História Serial Killer - Jungkook - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bts, Hot, Imagine Jungkook Hot
Visualizações 227
Palavras 486
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiii minhas mozonas💜

Tudo suave? Depois de 90 anos olha quem tá aqui!

Muuuuuuuuuuito obrigada pelos comentários da minha última postagem, vcs são muito fofas A
Graças a vocês eu consegui e estou aqui aaa
Quero mandar um beijo pra cada uma de vcs, é sério mt obrigada 💜💜

É isso
Boa leitura

Capítulo 10 - Cap 8- Dead


( Opa opa, notas do autor primeiro )

Eram aproximadamente uma hora e vinte da madrugada. As luzes de Seul iam se distanciando dando lugar as ruas desertas por conta da hora. 

Paramos o carro perto de uma pequena casa, afastada e perto do bosque 

Uma casa um tanto comum, porém onde ela estava localizada despertava certas dúvidas em qualquer pessoa que a percebesse 

Ela era pintada em bege, quase não aparecia, só seria notada se olhassem com bastante atenção

Suas luzes estavam acesas

– Quem é o doido, psicopata, estranho que mora nessa casa estranha dessas? – Falei indignada 

– Você sabe que alguns casos de Seul não são resolvidos por não acharem os criminosos, né? – perguntou encarando a casa que mantinha suas luzes acesas 

– Sim, mas... O que isso tem a ver? – Olhei seu rosto pouco iluminado 

– As vezes os verdadeiros culpados estão na própria polícia. – 

Colocou sua máscara de coelho 

– The rabbit, o justiceiro. Você podia ser um personagem de quadrinhos da Marvel, sabia? Tipo o Deadpool... Um anti-heroi, um justiceiro mascarado– 

Ele riu baixo, que risada maravilhosa!

– Você é estranha... Se parece comigo. – pegou outra máscara – Use. Aconteça o que acontecer, não tire a sua máscara. – 

Peguei a máscara, ela era branca e tinha os detalhes de uma caveira mexicana da fiesta de los muertos (link nas notas finais) 

– Certo. – Coloquei 

 – Você podia usar ela sempre. Ela cobre essa sua cara feia – Disse rindo

Moleque, eu vou acabar com você!

– Ya! Eu não sou você! –

Deu um tapinha em seu ombro e ele riu mais 

//

 Entramos na casa, armados.

Ouvíamos barulhos baixos, fossem gemidos de dor e até... Súplicas?

Estaria mentindo se eu dissesse que não sentia medo

Jungkook percebeu isso e colocou sua mão sobre meu ombro tentando me confortar 

Não deu muito certo.

Quanto mais chegamos perto, mais alto os gritos eram, gritos de voz feminina

"– P-Por favor, já chega!! –" 

"– Me solte! AAh! –"

Assim que abrimos a porta eu percorri meu olhar do chão – com várias roupas jogadas no chão – até uma cena chocante 

A cena que vi, foi traumatizante, é traumatizante para qualquer pessoa ( ou não )

Uma mulher, aparentava ter seus 20/21 anos, estava sendo torturada 

Totalmente nua, estava amarrada em uma cadeira enquanto  homem cortava seu corpo, ela estava marcada com chupões e mordidas, sua pele tinha cortes e eu pude perceber que o torturador havia cortado seu dedo fora

Um homem alto, extremamente magro, vestia roupas totalmente pretas e estava com uma faca de cozinha em sua mão enquanto fazia mais um corte na moça

Ela chorava e implorava  

Meu peito se encheu de agonia, era como se eu pudesse sentir a dor dela

Eu puxei minha arma e morei na testa do homem

Apartir desse momento tudo ficou em câmera lenta para mim 

Disparei três tiros 

– ____! – JungKook me gritou 

E eu vi o homem cair no chão, sem vida, um corpo que jorrava sangue pelos três furos na testa 


Ele estava morto. Eu o matei.


Notas Finais


Postei e sai correndo rsrsrs

Como que tá o coração?
Depois de um bloqueio gigante Tia Yui ta de voltaaaaa

Curtinho? Sim. Mas um dia eu melhor kdjsk


Link da máscara:

https://pin.it/gptvkpalxk5b5e

Desculpa qualquer erro de ortografia, eu tentei dar o meu melhor!

Beijos, fuii

Perfil: @yu_i
Twitter: @xyoone


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...