História Será que é amor? - Capítulo 41


Escrita por: ~

Visualizações 88
Palavras 835
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero que gostem, boa leitura. 😘

Capítulo 41 - Homem esquisito


Fanfic / Fanfiction Será que é amor? - Capítulo 41 - Homem esquisito

Eu falto pouco soltar fogos de tanta alegria, o Justin trouxe as minhas melhores amigas, eu nesse momento estou gritando tento o meu ataque abraçando elas e várias pessoas estão nos olhando feio mas eu estou nem ai faz mo tempão que eu não vejo minhas amigas, isso merece até uma festa, elas são super legal são minhas amigas deste do colegial e até agora são minhas amigas elas são a Ana, Carol, Noemi, Kezia, Vera, Ruth e a Marciele elas são as melhores amigas que alguém pode der.

           - Quando tempo né?

A Marciele falou sorrindo quando nós se alcamamos e sentamos na mesa que tinha uma cadeira para cada e deixava uma vazia.

               - Claro deste que ela começou a namorar o playboyzinho ela nem uma mensagem mandou para nenhuma de nós.

A Ruth falou me imbetindo de falar mas quando eu ia responder a Noemi me interrompe.

               - Deixa de ser chata Ruth, ela não fez isso por querer né Selena?

A Noemi me pergunto e eu procurado o que poder responder.

               - Bom...

Eu falei pensando em uma boa resposta.

                - Ai ó a Ruth tem razão nem sabe o que falar.

A Carol falou.

                   - Deixa ela falar.

A Kezia falou e eu sorri para ela agradecendo.

                   - É que o meu namoro com o Justin no começo não foi bem um namoro.

Eu falei meio sem jeito.

                       - Como assim??

Elas todas falaram junto de uma só vez juntas.

E eu então contei o resumo da minha história e do Justin e no final elas me olhavam com a boca aberta em um perfeito O e isso me fez rir.

            - Calma gente porque tudo isso?

Eu falei rindo.

               - Aconteceu tudo isso e você nem nos contou.

Ana falou.

                - Eu poderia até participar do show junto a vocês.

A Vera falou e todas nós rimos.

                 - Agora vocês me endentem? Eu não falei nada com vocês porque tinha muita coisa na minha cabeça e ainda mais eu até menti pra minha mãe e isso me deixou de cabelo em pé depois o que aconteceu com o Ryan, a e em falar no Ryan vocês sabem algo sobre ele?

            - Você ainda não sabe?

A Marciele falou como se eu fosse burra.

              - O que?

Eu pergunto curiosa.

              - Ele já esta noivo de uma modelo lá de Paris.

E eu fico surpresa e alegre ao mesmo tempo eu estava muito preocupada pelo o que aconteceu com ele e saber que ele já ama outra mulher isso me deixa bem aliviada.

              - Nossa sério??! Que bom.

Eu falei animada.

               - Não sei como você não sabia, eles aparecem em toda revista de fofoca, eles tomaram a sua foto e do Justin da capa.

A Ruth fala rindo e agora que eu olho ao meu redor eu percebo que o Justin simplesmente sumiu.

         - Alguém viu onde o Justin foi?

 Eu perguntei olhando para os lados para ver se acho ele.

              - É mesmo ele sumiu deste que te trouxe aqui.

A Kezia comenta.

Do nada um homem com blusa, toca e boné nem da para ver o rosto dele e calças um pouco largas chega e senta na cadeira fazia e que ousadia em a não ser que ele é algum namorado ou amigo das minhas amigas.

           - Ei moço desculpa ai mas você pode sair dai por favor? Aqui é só entre amigos.

A Noemi falou para o homem que permanecia de cabeça abaixa ele não me era estranho eu conheço ele só não sei quem é eu tendo olhar para o seu rosto mas ele se esquiva, sempre quando as minhas amigas falam para ele sair ele não da a mínima fica parado olhando as suas mãos que estava em seu colo, e sinceramente eu já estava começando a ficar com medo, mas alguma coisa nele me chamava atenção eu já vi ele eu o conheço só não sei se consigo o reconhecer desse jeito porque além de ele estar coberto de roupas ele nem se da o trabalho de levantar a cabeça e olhar para mim ou para qualquer uma de nós qualquer uma mesmo, até para a garçonete que estava adentendo os outros crientes ou olhar outra coisa que esta no alto por exemplo o teto ou o oculos da Marciele poxa ele podia olhar qualquer coisa deste que levantasse a cabeça para eu saber quem é, saber se ele é um sereal killer ou um amigo ou até mesmo um desconhecido, eu estava quase levantando a cabeça dele enquando as meninas o chamava e ele simplesmente as ignoravam como se ninguém estivese falando.

           - Quer saber já que ele não quer sair nós sai.

A Vera falou e se levantou e logo depois todas nós se levantamos.

E quando nós estávamos prestes a se afastar da mesa e eu já estava até de costas para a mesa e para o homem esquisito.

           - Nossa vão sair só porque eu cheguei?

Ele fala com uma voz triste e logo eu reconheço a sua voz que é impossível não reconhecer, clmou eu não percebi que era ele antes?



  


Notas Finais


Desculpe-me pelos erros ortográficos.😊


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...