1. Spirit Fanfics >
  2. Senhorita >
  3. Uma bela mulher

História Senhorita - Capítulo 20


Escrita por:


Notas do Autor


Parte 2

Capítulo 20 - Uma bela mulher


Fanfic / Fanfiction Senhorita - Capítulo 20 - Uma bela mulher

Pov Lauren

Ouvi um barulho alto de algo se quebrando, olhei para onde vinha e vi Camila ela estava assustada, olhava para todos os cantos e todos os olhares foram para ela

- Quem é aquela garota? A Hailey vai matar ela por tirar a atenção dela na festa - Camila então saiu correndo

- Eu tenho que ir - Coloquei a minha taça em cima da bandeija

- Lauren, pra onde vai - Alexa tentou segurar o meu braço mas rapidamente me soltei e sai daquela casa, de longe vi Camila sentada na calçada e andei em passos rápidos enquanto a chamava

- Camila, Camila...Que droga de gravata - Tirei a gravata e joguei no chão e caminhei mais rápido para chegar até ela - Camila - Ela estava abraçando as próprias pernas sentada na calçada com a cabeça no joelho - Camila - Toquei na sua cabeça com cuidado e acariciei. Me sentei do seu lado

- Vai sujar sua roupa - Me olhou, seus olhos estavam banhados em lágrimas e seu rosto vermelho de tanto chorar

- Não me importo - Com o dedão limpei suas lágrimas

- O que você tá fazendo aqui? Lauren, eu sou apenas uma garçonete, você é uma pessoa tão importante, me deixe aqui sozinha, deve ser isso que você quer, eu não quero a sua pena, tenha raiva de mim mas não pena, eu odeio. Você veio com uma mulher tão bonita e elegante, porque não está com ela agora? Ela está lá, ainda dá tempo de ir atrás dela, apenas vá, e me deixe aqui. Você me leva para restaurantes que eu nunca nem fui, me faz provar comidas que nunca comi antes, não sei tomar vinho, e não faço a menor ideia do que estava escrito nos rotulos daquela cesta que você me deu. Lauren, nós estamos tão distantes uma da outra, somos de mundo diferentes, mas eu só queria saber, o que uma pessoa como você viu em mim. Apenas dê o fora daqui, Lauren - Me levantei e dei três passos, mas parei, coloquei as mãos no bolso e olhei para o céu, a lua estava tão linda aquela noite. Me virei e ela ainda estava ali com a cabeça abaixada, voltei até ela me abaixei toquei na sua mão, devagar ela levantou a cabeça

- Me xingue de todos os nomes possíveis, pois não sairei daqui. Quer saber o que vejo em você?

Pov Camila

Eu não quero a pena dela e é isso apenas isso que ela sente por mim, é como Keana disse, ela só me levou para jantar porque pensou que eu passava fome, como pude ser tão idiota e acreditar que ela iria me levar para jantar porque se interessou. Não sou como a Keana ou a moça que estava ao seu lado essa noite, estou tão abaixo delas que a visão delas sobre mim se tornou perdida, se uma passar por mim não vai me reconhecer, não sou como elas, não faço parte do mundo delas. Mandei Lauren ir embora porque ela com certeza veio por pena, eu não quero isso, mas ao contrário do que eu pensei ela voltou e agora está me olhando nos olhos, e por mais que isso seja muito estranho me senti perdida naquela imensidão verde

- Quer saber o que vejo em você? - É claro que ela falará que vê uma tapada, uma idiota que deixou todas as taças de champanhe cair no chão que passou vergonha na frente de várias pessoas. Digna de pena como diz Keana, ou uma garota idiota que acha que é boa o suficiente para fazer alguém como ela se apaixonar por mim - Uma bela mulher, uma verdadeira dama - Pegou minha mão e beijou - Que não deveria se pôr a chorar - Se levantou e me estendeu a mão, peguei na sua mão e me levantei do chão - Vem comigo - Me guiou até o seu carro e abriu a porta pra mim, sem pensar duas vezes entrei, ela deu a volta e entrou no carro também

O caminho todo foi em silêncio o que não saia da minha cabeça era a imagem do Shawn com aquela mulher, ele me enganou esse tempo todo, aquele papo de que eu era a pessoa que o seu pai estava falando não passava de uma mentira, mentira que me destruiu. Tudo o que ele me prometeu é mentira, que iríamos morar fora, e vamos ser muito felizes, ele está noivo, ele vai se casar com uma moça linda, enquanto eu apenas uma garçonete, o que eu sou em comparação a ela? Nada

Lauren me levou para a sua casa e assim que entrei dei de cara com Harry, o mordomo dela

- Camila, fica a vontade - Lauren disse

- Olha só, se não é a garota do blazer - Disse o mordomo

- Harry, você não tem nada pra fazer lá na cozinha não?

