História .sério? - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun
Tags Fem!exo, Menção Baeksoo
Visualizações 117
Palavras 437
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drabble, LGBT, Universo Alternativo
Avisos: Bissexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Capítulo único


E não seria só porque estavam em um almoço em família que Baek deixaria tudo passar sem falar nada, nunca fora de levar desaforo pra casa, e não seria debaixo do seu teto que ouviria barbaridades.

Era um domingo em família onde depois que todos comiam não tinham mais nada o que fazer além de cada um caçar o seu canto, mas o destino resolveu brincar consigo quando seu tio de outra cidade foi fazer uma visita e tudo mudou para uma reunião familiar onde ninguém calava a boca. Então, surgiu uma questão.

— Mas como está seu filho? — a mãe de Baek perguntou já que o homem havia viajado sozinho até lá.

— Enorme, forte como um cavalo — disse rindo orgulhoso. — Um garanhão, toda semana uma namorada nova, uma mais bonita que a outra, teve a quem puxar, né? — todos começaram a rir e Baek o olhou com escárnio, sério que todos achavam aquilo normal?

— É sério, isso? — a adolescente perguntou tentando entender.

— O quê? — o tio revidou.

— Que todo mundo nessa sala acha normal falar assim de garotas — será que só ela achava aquilo um absurdo.

— Está nervosinha porque ainda não conheceu meu filho, ele ia te deixar mais mansa e menos respondona — o homem se exaltou e a garota começou a rir.

— Pelo amor de deus, para de exibir seu filho como um troféu. O que ele tem? Um pau de ouro? — todos estavam em silêncio, nem mesmo a mãe da garota se intrometeu para defende-la.

— Ele me dá orgulho por ter nascido homem, não foi como minha irmã que fraquejou e deixou nascer uma garota feito você. Por isso que eu digo, meu filho ia te deixar mansa. Porque ele não faz serviço pela metade, quando bota é pra fazer estrago.

— Ai ai, você tá me dizendo que o pauzinho de quinze centímetros do seu filho vai fazer estrago numa boceta que passa a cabeça de um bebê? Não serve nem pra fazer cosquinha, se poupe da vergonha. Com um dedo eu faço uma mulher gozar mais do que seu filho troféu — Baek terminou de falar cruzando os braços e esperando o momento em que o tio avançaria em si, mas ele ficou em silêncio. 

A campainha tocou e todo mundo saiu do estado de alerta para curiosidade.

— Não se preocupem, é só a Soo — avisou para os parentes enquanto pegava alguns pertences espalhados pela sala. — Pode ficar tranquilo tio, eu vou fazer um estrago nela mais do que seu filho que provavelmente gozaria só de ver ela pelada e uma sentada na cara.


Notas Finais


Eu sou viciada em capas aleatórias, baeksoo e fem!exo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...