1. Spirit Fanfics >
  2. Sete garotos e uma garota. >
  3. Three: Primeira sessão

História Sete garotos e uma garota. - Capítulo 4


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leiruraa!

Capítulo 4 - Three: Primeira sessão


Coréia do Sul, Seoul, 2012

As gotas de chuva que molhavam o vidro da janela do Corolla preto, eram perecidas com as que molhavam o rosto de Saejin.

 Lee Saejin. Uma mulher sempre determinada. "Eu vou conseguir isso por bem, ou por mal!". Alta, cabelos longos e claros. Olhos pequenos, que eram coloridos por Âmbar. Saejin puxou a aparência ocidental de sua mãe.

- O senhor... - Começou enxugando as gotículas salgadas que desciam de seus olhos. - Pode nos deixar, na próxima estação... 

- Sim, senhorita...

Saejin voltou a dar atenção à janela fria, come se fosse a coisa mais interessante do mundo.

Alguns minutos depois, ao ver que a estação que havia citado estava próxima e começou à soltar o sinto de segurança, o que fora um de seus maiores erros.

A mulher viu que o mototista havia passado da estação.

- Senhor... você passou de onde eu falei... - Sem obter respostas, Kang ergueu seu olhar, vendo que o sinal acabara de fechar, e que o homem que controlava o automóvel não estava ligando e apenas acelerou o carro ainda mais. - Senhor! Senhor! O que você está fazendo?! Pare! - Naquele momento, não era mais Saejin que estava ali... era apenas o seu corpo... assim como sua sanidade, sua alma já havia se retirado... - Senhor!! Pa... - Sem conseguir terminar sua frase, ela apenas sentiu o impacto na lateral direita do carro, deixando todos inconscientes.

Já era tarde demais...


Coréia do Sul, Seoul, 2019


- BOOOM DIAAAA! - Mina saiu da cama em um sobresalto apressado, com o grito de Steph.

- Qual é teu problema, garota?! Quem te deixou entrar?! 

- Tia Sejong! - Steph disse animada.

- Já falei pra Tia Sejong não abrir a porta pra estranhos! - Mina andou até o banheiro.

- Eu não sou! Eu já sou da família, garota! Me respeita!

- Antes dás 7:00 você é uma estranha sim! - Ela rebateu entrando no banheiro emburrada. - Mas me diz:O que é que você tá fazendo aqui a essa hora?!

- Eu vim te acordar..

- Ah, não me diga?! - A garota de cabelos longos respondeu sarcástica lavando o rosto.

- Cala a boca e me deixa continuar! 

- Tá bom então.

- Ótimo! Então, ontem, mandaram um aviso no Twiter da Hanyang, dizendo que já estava tudo pronto para a chegada dos alunos e que a coordenação estava com saudades. Então, ela adiantou o início das aulas pra hoje! - Disse simples.

- COMO É?!?! - Ao cada palavrinha saída da boca da amiga, chegar as suas entranhas, Mina se engasgou com a água que usava para fazer sua higiene bucal. - Como assim?! Como é que você sabe disso?! E aliás, por que você tem o Twiter da Universidade?! - Ela lançava cada pergunta em direção à baixinha que apenas se espreguiçava na cama macia.

- Vamos parar de dar piti e vai logo se arrumar! Você tem 30 minutos pra tomar banho! 

- Aish!


~ ▪ ~


Mina caminhava pelas ruas cheias da capital Sul-coreana, com preguiça.

Ela ainda estava à processar as informações dada pela amiga. Como assim a coordenação estava com saudades? A diretora não tinha cara de quem sentia saudades de alunos.

- Aish... hoje é domingo, ainda! Que sem noção pode mandar um recado dizendo que o início das aulas foi adiantado pra hoje? Em um domingo? - Ela resmungou ajeitando a peruca em sua cabeça.

A primeira semana, Mina interpretaria Lee Hyun-Me.

Um garoto do interior de Daegu, apaixonado por futebol. 

Mina avistou a grande e fomosa Universidade Hanyang University. As paredes externas do local carregavam cores neutras, cobertas por grandes janelas. O grande jardim que se estendia ao redor da Universidade, era cheio de flores de diferentes tipos. Desde as nacionais Rosas de Sharon, até as comuns Violetas.

O cheiro que exalava das plantas, rodeava Mina cada vez mais, a deixando confortável.

Ela passou pelo grande portão negro, que tinha estampado o nome da Universidade e uma mensagem de boas-vindas.

Alguns alunos que também entravam na Universidade, cercavam Mina com os seus olhares curiosos. "Mas por que esses olhares curiosos?" 

