1. Spirit Fanfics >
  2. Sex without commitment - Imagine Park Jimin e Jeon Jungkook >
  3. Depois da aula

História Sex without commitment - Imagine Park Jimin e Jeon Jungkook - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


》Estou aqui com mais uma fanfic para vocês. Dessa vez é uma história curta (com apenas cinco capítulos) que gira em torno de sexo. Então, se você não gosta muito desse tipo de fanfic… Deveria ler, aos poucos se acostuma KKKK brincadeira. Bem, é verdade que não haverá romance ou laços amorosos, mas me dêem uma chance, por favor ;-;
》Não posso garantir para você os dias ou horário de postagem, porque nem sempre eu estou com Internet para postar. Espero que vocês entendam isso.
》Vou amar receber comentários e prometo ler todos. Talvez, eu não consiga responder, mas me esforçarei para isso ^^
》A história não passa de ficção, por isso, eu espero que vocês não levem as coisas tão ao pé da letra. Eu não estou aqui para denegrir a imagem de vocês ou dos meninos, apenas para divertir. Então, se você leu algo que não gostou, eu espero que compreenda que não tive a intenção de manchar a imagem e reputação de ninguém.
》Por fim, eu espero que vocês gostem da fanfic! Um grande beijo! ♡

Capítulo 1 - Depois da aula


(S/N)

Normalmente eu sou bem calma na escola, mas se tem algo que tira minha paciência é trabalho em grupo. Quando se tem amigos fica fácil, pois você sabe que poderá ser divertido, mas quando todo mundo na sua sala parece ter algo contra você e vice versa, fica meio chato.

A professora de biologia passou um trabalho dessa forma e pediu para que formassem os grupos. Claro, eu não fui escolhida por nenhum, mas também nem me incomodei com isso.

- Todos os grupos formados? - ela disse depois de uns minutos

Os líderes dos grupos falaram quem eram seus componentes e a professora olhou por toda a sala para ver se todos os alunos estavam inclusos.

- (S/N). - ela me olha e eu abaixo a cabeça - Em que grupo você está?

- Nenhum. - dei de ombros

Ela olhou os alunos novamente e seus olhos parará sobre uma duplinha lá no fim da sala.

- Jungkook! Jimin! - ela disse num tom alto chamando a atenção dos dois, que antes conversavam animadamente.

Ambos a olharam com um enorme ponto de interrogação em seus rostos. Eles eram sempre assim. Os alunos mais desinteressados da turma, consequentemente, nunca prestavam atenção em nada e nem faziam trabalho algum.

- Vocês vão ficar junto com a (S/N) para o trabalho de biologia.

- Eles nunca fazem trabalho nenhum professora. - uma das alunas disse

- Mas dessa vez irão ter que fazer, ou então ficarão sem nota nesse mês.

Os dois meninos se entre olharam e depois voltaram a conversar entre si.

O sinal indicando o fim da aula tocou alguns minutos depois. Fui até onde a professora estava e esta notou minha presença.

- Sra. Williams… Eu não posso fazer esse trabalho sozinha?

- Sempre querendo fazer tudo sozinha, não é, (S/N)? - riu brevemente - Não pode não. Você terá que fazer junto com os meninos.

- Mas professora, você sabe que eles não vão me ajudar muito.

- Por que você não tenta? Talvez você possa ajudá-los.

Suspirei desanimada. Não teria jeito mesmo.

A professora deixou a sala e eu fiz o mesmo logo em seguida. Fui até meu armário e deixei alguns livros ali. Perto do meu armário havia um bebedouro e lá estavam os dois conversando mais uma vez.

Um boate corre na escola a respeito deles. Muitos dizem que são um casal, pois sempre andam juntos e não tem outros amigos, mas eu acredito que não seja isso, eles parecem apenas amigos mesmo.

O que eu não podia negar de forma alguma era que eles eram bem bonitos. Eu não era à única a pensar assim. A maioria das meninas da escola também acham isso, e muitas já tentaram algo com eles, mas pelo que sei foram rejeitadas. Isso é um outro motivo que as pessoas usam para argumentar que eles são um casal, mas novamente, minha opinião é a mesma, não acredito que seja isso.

