História Sete Pecados Capitais Segunda Geração (Reescrita) - Capítulo 5


Escrita por: ~ e ~Tio_seth

Postado
Categorias Originais, The Seven Deadly Sins (Nanatsu no Taizai)
Personagens Arthur Pendragon, Ban, Diane, Elaine, Elizabeth Liones, Escanor, Gowther, Guila, Hawk, King, Meliodas, Merlin, Personagens Originais
Tags Harem
Visualizações 81
Palavras 724
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Harem, Hentai, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Violência
Avisos: Canibalismo, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Yoo queridos leitores sentiram falta desse mago das trevas?
L: nós? Não.
Que é isso assim vcs me magoam.
Bem aproveitem esse cap recém tirado do forno.

Capítulo 5 - Me Perdoe


Giuliana on.

Vou até o James decidida a fazer o que desejo há quatrocentos anos mas nunca tive coragem para fazer.

- James me espera no jardim.-Sussurro meio corada, ainda bem que ele não viu.

Então vou para o jardim da casa esperar por ele.E depois de vinte minutos ele chega, tento disfarçar mas ele percebe que eu estava corada.

- Por quê você me pediu para te esperar aqui Giu?-Pergunta olhando nos meus olhos.

- Para te entregar os meus presentes para você.-Respondo corando mais.- O primeiro é o colar do meu avô materno.

- Por que você está me dando ele?-Pergunta ele segurando o colar.

- Porque minha mãe me falou antes de morrer que eu deveria dar o colar para uma pessoa muito especial para mim.-Respondo, eu já estava quase tão vermelha como um tomate.

- Obrigado Giu, você também é uma pessoa especial para mim, afinal você é minha sobrinha.- Responde ele ainda olhando pra mim.

- Não é assim, você é realmente importante para mim.-Falo ainda corada olhando para meu tio.

Elena on.

Já faz mais de vinte minutos que o James saiu e ainda não voltou. Eu vou lá procurar ele.Chegando no jardim vejo ele conversando com a Giuliana. Ela estava quase mais vermelha que um tomate. Os dois então muito proximos, próximos até demais.

"Por favor não faça o que eu acho que vai fazer".

James on.

Antes que eu perguntasse ela agarra meu rosto e me beija, e não era um beijo comum, eu pude sentir que era um beijo de verdade cheio de sentimentos.

Ela realmente me ama?

Quando nossos rostos se separam pude ver a Elena parada na entrada do jardim, quando a vi sair correndo, não pensei nem duas vezes e corri atrás dela.

Autor on. James sai de casa correndo atrás de Elena, passou duas horas procurando ela pelas ruas.

- Elena Cadê você!?-Grita ele enquanto anda pelas ruas procurando ela.- Elena me desculpe. Por favor me perdoa. Eu não queria que aquilo acontecesse.

Elena on.

Não pode ser, eu não vi aquilo acontecendo. Não pode ser verdade eu devo ter imaginado tudo aquilo, eu deveria estar feliz por ele. Mas por que eu estou me sentindo dessa forma, o James é quase um primo pra mim, , não é? -Ahh!!!

Autor on.

Às sete horas James já estava quase desistindo de procurar Elena quando ouviu os gritos de uma garota. Ele sabia que era Elena. Então foi atrás da voz dela, foi correndo até chegar em um beco deserto onde Elena estava cercada por seis homens.

- Elena!!!-Grita James.

- James!!!-Grita ela ao vê-lo.- James me ajuda!!

- Soltem a Minha Elena!-Manda ele acertando um soco em um dos seis que seguravam ela.

- Pegem ele.-Fala o que foi atingido. Então os outros cinco começam a lutar contra James que no começo estava se saindo bem, mas ele nunca tinha enfrentado mais de duas pessoas ao mesmo tempo. Então é nocauteado e jogado contra uma parede. Ele desmaia por alguns minutos e quando acorda vê os seis segurando Elena.

- Soltem ela!!!!-Grita ele. - Parece que ela é muito especial para você, Pecado da Ira e Orgulho do Dragão e da Fênix James.-Fala o líder deles.

- Como sabe que eu sou o Pecado da Ira metade do Orgulho?-Pergunta James ainda caído no chão.

- Nós seis somos membros do Clã dos Vampiros.-Responde um dos outros cinco.

- Eu pensei que os Vampiros estivessem extintos.-Comentá James.

- Somos muito poucos agora, isso é verdade.-Respondem eles.- Tudo isso graças ao seu pai por ter criado os Caçadores há trezentos anos, mas estamos pretendendo restaurar o clã. Mas para isso precisamos do "Arcanjo Mestiço".

- "Arcanjo Mestiço"?-Pergunta James.- O que vocês querem dizer com isso? 

- Isso não lhe interessa.-Responde um dos seis.

- Bem, qual será o gosto do sangue dela?-Pergunta o líder.- É, eu acho que vou beber todo o sangue da sua namoradinha bem na sua frente, até não sobrar uma gota sequer.

- Não, por favor não!-Pede James.- Eu lhe imploro, não faça isso! Faça o que quiser comigo mas não beba o sangue dela.

- Não, eu vou beber, afinal eu nunca provei o sangue de uma fada.-Responde o líder.- Estão com sede meus amigos?

- Sim Vlad.-Respondem os cinco. - A primeira mordida é minha.-Fala o tal Vlad.

Então ele morde o pescoço da Elena e começa a beber o sangue dela que grita de dor . Depois dele os outros cinco morderam diferentes partes do corpo dela e beberam o sangue da mesma.


Notas Finais


Eita o que será que vai acontecer agora? Comentem aí em baixo e se quiserem me dêem sugestões para os próximos capítulos. Talvez mais pra frente terá "alguns", "poucos" hentais. Até a próxima meus caros leitores!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...