1. Spirit Fanfics >
  2. Shadow Berserker >
  3. Perigos na Dungeon

História Shadow Berserker - Capítulo 3


Escrita por:


Capítulo 3 - Perigos na Dungeon


Depois de visitar a guilda estou na biblioteca da Cidade depois de passar algum tempo lendo estou saindo de volta as ruas para encontrar uma pousada para passar a noite no momento eu tenho 3 moedas de prata aqui o valor de uma pousada é por volta de cinco moedas de cobre por noite é um pouco caro,os alimentos são por volta de 3 a 9 moedas mas depende vou procurar pela pousada mais barata até o começo do ano escolar ainda falta alguns dias e nesse meio tempo eu irei me inscrever na tal escola

 Depois de reunir informações descobri algumas coisas sobre esse mundo, os livros dizem que o mundo possui apenas um continente chamado de Palis, ele é dividido em 5 grandes países o país de Kurika lar dos demônios, Lainfraust país dos elfos, Tatair dos demi-humanos, Sifir lar dos Anões e Fraim lar dos Humanos, Fraim é conhecido como o país da dugeon e possuia grande número de pessoas era um país acolhedor que recebia pessoas de todos os outros países que buscavam entrar nas famosa dungeon essa dungeon fica em Liph a cidade fortaleza que também era a capital de Fraim

Nesse mundo cerca de 2/3 pessoas possuem uma certa habilidade chamada de [Soul Blade] essa Skill possibilita a Invocação de armas essas pessoas são chamadas de 'Soul Bladers', as armas dizem ser um fragmento da alma da pessoa e normalmente são espadas, foices, lanças, adagas, etc. Cada pessoa manifesta uma arma diferente e alguns poucos conseguem invocar duas ou mais armas, essas pessoas devido ao seu potencial acabam virando aventureiros e entram para a Escola de heróis

Depois de sair da Biblioteca ando pelas ruas encontro uma pousada para passar a noite me dirijo ao balcão nele uma garota humana de cabelos longos na altura da cintura e de cor rosa pálido ela tinha um rosto jovem e infantil logo quando entro ela me cumprimenta

"Bem vindo a Pousada Iagir"

"Ah... Eu gostaria de reservar um quarto para um"

"Sim claro! O custo é 5 moedas por noite, quanto tempo pretende ficar?"

"Ficarei 7 dias então... É 35 moedas de cobre..."

"Sim aqui a chave para seu quarto"

'E pensar que eu iria gastar tudo isso acho que logo logo ficarei pobre...'

Eu pego a chave e me vou direto para meu quarto a gorota faz um sorriso feliz enquanto me observa

"Woaahh... que sono"

Eu entro no quarto eram dois cômodos a cama para solteiro estava no canto e ao lado uma pequena cômoda eu ando e me sento na mesa no meio da sala e pego algumas frutas do inventário depois de comer vou checar o banheiro lá vejo algo peculiar uma privada, é obra dos Anões, eu faço uma feição satisfeita logo tiro meu equipamento e me deito na cama

"Ahh!... Como é ótimo deitar em uma cama denovo"

A manhã logo chega e depois de comer meu café da manhã saio de pousada as ruas cheias de pessoas andando para todos os lados toma minha visão, sob um céu azulado parcialmente limpo ando em direção a dungeon ela fica no centro da cidade e era um portal do tamanho de uma casa pilares brancos cheios de hieróglifos inpediam que os monstros passasem para fora do portal

Eu logo me cubro com o capuz e passo pelo portal junto de vários aventureiros, dentro da dungeon era escuro e as únicas fontes de luz eram os cristais luminosos que ficavam nas paredes rochosas, essas rochas eram pretas e todo o lugar estava tomado por elas

Enquanto caminho para longe dos aventureiros invoco a [Espada Eclipse] e procuro por monstros, logo um som de rachadura ecoa pelo caminho e do chão surge um monstro

Ele era pequeno e tinha uma pele escura e nariz e orelhas grandes e pontudas era um goblin eu imediatamente corro em sua direção e corto seu corpo deslizando a espada sobre ele

"Swwhhooshh"

"Guuiaarr..."

