História Separados por uma janela (NAMJIN) - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin)
Tags Namjin
Visualizações 24
Palavras 346
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela, Yaoi (Gay)

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Oito anos atrás


Oito anos atrás...

 

(P.O.V KIM SEOKJIN)

 

Namjoon havia me mandado uma mensagem, na qual ele queria me ver pessoalmente.

Após descer as escadas de meu prédio chegando á rua, avisto Namjoon escorado na parede em frente de seu prédio.

Me aproximo do mesmo o abrançando e dando um selar em suas bochechas vermelhas por conta do frio.

O mesmo parecia diferente, ele costuma me abraçar forte sempre que me vise, mas  no fez.

- Namjoonie, algo de errado? -Encaro o mesmo confuso.

-Preciso te contar algo...-Faz um pausa soltando um suapiro triste- Meus pais...Eles querem que eu me case.

-Mas Namjoon, você tem apenas 15 anos!-

-Eu irei ir morar fora do país, ficarei por uns oito anos. Hyung, me desculpe. - O mesmo se aproxima.

- Não se aproxime, não quero mais te ver em minha frente Kim Namjoon, você a partir de agora, faz parte do meu passado.- Me viro indo em direção ao meu quarto. Eu estava arrasado, meu coração em pedaços. O amor da minha vida iria se casar, não consigo imaginar que isso seja verdade.

Ao chegar em meu apartamento, passo por minha mãe sem dizer nada. Subi para meu quarto fechando a porta com uma certa força. Meus olhos cheios de lagrimas ameaçavam desabar a quarquer momento. Vejo Namjoon do outro lado da janela.

o mesmo pega um papel escrevendo uma pedido de desculpas, por mais que eu estivesse triste e magoado, eu o entendia, ele não poderia ir contra a opinião de seu pais.

Procurei por um bloco de folhas, no qual escrevi ''Tudo bem, eu entendo''.

Ele escreve em seu bloco um ''Eu te amo''. Seu sorriso era lindo, nunca vou conseguir esquecer dos nossos momentos.

Escrevi logo em seguida um ''Te odeio''. O mesmo me olhou assustado e confuso. Antes que eu podesse escrever que eu amava o mesmo, a janela foi fechada bruscamente me deixando em apuros.

Peguei meu celular e mando uma mensagem para o mesmo. Ele apenas vizualiza e me bloqueia. Tento ligar para ela, mas seu celular estava desligado

O que está acontecendo?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...