Me aproximei dos dois chamando a atenção deles:

- Ei, vocês. - comecei - Quando faremos esse trabalho?

- Tô fora. - Jungkook riu - Não quero fazer trabalho nenhum, ainda mais dessa professora aí. - fez bico

- Eu não vou ficar sem nota por causa de vocês. Faremos esse trabalho sim.

- Se a gente apenas se juntar na sua casa e fingir estar interessado já vale? - Jimin pergunta

- Talvez. Por que tem que ser na minha casa?

- Porque eu tenho uma irmã pequena e ela não nos deixará em paz. - disse colocando as mãos nos bolsos

- Então por que não podemos fazer esse trabalho na casa do Jungkook?

- Porque a minha avó não gosta quando eu levo outras pessoas lá. O único amigo que ela aceita lá em casa é o Jimin porque já nos conhecemos desde criança.

- Ah… Pode ser na minha casa então. - suspirei. Não queria estender mais ainda aquela conversa. - O trabalho será apresentado na segunda, que dia vocês podem ir na minha casa?

- Acho que amanhã. - Jungkook falou

- Tudo bem. Amanhã então. Depois da aula, pode ser? Lá para as 7:30 da noite.

Eles assentiram e eu então eu me despedir brevemente eu fui para casa.

(...)

No dia seguinte eu não troquei uma palavra com aquelas dois. Já estava tudo combinado mesmo, então eu apenas precisava esperá-los em minha casa.

A aula terminava às 6:20 e eu não demorava tanto para chegar em casa. Quando entrei na mesma vi minha mãe na sala terminando de calçar seus sapatos.

Quando meu pai a deixou ela ficou bem mal por um tempo, mas depois a superou e dá palestras sobre como superar términos de relacionamento e coisas relacionadas a isso. Então, isso é meio que o trabalho dela.

- Oi filha. - ela sorriu

- Oi. - sorri largo.

Ela estava prestes a sair, então eu teria que ficar sozinha com aqueles garotos aqui.

- Como foi a aula?

- Foi boa. Mais tarde vem uns meninos aqui para fazermos o trabalho de biologia.

- Que meninos? - perguntou enquanto se olhava num espelho na sala.

- Jimin e Jungkook, você não os conhece.

- Hm. Espero que façam um bom trabalho. De que matéria é?

- Biologia.

- Entendi. - suspirou - Bom, já vou indo. Até mais e bom trabalho. - pegou sua bolsa e sorriu para mim

- Tchau, mãe. - acenei e a vi sair

Deixei minha mochila no sofá e fui tomar um banho. Ao sair me vestir e prendi meu cabelo num coque. Levei o notbook e os livros que iríamos precisar para a mesa e deixei tudo pronto.

Um tempo depois tocaram a campainha e eu fui atender. Eles vestiam roupas casuais, o que foi um pouco estranho de me acostumar já que sempre os via com o uniforme.

- Oi. - disseram ao mesmo tempo.

- Oi. Podem entrar. - dei espaço e eles fizeram isso. - fechei a porta e os notei olhando toda minha casa. Não era grande coisa, mas também não era de se jogar fora - Podem vir. - os chamei e fomos até a mesa que normalmente fazíamos as refeições

- Você mora sozinha? - Jimin pergunta

- Claro que ela não mora sozinha, seu idiota. - Jungkook bateu levemente no ombro do amigo - Ainda estamos no ensino médio, esqueceu? - esse não era um argumento muito justificável, pois grande parte da turma já era maior de idade, assim como eu, e poderia morar sozinha, mas resolvi não reclamar sobre.

- Minha mãe saiu. Eu moro com ela. - digo enquanto abria o navegador no computador

- Ah sim. - Jimin disse e suspirou logo em seguida

- Bom, o assunto do qual iremos falar é esse. Eu já andei pesquisando umas coisas. - digo mostrando a tela do notbook para os mesmos, mas estes nem pareceram se importar.