Uma voz eletrônica confirma a morte mas antes de perceber eu fui cercado por todos os lados sons de rachadura vinham de todos os lados

"kraack... krraack"

"Groooaarr!!..."

"Bem... isso será interessante"

"Guu?!"

"Swwaann"

"Ahhhh!..."

"Guuaarr" 

Correndo para os lados deviando das mordidas e garras enquanto cortava os giblins cada vez o número diminuia mas quanto mais eu cortava mais aparecinham diante de tantos comecei a lutar sem descanso percorrendo os corresdores da dungeon enquanto outros monstros aparecinham goblins, hobgoblins que aparecinham sem descanso eu continuava a mata-los deslizando minha espada uma voz eletrônica informa que subi de nível

' Você subiu de Nível'

' Você subiu de Nível'

Sem me importar continuo a caçar os monstros pelas passagens mal iluminadas 

"Swinn..."

"Griiaar..."

'[Goblin- Lvl8] foi derrotado você recebeu 100 XP'

Correndo pelas passagens estreitas e pulo sobre um hobgoblin ele era um pouco maior que um goblin comum e também mais forte vestiam armaduras e empunhavam espadas, machados ou escudos de madeira apesar da armadura ou do escudo minha espada percorria seu corpo com facilidade como manteiga antes de sair e deixar um corte que matava  imediatamente o monstro e depois seu desaparecia deixando apenas um iten drop e seu núcleo um cristal de magia 

Depois de percorrer todo o primeiro andar me deparo com as escadas do próximo avanço sem medo para mais fundo na dungeon 

"Vamos lá cadê vocês..."

"Krack krack..."

"Opa..."

Do chão das paredes e até do teto mais monstros se formavam sem me importar em checar seus Status me aproximo do hobgoblin e corto seu corpo brandindo a espada de baixo para cima fazendo um corte vertical sobre o monstro

"wiiishh..."

 Sangue é espirrado por todo lado enquanto seu corpo colapsa e cai no chão ele desaparece uma voz eletrônica confirma o abate e outra confirmando que subi de nível

' Você subiu de Nível'

Olhando para os dois restantes me aproximo rapidamente e corto suas cabeças antes deles perceberem minha aproximação 

"Woah... Acho que hoje eu matei uns 20 ou 30 deles"

'Melhor treinar com a [Adaga Relâmpago Violeta] também'

Incocando a Adaga em minhas mãos caminho pelos corredores silenciosos em busca de mais oponentes 

" !? "

"Grrooooaarr..."

"Boooommm..."

"Eck"

Um grande estrondo no chão da dungeon é feito depois de um grande monstro me atacar ele é mais alto que eu e tem um corpo volumoso cheio de cicatrizes além de carregar um longo machado de metal eu rapidamente me recupero do golpe que me atirou contra a parede e checo suas informações 'Olho da verdade'

|[Goblin Titã: Titulado- Lv 15] 

(Gigante do Machado Massivo)

Raça: Monstro Rank: D

Classe: Especializado

HP: 560 MP: 370

(Habilidades) 

[Grito Intimidador- Lvl 2] 

[Regeneração- Lvl 3]

[Passos Silênciosos- Lvl 5]|

'Então a causa de eu não ter notado ele é por causa dessa Skill 'Passos silenciosos' ele é muito perigoso realmente merece ser chamado de monstro especializado e ainda possui um titulo como algo assim ainda não foi derrotado?'

Me levanto e tomo a iniciativa para ataca-lo correndo salto para a parede a minha esquerda meu pé com toda minha força pressiona contra a parede a ponto de fazê-la rachar levando a espada sobre minha cabeça e com toda minha força atinjo o ombro do 'Goblin Titã' ele contra ataca balançando seu machado em minha direção eu devio usando um impulso para deviar de seu ataque

"Pooooshhh..."

O ataque novamente abre uma rachadura no chão fazendo fragmentos de rochas voarem junto de uma nuvem de poeir

"Cof... Cof"

 Seus olhos vermelhos brilhantes logo  desaparecem de dentro da nuvem de poeira e numa velocidade incrível ele avança sobre mim com o grande machado apontado para cima 

"Oh..."

