1. Spirit Fanfics >
  2. She Or Me? >
  3. Capítulo 1.

História She Or Me? - Capítulo 1


Escrita por: soft__bunny

Notas do Autor


Perfil No Wattpad:soft__bunny

Capítulo 1 - Capítulo 1.


"Porquê  o amor é  justamente isso. É ficar inseguro, é ter aquele medo de perder a pessoa todo dia, é ter medo de se perder todo dia. É você se ver mergulhado, enredado, em algo que você não tem mais controle."


Yibo levava uma vida extremamente chata e entediante, não fazia nada além de trabalhar e estudar, estava no último ano da faculdade de administração, o salário que recebia na casa noturna em que trabalhava mal dava para pagar suas contas, mas era tudo o que tinha a seu alcance.

Por sorte, sempre foi dedicado nos estudos então facilmente conseguiu uma bolsa na faculdade. Yibo sabia da importância daquela vaga para conseguir um trabalho que lhe pagasse bem. Mas, por enquanto, sua rotina era acordar, ir a faculdade, chegava e ia trabalhar.

Não sentia muita necessidade de sair de casa, por sempre odiar socializar com outras pessoas. A única pessoa com quem ainda saia e conversava abertamente era Xichen seu único e melhor amigo. Sua mãe faleceu a dois anos atrás, e seu pai? Bom...Não sabemos. Como podemos perceber, Yibo era praticamente sozinho. Praticamente não, ele era sozinho!

E ali estava ele se arrumando para ir ao seu trabalho e sorrir para todos os clientes que visitavam a boate durante a noite, sem saber o que era exatamente sorrir. Seu chefe, Nie Mingjue não era abusado e nem muito menos chato. O que Yibo agradecia aos céus.

Após sair de seus desvaneios, o mesmo confere a hora em seu relógio e vê que não era muito tarde, daria tempo suficiente para chegar. Não era uma distância muito grande, mas, não era considerado muito pequena. Ainda eram 19:00 o que deixava Yibo mais seguro em andar na rua a noite sozinho. Fazia aquele percurso todos os dias, mas não conseguia evitar o medo que sentia.

Já com as roupas de trabalho, pega seus fones e o celular coloca em sua playlist aleatória. Apesar, de parecer chato, Yibo tinha um gosto perfeito para música. Não era de se admirar que Xichen sempre o deixasse escolher as músicas, que colocaria para tocar em suas festas.

Ao perceber já estava em frente a boate, nem avia percebido andar tanto. Estava distraído demais observando a linda e radiante lua que acabou não prestando atenção no resto. Aproveitando que já havia chegado ao seu destino, o mesmo se pôs a entrar e começar ao trabalho.

Começou a preparar os drinks e bebidas, a boate começava a lotar. Yibo apenas fazia seu trabalho de fazer e entregar as bebidas que lhe pediam, ficava admirado como aquelas pessoas bebiam tanto e continuavam agindo de maneira tão normal. Talvez, fosse só ele que tivesse intolerância a álcool naquele lugar.

Preparava drinks de todos os tipos e sabores como; Dry Martini, Sex on the beach, Blood Mary, Mojito, Margarita, Cosmopolitan, Piña Colada, Cuba Libre, Pisco Sour, Caipirinha e entre outras. Não podia negar que era bom em preparar drinks, os gostos ficavam maravilhosos.

A noite seria cansativa, era tudo o que passava na cabeça de Yibo naquele exato momento. Era sexta-feira, por tanto não era de se admirar que tivesse tantas pessoas na boate, fins de semana dava bastante gente. Sentia um leve desconforto, pelos olhares que recebia da parte de certos clientes. Mas, o que iria fazer? Trabalhava ali, tinha que engolir tudo aquilo, mesmo que contra gosto.

Era difícil passar a noite inteira sorrindo e parecendo bem, quando na verdade estava com suas forças esgotadas, tudo que precisava era de no mínimo dois dias sem ir a faculdade e sem ir trabalhar. Seu corpo implorava por descanso. Não estava bem esses dias, não se alimentava direito, passava maior parte do tempo mergulhado em livros ou no trabalho. E acabava esquecendo de cuidar de si e de sua saúde.

Já se passava das {10:00 PM} e Yibo nem havia percebido o tempo que já tinha trabalho até Wen Ning um dos empregados que também trabalhava no local, vir até ele.