- Não, já fiz tudo que eu tinha ora fazer, estou livre

- Harry, então vai limpar a mesa da cozinha

- Eu já limpei

- Limpa de novo

- Era só falar que queria ficar sozinha - Deu as costas e foi até a cozinha

- Vamos conversar mais sobre isso, Harry. Senta, Camila - Me sentei no seu sofá,sua sala era duas vezes maior que a minha casa - Você se sente melhor? - Tirou o seu blazer o deixando em cima do braço do outro sofá

- Não - Fui sincera

- Você ainda está muito nervosa. Harry - Depois de poucos segundos ele apareceu

- Chamou, Deusa?

- Faça aquele chá da sua família para a Camila, e leve o meu blazer - Ele pegou a roupa e saiu - Esse chá vai te deixar mais calma, é uma receita da família dele, esses ingleses são loucos por chá, tem de todo tipo, até aqueles que você vê coisas - Ri - Assim é bem mais bonito

- O que?

- Seu rosto

- Por que não foi embora? Eu fui tão grossa com você, mandei até você dar o fora e tudo

- Camila, eu não iria te deixar naquela rua sozinha

- Então foi por pena? - Perguntei por medo da resposta

- Se fosse por isso não seria melhor eu ter pagado um táxi para te levar para casa e voltar para aquela festa? - Parei para pensar, ela me olhava com uma sombrancelha arqueada esperando uma resposta

- Acho que você tem razão - Sorri amarelo

- O que houve? Quem lhe fez chorar? Cometeu um grande pecado. Camila, uma mulher como você - Colocou a mão no meu maxilar e com o dedão fez um carinho na minha bochecha - Deveria ser cuidada, e tratar como se trata uma jóia rara, demorou para encontrar não pode descartar

- Você realmente acha? Do fundo do coração? - Funguei. Shawn me disse tantas coisas que nem sei se devo acreditar nisso

- Eu não acho. Tenho certeza - Nunca havia olhado seu olhos tão de perto, é tão brilhante e bonito, é como ver um planeta de fora, uma imensidão verde que me senti perdida, nossos rostos foram se aproximando e quando os lábios finalmente se tocaram foi como uma explosão

Nossas línguas dançavam seus lábios eram macios e se encaixava com o meu perfeitamente, ela virou o rosto e de frente abri a boca e ela passou a língua nos meus lábios abertos, virei meu rosto e dessa vez eu aprofundei o beijo, nos separamos

- Perdão, eu não deveria, não deveria ter me aproveitado dessa situação, você está vulnerável. Por Deus eu nunca vou me perdoar - Falou enquanto olhava para o chão

- Lauren - Me olhou - Me beije - Nossos lábios se encaixaram novamente em mais um beijo. Assim que nós separamos nós deparamos com o chá em cima da mesa de centro em frente ao sofá

- O Harry veio aqui? Mas como...Como isso é possível?

- Talvez ele não quisesse atrapalhar

- Ele sempre quer atrapalhar - Pegou o chá e me deu e pegou outro para ela

- Hm... É muito bom

- Sim, é mesmo, mas deixa muito lerdo, então não é bom tomar sempre, só em estado de nervos

Após tomar o chá Lauren me levou para a casa

- Está entregue - Saiu do carro deu a volta e abriu a porta pra mim

- Obrigada - Falei assim que sai, ela me acompanhou até a porta - Gostaria de entrar?

- Não, fica para outro dia, amanhã tenho que trabalhar bem cedo, então vou descansar

- Boa noite, Lauren

- Boa noite, Camila - A abracei apertado ela até levou um susto porque foi do nada

- Obrigada - Senti seus braços me abraçarem - Você é tão gentil, nem parece que tem tanto dinheiro - Ela riu e beijou minha bochecha, nos afastamos - Nunca conheci alguém assim

- Assim?...

- Lauren, você me vê e apenas é gentil, me vê como pessoa, não me esnoba, e muito pelo contrário, você até vê algo em mim que eu não vejo

- Camila, você é isso e muito mais, eu queria tanto que tivesse a noção disso, te ver com os meus olhos, você é fascinante, tem algo em você que parece me buscar e me trazer até aqui. Seus olhos estão vendados, eu tirarei isso e te farei se sentir a mulher mais perfeita do mundo - Pegou a minha mão e beijou. Se aproximou colocou a mão no meu maxilar e colou nossos lábios novamente, ainda de olhos fechados sentindo a sensação da docura do seus lábios ela me desejou boa noite e se afastou, abri meus olhos e ela estava caminhando até o carro, entrou no carro e foi embora, entrei em casa e me joguei no sofá

Ainda não posso acreditar no que o Shawn me fez, todas as suas juras de amor não passaram de uma farsa. Limpei as lágrimas me levantei e fui até o banheiro, após me banhar me joguei na cama e voltei a chorar, não sei exatamente o horário que dormi mas sei que foi tarde. Preparei o meu café da manhã, e enquanto tomava o café bateram na porta, deixei minha caneca no balcão e atendi a porta

- Não! Você não - Tentei fechar a porta mas ele era mais forte que eu então forçou e abriu novamente

- Preciso falar com você

- Que droga Shawn, eu não tenho nada pra falar com você - Entrou e fechou a porta

- É mais eu tenho

- O que você vai falar agora? Vai falar que foi tudo uma ilusão da minha cabeça, que tudo ali não passou de uma imaginação fértil. Me poupe das suas desculpinhas, nada do que você fez vai justificar

- Eu não quero me justificar, isso nem tem explicação, eu sei que eu fui um idiota, um babaca, um imbecil, mas Camila, por favor, você precisa me ouvir

- Te ouvir? Eu não quero te ouvir, você me fez de idiota na frente de todo mundo

- Camila...

