1. Spirit Fanfics >
  2. Sick ( Taekook) >
  3. Capítulo 2

História Sick ( Taekook) - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Boa Leitura 💖🌹

Capítulo 2 - Capítulo 2


Fanfic / Fanfiction Sick ( Taekook) - Capítulo 2 - Capítulo 2


Busan (Coréia) 


Taehyung (on) 


Kim _ Última chance, porque você tentou tocar meu irmãozinho Shonuw? - dizia impaciência, vendo furo na parede que fizera com minha arma, minutos antes.


Min _ provavelmente pensou que poderia se livrar facilmente - disse, eu sentia seu ódio -_ Mas não pôde, se livrar - apertou o pescoço do mesmo -_ Quando ele me deixa, vou arrebatar com sua cara no soco, só por tentar tocar no meu chiminie - disse, soltando o mesmo e cuspindo em sua cara.


Kim _ Ele sempre cumpre suas promessas, ainda mas quando você mexe com ômega do mesmo - sorri diabólico -


Son_ Eu não fazia ideia que ele era seu irmão, ou seu ômega -disse, deixando lágrimas falsas caindo por seus olhos -_ Eu juro que não mexeria com ele se fosse assim -dizia.


Min _ Como não? Você já me viu com ele em seu cassino - ri sarcástico -_ pensa mesmo que vamos cair nessa? Eu vi seu olhar para cima do meu bebê, mas ele e marcando, realmente pensou que ia abusar dele? - ri -_ ninguém toca no meu bebê - dizia.


Son_ me perdoe, eu juro não irei nunca mais nem olhar para ele - chorava como um bebê-_ me poupe eu tenho um filho, ele não pode viver sem mim - dizia.


Kim_ Filho? Eu sei tudo sobre você, sei que não tem filho algum - disse -_ é mesmo se tivesse, ele estaria melhor sem um pai asqueroso como você - encostei minha arma em sua cabeça -_ vamos prolongar a diversão, com a Roleta Russa - sorri.


Son_ É verdade, eu o escondo para que meus inimigos não o machuquei - disse -_ ele deve está faminto, mau o alimentei hoje - disse, é olhei confuso.


Kim _ Cadê a criança? - disse.


Min _ Sério? Esse verme está é querendo se salvar V - disse.


Kim _ Você sabe das regras Suga, crianças e esposas não tem nada a ver com isso - tirei a arma da sua cabeça, o mesmo suspirou mas aliviado -_ isso não quer dizer que não vou te matar, só que dizer que vou tirar seu filho daqui, ninguém merece ver seu pai morto, mesmo sendo você - disse -_ cadê a criança? 


Son_ Se for assim, não irei dizer - disse, eu somente ri.


Kim _ Eu quero poupar ele, mas se ficar de gracinha, mato você na frente dele - disse. -_ vai achar a criança - disse, jamais mataria alguém frente ao seu filho, mas ele não precisava saber dessa parte.


Min _ Tá legal - disse, assim se pondo a caminhar.


Son _ ele não está aí - disse, vi Suga retornar.


Min - já disse que ele está nos enrolando V - disse.


Son_ Porão - disse, é olhei.


Min _ você esconde seu filho no porão? Mais asqueroso que isso impossível - disse, enojado.


Kim _ vai buscar a criança Suga  - disse, minha mão coçava para matar aquele nojento.


Min _ Com prazer - disse, indo até uma porta na cozinha mesmo, tentou abrir mas estava trancada, assim o mesmo chutou a porta, uma, duas, três vezes foram o suficiente para cair abaixo a porta -_ portinha vagabunda - sorriu, assim desceu -_ que breu - gritou, enquanto eu somente olhava a porta.


Son _ Vocês vão assustá - lo - disse, como se realmente se importasse com nem está da criança.


Min _ PUTA MERDA, AGORA EU MATO COM PRAZER ESSE VERME - berrou, me deixando curioso sobre o que estava falando, não se passou nem dez minutos é o mesmo volto para cima. -_ CADÊ A CHAVE SEI MERDA? 


Kim _ Chave para que? - disse.


Min _ Para soltar o garoto, esse verme acorrentou o mesmo como um cachorro - disse -


Kim _ O QUE? você tá maluco? - disse.


Min _ Ele não é filho desse idiota nem aqui nem na China, o garoto é  claramente um ômega - disse- _ Já você é só um saco de ossos - disse, dando um forte murro no mesmo, que cuspia sangue.


Kim _ Cadê a chave? - disse sério, pondo a arma em sua cabeça, se tinha uma coisa que eu odiava era humanos, humanos aprendendo minha espécie, ainda mas ômegas frágeis.


Son _ P pescoço - disse, olhei para Suga, que foi até mesmo mexendo embaixo de sua blusa bouclê gola alta, achando um colar dourado com uma chave como pingente, assim o mesmo puxou arrancou o colar d subindo pelas escadas do porão.


Kim _ Já odeio humanos, ainda mas humanos imundos que prendem minha espécie - disse com ódio, logo vendo Suga voltar pela escada, olhei o garoto assustado em seus braços, esse que se escondia embaixo de um cobertor. -_ Ele é adulto? 


Min _ Deve ter no máximo uns 18 anos - disse, logo arrumando mas novo em seus braços, me aproximei do mesmo.


Kim _ Ei rapaz, agora está tudo bem - disse tirando o cobertor que escondia seu rostinho, paralisando no mesmo instante, assim que seus olhos amadeirados, com um brilho dourado olharam para meu, analisei cada cantinho de seu rostinho pouco sujo, mas delicado que emanava medo.


Min_ V? - chamou, mas não o ouvia de fato, sua voz parecia bem longe, somente olhava aquele pequeno serzinho, que me olhava curioso apesar do medo, engole a seco.


Kim _ Qual seu nome? - foi só o que saiu de minha boca.


_ Nome do Kook, é Jeon Jungkook - disse com a voz bem baixinha, é fraquinha, voz bem fofa e delicada como mesmo.


Kim _ Nome bonito - disse, tirei um pouco da coberta vendo os inúmeros machucados por seus braços e pernas, e pescoço que tinha a enorme marca de corrente, seria lábios não tinham côr,estavam incrivelmente machucados, suas bochechas eram bem chupadas para dentro por conta da desnutrição, seu corpo estava extremamente magro e debilitado do jovem, de modo que podia ver suas costelas marcadas na camiseta suja e rasgada, vestido apenas isso é uma velha box, o mesmo parecia não ser  alimentando corretamente, mesmo com isso tudo, o mesmo era o rapaz/ômega mas lindo que já vi em minha vida. -_ leve ele para o Jimin é Woon, vou acertar minhas contas com esse cara - disse, olhando para Son, que me olhou fechando os olhos, provavelmente por saber seu destino, que não era nada bom, tendo em vista que meu lobo queria sua cabeça assim como eu.


Min _ Já voltou para nós divertimos Son - sorriu diabólico.



Notas Finais


Perdão os erros ... Até a próxima 💜💖


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...