ON...

Como sou idiota! Eu sabia que era bom demais para ser verdade,Taehyung é um homem desequilibrado e precisa de cuidados com urgência, queria poder entender por que ele ainda ama aquela mulher sendo que ela fez tanto mal a ele. Se ele soubesse o quão suas palavras me machucam. -Dito a mim mesma sentindo um nó preso em minha garganta.

Flashback on...

{...} S/N-Ja estamos conversando. Você ama ela não é mesmo? Me usa para esquece-la.

Tae-Eu não uso você. Mas se eu te dizer que o sentimento que sinto por essa mulher não existe,estarei mentindo.{...}


Flashback of.

Me lembro do momento em que o mesmo me dissera tais palavras e não me contenho em permitir que lágrimas de dor dessam por minha face. Por que eu não consigo odiar você Taehyung, porque?-Ingago a mim mesma com a voz embargada e logo me lembro que ainda estou com sua camisa e sinto seu perfume mesmo que de forma mínima. Ainda deitada na cama agarro meu travesseiro e fecho meus olhos me odiando mentalmente por permitir que meu coração tenha se apaixonado por esse homem. Por Deus que dor avassaladora eu sinto agora em meu peito por perceber que não sou correspondida e talvez jamais serei. Que droga! -Dito com meu rosto contra o travesseiro  chorando sem me hesitar.

Preciso fazer algo para esquece-lo e bloquear esses sentimentos que sinto por ele. -Dito agora me sentando na cama,deveria ter fugido quando tive oportunidade. -Sinto raiva demim mesmo por não ter feito isso. Ouço batidas na porta e do lado de fora Patrick me chama insistentemente e eu não respondo, pois não quero demonstrar o quanto estou sofrendo por esse idiota do Taehyung.

-S/N Você sabe quais são as regras e você ja quebrou uma dormindo até agora,ja é quase uma da tarde e o bonitão do Kim esta la no escritório, se a idiota da Irene for la te dedurar você estará em maus lençóis.

-QUE SE DANE AS REGRAS! -Grito possessa.

-Hum se bem que ele não deve fazer nada a você,pois esse caso de amor está se prologando. Abre a porta s/n,o que tanto faz ai dentro?

Me deixe Patrick! Quero ficar aqui sozinha quieta.-Dito com a voz embargada. Não quero sair, não me importo se vão me punir ou não.

-Olha como amigo que sou,so vim lhe avisar. Eu vi você chegando ontem pelos fundos da boate e me preocupei. Mas ja que você não quer sair,vou lhe deixar em paz, mas depois não diz que não avisei você.

Ouço os passos da única pessoa que me quer bem aqui dentro se distanciando e logo sinto medo de Kim. Não terei forças para enfrenta-lo se caso ele vir falar algo. Talvez eu não deveria ter voltado para cá e se ele ficou mais nervoso do que estava ontem e se ele querer me matar! Meu Deus! Me levanto da cama e ando de um lado para o outro preocupada passando a mão em meu rosto. Calma s/n ele não seria capaz de nada com tanta gente andando nessa boate agora! Ai meu Deus. É melhor eu sair desse quarto! Se o Patrick veio me chamar é porque ele deve estar como um "maníaco"la no salão.Me troco rapidamente,faço minhas higienes,porém sinto meus olhos inchados,sem poder evitar de fato que eu estava chorando. Mas resolvo sair assim mesmo.

S/N OF.

.......................

Tae- Me reuno com os meninos em minha sala para saber como foi na boate,se deu muito movimento e ambos me dizem que foi tudo tranquilo por aqui. Hoseok apareceu por aqui?

Namjoon-Ele veio sim,mas não demorou muito e foi embora. Nem se quer veio aqui na sala, só perguntou para o Jimin se você tinha melhorado antes de sair e foi embora.

Tae- E s/n? Ela chegou a ver ele?

Kook-Para falar a verdade ela nem saiu do quarto para nada,nem vi a cara dela hoje aqui na boate.

Tae-Suspiro pesado e olho para Yoongi.

Jimin-Ontem ela estava muito assustada e não quis falar nada comigo,parecia pensativa. O que houve com ela?

Tae-Nada! Ela só quis vir embora.

Jin-Você esta enchendo ela de liberdade, coisa que é de  estranhar vindo de você, para deixar ela pegar seu celular e ligar para Yoongi. Quem é você e o que fez com meu amigo? -Indago irônico e sorrio para Tae,que me fita sério. Ato que me deixa sem graça.

Yoongi-Jin e seus comentários sem graça!

Jin-É serio,depois que essa garota apareceu Kim não é mais o mesmo.