- Você é sempre certinha assim? - Jungkook pergunta mudando de assim

- Como assim "sempre"?

- Você sempre faz as atividades e os trabalhos.

-Mas isso não é sinal de ser certinha, eu apenas cumpro com minhas obrigações.

- Que direta! - Jimin riu escandaloso

- Hm, então você é mais acessível fora da escola? - Jungkook volta a perguntar com um tom sério e curioso.

- Acho que não. Sou sempre na minha mesmo. Claro, se algum e vier falar comigo eu vou responder, mas eu ir até alguém é meio difícil.

- Você tem namorado? - Jimin pergunta diretamente me deixando um pouco surpresa.

- Não, não tenho.

- Então você nunca beijou ninguém? - Jungkook me olhou com curiosidade

- Não é porque eu não tenho namorado que eu nunca beijei ninguém. Eu só nunca tive um relacionamento sério.

- E sexo? Você já fez? - Jimin perguntou com um ar malicioso.

- Não acham que estão fazendo perguntas pessoais demais para uma pessoa que mal conhecem? - os olhei com certa irritação

- Desculpe. - Jimin desviou o olhar

Suspirei fundo e então respondi:

- Eu também não sou virgem, assim como vocês não são também.

Os dois me olharam um pouco surpresos.

- Você tem cara de virgem. - Jungkook, o castanho, disse.

- Mas não sou. - digo olhando para o computador - Vamos voltar a fazer o trabalho agora.

- Por que não fazemos sexo a três? - Jimin perguntou

Levantei o olhar surpresa, mas notei que os dois não expressavam nada.

- Do que está falando? Estamos aqui para fazer um trabalho e além disso, vocês não são namorados? - disse para provocar. Em minha mente já formava a idade de como seria ter os dois para mim.

- Nós? - disseram juntos e começaram a rir alto

- Eu não sou gay! - Jungkook disse cessando o riso aos poucos

- Muito menos eu. - o loiro, Jimin, falou.

- Eu sabia. - sorri de canto - Mesmo assim, vamos fazer o trabalho agora. - digo tentando me concentrar.

- Por favor, S/N, faz tanto tempo que não faço sexo… - Jungkook tocou minha mão e me fez olhar para ele

- Vocês mal me conhecem, assim como eu mal conheço vocês! - digo afastando minha mão da dele

- Mas isso não importa agora. Você nunca fez sexo a três? - neguei - Oh, mas pelo menos você já fez sexo e sabe como é. Pense que com outra pessoa fica ainda mais gostoso. - Jimin encerrou a frase - Quando fiz foi com duas meninas, mas acho que aceito dividir você com o Jungkook.

O moreno assentiu e ambos me olharam famintos.

Será que seria bom mesmo? Acho que existem oportunidades que não voltam, e talvez essa fosse uma.

- Por que eu, hein?

- Você é a única menina aqui agora, e muito gostosa por sinal. - Jungkook falou encarando meus seios cobertos pela roupa.

- Venham logo. - sorri de canto levemente maliciosa.

Eu nem estava com tanta vontade de fazer aquele trabalho mesmo…

Jungkook foi o primeiro a se aproximar de onde eu estava. Ele puxou um pouco a cadeira onde eu estava e então ficou de costas para mim, abaixou-se um pouco e me beijou sensualmente.

A língua dele brincava com a minha e uma das suas mãos tocavam meu seio por cima da roupa.

Senti Jimin se aproximar e este começou a massagear minha coxa.

Gemi na boca de Jungkook ao sentir a mão de Jimin se aproximando da minha intimidade cada vez mais.

O moreno se afastou da minha boca e levantou minha blusa até a altura dos seios. Ele levantou meu sutiã em seguida e começou a massagear meu seio desnudo.

Jimin desabotoou meu short e colocou sua mão dentro do mesmo, chegando até minha intimidade. Como eu estava sentada, ele não pôde fazer muito, mas ainda conseguiu tocar meu clitóris por uns segundos.

