História SEX Academy - Capítulo 1


Escrita por:

Visualizações 103
Palavras 900
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Ecchi, Ficção Adolescente, Harem, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Uma breve explicação, a historia se passa na academia de Boku no Hero Academia mas tem personagens de todos os animes, como a curta aparição do Naruto que irão ver no capitulo. Boa leitura pessoal.

Capítulo 1 - A academia de garotas e meu poder


Fanfic / Fanfiction SEX Academy - Capítulo 1 - A academia de garotas e meu poder

U.A, academia de heróis né? Antigamente esse local era especial, mas depois de anos de evolução todo mundo tem poderes tão incriveis que basicamente isso aqui se tornou uma faculdade comum onde todo o tipo de pessoa entra. Valentões com habilidades perfeitas para bater nos mais fracos, gostosas com poderes bizarros e alguns nerds por aí que se limitam a ser apenas mais um na multidão.

Esse sou eu, Satoru, mas vocês provavelmente não estariam interessados em quem eu sou ou o que fiz nos últimos anos, o que interessa aqui é que no meio de todas essas pessoas incríveis eu nasci sem uma habilidade, dizem que quem é perdedor já nasce perdedor desde a barriga da mãe.

Sendo primeiro dia de aula confesso que estou um pouco nervoso, socializar não é bem o meu forte, e na minha idade gostaria muito, muito mesmo de ter uma namorada aqui na faculdade. Enquanto me perdia nesses pensamentos uma gangue passou ao meu lado, todos idênticos, garotos loiros com marcas na bochecha e bandana na cabeça. – Tá aí, não vou querer me meter com esse grupinho. – Pensei sorrindo de nervoso.

- Aqui, classe 1-B, com licença. – Entrei segurando a alça da mochila pra me dar forças, quando você é tímido esse tipo de situação onde está pra conhecer muita gente da mesma idade é um tanto quanto assustadora, mas o que eu vi naquele momento foi ainda mais assustador. A minha sala era completamente composta de garotas, exceto por um garoto acima do peso que sentava no fundo, era com ele que eu iria ficar.

Devido a minha timidez e falta de confiança em meus atributos nunca tentei nada com uma garota, fui um imã de estranhos durante o ensino médio, tendo amizades com os garotos mais excêntricos da classe, não que eu fuja da regra eu acho.

- Ei, meu nome é Satoru, qual o seu? – Perguntei ao garoto tentando iniciar uma conversa.

- Me chamam de Endo. – O garoto tocou o centro de seu óculos fazendo uma pose chamativa. Sorri, afinal de contas era aquilo que eu esperava, mais um anos com amizades estranhas. Sentei-me na frente de Endo e observei a sala, aquilo era o paraíso, baixinhas, altas, morenas, loiras, ruivas, todas pareciam ter saído dos animes mais populares da época.

- Cara você tá babando. – Endo alertou.

- Opa. – Limpei a boca com a manga do uniforme. – Acho que eu e você demos sorte nessa sala, Endo. Somos os únicos garotos aqui.

- Seja sincero Satoru, não vamos pegar ninguém aqui, essas garotas devem achar que somos otakus tarados e que não valemos o tempo dela.

O que ele disse não era mentira, elas pensavam isso da gente, e de fato éramos otakus tarados que não valíamos o tempo delas. Ainda mais eu, que não tinha uma habilidade pra ser diferente dos outros garotos.

- Endo, me responde uma coisa, qual seu poder?

- Eu consigo descobrir e analisar as habilidades das pessoas, é bem sem graça. – O garoto respondeu coçando o pescoço rechonchudo.

- Pra falar a verdade é bem interessante, você pode conhecer as pessoas sem que elas saibam. Eu nasci sem nada haha. – Ri sem jeito.

- Como nada porra, to vendo sua habilidade aqui.

- Que? – Gritei.

- Gamer do amor, que porra de nome é esse da sua habilidade. – Endo riu.

- Não me zoa caralho, eu tenho algo de especial?

- Aqui diz que só se ativa ao tentar flertar com alguma garota, interessante. É uma habilidade que te ajuda a pegar garotas basicamente, você começa a conversar e na sua frente aparecem opções de frases pra falar pra elas, mas só você vê isso. Se você escolher as frases certas elas ficam caidinhas por você.

- Isso é sério? Eu nunca tentei pegar uma garota antes porque me acho um bosta, por isso eu nunca descobri que eu tinha isso.

Meu coração batia rápido, se ele estivesse me zoando eu o mataria, mas naquele instante só pude correr até a garota mais próxima e testar aquilo. Uma garota baixinha estava sentada do meu lado, o crachá em sua mesa estava escrito “Uraraka”.

Me aproximei dela e me preparei para falar algo, naquele instante o tempo parou, o mundo ficou azulado e 4 opções apareceram na minha frente, aquilo sem dúvidas era real.

A - Olá, te achei interessante e queria te conhecer. – Que bosta de opção, parece aqueles caras da internet que se acham o comedor.

B – Teu rosto redondo é bem fofo. – Imagino que essa habilidade deva deixar algumas opções só pra gente errar e se dar mal...

C – Oi, meu nome é Satoru, é um prazer te conhecer, primeiro dia de aula bate sempre uma ansiedade né? – Isso aqui parece no ponto, e realmente bate um ansiedade, ri nervoso.

- Oi, meu nome é Satoru, é um prazer te conhecer, primeiro dia de aula bate sempre uma ansiedade né? – Disse para ela, meu coração batia a todo vapor, eu estava ali falando com uma garota fofa.

- Né? Meu nome é Uraraka, nessas ocasiões onde não conheço ninguém acabo passando até mal de nervoso. – Ela riu enquanto dizia. Mais algumas alternativas escolhidas e posso dizer que eu e a garota tivemos uma conversa decente, opções românticas, amigáveis e erradas pareciam compor meu poder. Olhei em minha volta para todas aquelas garotas atraentes, esse seria o meu ano, sem dúvidas. 


Notas Finais


Ué, sem pegação? Esse capitulo foi apenas pra apresentar o protagonista e o começo da história, por isso um inicio mais calmo, mas prometo pra vocês que no próximo as coisas vão ficar bem quentes hehe, fiquem ligados.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...