Tae-Chega dessa palhaçada,me reunir para falar da boate porque ja tem uns dois dias que não apareço aqui e não falar da minha vida pessoal que por sinal não interessa a nenhum de vocês.

Namjoon-Pode ficar tranquilo Tae,está tudo sob controle.

Tae-E também quero falar que a partir de segunda feira irei me ausentar,irei precisar me submeter a uma cirurgia e não sei quando irei ter auta. -Dito e todos assentem,passo a responsabilidade que cada um terá que se submeter e ambos concordam. Bom, não mais era só isso mesmo.-Dito e todos saem da sala. Encostado em minha mesa me recordo de alguns momentos com s/n e fico confuso sem me entender.Oh s/n por que não consigo sentir algo real por você,a única coisa que faço é te magoar e te decepcionar, você é a única que me encoraja a ser forte e lutar contra esse maldito vazio,mas de alguma forma meu coração se fecha para os sentimentos que você tenta me proporcionar. Me sinto bem perto de você,mas não sei se isso é o suficiente para me fazer esquecer Yangi Mi,não quero deixar de amar essa mulher que tanto me fez mal,mas também não quero magoar e me distanciar de você. -Dito em devaneios e respiro fundo. Talvez eu deva fazer como meu psicólogo disse hoje,preciso de um tempo sozinho e repensar nos conceitos que quero para minha vida,eu devo tomar a decisão de me libertar e não me aprisionar a uma mulher que esta morta. Mas tudo isso por culpa minha,eu não queria ter matado ela, só queria lhe dar um susto,tenho medo de que um dia eu faça isso com s/n! Se eu me aproximar dela e entregar meus sentimentos totalmente e depois me decepcionar. Sei que não é certo mas agora não quero ninguém próximo a ela,quero a isolar de todos e ter ela só pramim. Mas porque isso se não sinto algo real por essa garota? -Me questiono frustrado. E se realmente eu a amo e não quero aceitar isso,por não querer esquecer Yangi Mi? Aish! Que confusão esta em minha cabeça agora. Resolvo sair de minha sala e conversar com Yoongi,pois quero me esquecer desse assunto por um momento.

S/N-Quando sair de meu quarto passei rapidamente pelo salão e ao olhar de relance para cima vi Kim de costas para a minha direção conversando com os meninos,me senti trêmula porém aliviada em saber que ele esta bem.-Dito a mim mesma enquanto tomo um suco conversando com Patrick aqui na copa,que percebe inevitavelmente meus olhos inchados.

Patrick-Mona,você esta mal hein? Mas tudo bem se não quer contar eu entendo.-Dito fazendo sinal de rendição. La vem a fofoqueira da boate.-Dito olhando em direção a Irene que ja vem com cara de desdém para s/n.

Irene-Que cara é essa vadia? O meu Tae Tae de chutou da casa dele ontem. Ai como você é ridícula! Ele só quer provar da estrangeira oferecida e depois meter o pé na bunda. -Dito em deboche enquanto pego uma torrada.

S/N-Minha vida não lhe diz respeito sua otária!

Irene-O que você disse vadia?

S/N-Isso mesmo que você ouviu sua vaca.

Patrick-Irene porque não vai sai de minha cozinha com essas suas patas imundas e deixa a garota em paz?

Irene-Esta se achando demais Patrick. Mas eu vou,não porque mandou, mas porque eu quero. Preciso conversar com meu Tae que esta no salão.

Patrick-Que menina ousada! -Exclamo para s/n enquando vejo a mesma se direcionando ao salão.

S/N- Eu não perco meu tempo com essa ai! Ain Patrick, meus olhos ainda estão inchados? -Questiono manhosa.

Patrick-Estão desinchando gata,não se preocupe. Bom meu serviço aqui terminou,agora vou tirar a poeira das garrafas de bebidas. Vamos,você não pode ficar parada,tenho certeza que a vaca da Irene veio te ver para lhe dedurar.-Dito saindo enquanto s/n me olha tristonha. Chego no salão e vejo Irene dando em cima do senhor Kim que não lhe da o mínimo de ousadia, pois do jeito que ele esta conversando com Yoongi nem se quer olha para ela. Como essa Irene é ridícula nossa! Começo a tirar a poeira das garrafas,pois Kim percorre seu olhar pelo salão parecendo procurar por s/n e ignorando totalmente Irene,começo a rir da situação e a mesma percebe e logo vem em minha direção. Você não se cança de fazer papel de ridícula não?

Irene-Vai a merda Patrick! -Dito saindo frustrada.

......................

Tae-Nossa como Irene me enche o saco!

