1. Spirit Fanfics >
  2. Seu nome gravado em mim. >
  3. Prefácio:O garoto das sardas.

História Seu nome gravado em mim. - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Bom, essa idéia aleatória surgiu na minha mente depois que acabei de assistir BL e eu pensei: Por que não?
Aí resolvi escrever e vamos ver no que vai dar.

(É inspirado no bl porém com adaptações para melhor encaixar alguns acontecimentos)

Capítulo 1 - Prefácio:O garoto das sardas.


Fanfic / Fanfiction Seu nome gravado em mim. - Capítulo 1 - Prefácio:O garoto das sardas.

[Seul–Coréia do Sul.2002]

Era mais um dia normal na vida do jovem Changbin. Normal até sua mãe decidir que ele iria mudar de escola.

No começo ele protestou, reclamou, disse que precisava conviver com pessoas conhecidas e que não queria passar a semana inteira sem seus amigos por perto e entre desconhecidos, mais teve que ceder. Sua mãe podia ser assustadora quando queria, e no momento ela estava sendo muito, mais muito assustadora.

Enfim sentindo-se derrotado,Changbin foi (contra sua vontade) até o tal internato que sua mãe havia falado, e chegando lá percebeu que sua mãe já havia o inscrito e ele já teria que entrar naquele lugar e só poderia sair no fim de semana.

Sentia-se perdido no meio de tantas pessoas desconhecidas, e não sabia pra onde ir ou pra quem pedir informações. Ele sabia que estaria sozinho ali a partir de agora, e sentiu falta de seus velhos amigos fazendo um aperto surgir em seu peito.

[...]

Changbin estava se dirigindo à sala onde aconteceriam os ensaios da banda da escola, segundo o papel que tinha em mãos, quando viu um ser passar por si.

Era um garoto loiro, um pouco mais alto que ele, com lindos e brilhantes olhos negros e inúmeros pontinhos no rosto.

Por alguns segundos ficou paralisado. Seu coração batia descompassado e parecia que a qualquer momento sairia pela sua boca em disparada. Suas mãos suavam e um arrepio tomava conta de seu corpo fazendo com que ele sentisse uma sensação estranha em sua barriga, uma sensação nunca sentida antes.

Seus olhos se perderam naqueles inúmeros pontinhos no rosto do loiro à sua frente e ele sentia encantado com tamanha beleza e fofura contida em apenas um rosto.

Está perdido?– o loiro se aproximando disse sorrindo.

É meu primeiro dia....–Changbin disse sorrindo desajeitado.

Percebe-se. Meu nome é Félix, prazer em conhecê-lo.–disse sorrindo simpático e estendeu a mão para o mais baixo à sua frente que hesitou antes de apertar sua mão.

O meu é Changbin.–o mais velho disse apertando a mão de Félix.

Félix apenas sorriu e entrou na sala sendo acompanhado por Changbin que agradecia mentalmente a sua mãe por colocar ele naquele internato.

[...]

Durante toda a aula de música, Changbin não conseguiu se concentrar. 

Estava ocupado de mais pensando em como o belo sorriso de Félix combinava com seus lindos olhos e com os inúmeros pontinhos fofos em seu rosto.

Constantemente se perdia do ritmo da música que estava sendo tocada e como punição, recebia reguadas às quais não dava muita importância.

O que realmente importava pra ele, era que ele podia observar Félix e nada ao seu redor parecia existir enquanto seus olhos estavam fixos naquele semblante distraído do loiro. 

Quando saíram da sala, Félix logo se aproximou com aquele sorriso contagiante e passou os braços pelos ombros de Changbin.

Finalmente aquele ensaio acabou não é mesmo?

É...–Changbin disse se perguntando quando ficaram tão íntimos, mais o outro parecia não se importar com isso.

Já que é meu mais novo amigo, vou te levar à um lugar à noite.

Onde? Changbin perguntou curioso.Pelo que me disseram, não é permitido sair daqui até o final de semana.–disse enquanto o outro o olhava sorrindo travesso.

Vai saber quando estivermos lá. E não se preocupe vai ser divertido, eu prometo.–disse lançando uma piscadinha e se afastando de Changbin que se encontrava curioso pra saber qual o tal lugar que o outro o levaria.





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...