–Yibo? —Fala chamando a atenção do mais novo.
–Oi?!
–Você está bem? Está pálido.
–Não é nada! Só estou precisando de algumas horas de sono.
–Amanhã é sábado, tente descansar.
–Tenho um trabalho da faculdade para entregar...
–Se continuar assim...Mingjue vai te demitir. Até mesmo ele, já percebeu que você está precisando de descanso.
–Ok, ok. Eu vou descansar.
–Oi gente...Está tudo bem por aqui? —Mingjue chega roubando a atenção dos mais novos.
–Ah...Oi, sim está tudo bem! Só estava falando com Yibo Que ele deveria descansar.
–Eu ia falar isso também, Yibo seu rosto tem estado péssimo, quem te vê, acha que não dorme a dias!
–Não precisa exagerar! Eu só ando dormindo tarde.
–Tarde, mais ou menos, que horas?
–Umas 2:00 da madrugada.
–Yibo!
–O que foi Ning? Se eu realmente quero me formar o mais rápido possível, isso vai ser necessário! Mas, eu prometo que descansarei.
–Iremos confiar em você. —Mingjue fala e ao ver Yibo confirmando com a cabeça, ele sai deixando os rapazes sozinhos.
–Assim como o Mingjue falou, eu irei confiar em você, então...Não me decepcione.
–Eu não irei.

Após dita aquelas palavras, Yibo vê seu colega de trabalho saindo dali para atender aos clientes que ainda estavam no ambiente. Apesar, de ter dito que iria descansar ele não tinha certeza sobre suas palavras, não era fácil sua vida, era trabalho e faculdade, faculdade e trabalho e vice-versa.

Yibo suspirou fundo voltando ao trabalho. Ele particularmente, gostava de preparar drinks, era algo que o mantinha ocupado. O deixava ocupado a ponto de nem perceber as horas se passando. Se não fosse pelo baixo pagamento que recebia, ele ficaria trabalhando ali mesmo, mas, com o dinheiro que estava ganhando ultimamente isso não era uma opção.

Haviam se passado algumas horas, e Yibo já estava fechando a casa noturna para retornar ao seu apartamento. O último cliente, tinha acabado de ir embora, o que fez o menor agradecer mentalmente por isso. Ao desligar as luzes do local e fechar todas as saídas, Yibo sai acompanhado de Ning.

–Já que o caminho da minha casa, eu passo pela sua, posso te levar até em casa? Você sabe o que aconteceu da última vez que veio sozinho para casa.
–Hum...Pode ser!

A algumas semanas atrás, Yibo estava saindo da casa noturna após mais um dia cansativo, estava distraído demais. Até Que percebeu que avia um cara o seguindo, apressou seus passos. Até o homem correr e tentar beijar o outro que apenas ficava se revirando, Yibo não sabia de onde veio força, apenas desferiu um chute no meio das pernas do outro. E saiu correndo em direção ao seu apartamento, no dia seguinte...Relatou tudo ao outro, que ficou totalmente surpreso. À partir daí, sempre alguém o acompanhava pra casa, seja Mingjue o levando de carro, ou Ning o levando.

–Está entregue. —Ning sorri.
–Obrigado...Tome cuidado!
–Eu irei.

Yibo vê o outro se afastando, e entra dentro do apartamento, se jogando no pequeno sofá e relaxando seus músculos no estofado. Estava totalmente esgotado, como hoje não avia nada para fazer da faculdade, Yibo apenas vai até o banheiro, toma um banho e deita em sua cama para descansar. Não demorou muito para que já estivesse totalmente adormecido.

Com Xiao Zhan o dia tinha sido bastante agitado também, acordou de manhã pelo seu manager praticamente o derrubando no chão, mas, isso o mesmo relevava porquê além de ser seu manager, Huaisang também era seu amigo de longa data.

–Aish...Precisava me acordar assim?
–Precisava sim querido...Ou você esqueceu que tem que ensaiar hoje.
–Ah, é verdade.
–Xiao, aguente só por hoje.
–Como assim, "só por hoje"?
–O diretor da gravadora te deu alguns meses de descanso. Ele não entrou em detalhes, só disse que todos merecíamos um descanso.
–Melhor notícia do ano, já não aguento mais, todos os dias acordo muito cedo, eu particularmente ando cansado.
–Ah...Mas, agora levanta e vai se arrumar.