Yoongi-Você quem deu esse tipo de ousadia para ela esqueceu?

Tae-E me arrependo amargamente,ela não para de me encher. Acho que vou para casa, preciso de um tempo sozinho,a noite eu venho.

Yoongi-Espero que possa conversar com ela.

Tae-Não se preocupe irei fazer isso. -Dito e logo Yoongi vai procurar o que fazer, me aproximo das bebidas e resolvo beber uma dose de Whisky antes de ir para casa. Patrick me serve e eu olho para o copo e viro o líquido de uma vez em minha boca. Chegou alguma fruta fresca hoje Patrick?

Patrick-Sim. Quer que faça uma salada de frutas ou busque alguma para você la na copa?

Tae-Não precisa eu irei.-Dito sério e me direciono até a copa.

Patrick-Aish! Eles vão dar de cara la na copa. Meu Deus se ele pegar s/n sem fazer nada ele vai encher o saco dela. -Dito tais palavras preocupado.

....................

S/N-Fico perdida em devaneios pensando nos fatos de ontem enquando observo o copo de suco quase vazio a minha frente e logo sou desperta ao ver Kim aparecer onde estou. Sinto um frio na barriga e um medo intenso dentro de mim e sinto minha respiração acelerar de uma forma absurda. Me levanto sem hesitação e o olhar do mesmo segue meus passos me deixando com movimentos petrificados, procuro não olhar para o mesmo e me direciono até a pia para lavar o copo.

Tae- Me sinto de certa forma despedaçado ao perceber os olhos da mesma inchados denunciando um possível choro,fico sem palavras e vejo o quão a mesma está me temendo nesse momento,pego uma maçã enquanto a mesma lava o copo.

S/N-Termino o que estava fazendo e me direciono para o salão, porém sinto Kim segurar-me impedindo que eu termine meu percurso. Não sinto coragem de encarar em seus olhos e de súbito fito o chão. -Porque saiu de minha casa sem minha permissão? Ele me questiona friamente me deixando aflita e não consigo lhe dar respostas necessárias nesse momento.

Tae-Me diz s/n? -Questiono a soltando e ficando a sua frente,porém seu olhar permanecia baixo me impedindo de visualizar sua face.

S/N-Preciso ajudar Patrick. Por favor me de licença. -Dito tentando me afastar,porém o mesmo coloca seu braço na parede sinalisando que não era pramim sair. Ato que me deixa sem saber o que fazer.

Tae-Você faz aqui dentro o que eu quiser e nesse momento eu quero conversar com você! Eu deveria lhe punir por ter cometido o ato de pegar meu celular e ligar para alguém ir lhe buscar, mas estou de cabeça cheia para isso.

S/N-Eu sei que não deveria ter vindo,mas fiquei com muito medo de que me fizesse algum mal,então em um ato desesperador liguei para Yoongi.

Tae- Nunca mais faça algo sem minha permissão entendeu? -Questiono e a mesma assente ainda sem me olhar, porém pego em sua face fazendo com que a mesma me olhe e vejo o medo estampado. O quão sou assustador para você s/n? -Questiono e a mesma não me responde. Não sei o que à comigo mais sinto uma vontade de beija-la ao olhar sua face que me desperta sentimentos confusos,por impulso me inclino para beija-la mas a mesma vira seu rosto fazendo com que eu cesse meu ato.

S/N-Pare de fingir que gosta demim Kim! Você ama aquela mulher que tanto lhe fez mal e brinca com os meus sentimentos. Quantas vezes você deve ter se fantasiado com ela ao me levar para a cama? Me diz? O mesmo desvia seu olhar e nada responde. Eu não quero ser um fruto de suas fantasias,não quero lhe servir de estep para me enganar como aquela louca pervertida que brincava com seus sentimentos, que aliás você aprendeu muito bem com ela. -Dito tais palavras e vejo o mesmo fechar seus punhos com força me deixando assustada. Agora deixe-me ir senhor Kim! -Dito irônica. Porque aquele salão não vai se limpar sozinho. O mesmo retira a mão da parede e sai "cuspindo fogo". Fico paralisada e respirando ofegante,porém as malditas lágrimas insistem em desser por minha face.Droga! -Dito audivio e logo Patrick se aproxima preocupado.

Patrick-Mona o que deu no senhor Kim? Ele saiu com uma cara, que quem estivesse na frente dele ele matava.

S/N-Não sei Patrick! -Respondo com a voz embargada. Vamos! Eu irei lhe ajudar a arrumar o salão.


                        (...)



Notas Finais


Eita se deu mal Taehyung!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...