História Show me how to live. - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Audioslave
Personagens Chris Cornell, Personagens Originais
Visualizações 7
Palavras 1.098
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Hentai, Musical (Songfic), Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


ooooi,gente.
espero que gostem do capítulo de hoje!

Capítulo 4 - I Know.


Fanfic / Fanfiction Show me how to live. - Capítulo 4 - I Know.

Já tinham 2 meses que eu estava trabalhando com o Soundgarden e estava extremamente feliz.

Eu já estava muito amiga dos meninos e claro,isso rendeu muitas brigas com Rob.

Minha relação com Chris mudou. Foi da implicância a cumplicidade,e eu estava adorando.

Hoje estava sendo um dia muito corrido. Eu,Paul e outras pessoas da equipe estávamos em uma van,indo para um deserto para gravar o clipe de "Jesus Christ Pose". Rob tinha ficado no estúdio para resolver as coisas nas músicas. Função que eu não conseguia entender.

-Meu Deus,vocês são muito chatos! -Gritei para Matt e Ben que cantavam uma músiquinha chamada "Rob é um cavalo e Hazel merece algo melhor".

-Só estamos falando a verdade. -Matt deu de ombros e virou para a janela.

Chris estava sentado no banco da frente sozinho. Tinha um lugar vazio do lado dele e eu fui sentar lá.

-Posso? -Perguntei apontando para o banco.

-Claro.

-Por que você está tão quieto?

-Só estou tentando focar... Quero dar o meu melhor no clipe. -Ele olhou para mim e sorriu.

-Tenho certeza que você vai. -Sorri de volta.

-Obrigado. -Ele sorriu de um jeito muito fofo que me fez ficar com cara de besta.

________________________________________________

Chegamos ao deserto e eu comecei a derreter.

Começaram a montar as coisas necessárias para a gravação do clipe e também  um lugarzinho com sombra,onde os meninos se vestiriam e eu faria a maquiagem neles.

Todos ficaram prontos,menos Chris,já que ele quis ser o último.

-Nós vamos dar uma volta. -Kim saiu e foi acompanhado por Ben e Matt,e então eu fiquei sozinha com Chris.

-Tudo bem. 

Chris saiu de trás do esconderijo de panos que eu tinha feito para eles trocarem de roupa.

-Olha,até que eu gostei da roupa. Você leva jeito para isso!

-Eu sei disso. -Joguei os cabelos. -Agora senta aqui. Preciso fazer a maquiagem básica.

-Pra que isso? Vai sair junto com o meu suor! -Ele resmungou enquanto sentava na cadeira.

-Chris,fica quieto. -Ele me olhou como um cachorrinho abandonado.

-Chris. -Eu ri. -Não vai me convencer com essa carinha... Fofa.

-Tá,pode passar. -Ele bufou.

Comecei a maquia-lo. Passei uma base bem leve em seu rosto e depois peguei um pincel e um batom bem claro,da cor da boca dele. Ele estava de olhos fechados e se assustou assim que sentiu o pincel. 

-Que isso? -Ele abriu os olhos e passou as costas da mão nos lábios,tirando todo o batom.

-Chris! Por que você tirou?

-Por que eu preciso passar batom?

-Porque sim!

-Humm. -Ele sorriu e eu imaginava que ele falaria alguma merda. -Eu passo batom por uma condição.

-Qual?

-Se você tirar pra mim.

-Mas eu vou tir.... Chris! Eu tenho noivo,seu safado. -Falei voltando a passar o batom nele. Mas até que a ideia dele não era... Sim,era ruim.

-Tem noivo mas acho que você adoraria trair ele. -Chris falou isso e levantou rapidamente da cadeira,saindo.

Eu ficava frustrada com Chris. Eu não falava nada para ele em relação ao Rob,mas ele parecia ler meu pensamento. Infelizmente,eu realmente sentia vontade de ter uma relação extraconjugal,mas nunca tinha tido coragem de fazer isso. Eu também não achava isso uma coisa certa a se fazer.

