História Sentimentos confusos - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias ASTRO, Bangtan Boys (BTS)
Personagens Eunwoo, J-hope, Jimin, Jin, Jinjin, Jungkook, MJ, Moonbin, Personagens Originais, Rap Monster, Rocky, Sanha, Suga, V
Tags Drama, Revelaçao, Romance
Visualizações 11
Palavras 738
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Ficção Adolescente
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Vou postar dois capítulos por eu demorar tanto

Capítulo 14 - Capítulo 14-


       -meu celular toca-

Me assusto com o barulho do meu celular tocando, quando vejo e Shin.

- alô? - falo em meio de um bocejo

- ONDE VOCÊ TA PALHAÇA? - ela pergunta isterica

- ai! Não grita! Tô no hospital... - falo sonolenta e levantando mina cabeça passando a mão nos cabelos de Tae

- COMO ASSIM HOSPITAL DOIDA? - Ela continua gritando - HOSPITAL? QUE HOSPITAL? QUE?

- Yang fala no fundo

- é ontem eu saí com. Eun Woo aí aconteceu um monte de coisa e o Tae tá no hospital porque foi atropelado e tá em coma

- Meu Deus Sun, como assim você tá calma?

- o médico disse que ele vai melhorar e acordar logo - sorrio o olhando.

- VOLTA LOGO QUE NOIS TA COM FOME - Yang grita de novo no fundo - xiu palhaça, volta logo pra gente ensaiar... falta um mês e meio pras audições...

- ok, 13h00 tô em casa - sorrio e desligo

Fico olhando Tae e converso um pouco com ele..

~será que ele acorda logo?~

- você vai acordar para assistir minha audição, né? - coloco minha mão em cima da dele e sinto ele apertar de leve minha mão

Sorrio, ele estava inconsciente mas ainda ouvia, me sentia aliviada, isso me dava mais esperanças de que ele acordaria antes do prazo que o médico havia dado. Já haviam se passado algumas horas e eu tinha que ir.

- preciso ir agora, mas amanhã eu volto - e levanto e dou um beijo na testa dele indo para casa.

~quebra de tempo~

Chego em casa até as meninas.

- gente alguém o número dos pais do Tae? - falo olhando pRa o celular e fica tudo em silencio então estranho - gente?

Olho para frente e as meninas tinham um semblante meio triste e estavam a entreolhando como a estivessem escondendo algo forte e triste.

- Sun... - Yang diz se aproximando de mim e Shin me abraça - os pais do Tae morreram... ele mora sozinho, ele também tem mais dois irmãos menores que moram com seus avós... eles morreram em um acidente de carro ao levarem Tae em uma festa no ano passado e seus avós sempre o culparam pelo acontecimento...

- poxa... por que vocês me contaram só agora?? - uma lagrima desce mas não demonstro tristeza - bom... melhor eu ir tomar banho.

Me levanto e me dirijo ao banheiro, encho a banheira e me sento dentro dela ficando pensativa. Tae é um menino alegre, nunca imaginaria que passava por uma fatalidade dessas, ainda mais ser rejeitado pelos avós por algo que não fez.

~deve ser triste pra ele querer ver os irmãos... preciso dar um jeito nisso~

Término meu banho, me troco e vou até as meninas. Logo começamos a ensaiar, e eu só conseguia pensar no estado de Tae.

__________18h30___________

-meu celular toca-

~nunca me ligaram tanto, credo~

- alô? - uma mulher começa a falar - não, não quero nenhum cartão, tchau! - desligo - eu em...

As meninas estavam na sala de jogos e vou até elas.

- meninas que tal a gente se arrumar e sair para jantar hoje?? - falo empolgada

- adorei! - Shin levanta - eu tomo banho primeiro! - ela corre até o banheiro do meu quarto e eu e Yang rimos.

- pode tomar banho no quarto dos meus pais, eu tô no do corredor - falo pra Yang e subo indo até o banheiro e tomo banho.

Eu e as meninas nos arrumamos, Yang usava um vestido vermelho rodado e um salto preto, eu um vestido azul marinho e Shin um vestido amarelo, e optamos em usarmos sapatilhas pretas mesmo. Passamos perfume e nos maquiamos ouvindo nossas músicas preferidas.

Saímos de casa indo até uma lanchonete mesmo.

-meu celular toca-

- já falei que não quero nenhum cartão! - atendo dizendo brava quando uma voz me interrompe.

- oi filha, tudo bem? Estamos voltando pra casa! Beijos - minha mãe desliga.

- até que enfim!! - falo guardando o celular - acho que eles aproveitaram e fizeram uma viagem só eles dois como sempre fazem...

- que bom que eles estão voltando - Shin diz dando uma mordida em seu lanche

 - até que é - meu celular toca de novo - fala mãe? - fico em silêncio - desculpe... oi doutor... ele o que? Como assim??? - me levanto


Notas Finais


O que será que o médico disse?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...