Levantei daquela cadeira e retirei minha blusa e meu sutiã. Jimin veio me beijar e eu retribuí intensamente. Levei minhas mãos até sua nuca e aprofundei o beijo.

Jungkook veio por trás de mim e abaixou meu short, juntamente com a minha calcinha, duma vez. Ele deu um tapa estalado na minha bunda e depois ficou a apertando.

O loiro parou de beijar minha boca e desceu um pouco para meu pescoço. Além de beijar aquele pedaço de pele exposto ele também o chupou. Seus beijos desceram mais um pouco até chegar em meus seios. Ele começou uma sucção deliciosa no esquerdo e mordiscou o bico.

Sua mão apertava meu outro seio com certa força e me fazia gemer baixinho.

Quando ele se afastou de mim Jungkook me puxou para si e me colocou em cima daquela mesa. Este abriu minhas pernas e se abaixou na altura da minha intimidade úmida.

- Você está tão molhadinha… - disse passando o polegar por toda a extensão

Jungkook começou a fazer movimentos circulares em cima de meu clitóris e logo me penetrou com dois dedos. Ele os levou até o fundo e começou a dar estocadas leves.

Joguei a cabeça para trás me entregando ao calor do momento. Eu estava completamente nua na frente de dois homens que iriam me foder até eu não aguentar mais.

Jimin levou seu dedo até minha boca e acariciou meus lábios.

- Chupa… - ele ordena enquanto coloca seu dedo em minha boca.

Eu havia entendido o recado. Ele queria um boquete, mas como isso não era possível naquele instante, fazer com que eu chutasse seu dedo já era excitante.

Olhei para ele como se realmente estivesse chupando seu membro. Jimin tinha luxúria em seu olhar e demonstrava sentir prazer apenas ao me ver fazendo aquilo.

Levei minhas mãos até sua calça e abri. Passei minha mão por seu membro, ainda por cima da cueca, e senti como ele estava duro.

O retirei de dentro da box e pude ver o tamanho. Umedeci os lábios ao ver as veias pulsando e o pré-gozo na ponta.

- Você é dotado, hein? - mordi o lábio inferior enquanto passava a mão em toda a extensão do seu membro

Jungkook começou a me chupar com mais intensidade lá em baixo e logo meu ápice chegou. Puxei os fios de cabelo dele enquanto este engolia todo o líquido que saía de mim.

Ele levantou e me olhou de cima a baixo, completamente nua e exposta para eles.

- Sua buceta é uma delícia. - falou limpando o lábio inferior com a língua

- Isso é o que eu vou descobrir agora. - Jimin falou e veio para minha frente. Ele me deitou naquela mesa e abriu minhas pernas.

Jimin direcionou seu membro para minha entrada e o passou levemente lá, mas me faz gemer, pois estava sensível devido o orgasmo que havia acabado de ter.

Ele entrou em mim devagarzinho e foi até o fim.

- Me fode logo! - disse com certo desespero na voz

Pude ver Jungkook observar a cena e começar a se masturbar. Claro que eu não pude deixar de olhar. Posso dizer que ele e Jimin estavam na mesma altura, ou melhor dizendo, tamanho. O moreno se aproximou, e enquanto ainda punhetava seu membro, começou a apertar meus peitos.

Jimin acelerou seu movimentos e me fodia com mais força a cada estocada.

- Você é tão apertadinha… - ele dizia enquanto mordia seu lábio avermelhado, assim como a cabeça do seu pau.

O loiro não demorou muito até gozar dentro de mim. Ele saiu de dentro de mim, após insistir um pouco, e sua porra começou a escorrer para fora.

Levantei dali e os olhei atentamente.

- Venham. - os chamei e eles vieram me seguindo

Ao chegarmos na sala sentei-me no sofá e eles sentaram cada um de um lado.

Toquei no membro dos dois, ao mesmo tempo, e comecei a masturbá-los. Jimin me beijou de maneira excitante e Jungkook começou a me tocar lá em baixo.

Gemi na boca de Jimin e este mordeu e puxou meu lábio.