Essa era a unica pergunta que pairava sobre a cabeça de Mina. Ela entrou no local, logo vendo os alunos animados conversando entre si.

- Huum.. nem guindaste! - Uma menina comentou alto o bastante para que Mina pudesse ouvir e revirar os olhos.

- Verdade.. nem guindaste poderia te levantar depois de eu esfregar a tua cara no asfalto. - Ela rebateu entrando e ouviu alguns risos e até resmungos das meninas que conversavam pelo corredor.

Ao parar em frente a sala que estava quando as suas esperanças foram esmagadas e jogadas pela janela e bateu na porta delicadamente.

- Pode entrar. - Mina o fez. - Como posso ajudá-lo?

- Eu vim trazer o boleto de admissão na Universidade, já que a minha matrícula foi feita ontem e minha Tia não pôde ser capaz de trazê-lo. - Falou esticando o braço e entregando o papel para a mais velha.

- Okay. 

- Com licença. - Ela se curvou de leve e se virou indo até a porta, mas sendo para ao ouvir a mulher chamá-la.

- Sr. Lee... você tem algum parentesco com a Srta. Song?

- Sim. Nós somos primos.

- Entendo. Mas... por que vocês não têm o mesmo sobrenome?

- Porque Song, é o sobrenome do pai de Mina. E Lee, é o da mãe e eu sou prima por parte de mãe. - Pra Mina era fácil de mentir, mesmo não fazendo muito isso.

- Ahh... okay. Era apenas isso. - Soltou com um sorriso fraco nos lábios.

- Okay. Vou me retirar, com licença. - Ela virou novamente, indo até a porta e soltou um longo suspiro ao sair da sala.

Ela voltou à andar pelo corredor, mas foi parada novamente quando sentiu um toque em seu ombro.

- Com licença... - Mina sobe o olhar e vê um garoto alto de cabelos claros.

- Sim?

- Você... se chama Lee Hyun-Me?

- Sim, por que?

- Você vai participar do teste para entrar no time de futebol? - Ele perguntou e Mina assentiu calmamente. - Você tem que ir lá pra quadra de basquete e preencher uma ficha. Depois, irão chamar você para o teste.

- Ahh... okay. Obrigado pela informação. - Ela sorriu em agradecimento e o menino fez o mesmo.

- De nada. Aliás, me chamo Kim Myungjun, mas pode me chamar de MJ. - Ele voltou a falar animado e a menina assentiu.

- Okay! Foi um prazer conhecê-lo, MJ! Espero que você entre no time! - Disse se afastando, ainda olhando para o menino de cabelos claros e sorriso largo.

- Digo o mesmo! - Ele acenou e a menina fez o mesmo virando de costa. 

- Acho que nem todos os meninos daqui são babacas!

Ela foi até a quadra e viu muitas mesas rodeadas de meninos, que provavelmente estavam se inscrevendo para o time.

Ela se aproximou de uma e esperou na fila.

Ao chegar sua vez, as meninas que tomavam conta da "barraca", começaram a fazer comentários sobre a beleza de Mina.

- Você é novo? - Uma delas perguntou e Mina assentiu. - Huum... é bem bonito.

- Obrigado. - Ela terminou de preencher a ficha citada pelo menino que acabara de conhecer e entregou nas mãos das meninas. - Com licença.

- Espere! - Ela segurou o braço de Mina, que fechou a cara. - Você não quer me dá o seu número? - Ela soltou e Mina suspirou alto.

- Okay. - Ela pegou uma caneta e viu um sorriso se forma nos lábios das meninas. - Mas... como eu estou sem celular... - Terminou de escrever e voltou a postura normal. - Eu vou deixar o número da minha namorada. Aí você me liga e nós conversamos! - Mina piscou e jogou a caneta sobre os papéis em cima da mesa. De um momento para o outro, os sorrisos bobos das meninas haviam sumido. Mina conseguiu o que queria.

Ela saiu da quadra de basquete com sorriso debochado em seus lábios.

- 246... - Resmungou pra si mesma o número de seu armário.

Ao achar ele, ela o abre e bota alguns livros que carregava dentro da mochila, até ouvir o sinal tocar.

- Huum... matemática! - Comemora ao ver que a primeira aula seria da sua matéria favorita. Ela tirou o livro de matemática do armário e o fechou, andando até a sala A.

Chegando lá, ela se sentou em uma cadeira e cruzou os braços, esperando o professor chegar.

- Bom dia, alunos! - Um professor sorridente entra na sala. - Bom, me chamo Kang Arthur e sou seu professor de matemática! Sejam bem-vindos! Eu já me apresentei, agora é a vez de vocês! - Se sentou e uma garota se levantou.

