História Será Nosso Segredo - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Nathanaël
Tags Evillustractoe, Hentai, Ladybug, Marinette, Natanette, Romance, Sukeruton, Tio Suke
Visualizações 205
Palavras 1.011
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, Ficção Adolescente, Hentai, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Se você já leu essa fanfic, calma não é plágio não! Essa fanfic é minha mesmo, é só que eu não tenho mais a antiga conta na qual ela.foi publicada e estou repostando aqui.
Agora se você nunca leu, eu espero que goste.
Que todos fiquem a vontade.

Boa Leitura.

Capítulo 1 - One-Shot


Fanfic / Fanfiction Será Nosso Segredo - Capítulo 1 - One-Shot


Narrador pov's


O relógio digital do notebook indicava duas da manhã, a ponta da lapiseira batia repetidas vezes no papel cheio de farelos da borracha gasta. Os livros que deveriam ser estudados nem sequer foram tocados, o jovem ruivo apenas encarava o desenho com um sorriso bobo nos lábios.


*Ah.— Suspirou apoiando o cotovelo na mesa de desenho e o queixo na mão. — Se ela ao menos soubesse o que eu sinto. — Soltou a lapiseira acariciando gentilmente os traços do desenho. — Ah, Marinette . — olhava apaixonado para o desenho.


Em sua frente, um painel onde colava seus desenho favoritos, EvilLustrator dentre esses também estava lá, o desenho do vilão-herói simulava Marinete abraçando-o em forma de gratidão. Suspirava sempre que olhava minuciosamente cada desenho. 


Tentara desenhar a cena de um desejoso beijo entre ele e a amada, mas por motivos desconhecidos o personagem masculino sempre tomava a forma de Adrien Agreste, por mais que Nathanael rasgasse e jogasse o desenho no lixo, o próximo de intuito igualado tomava o mesmo rumo. No final de tudo desistia e desenhava apenas a amada. 


Mas nesta madrugada o desenho havia ficado perfeito, Nathanael não conseguia parar de admirá-lo, era simples, e tamanha simplicidade tornava o retrato da amada ainda mais belo. 


*A-an...— Suspirou baixo deixando uma respiração pesada audível. — Mari .— Gemeu o nome entre dentes. 


Um som erótico e familiar aos ouvidos do dono fazia a culpa pesar em seus ombros, sabia que o que estava fazendo era errado, mas esta era a única forma de se satisfazer. Nunca esperava por estes momentos, simplesmente desejava a amada Marinette Dupain-Cheng e instintivamente acontecia, sentia-se excitado e para conter tal excitação apenas acariciava-se de forma erótica.


Encostou as costas na cadeira e jogou a cabeça para trás, entre abriu a boca deixando gemidos escaparem , a mão deslizava com lentidão por seu membro rígido ainda dentro da calça. Não aguentando mais no aperto, abriu o zíper e puxou seu membro para fora deixando um ar de alívio fluir. Segurou firme em si próprio, puxou a pele da glande expondo a parte interessante e molhada por pré gozo, a mão ocupada passou a mover aquela pele pra cima e pra baixo aumentando a intensidade aos pouco, mordeu os lábios e arqueou as costas, o punho fechado batia na base e voltava lhe proporcionando prazer extremo, em sua mente imaginará sua amada Dupain sentando sem seu colo pedindo por mais enquanto gemia palavras obscenas.


*Mari, aaah!! Marinette e-eu te amo tanto. !a-aaaaaah!!— Sentiu seu mel sair e alcançar-lhe a face. 


Agora de rosto, roupas e mão suja a única opção que lhe cabia era deleitar-se de um banho. Olhou novamente o desenho, seus lábios mais uma vez formaram um sorriso meigo agora molhado por lágrimas.  


Por que chorava? O motivo era mais que óbvio. Doía amar alguém sabendo que seu coração era de outro, doía imaginar esse alguém sendo seu mesmo ela sendo de outro, doía, doía mais que tudo, Nathanael achava que um dia seu coração iria sangrar em desespero .


