História She is the Star - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias EXO, Kris Wu, Stray Kids
Personagens Kim Jong-in (Kai), Kim Seung-min, Lee Felix, Lee Min-ho, Oh Se-hun (Sehun), Personagens Originais, Wu Yifan (Kris Wu)
Tags Kris Wu
Visualizações 3
Palavras 1.299
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Festa, Hentai, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Cross-dresser, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Depois de 800 anos,tô aqui de novo aaa

Capítulo 5 - Não podemos ficar juntos,pt 1.


Fanfic / Fanfiction She is the Star - Capítulo 5 - Não podemos ficar juntos,pt 1.

CONTINUAÇÃO 

Love💕: Sim.

Eu: O que é?

Love💕: Riana eu quero terminar! Eu não suporto mais essa relação. Eu conheci outra pessoa,que me dá mais atenção que você! Eu nunca mais vou amar você Hana! Tá tudo acabado entre nós,já mandei divulgar sobre o nosso término e sobre a minha nova namorada,obrigada pelos 2 anos,boa sorte na carreira,tchau. ; Desliga o telefone,sem mesmo ouvir uma resposta de Hana.

Ligação off. 

 - Amor,tá tudo bem? Você me parece um pouco estranha. ;Fala Kris entrando no quarto. 

- Kris o Seungmin terminou comigo! Eu...eu tô...Triste com isso,mas ao mesmo tempo feliz. Triste por que ele achou alguém melhor que eu e feliz por que terminou aquele martírio. ;Abraço o Kris,que me abraça de volta,beija o topo da minha cabeça. 

Meu celular começa a tocar. 

Aish,é o Minho,vou ver o que ele quer. ; Atendo e Minho já falou gritando. 

Ligação on.

Minho💕: Eu já li as notas do término,então já montamos o seguinte esquema,tu vai voltar com o Kai ou com o Félix. 

Eu: Hã? Eu vou ter que anunciar volta com um dos dois? Vocês sabem que eu já namorei ambos por anos! E terminou por vocês sabem o que né? Minho! Eu amo o Kai da mesma forma que eu amo o Lix...Não sei se consigo escolher 1 só. 

Minho💕: Quer que eu veja com quem te shippam mais?

Eu: Sim. 

Minho fica em silêncio por alguns minutos e termina a pesquisa. 

Minho💕: Eles te shippam com o...

Eu: Com o????

Minho💕: Sehun. 

Eu: Hã? Como assim! Nao é possível! Isso não existeeeeee!!!! - Começo a gritar. 

Minho💕: Hana se acalma. 

Eu: Calma???? Impossível! Oh Sehun não,eu odeio esse homem,eu nunca mais quero vê-lo! Tá me entendendo? Minho me mantenha longe desse demônio! Ele é tão tóxico. 

Oh Sehun. 

Quem é Oh Sehun e por que me faz tanto mal ? Vou contar tudo a vocês. Eu tinha uns 14 anos e no verão se mudou-se uma família para ao lado da minha casa e o casal tinha um filho único,o Sehun,um menino tímido e bonito. Eu naquela época namorava Lee Félix,estávamos no 1° ano do médio,e ele era um pouco mais velho que nós Sehun tinha 18 anos e estava no 3° ano do médio. Era um rapaz argiloso,astuto e inteligente. Sehun era capaz de qualquer coisa,e eu fiquei com pequenos receios de me aproximar do mesmo,já ele não pensava da mesma forma. Tanto que me chamou pra sair e eu aceitei,achando que era apenas um encontro casual de amigos. Até que certo momento começou a rolar uns assuntos estranhos como: 

- Você gosta de alguém Hana? ;Falava enquanto bebericou seu suco.

- Sim óbvio,eu namoro o Lee Yongbok,mas chamamos ele de Félix. Ele é australiano com descendência coreana. Ele é sardentinho e com um sorriso incrível,super simpático,porém. ;Falei sorridente. 

- Porém? ;Falou enquanto me analisava. 

- Ele tem uma voz grossa,capaz de...Nossa. ; Falei insinuando coisas obscenas. 

- Certo. Mas a minha voz também é capaz de coisas assim. ;Ele falou decidido de suas palavras e levantou-se e sentou-se ao meu lado e começou a falar perto do meu pescoço,onde deixou um beijo molhado,fazendo-me ficar arrepiada. 

- Sehun!?

- O que foi baby? Vem vamos pra casa. ;Ele levantou sério e foi pagar a conta,a lanchonete era perto da minha casa e então fomos caminhando. Quando chegamos a minha casa Sehun tentou me beijar diversas vezes,até que em algum certo momento chega Félix. E eu só consigo a sua voz grossa falar.

- Hana,quem é ele? ; Fala com seus olhos embebidos em raiva. 