"Pllaamm..."

Faíscas voam para todo lado, minha espada agora está contra a lâmina do machado do 'Goblin Titã' nós trocamos olhares eu logo percebo que se continuar nessa disputa de força irei perder

"Bem nesse caso..."

Trocando a [Espada Eclipse] na minha mão luzes, faíscas e raios de cor violeta se formam e tomam dorma da [Adaga Relâmpago Violeta] eu rapidamente me afasto i goblin fica com um olhar intimidante e depois dá um grito

"GGrreoooooaaaarrr..."

Esse grito potente ecoa por toda a sala ele logo me faz ter um frio na espinha eu começo a suar frio 

"Hah... Hah... Haah..."

"Kekekeke..."

O goblin dá uma risada distorcida e me olha de olhos cerrados, eu recupero a compostura e minha confiança e avanço a todo velocidade em direção ao goblin gigante a minha frente sem me importar com medo deslizo a lâmina Violeta com toda a determinação que consegui reunir de repente

" !? "

"Woah!"

Discargas eletricas começam a sair da lamina eletrocutando o goblin que tenta usar a regeneração mas sem sucesso a pele em volta dos cortes começa a queimar enquanto corro para todos os lados atigindo joelhos, costas, braços todos os movimentos em alta velocidade até que o 'Goblin Titã' colapsa e cai no chão seu corpo logo desaparece deixando apenas alguns dentes e uma pedra mágica laranja 

"Hah... Hah... Hoje foi um ótimo dia..."

Com a respiração ainda irregular eu me sento na sala vazia olhando a pedra mágica de cor laranja e uso 'Olho da verdade' para checar seus status

|[Cristal Mágico : Laranja]

Rank: D  Classe: Item Mágico

Tipo: Cristal de Magia 

Um cristal Mágico que armazena uma quantidade de mana.|

Depois de me recuperar me dirijo para fora da dungeon 

Ao passar pelo portal noto que já e noite alguns aventureiros saem junto e se dirigem para os bares ou pausadas, eu faço o mesmo e volto para minha pousada depois de passar na guilda para vender meus drops nesse dia consegui 2 moedas de prata pelo cristal laranja e 200 moedas de cobre, nesse mundo existem moedas de uma platina elas valem 1000 de ouro as uma ouro vale 1000 de prata e uma moeda de prata vale 1000 moedas de bronze chegando a pousada me deparo com a jovem recepcionista da pousada Iagir seu nome era Lilian Rasir ela me cumprimenta depois de eu entrar

"Bem vindo de volta senhor Yuu"

"Ah... Sim, estou de volta senhorita Lilian..."

"Senhor Yuu o senhor é um aventureiro?"

"Acho que sim não estou registrado na guilda ainda então não possuo um cartão de aventureiro nem posso fazer ou receber missões ainda..."

"Ah... Entendo Lilian também vai a dungeon mas ainda não é registrada na guilda, mas logo Lilian vai frequentar a Escola de Heróis então está tudo bem"

"Você também vai? eu irei frequentar espero te encontrar lá..."

O rosto de Lilian cora e suas bochechas ficam avermelhadas suas orelhas queimam depois de ouvir o comentário de Yuu 

'Eh!... Por que ela tá tão contrangida desse jeito só porque eu disse isso? Não pode ser... A Lilian está...?!"

"Eh... Umn... E-eu também espero t-te encontrar lá..."

"Ah... Sim, B-boa noite"

'Isso é ruim fiz o clima entre nós ficar estranho depois de dizer aquilo... Droga! Eu fui muito idiota agora como cou encarar ela...'

Eu coro e logo minhas bochechas queimam e ficam avermelhadas deitado na cama me acalmo e faço uma leve refeição antes de dormir

'Bem se as coisas ficarem estranhas é só agir calmamente na frente da Lilian'

Eu pego no sono depois de tirar meus equipamentos, tomar um banho e ir direto para a cama 

{ ... }



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...