Ao Huaisang terminar de falar, o mesmo se levanta e vai até o banheiro e faz suas Higienes matinais. Ao terminar, sai do banho e ao entrar no quarto Huaisang já havia saído, mas, deixou a sua roupa pronta. E agradeceu mentalmente por aquilo, apenas se vestiu e desceu as escadas.

–Coma antes de irmos.

Xiao apenas concordou com a cabeça e sentou-se na mesa, iniciando sua refeição. Não demorou muito e o mesmo já estava sendo puxado pelo mais baixo.

–Calma A-Sang.
–Calma nada, se a gente chegar atrasado ele mata a gente.

Xiao riu do outro, e entrou no carro... enquanto passava pelas ruas via crianças brincando, casais andando de mãos dadas e muitas outras muitas outras coisas.

–Chegamos...Desce logo, rápido.
–Calma né?! –Xiao entra na gravadora cumprimentando todos. O rapaz era de um porte gentil e educado o que fazia ter bastante moças e até mesmo rapazes atrás de si. Mas, o mesmo não queria relacionamento, não agora. Era tudo o que ele pensava.
–Que bom que chegou. —Falou o diretor da gravadora olhando para o mesmo.
–Desculpe se demorei...O trânsito não estava dos melhores.

Foi a última fala ouvida naquela sala repleta de instrumentos. Xiao foi direcionado para o ensaio, sua voz era impecável...Não era de admirar que o rapaz nunca teve nenhuma dificuldade em alcançar notas vocais.

Não muito tempo depois, Xiao termina o ensaio e se direciona para o sofá da sala, bebendo a água que Nie avia o dado.

–Xiao...Como o Nie já deve ter comentado com você, irei lhe dar alguns meses de férias podemos dizer assim. Não sei ainda por quanto tempo. Quero apenas que descanse, e esteja preparado para quando eu o chamar!
–Sim senhor, eu estarei. Obrigado.

Xiao fala dando um leve aperto de mãos no diretor da gravadora e se retirando com o Nie, sem trocar nenhuma única palavra ambos vão para a casa que na verdade era mais uma mansão de Xiao.

–Chegamos. —O Nie fala saindo do carro junto com Xiao.
–Que bom que terei alguns dias para descansar. Já não aguentava mais minha rotina. Estou cada vez mais cansado...
–Isso é verdade.

Ambos entram na casa, Xiao dividia a enorme mansão com seu melhor amigo Jiang Cheng e seu manager Nie. Eram praticamente irmãos. Ambos os três solteiros, não se importavam muito com isso, gostavam de noites de sexo casual, sem muito envolvimento.

Ao entrar no quarto, Xiao vai ao banho. Após alguns poucos minutos, sai indo em direção ao closet, pegando uma peça de roupa confortável já que odiava roupas apertadas enquanto estava em seu momento de paz como ele mesmo dizia.

Após vestido, Xiao desce até a sala e encontra Nie e Jiang Cheng na sala.

–Tão fazendo o quê?
–Nada, o Jiang Cheng tava me contando que também tirou alguns meses de férias. Ou seja, nós três estamos livres.
–Vamos aproveitar bastante.
–Já tô vendo vocês me levando até uma boate ou algo do tipo.
–Boa idéia Xiao, eu não tinha pensado nisso...Mas, já que você falou, acho uma ótima idéia.
–Eu e minha boca grande.
–Não exagera...Vai ser legal. Né Nie?
–Vai sim.
–Tá, Tá. Vamos assistir algum filme ou série?!
–Vamos. —Jiang Cheng e Nie falam juntos.

Jiang Cheng e Xiao escolhiam o filme enquanto, Nie fazia as pipocas.

–Cheguei...Já decidiram?
–Já sim. É Terror...
–Nome?
–#Alive.
–Ok...

Nie se senta junto aos outros dois, e começam a assistir...As vezes Nie se assustava e Jiang Cheng começava a rir do outro. E Assim passaram a tarde, apenas entre filmes, séries e jogando conversa fora.

–Gente...Já são 19:00 A Gente nem percebeu o tempo passando.
–Nossa. Verdade! Vou deitar, estou cansado.
–Eu também.
–Então, vamos todos deitar. Boa Noite Xiao, Boa noite Jiang Cheng.
–Boa noite! —Os outros dois falam subindo as escadas.

Xiao entra no quarto toma um banho demorado na água quente para tentar relaxar, e logo veste um pijama deitando na cama... Apesar de ter passado o dia inteiro sem fazer nada, o mesmo adormece logo. 


Notas Finais


Continua Ou Para?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...