- Prazer! Me chamo Bae Joo-hyun, mas podem me chamar de Irene! Tenho 21 anos e espero que possamos ser amigos! 

- Muito bem, Irene! Podese sentar! Você! - Apontou para Mina, que mantinha com o olhar fixado na janela de vidro. - Se apresente!

- Annyeonghaseo! Me chamo Lee Hyun-Me e tenho dupla nacionalidade! Tenho 19 anos e espero que possamos nos dar bem!

- Uhh! Dupla nacionalidade! Que legal! Quais as suas duas nacionalidades?

- Sou brasileira e coreana.

- Wou! Muito bem, pode se sentar! - Mina obedeceu e sentou. - Pro...

- Com licença. - Eles olham para a porta e vêem 7 meninos parados na mesma.

- Sim?

- Estamos procurando alguém.

- Quem seria?

- Sei lá! Nós só estamos aqui porque o treinador mandou! - O baixinho de bochechas gordinhas exclamou alto. - Algum de vocês se inscreveu para o teste de admissão no time de futebol?

- Eu. - Mina levantou a destra e começou a arrumar suas coisas.

- E o que você ainda está fazendo sentado?!

- Eu não sei se não é óbvio, ou se você é mais burro que eu imaginei, mas eu acho que está na cara o que eu estou fazendo. - Rebateu indo até a porta, passando pelos sete meninos. - Não demorem. - Ela revirou os olhos e eles a acompanharam.

Chegando no campo de futebol, Mina teve a visão da grama artificial, que a confortava. Ela realmente amava aquilo.

- Até que fim! Pensava que vocês tinham se perdido! Deviam ter ligado o GPS! - Os meninos não deram bola para a fala do treinador e apenas se sentaram.

- Mesmo com GPS eles se perderiam. - Ela resmungou baixo e ouviu algumas risadas.

- Haha! Gostei de você, garoto! - Mina se sentou e olhou para o mais velho. - Bom, eu vou chamar os nomes e vocês vão jogar comigo, okay?

- Sim, senhor! - Gritamos em uníssono.

- Ótimo! Hmm.... Kim Seok-Jin! - Um menino se levantou e foi até o treinador. 

Mina nalisou calmamente o rosto do menino, e lembrou que era o mesmo babaca que havia encontrado na rua. 

" Hmm... você está estudando aqui então... isso vai ser interessante.. " 

Mina pensou enquanto analisava o garoto.


~ ▪ ~


- Ótimo, Jeongguk! - O treinador gritou enquanto via o menino com dentes de coelho marcar o 3° gol nele. Mian já havia jogado com o treinador e ganhou de 6 à 0. - Bom... eu vou chamar os nomes das pessoas que estão dentro do time. Como vocês sabem, eu teria que chamar 22 alunos aqui, mas eu me surpreendi com mais 5 alunos, então, eu vou incluí-los no time reserva. Vamos lá, aliás, eu vou apenas dizer o nome dos grupos que os alunos escolhidos participam. Então, Bangtan Sonyeodan, Astro, Ateez, TXT e.. tem alguém aqui que ainda não está em um grupo.

- Sou eu, treinador. - Mina se pronunciou e o treinador sorriu.

- Ótimo! Parabéns à vocês! E vocês... estão fora do time! - Ele paontou para o portão do campo e eles resmungam. - Formação! - Gritou e eles formaram uma linha reta. - Esperem. - Andou até uma arquibancada e pegou uma caixa com chaves dentro e saiu distribuindo uma pra cada um. Quando terminou, deixou a caixa no mesmo lugar que estava antes e se aproximou. - Essas são as chaves dos dormitórios de vocês. Eles são divididos entre: O dormitório dos alunos do time titular e os do time reserva. O dormitório com o número 721, é o quarto dos titulares. Já o com 722, é o dos reservas. Okay?

- Mas senhor... tem como 11 pessoas ficarem em um mesmo dormitório? - Mina perguntou.

- Claro que não! Os dormitórios de vocês são maiores que a minha casa! Não se preucupe com isso! - Ela assentiu. - Agora... podem ir!

- Sim, senhor!

Mina não acreditava no que acabara de acontecer. Ela havia entrado no time! Em um time de futebol! A emoção era tanta e a ansiedade para entrar no campo e poder sentir a bola no seu pé! Era tudo um máximo! Só podia ser um sonho! Mas era vida real!



Notas Finais


Tantantan! Mais uum! Espero que vocês estejam gostando dessa nova versão da fic!
Até o próximo!

XxxGii♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...