1. Spirit Fanfics >
  2. Seraf: Entre a paz e a guerra >
  3. Garotas caem do céu?

História Seraf: Entre a paz e a guerra - Capítulo 2


Escrita por:


Capítulo 2 - Garotas caem do céu?


Philipe

         Ouço uma explosão na floresta Hakie, meu patrono, voa na direção da fumaça e do estrondo, ele me chama e está desesperado, corro em sua direção encontrando uma jovem de cabelos negros, suas roupas estavam chamuscadas, mas claramente a menina estava em alguma espécie de cerimonia, pertencia a uma família poderosa e uma controladora das sombras.

            A ajeito em meus braços, não poderia deixar ela lá pois uma nevasca estava prestes a chegar, a levo para minha cabana, longe do coração da floresta e mais ainda de qualquer cidade. A coloco no sofá perto da lareira, a cubro e então vou preparar um chá, fico parado observando-a de longe enquanto a luz vermelha do fogo a iluminava.

            Duas horas se passam antes que ela acorde, vejo-a se sentar e percorrer seu olhar pela cabana antes de começar a me encarar, me aproximo aos poucos para servir-lhe uma xicara de chá.

            -Philipe - digo a ela

            -Por favor não me toque– ela fala assustada enquanto suas mãos entram em combustão, a ajudo a apagar.

            Começo a acalma-la, ela precisava saber que eu não era uma ameaça, eu não iria caçar por ser uma criança proibida – pessoas que nasceram de um relacionamento entre pessoas que dominam elementos diferentes-, afinal aparentemente a única pessoa que acredita que indivíduos como ela não devam existir é a mesma que me ordenou que meus pais fossem assassinados, só por quererem morar em um lugar melhor. Ela olha para mim e aos poucos começa a contar sua história:

            -Meu nome é Saila, eu nasci a partir de um amor proibido entre Kaila Wilfel e John Kimof após minha cerimonia de iniciação e com isso a revelação do meu patrono, um cavalo alado de sombras e fogo, agora preciso impedir que Taylor Huel de usar o pedido a deusa Hania eliminar a magia de todos que não forem leais a ele.

            Me sento na cadeira para absorver as informações que acabara de receber, eu estava na frente da princesa de Koliga a nação das sombras, e de Flome a terra do fogo, que acabou de despertar seus poderes e quer iniciar uma missão suicida, atravessar um campo de batalha para chegar ao templo de Hania que fica literalmente no coração da fortaleza do inimigo.

            -Eu vou com você- minha voz não tinha margem pra discução.- antes que você fale algo, gostaria de lembrar que não sabe usar seus poderes, e não tem a mínima chance de chegar ao templo sem lutar.

            Seu olhar reluta, mas ao fim sede, olhando para baixo resmunga; “Partimos logo que a neve abaixar”.


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...