- Prazer,sou Oh Sehun o novo vizinho da sua namorada,ela é linda,cuide dela. ;Ele aperta a mão de Félix,deixa um beijo na minha bochecha e despede-se da gente com um sorriso malicioso e com um olhar de deboche para Félix. 

Com o passar do tempo. 

Desde aquele dia eu comecei a desconfiar de Sehun,com o passar dos dias ele mudava mais comigo e mudava mais e mais. Até chegar o dia do meu aniversário de 15 anos. Eu recém havia saído do salão e estava mais linda do que imaginava,então eu estava no meu quarto trocando a minha roupa íntima para poder colocar o vestido(após tomar banho). Escuto alguém bater na porta e então eu abro e era Oh me esperando com um lindo buquê de flores vermelhas,ele sorria clinicamente e eu pedi para que ele fosse embora e então ele insistia em ficar,então o mandei entrar. Sehun vistia uma terno e gravata pretos,com cabelos penteados para trás,sua pele sempre impecável e seu sorriso também,ele sentou na cama e ficou a me observar .

- Por quê Deus foi colocar na minha vida uma vizinha tão gostosa?

- Cala a boca! Chega Sehun,o que você quer de mim?

- Nada.

- Como assim nada? Você só quer me deixar maluca? 

- Não é bem isso. 

- É o que então? 

- Eu quero você,só pra mim,tipo...Na minha cama...Tipo me chupando,tipo de quatro pra mim...Tipo te fodendo. Eu te quero tipo assim,porém,eu sei que você é virgem. A quanto tempo você namora?

- Eu namoro a 3 anos... -;As palavras de Sehun me deixam excitada. Ele começa a se aproximar de mim. 

- Deixe-me provar seu gostinho,deixa vai,eu prometo ser incrível pra você,mas deixa eu te ter pra mim? 

- Sehun...Por que você me quer?

- Você ainda me pergunta? 

- Sehun! Fale! 

- Você é perfeita...E virgem,eu amo o cheiro de garotinhas virgens e indefesas. ;Me prendeu na parede e começou a passar a mão sobre meu corpo,enquanto deixava vários chupões. - Hana...Esse seu corpo me deixa duro e excitado,você me atiça garota. ; Tira meu sutiã e a calcinha e deita na cama.

- Sehun! O que você tá fazendo? Por que tá fazendo? 

- Hana entrege-se pra mim,deixe-me te fazer mulher deixe-me,tornar a mulher mais feliz do mundo? ;Aperta minhas coxas com força. 

- Certo...Mas que isso jamais se repita,ok? 

- Vou tentar me controlar. ; Sehun tira a roupa e mantém-se somente de cueca na minha frente. Logo Sehun ajeita-se entre minjas pernas e começa a fazer sexo oral,ele me chupa muito e logo para e faz o seu pedido. - Hana,me chupa vai,seu daddy tá pedindo. 

- Tá bom daddy. ; Ele se deita na cama e fico de joelhos na sua frente e ele coloca seu membro duro na minha boca e faço leves movimentos de vai e vem até ele gozar. 

- Vem cá baby,vou tirar essa sua virgindade. ; Ele me deita na cama e começa a penetração devagar e vai aumentando e sinto meu ímen romper. Ele faz movimentos extremamente gostosos,enquanto me chama de coisas sujas. - Sua vagabunda,eu quero te comer cada vez mais,hmm...Hanaa,geme meu nome geme! 

- Hmmm Sehunn... ; Falo gemendo enquanto arranho as costas dele. Logo sinto meu ápice e gozo. 

- Já gozou baby? Que fofa. ; Ele beija meus lábios de uma forma irresistível resistir à tentação dele. - Tudo bem,agora eu vou me vestir,arrumar meu cabelo e sair daqui,a gente se vê na festa my little baby girl. - Me dá um selinho. 

- Tchau daddy. ; Assim que eu falo ele sai jogando um beijo no ar. - Puta que pariu! O que foi  que eu fiz da minha vida!? Enfim foda-se. ; Me levanto e vou me arrumar. Coloco outra lingerie e o meu vestido,ajeito a maquigem e o cabelo,me olho no espelho diversas vezes.

Alguém bate na porta,vou abrir a porta e é o Félix que sorri pra mim.

- Amor você está gata! Fantástica,vamos para festa? Inclusive. ; Se aproxima do meu ouvido. - Eu vou usar esse teu corpaço mais tarde. ; Arrepio. 

- Ah Lix...Vamos pra festa.

Fomos para a festa. Chegando a festa...


FIM DO CAPÍTULO. 


CONTINUA. 



Notas Finais


Depois de tanto tempo sem escrever eu retornei! Olá mai beibes


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...