- CALA A BOCA! EU NÃO QUERO TE OUVIR! EU QUERO QUE VÁ EMBORA DA MINHA CASA E NÃO APAREÇA NUNCA MAIS AQUI, FIQUE COM A SUA NAMORADA OU NOIVA, QUE ELA FAÇA BOM PROVEITO PORQUE DE VOCÊ EU NÃO QUERO MAIS NADA! VOCÊ NÃO PRESTA SHAWN, EU NÃO SEI ONDE QUE ESTAVA COM A CABEÇA PARA ACREDITAR NAQUILO QUE VOCÊ FALOU, NENHUM IDIOTA ACREDITARIA, VOCÊ ME USOU! ERA SÓ ISSO QUE VOCÊ QUERIA COMIGO E AGORA VEM DIZER QUE É UM IDIOTA? VOCÊ NÃO DISSE MAIS DO QUE A VERDADE, ENTÃO SE É ISSO QUE VOCÊ VEIO DIZER PONHA SE PARA FORA PORQUE ISSO EU JÁ SEI - Abri a porta - Sai daqui

- Eu não vou sair - Fechou a porta

- Vou chamar a polícia

- Me perdoa - Se ajoelhou

- Shawn, levanta do chão

- Eu quero você Camila, aquela garota não significou nada pra mim. Volta pra mim, fica comigo, eu prometo aqui de joelhos diante de você que nunca mais ficarei com outra mulher, eu não posso te perder, eu te amo demais pra isso, por favor, fica comigo

- Shawn..

- Camila, eu sei que você gosta de mim. Nós vamos roubar a Jauregui e depois vamos fugir daqui, pra bem longe, Itália, roma, Milão

- Shawn, esses dois lugares fica na Itália. Saia da minha casa

- Não, eu não vou sair, você me ama, eu sei disso, e ainda quer dar o golpe na Jauregui e fugir comigo, esse foi o plano desde sempre, você sabe disso - Se levantou - Primeiro será os seus pais, eles pagam aluguel e você quer comprar uma casa para eles, e depois nós vamos viajar pelo mundo gastando o dinheiro daquela otária, vamos ser felizes amor - Colocou as mãos no meu rosto - Só eu e você, apenas nós dois, isso ainda está de pé? Eu te amo, e não vou te trair mais, eu juro que não, eu te prometo

- Sim, ainda está de pé

- Sabia - Sorriu - Sabia que podia contar com você - Selou nossos lábios - Vamos ser felizes meu amor, fomos feitos um para o outro

Shawn ficou em casa enquanto eu fui trabalhar na cafeteria, estava limpando a mesa enquanto cantava

- Parece que alguém está feliz, viu o passarinho verde? - Disse Keila, uma das garçonetes

- Só acordei de bom humor

- Mila - Disse Dinah - O que houve com você ontem?

- Apenas passei mal

- Passou mal? Parece que você viu um fantasma, ficou paralisada

- Foi só um mal estar, por isso deixei a bandeija cair - Não podia contar que o noivo da aniversariante era o meu namorado

- Você precisa ir ao médico, está passando muito mal, você não está grávida, ou está?

- Gravida? Não, pelo menos eu acho - Ela me olhou com os olhos arregalados

- Eu acho que você está grávida

- Não, Dinah. Eu não estou grávida

- Eu sinto cheiro de bebê vindo de você, você está grávida, e o filho é da Lauren

- Que?! - Falei assustada, porque isso seria impossível. Primeiro: Ela é uma mulher. Segundo: Nós não transamos ainda. Espera...eu terei que transar com ela

- Que cara é essa? Você está bem? - Meu Deus, eu terei que transar com ela, eu não quero transar com ela, eu só quero o Shawn, eu só quero transar com ele, o meu namorado - Tem uma farmácia aqui do lado, eu vou ir comprar um teste

- Espera, por que falou que estou grávida da Lauren?

- Você acha que eu não percebi? A tensão sexual entre vocês duas é enorme, da para ver se longe. Vocês nem disfarçam, vivem se olhando, e só pra constar, vocês fazem um lindo casal


Notas Finais


A Camila voltou com o Shawn a dinah acha que a Camila tá grávida a Lauren deixou a Alexa sozinha na festa. O que acharam do capítulo? Tenham paciência com a Camila, vocês precisam se lembrar que: O Shawn é namorado da Camila, pelo menos ela acha isso, eles estão juntos nessa de dar um golpe na Lauren, por mais que ele faça todas essas coisas com ele ela gosta dele, é difícil para ela se libertar dessa ligação com o Shawn, então peço que tenham paciência, eu sei que é um saco ver esses dois, mas vai ter muita coisa de Camren para compensar. Digam o que acharam, volto com o próximo a noite. Até mais


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...