História Sequestro Dragneel - Capítulo 13


Escrita por: ~ e ~XxPandinha

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Acnologia, Angel, Anna Heartfilia, Aquarius, Aries, Bickslow, Cana Alberona, Câncer, Capricórnio, Carla (Charle), Charlie, Elfman Strauss, Erza Scarlet, Evergreen, Flare Corona, Freed Justine, Frosch, Gajeel Redfox, Gemini, Grandeeney, Grandine, Gray Fullbuster, Happy, Hibiki Lates, Igneel, Jellal Fernandes, Jude Heartfilia, Lector, Leon, Levy McGarden, Libra, Lisanna Strauss, Loki, Lucy Heartfilia, Lyon Vastia, Macao Conbolt, Makarov Dreyar, Mavis Vermilion, Meredy, Mirajane Strauss, Natsu Dragneel, Nikora "Plue", Rogue Cheney, Romeo Conbolt, Rufus Lore, Scorpio, Sting Eucliffe, Tauros, Taurus, Ultear Milkovich, Virgo, Zeref
Tags Gale, Gruvia, Lami, Nalu
Visualizações 138
Palavras 891
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Luta, Magia, Misticismo, Saga, Steampunk, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 13 - Um demônio de verdade


Fanfic / Fanfiction Sequestro Dragneel - Capítulo 13 - Um demônio de verdade

.

.

.

Capítulos- um demônio de verdade




Lucy

Eles começaram a se encarar mortalmente, senti um frio na minha espinha,eu estava certa, ele não é alguém que nos possamos brincar, ele é alguém poderoso.... e isso me assusta! De início é claro eu poderia achar que ele seria uma pessoa boa, mais eu estava completamente enganada!

-Lucy, venha, não podemos deixar você correr perigo!

-não! por favor, e o Natsu?

-ele vai ficar bem e nos vamos ajudá-los!

-não!

Me debati aos braços de Mira, eu não queria me desfazer do Natsu, eu ele estaria sendo uma covarde fugir em meio a uma batalha!

-Juvia vai ajudar!

Pude ver Juvia correr na direção de Zeref, que estava prestes a atacar Natsu, ela fez água com os punhos, ela os jogou na direção de Zeref, gray estendeu a mão, fazendo a água virar gelo, e acertar em cheio Zeref, ele caiu no chão.

-j-ja acabou?

-não Lucy.... apenas começou!

Zeref se levantou, ele não estava nem arranhado, ele não estava ferido, ele olhou para mim e sorriu.

-tão patético...

Ele sumiu derrepente, eu senti uma mão atrás de mim, pensei ser mira mais quando eu virei, ela estava caída no chão, e a mão que estava em meu ombro era a de Zeref, arregalei os olhos, e antes que eu pudesse falar qualquer coisa ele avança em mim, e me dá um soco, eu pude sentir, pude sentir meu corpo pairar sobre o ar, minha respiração ficar pesada, foi tudo como uma câmera lenta, e eu pude ver que, eu realmente não conseguiria sair da qui viva, minhas costas se chocaram com algo duro, meus ossos todos estalaram formando um som atordoante, minha pele fulminavá,  meu corpo estava repleto de feridas.... a única coisa que eu pude falar foi...

-Natsu... me ajude....

Derrepente tudo se formou em completo vermelho, já não se podia ver o azul do céu,  e mal dava para pensar em algo que realmente ajudasse, vi algo vermelho andando em minha direção, ele me pegou no colo.

Como um ato incoerente ele pós o rosto na sob a curva de meu pescoço, e inalou meus cheiro, minha visão começou a melhorar, e eu pude enxergar claramente, duas orbes vermelhas me fitando como se eu fosse uma preza, ele mordeu meu ombro, e uma dor sem igual me atingiu, senti suas presas fincaram em minha carne, perfurando minhas veias e arrancando de mim meu sangue que purgava fulminante, abrir a boca para soltar um grito agudo mais nada saia, minha voz estava  travada, eu senti todos os meus músculos relaxarem, e com delicadeza, Natsu tirou as presas de meu pescoço, e com sua língua, passeou sobre a feria aberta sobre minha curvatura, ele lambeu os lábios, e logo após me olhou, seus olhos estavam avermelhados e sua íris antes negra, brilhava em um vermelho no qual não pude identificar o tom, tentei me mexer mais meu corpo já não me obedecia, eu respirava tentando buscar o fôlego que havia perdido, com certeza em meu rosto estaria uma expressão de horror.

Ele aproximou sua mão de meu rosto, e eu fechei os olhou com medo, medo do que poderia me acontecer, escondi meu rosto, mais não senti nada, abri os olhos lentamente, e sua expressão antes forte e confiante estava abalada.

-lucy... estar... com medo... de mim?

Não respondi, não deu tempo, a ficha real caiu, quando novamente senti minhas costas se chocarem violentamente com algo duro, e  eu sentir minha coluna e umas quatro costelas serem quebradas, dessa vez eu não me contive.

- KYAAAAAAAAAAAA!

O som agudo desfilou sob meu lábios, me trazendo de volta à realidade, ele, tentou me matar? Ele tentou me matar! Mais porque eu estou aflita com isso?

Senti meu estômago revirar, e algo amargo passar pela minha garganta, e por impulso curvei meu corpo para frente, um líquido saiu de minha boca, e quando eu finalmente me toquei, era sangue.

-a-aí...

-LUCY!

Uma voz num tanto familiar me chamou, eu levantou a cabeça dando de cara com Erza que estava jogada no chão, sua armadura estava com rasuras e amassada, seus cabelos estavam um ninho, e seu corpo infestado de marcas roxas.

-E-Erza...

-V-você esta bem?

-E-estou -Falei fraca- E vo-cê esta bem?

-E-estou

Logo ouvi uma explosão e virei a cabeça com um esforço e muita dor e vi no ceu duas luzes rapidas se movimentando como flashs não conseguia ver direto ate que percebo uma cabeleira rosa era o....Natsu!... Mais logo eles começaram a se encarar parecia que Natsu estava cansado sua respiração parecia ofegante podia ver bem pouco goticulas de suor, alguns fios de cabelos estavam colados por causa do líquido que escorria de seu corpo estava todo machucado...Ja zeref parecia tecnicamente normal so com as roupas um pouco rasgadas como....como...isso era _possivel?_....

Mais fui tirada dos meus pensamentos com outra explosão e logo não vi mais natsu começei a me desesperar mais porque? Eu estava sentindo algo? Nao podia ser...Nao pode ser amor? Ou pode? Olhei e vi que erza tbm estava procurando algo mais logo no seu olhar apenas trouxe odio mais nao estava entendendo ate que vi meu corpo ser pego no colo e ouvi uma voz grossa um tanto familiar ate que entendi

-Oi Erza.. adeus Erza. 

Seu tom de divertimento foi claro, olhei para trás e Zeref me segurava de forma firme, tentei gritar mais meu corpo não correspondia,  senti que estava tonta e que algo não estava certo, onde está vasta Natsu? 

-Soltá-la.

-Vem pegar...

Continua...






Notas Finais


VOLTEI!

gente desculpe a demora!

Advinha quem atrasou no enem?

EUUUUUU!

mais eu não apareço porque quando eu fui ver era pra mim chegar cedo, só que quando eu acordei já era de tarde...

TE DOMINGO QUE VEM! SE EU CHEGAR ATRASADA E APARECER NOS MEMES!

Vocês me defendem tá?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...