História Shape of You - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fairy Tail
Personagens Jude Heartfilia, Layla Heartfilia, Lucy Heartfilia, Nashi Dragneel, Natsu Dragneel, Zeref
Tags Fairy Tail, Hentai, Nalu
Visualizações 149
Palavras 1.955
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ecchi, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá meus caros leitores, voltei depois de muito tempo.
Fique ausente durante esses meses, porque eu passei por muita coisa e não conseguia me concentrar na fic, mas para compensar esse capítulo tem hentai.

Capítulo 8 - A primeira vez


   Acordei por causa do despertador do celular, Lucy estava agarrada em mim do mesmo jeito que dormiu, desliguei o despertador e me soltei dela lentamente pra não acordá-la, peguei a camisa que usei ontem e a vesti. Comecei a arrumar as coisas e levar pro carro, deixei uma calça e uma moletom da Lucy ao seu lado pra ela usar porque parece que vai chover, quando terminei tive de acordar a dorminhoca... Tarefa super difícil. Me sentei ao seu lado e pesquisei no celular "como acordar uma pessoa sem morrer" e logo achei a opção mais fácil, fiquei encarando Lucy e não foi nem dois minutos pra ela acordar e me olhar com cara feia.

- Bom dia dorminhoca. – disse e ela fez uma cara feia misturado com sono. - Temos que ir.

- Mais já ? – perguntou se sentando e assenti. - Vou trocar de roupa. – saí da barraca e fiquei esperando a preguiça humana, quando Lucy saiu foi escovar os dentes e eu comecei a desmontar o monstro (barraca), arrumei o mais rápido possível por causa do forte vento que começou a fazer e pra melhorar a madame chegou se espreguiçando. Fomos juntos até o carro e enfiei a barraca no porta malas, Lucy guardou sua escova milagrosamente na mala e entrou no carro, entrei e tirei a touca que estava usando.

- Está tudo bem ? – perguntei colocando a mão no seu rosto. - Você está pra baixo...

- Estou pensando. – disse Lucy que me beijou em seguida. - Não se preocupa.

- Se você diz. – disse ligando o carro e saímos da praia. Foram longas horas de viagem acompanhadas de chuva, Lucy que aproveitou mais ela foi metade do caminho dormindo mas chegamos são a salvo, guardei o carro na garagem do prédio e acordei minha namorada. Entramos no meu apartamento e joguei as malas no chão, Lucy ficou pra trás e voltou com uma bola azul peluda no colo que estava todo manhoso nos seios da Lucy, fiz carinho no Happy que estava com aquela roupinha que Lucy havia dado pra ele, abri as janelas pra dar uma arejada no lugar mas não vai nem ficar muito tempo aberta pois está fechando o tempo. Coloquei comida e água pro happy e fui pro quarto, vi Lucy esparramada na cama e fui indo até ela.

- Parece um sapo pronto pra ser dessecado. – disse me deitando ao seu lado e ela se virou de lado ficando cara a cara. A beijei carinhosamente e fiquei por cima dela, Lucy colocou o pé esquerdo nas minhas costas e segurei o seu cabelo pela nuca, cessei o beijo e Lucy estava com o mesmo olhar daquela noite, lambia e dava alguns chupões no seu pescoço, ela sempre começa a tremer de prazer quando faço isso, imagina quando estivermos fazendo sexo. Ela começou a desabotoar minha camisa enquanto passava minha mão por baixo da sua camiseta e apertava seu seio esquerdo. Lucy tentou tirar minha camisa mas não conseguiu então tirei pra ela, joguei em algum lugar do quarto enquanto Lucy beijava o meu pescoço, a beijei com fervor e pretendia tirar a sua camiseta quando começou a chover...

- Natsu, está chovendo. – disse Lucy e a olhei confuso.

- Qual o problema de fazer amor enquanto chove ? – perguntei indo beija-la.

- Você deixou a janela da sala aberta, né ? – disse ela colocando o dedo indicador na minha boca.

- É mesmo ! – disse me levantando da cama e correndo pra sala. Quando cheguei já tinha molhado todo o chão, fechei a janela e quase caí por causa do piso escorregadio, Lucy apareceu na sala com os braços cruzados e fiz uma cara triste.