- Quero entrar em você agora. - Jungkook disse me olhando

O outro levantou e eu deitei no sofá. O Jeon abriu minhas pernas e começou a me penetrar.

- Jimin, vem cá. - o chamei para mais perto e este obedeceu

Coloquei seu membro em minha boca e comecei a chupá-lo, mesmo com certa dificuldade. Ele era grande, acabei me engasgando algumas vezes.

Eu me sentia uma pervertida por estar fodendo com dois homens ao mesmo tempo, mas estava tão bom que eu queria que durasse por muito tempo.

Jimin apertava meus seios com certa força e falava putaria pra mim.

Jungkook me fodia com força e era bem rápido, eu iria gozar de novo a qualquer momento.

Parei de chupar o loiro e me concentrei naquele orgasmo que se aproximava cada vez mais.

- Vocês estão me deixando louca… - murmurei antes de me desfazer novamente.

O moreno saiu de dentro de mim e dei lugar para seu amigo.

- Minha vez agora… Você ainda aguenta? - Jimin perguntou

Assenti e fiquei de costas para ele. Empinei a bunda e senti ele passando seu pau na minha buceta, ameaçando entrar.

Ele levou seu dedo até meu ânus e foi o penetrando ali devagar.

-Jimin, você vai mesmo fazer isso? - gemi arrastado. Estava doendo, mas o prazer compensava.

- Já estou fazendo, linda. - ele começou a penetrar devagar ali - Você é virgem aqui… Mas por pouco tempo.

Apesar de falar isso, ele penetrou minha vagina.

Jungkook sentou em minha frente e eu comecei a chupá-lo.

Ele puxava meus cabelos e fazia minha boca ser fodida com tudo.

Jimin batia na minha bunda e penetrava meu ânus vez por outra.

Quando percebeu que eu estava quase chegando a um terceiro orgasmo na mesma noite, ele parou.

Mas como eu queria muito chegar lá, não hesitaria em continuar. Jungkook deitou no sofá e eu sentei nele.

- Penetração dupla é uma delícia, você vai gostar. - Jungkook sorriu de canto para mim

Eu havia entendido o recado. Jimin iria me foder por trás, mas eu não fiquei nervosa ou algo assim, provavelmente deveria mesmo ser uma delícia, assim como tudo que eles me proporcionaram até então.

Jimin entrou devagar em mim, mas eu não pude deixar de gemer bem alto.

Se minha mãe tivesse aqui com certeza escutaria esses gemidos e estalos eróticos.

Quando estava dentro de mim completamente começou a acelerar um pouco. Os dois estavam me fodendo forte, com vontade.

Jimin batia na minha bunda e a apertava, e Jungkook chupava meus peitos, quando estes batiam em seu rosto.

Gozei novamente. Dessa vez foi até mais intenso.

Os meninos saíram de dentro de mim e eu sentei-me no sofá. Estava exausta, e eles também aparentavam estar.

-Vamos gozar na sua cara... - Jungkook disse passando a mão por seu membro

- Pode vir. - abri a boca na esperança de que algo caísse ali.

Fechei os olhos ao sentir o líquido quentinho e viscoso cair na minha cara. Os jatos de esperma deles eram intensos.

-.Não quer beber um pouco? Ainda tem leite aqui. - Jimin falou apertando levemente a cabeça do seu pau

Assenti e me aproximei do seu membro. Abri a boca e ele mirou nela. O jato veio com tudo e degustei do seu leite docinho.

- Jungkook, também quero o seu. - fiz bico

Ele sorriu malicioso. Abri a boca e ele mirou sua porra ali.

Engoli a dele com o maior prazer e olhei satisfeita para os dois.

Se eu soubesse que seria assim teria feito outros trabalhos da escola com eles.


Notas Finais


》Eu não sou muito boa em escrever hot (Nem sei porque escrevo esse gênero KKK) mas espero que vocês tenham gostado! Se desejarem, comentem e me dêem as opiniões sobre o primeiro capítulo!
》OBS: se acharem algum erro de gramática, ortografia ou digitação, por favor, me avisem!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...