_____________________________

A gravação do clipe começou e eu quase morri de tédio. Nós ficamos lá o dia inteirinho. Foram várias repetições,várias tentativas e etc.

Assim que a gravação acabou eu fui me sentar. Sentei encostada em uma pedra e fechei meus olhos,já que estava cansada. Ouvi alguns passos e sorri,pois sabia que era o Chris.

-Que foi,Chris? -Perguntei som um sorrisinho besta no rosto.

-Não é o Chris não,mas se quiser eu chamo ele. -Abri os olhos desesperada e vi que era Matt.

-Ah,Matt... É...

-Relaxa,eu não vou contar para ninguém. -Ele sorriu. -Mas não pense que eu não sei.

-O que? -Estava começando a achar que aquela conversa não daria certo.

-Que você gosta do Chris,oras!

Suspirei e revirei os olhos.

-É claro que eu gosto do Chris. Se eu não gostasse não iria me dar bem com ele.

-Hazel,para de mentir pra si mesma. Você sabe do que eu estou falando. -Ele fechou a cara e ficou sério. -Todos da banda já percebemos que você não é feliz com o Rob... Você não tem um pingo de amor ao falar dele. Sem contar que ele te maltrata. E não adianta negar,porque nós passamos tempo o suficiente com você para saber disso. -Quando Matt começou a falar isso,meus olhos começaram a marejar. Eu não sabia se gostava mesmo de Chris,ou se aquilo tudo era só uma atração,mas em relação a Rob ele estava certo. Eu não o amava mais. -Sabe,eu não quero me meter em sua vida,mas acho que está perdendo tempo com aquele cavalo. A senhorita vive dizendo que gosta de aventura,mas nunca viu uma porque ele atrasa sua vida. -Assim que Matt terminou,comecei a chorar.

-Você tem razão,Matt. Eu não sou feliz. -Matt me abraçou e eu chorei um pouco.

-Por que não se separa logo?

-Porque é complicado,Matt. É complicado. -Não,não era complicado. Eu menti para Matt pois não diria a ele que tinha medo de Rob. Ele era super possessivo e agressivo,e eu tinha medo de tocar no assunto e ele surtar.

-Tudo bem. Vamos parar com esse assunto.

Ficamos mais um tempo lá e depois fomos para a van,já que iríamos embora.

Antes de entrar no van,Paul me parou.

-Hazel,você fará horas extras hoje.

-Como assim?

-Terá que acompanhar esses marmanjos em uma festinha e não se preocupe,eu irei falar com Rob assim que chegar ao estúdio.

Eu estava cansada e o que eu mais queria era deitar em minha cama,maaas,ir a uma festa sozinha com eles poderia ser uma aventura.

-Tudo bem. -Respondi e sentei no banco entre Ben e Chris.

Rapidamente eu dormi. Acordei e senti que estava com a cabeça apoiada no ombro de alguém e essa pessoa tinha apoiado a cabeça em cima da minha. Antes de abrir os olhos torci para estar apoiada em Ben,mas assim que abri os olhos vi que ele estava apoiado na janela. Droga,eu estava apoiada em Chris.

Levantei devagar e Chris acordou meio confuso. Por uns segundos ficamos nos encarando e percebi que ele estava meio rosado por causa do sol que havia pego durante a gravação do clipe. Continuei o encarando,até que Paul começou a falar.

-Chegamos.

-Onde? -Kim perguntou.

-Na festa que vocês vão. -Paul respondeu como se fosse óbvio.

Descemos do carro e então fomos para a festa. Eu nem sabia porque eles precisavam ir para lá,mas nem me importei em saber.

Assim que entramos,eles foram para o bar. Me sentei com eles,mas não estava com pique para beber. Na verdade eu estava preocupada. Sabia que Rob faria drama assim que eu chegasse em casa.

Vi que Matt me olhava. Ele se aproximou de mim e sussurrou em meu ouvido.

-Se divirta. -Ele saiu e deixou um copo de whiskey na minha frente. Por um minuto eu exitei,mas quando vi,já tinha virado o copo inteiro.



Notas Finais


o que será que vai acontecer nessa festa hein??


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...