História Serendipity-jikook. - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Visualizações 62
Palavras 917
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Voltei!
Não consegui postar ontem porque estava sem internet, mas está ai.
O capítulo que eu mais esperava.
BOA LEITURA.

Capítulo 10 - Eu te amo.


Jimin on.

O beijo ia cada vez ficando mais profundo, a sensação de sua língua quente em contato com a minha era como um choque que passava por todo meu corpo.

Sinto suas mãos invadirem minha blusa, solto um pequeno gemido ao ter seus finos dedos e sua pele quente em contato com meus mamilos sensíveis. 

Ele separa suavemente o beijo e descendo-os por meu pescoço. 

- J-jungkookie-ah...-solto um pequeno arfar.

Ele se afasta bruscamente e eu o olho desentendido.

-por quê parou?-pergunto-o.

-Eu não posso fazer isso, você é virgem e eu quero que você tenha uma noite especial com alguém especial.As veses eu não consigo me controlar, eu não consigo controlar a vontade de ter você para mim.  -ele dá um sorriso, um sorriso que carregava frustração.- As veses eu confundo as coisas, você me acha um bom homem, mas eu posso não ser a pessoa certa pra você. 

Seguro seu rosto fazendo com que seu olhar ficasse somente em mim.

-Não quero que se controle, eu o quero mais que tudo. Quero te sentir mais do que tudo.Você é a pessoa que eu sempre esperei, e ainda é muito mais. -seu olhar tornou-se mais esperançoso.

-Não pense que estou te forçando eu-

Corto sua fala, tomo seus labios em um beijo. E nesse beijo,tudo veio a tona. O amor era recíproco. O desejo era recíproco. 

-eu sempre te quis, me faça seu.- seu olhar tornou-se alegre, e toda a dúvida desapareceu ao ver seu sorriso de coelho. ele toma meus lábios novamente em um beijo calmo e doce.

Sou deitado lentamente sob o edredom macio, sentindo seus dedos finos voltarem a maltratar meus mamilos. 

Autora on.

O menor arfava a cada toque, a sensação do contato de suas peles deixava os dois mais exitados.

Jungkook retira a blusa de jimin, e pela segunda vez fica hipnotizado pela beleza do corpo do menor.

Jungkook observou o corpo branquinho do menor e não se controlou a marca-la.

Deixando a  pele branquinha do menor toda marcada com cupões. 

O moreno desceu até cós da bermuda usada pelo menor retirando-a, deixando-o apenas com sua box azulada. Um arfar escapou de sua garganta ao ver o menor totalmente exposto a si.

-oh jimin, você é tão perfeito.-sussurrava enquanto adimirava cada detalhe do corpo do menor.

Jimin ao notar o olhar devorador de Jungkook sobre si o implorou:

- M-me toca Jungkookie-ah.

-irei meu amor.

O maior começa atirar cada peça de roupa de seu corpo de forma sensual, tendo como resultado uma feição envergonhada de jimin ao ver a protuberância de seu membro, que ja estava completamente duro e marcado pela cueca.

Ele engatinhou até o menor e tomou novamente seus lábios em um beijo rápido e cheio de desejo.

O maior trilhou com seus dedos até a box do menor retirando-a lentamente, vendo o membro do menor completamente molhado de pré gozo.

Observar aquela cena completamente erótica deixou-o ainda mais duro, e a necessidade de se livrar daquela cueca era cada vez maior.

Seu membro já pulsava, Jungkook apenas a retira rapidamente jogando-a em um canto qualquer do quarto, recebendo uma expressão assustada do menor pelo tamanho do membro.

-Não irá caber jungkookie...

-Não se preocupe meu amor, irei fazer com carinho.

Jungkook observa seu rosto e dá um leve sorriso. 

-agora, coloque suas pernas em meus ombros, quero ver seu rosto enquanto se entrega a mim.-o rosto de jimin ficou completamente vermelho mas obedeceu-o.

Jeon o penetrou lentamente, sentindo suas costas serem arranhadas pelas pequenas unhas do menor.

Ambos gemeram, jungkook por finalmente estar dentro de jimin e jimin por ter o membro grande de jungkook dentro de si, a dor da penetração. 

Uma lágrima solitária escorre pelo rosto do menor, logo sendo secada por um dos muitos beijos de jungkook por todo seu rosto.

-vai ficar tudo bem.-sussura jungkook recebendo um pequeno sorriso em resposta.

Jungkook beija jimin enquanto o menor se acustuma com seu tamanho.

Após a falta de ar eles se olham.

-pode ir.-disse jimin, dando a entender que estava pronto.

Jungkook começou a movimentar seu quadril em movimentos gradativos.

Aos poucos a vergonha de jimin foi se dissipando, a dor ia embora dando lugar ao prazer.

Jimin implorava por mais.

Aquela sensação nova que lhe deixava pegando fogo, o quarto estava em chamas apesar do clima de inicio de outono, o fogo do prazer.

Prazer.

O sentimento que abundava em seus corpos.

Prazer.

O momento em que a vergonha deixa de existir.

Jimin gemeu ainda mais alto ao sentir seu pontinho doce ser acertado em cheio pelo membro do maior.

O ritimo do corpo de ambos era frenético, não apenas por prazer, mas como uma forma de aquela noite ser especial. Não só pela primeira vez de jimin, mas pela união do corpo e alma dos dois.

Ambos estavam no ápice, o orgasmo se aproximava.

Jimin propositalmente contraiu sua entrada fazendo jungkook gemer rouco.

Ambos chegam ao orgasmo juntos gemendo ambos os nomes.

- K-kokie-ah...

- J-jimin-ah...

Jimin se desmancha sob o abdômen de jungkook, este último também goza preenchendo todo o interior do menor.

Ambos os cabelos molhados e grudados em ambas as testas, molhados de prazer. 

Jungkook se joga ao lado do menor e ainda sem sair de dentro dele o beija novamente. 

Se separam ofegantes. 

-você não sabe o quanto me faz feliz jimin.

-você não sabe o quanto eu te amo.-disse jimin observando as íris escuras de jungkook. 

-Eu te amo.



Notas Finais


Espero que tenham gostado.
Desculpe qualquer erro.
Tentarei postar amanhã.
Tentatei atualizar ''it's Love?'' Ainda essa semana.
Bjs♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...