Ergue-se e indo para o banho, deixou seus pensamento serem levados com a água pelo ralo, olhou a escuridão da janela , mesmo pelo box. Ver tal breu se dissipando do lado de fora da casa lhe levava a devaneios: Imaginava a noite triste e gélida sendo a si próprio, o dia iluminado e proveitoso sendo sua amada, e em um curto período na madrugada ambos se misturavam, mas logo o dia ficava só pois ele e a noite não podia ficar juntos. Balançou a cabeça afastando os pensamento novamente, enrolou-se na toalha e foi para o quarto.Tomou para si roupas limpas vestindo-se e se jogando de cara na macia cama bagunçada. Revirou de um lado para o outro sem sono perdido em pensamentos variados. Riu quando sentiu o sono chegar e ironicamente seu despertador tocar ensurdecedor como sempre, avisando-lhe que já era hora de ir para a aula. Levantou-se desmotivado, apoderou-se de suas roupas costumeiras e as trajou, jogou a mochila nas costas e pensou se deveria comer algo.


*Talvez mais tarde.— disse a si mesmo. Antes de sair olhou para a mesa vendo o desenho limpo e bem feito sendo iluminado por fracos raios de sol, pegou-o com cuidado enfiando este em sua mala, sem muita pressa saiu de casa indo para o colégio.


Aula vai, aula vem, o tédio tomando conta de tudo, a vontade de desenhar era grande mas não arriscaria ser pego pela professora novamente e ter Chloé zombando de si por desenhar Marinette e um herói tachado a vilão, causando constrangimento baixa menina de olhos azuis. 


O final da aula chegou, Lila e Chloé brigavam pela atenção de Adrien, Marinete olhava tudo de longe junto a Alya furiosa fazendo a melhor amiga rir. 

O ruivo se achegou a mesa da menina e depositou o desenho , a azulada o viu e este ao perceber saiu da sala mais do que de pressa. A baixa garota aproximou-se do desenho tendo este em mãos agora, sorriu meigamente ao se ver em traços tão belos. Virou o desenho sem nem mesmo ela saber porque, apenas o virou, atrás do mesmo dizia. 


“ Eu sei sua identidade secreta, seria tolice não reconhecer um rosto tão belo. Será nosso segredo.” 


A joaninha corou e se espantou com o que leu. Vendo Alya se aproximar guardou o papel entre os livros na mala e suspirou em alívio.


*O que foi Mari? Parece que viu um fantasma.


*A-An? Pior que isso Alya. Vi duas vilãs . — Olhou para Anti Bug e Volpina rindo. Alya a imitou achando a piada engraçada como sempre


* Vamos pra casa ... Deixe que ladybug de um jeito nessas vilãs depois.


*Heeh, mas é claro... “wi-fi” —Disse provocando e saindo em disparada para não receber ofensas da amiga. Apertou a mala entre a corrida e sussurrou para si mesma. — Nathanael você...


*Peguei! — Alya tocou o ombro da azulada e correu na frente. — Tá com você. 


*Haah, mas não por muito tempo!— Continuou a corrida fazendo o pique-pega com a amiga recebendo risos de quem as via.




Notas Finais


tiѳ รukɛ ɑqui !
  S e  v o c ê   l e u   a t é   a q u i :
O b r i g a d O
      o    
      °
       °
      °
    Eu espero que tenha
    Gostando da fic.
Para ler mais fic entre no meu perfil , se já leu todas , você pode apertar no botão "seguir" e acompanhar sempre que sair mais.
      A gente se vê!
       。☆ 。☆。☆
     ★。\|/。★
        Beijos
     ★。/|\。★
     。☆。☆ 。☆
══════ •『 ♡ 』• ══════

Twitter| http://twitter.com/sukerutonsans

══════ •『 ♡ 』• ══════

Spirit Fanfic| https://spiritfanfics.com/perfil/sukeruton

══════ •『 ♡ 』• ══════

Tumblr| http://tiosukeruton.tumblr.com

══════ •『 ♡ 』• ══════

Deviantart| http://amanojakusans.deviantart.com/

══════ •『 ♡ 』• ══════

Wattpad| Todas as minhas one-shot estão sendo postadas no Wattpad, fanfic longas também, e novas fanfic serão postadas primeiro lá, caso queira ler alguma das , o nick é " SukerutonSans " por problema do APP/Site spirit não fica o link do Wattpad, então deixarei o nome de Usuário mesmo.

══════ •『 ♡ 』• ══════

Alerta: Caso vejam esta fanfic em algum outro lugar que não seja postado por mim, entre em contato, plágio é crime.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...