- Acho melhor limpar isso. – disse Lucy passando os braços pelo meu pescoço e me dando um selinho.

- Nós continuamos depois. – disse sorrindo malicioso. Peguei um pano e o rodo, Lucy foi inventar algo para comermos e o meu gato azul ficou jogado no sofá, quando terminei me sentei na cadeira do balcão e vi Lucy cozinhando. O almoço hoje foi arroz, frango grelhado com salada... SALADA ! Eu odeio salada, mas tive que comer tudo... Nunca mais deixo o armário faltando coisa, pelo menos o arroz e o frango estavam gostosos. Depois da tortura... Quer dizer almoço, lavamos a louça e quando terminei estava morto de cansaso porque dormir no chão é horrível, fui até o sofá e me deitei enquanto Lucy chegou na sala com um livro, ela ligou o som com uma música bem calma e lenta e levantou meus pés, se sentou deixando meus pés em cima das suas pernas, ela começou a ler o livro e acabei dormindo.

Acordei todo babado e vi que Lucy não estava mais na sala, me levantei e olhei pra janela e estava tudo escuro só dava pra ver as luzes do centro da cidade, peguei meu celular e vi que era oito horas... Será que a Lucy foi embora ? Andei até o quarto e lá estava ela sentada na cama ouvindo música pelos fones de ouvido e lendo um livro enquanto fazia carinho na cabeça do Happy... Ela está quase terminando o livro, não é possível que ela ficou todo esse tempo lendo. Deixa quieto... Hoje vou tomar um banho decente ! Peguei uma calça moleton e uma cueca e fui pro banheiro, tomei um maravilhoso e quente banho no chuveiro que deixou tudo embaçado, coloquei meu pijama e saí do banho secando o cabelo, entrei no quarto e Lucy não estava mais lendo o livro.

- Boa noite, bicho preguiça. – disse Lucy se levantando e a dei um beijo quente. - Você está muito quente.

- Acabei de sair do banho. – disse me espreguiçando. - Acho bom a senhorita também ir tomar o seu.

- Eu mereço... Você querendo mandar em mim. – disse Lucy pegando a toalha da minha mão e indo pro banheiro. Neguei com a cabeça e Happy pulou da cama e foi andando lentamente até a sala... Acho que ele vai dormir. Me sentei na cama e comecei a mexer no meu celular.

Autora on

Lucy estava no banheiro sentindo a água quente no seu corpo enquanto tomava coragem pra se entregar totalmente para Natsu, estava com os olhos fechados se lavando quando lembrou da noite na barraca, ficou arrepiada e envergonhada ao lembrar dos beijos, chupões e carinhos que Natsu fazia nela, ele conseguia fazer ela se sentir daquela maneira diferente e nova pra Lucy. Abriu os olhos e respirou fundo, desligou o chuveiro e penso para si mesma " Você consegue ! " saiu do box e colocou apenas uma calcinha preta e o agasalho de Natsu que estava na sua mala, penteou seu longo cabelo loiro, começou a ficar trêmula ao pensar no que iria fazer, mas bateu suas mãos em suas bochechas e respirou fundo. Pegou o celular e mandou uma mensagem para o namorado, Lucy ouviu uma música vindo do quarto, engoliu em seco e voltou sua atenção ao celular.

Natsu, fecha os olhos. - Lucy

Amor - Por que...?

Só fecha os olhos. Por favor... - Amor

Amor - Ok

Abri a porta do banheiro e Lucy foi até o quarto. A luz estava apagada, o quarto estava um pouco iluminado com a fraca luz do abajur, deixou o celular no criado mudo que fica ao lado da cama e Natsu ainda estava de olhos fechados como ela havia pedido, ela se sentou no colo do namorado que abriu os olhos e se deparou com Lucy corada e semi nua. Lucy virou o rosto pro lado e Natsu colocou as mãos na cintura da namorada, ela fechou os olhos e suspirou ao sentir os lábios quentes de Natsu passando pelo seu pescoço, o rosado virou o rosto de Lucy pra si e a beijou calmamente, cessou o beijo e Lucy colocou suas mãos nos ombros de Natsu.

- Sem interrupções dessa vez ? – perguntou Natsu e Lucy deu um pequeno sorriso. Natsu colocou suas mãos no rosto da loira e distribuiu beijos pelo rosto da namorada, Lucy colocou suas mãos nos pulsos do namorado que a beijou novamente. O rosado desceu os beijos pelo pescoço da namorada que tentava prender seus gemidos, ele desceu suas mãos até os seios fartos de Lucy os apalpando de leve. - Não prende seus gemidos... Geme pra mim.

- Ah...! – gemeu Lucy ao sentir a respiração quente do namorado em seu pescoço, que deu um belo de chupão no seu pescoço. Ele desceu rosto até os seios da namorada e começou a fazer movimentos circulares com a língua em volta da parte rodada do seio da loira, Lucy arranhou o pescoço do namorado que aumentou a intensidade de seus movimentos. Natsu parou e encostou sua testa com a da namorada que estava corada e a deu um selinho demorado.

- Se você quiser desistir, essa é a melhor hora. – disse o rosado que recebeu em resposta um beijo inesperado da loira. - Acho que isso é um sim. – falou tirando o agasalho e jogando em algum lugar do quarto, deitou Lucy na cama e ficou por cima dela enquanto se beijavam intensamente, ele desceu até a barriga da namorada e distribuiu os beijos até chegar nas pernas da loira enquanto ela apertava os lençóis da cama e ficava cada vez mais ofegante. Natsu desceu a calcinha da namorada com cuidado a deixando nua, a olhou de cima a baixo admirando o belo corpo da mulher que estava com o rosto virado corada.

- Você é linda... – disse ele beijando a loira apaixonadamente. O rosado tirou a calça moleton junto da cueca e Lucy congelou ao ver o seu membro.

- U-uau... – deixou escapar quando Natsu subiu novamente na cama. - Ele é... grande.

- Não se preocupa com isso. – ele beijou Lucy e puchou seu lábio inferior levemente, lambeu toda a extensão do pescoço da loira.

- C-camisinha... – disse Lucy segurando o rosto do rosado entre as mãos. Natsu abriu a gaveta que estava ao lado da cama e pegou a embalagem, colocou corretamente e se posicionou. Ele começou a penetrar lentamente na loira que fez uma cara de dor e agarrou nos lençóis com força, pegou os braços da Lucy e passou em volta do seu pescoço e começou as estocadas levemente. - Uh... – gemeu Lucy estava se acostumando com o rosado dentro de si, Natsu aumentou as estocadas enquanto entrelaçou seus dedos com os da loira, ela gemeu no seu ouvido enquanto Natsu beijava seu pescoço. Foram longos minutos até que os dois tiveram seus orgasmos, se beijaram apaixonadamente e Lucy acariciou o rosto do rodado que sorriu, ele se retirou lentamente da loira e se levantou.

- Vou no banheiro. – disse Natsu saindo do quarto e Lucy corou ao ver o rosado nu. Quando voltou pro quarto ela estava olhando o lençol da cama até que percebeu a presença dele e parou, ele se deitou ao lado dela e ficou a olhando enquanto Lucy acariciava seus cabelos bagunçados, ela se aproximou dele e o deu um beijo doce.

- Quer saber de uma coisa ? – perguntou a loira e Natsu assentiu. - Eu não ter a minha primeira vez com música de fundo. – Natsu deu risada e passou a mão nas costas da loira que suspirou.

- Doeu muito ? – perguntou Natsu e Lucy assentiu. - Você sangrou bastante...

- Doeu, mas acho que vou sobreviver. – respondeu apertando o queixo do namorado. Lucy deitou a cabeça no peito do namorado e ele beijou sua nuca. Não foram muitos minutos até Lucy dormir, Natsu a olhava admirando cada detalhe do seu rosto, da sensação das suas peles juntas, porém ele não ficou muito tempo acordado e também acabou dormindo.


Notas Finais


Espero que tenham gostado desse capítulo e pretendo postar com mais frequência.
Bjs na bunda


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...