1. Spirit Fanfics >
  2. Sign Of The Times >
  3. Eu sei que é você

História Sign Of The Times - Capítulo 4


Escrita por:


Notas do Autor


Oi! Desculpe a demora... E desculpem qualquer erro...
Eu não coloquei até agora uma pessoa para ser a Olívia, quem poderia ser ela na história? Mandem uma sugestão...

Capítulo 4 - Eu sei que é você


Fanfic / Fanfiction Sign Of The Times - Capítulo 4 - Eu sei que é você

                 Olívia Davies

 Sabe aquela sensação de conhecer a pessoa e sentir uma conexão tão grande que é difícil de explicar. Há algo realmente famíliar em seus olhos... Algo que me deixou hipnotizada. Isso é  completamente sem sentido, eu nunca vi Harry em minha vida, mas é como se ele fizesse parte dela a muito tempo. E depois que ele falou que é meu anjo da guarda? Contou sobre episódios da minha infância, coisas que só eu sabia e mais ninguém. Harry está mesmo falando a verdade. E eu acredito nele. No começo eu avia pensado que ele era um louco que não estava assimilando o que falava, alguem que não estava em sã consciência. Mas agora com essas coisas que Harry falou... tudo faz sentido.

Harry me fez lembrar da noite em que eu não conseguia dormir, pois eu estava com medo de ficar sozinha em meu quarto. Eu tinha apenas 7 anos, e para piorar ainda mais o meu medo... o quarto estava escuro, então eu chamei minha mãe e ela tentou me acalmar contando para mim sobre existir anjos que nos cuidam. Ela me disse que eu tinha observando ele me protegia, como eu era muito pequena eu fiquei encantada com o que ela avia dito. Mas com o passar dos anos eu fui crescendo, e deixei de acreditar nessa história.

As perguntas que não querem calar... Se Harry é um anjo, por que eu posso encherga-lo agora? E porque ele tomou a forma humana? Harry não quis me responder, mas eu vou descobrir.

 Hoje era minha folga do trabalho, e como avia combinado, minha amiga ira vir me visitar. Ela me ligou e disse que ja estava a caminho.

- Bom dia. - Sorrio para Harry que retribuí meu sorriso. Eu estava preparando nosso café da manhã, pego duas xícaras e sirvo uma para ele que fica parado me observando

- Senta, não vai tomar café parado. - Digo brincando, e ele senta pegando a xícara e levando até a boca. - Cuidado esta quente. - Sento em sua frente pegando um pão e colocando geleia de morando. Ele toma o café e faz cara de quem acabou de se queimar com o líquido quente. - Eu avisei que estava quente, você não me ouviu... - Harry sorri e coloca a xícara sobre a mesa, e eu entrego o pão com geleia para ele.

                         ***

- Olívia. - Abro a porta e Mia vem e me abraça. - Estava com saudades. - Ela diz se afastando um pouco e pegando da minha mão. sorrimos gentilmente uma para a outra.

- Também estava com saudades. - Respondo. Vejo seu olhar mudar de direção.

- Quem é ele? - Mia pergunta com uma sobrancelha alevantada e eu me viro para trás vendo Harry.

- Esse é o Harry. - Aponto para a direção dele. - E Harry... essa é a minha amiga Mia. - Faço o Mesmo. Ela sorri para Harry e ele também. Mia continua sem entender.

- A gente pode conversar? - Mia pergunta.

- Eu vou deixar vocês ficarem a vontade, não quero atrapalhar. - Harry fala e sai para outro cómodo do apartamento.

- Por que não me contou que estava namorando? - Mia diz indo para o sofá e  senta nele me puxando pelo braço.

- Harry não é meu namorado. - Respondo olhando para ela que fica confusa.

- Então o que ele é seu? - Pergunta curiosa.

- Eu fui passear ontem a noite... Então quando eu estava na praça e escutei alguns barulhos, como você sabe que eu sou curiosa, eu fui ver o que era. - Mia prestava atenção em tudo que eu estava falando. - O som vinha de um beco escuro... Quando eu me aproximei e encontrei Harry ali... Encolhido na parede e completamente nu. - Ela me olha de um jeito impressionada.

- Olívia... Você está louca? como você coloca um desconhecido na sua casa? - fala preocupada. - E se ele for um assassino, e matar você.

- Cala boca Mia... Não fala assim, eu sei que Harry não é. - Digo calma.

- E como você sabe... Só por que ele é um cara bonito não quer dizer que ele não seja perigoso...

- Eu não disse isso, você está tirando conclusões precipitadas. Harry não é perigoso e eu não terminei de contar a história... - Me irrito com ela, como pode pensar que eu ajudei apenas por achar ele bonito. - Respiro fundo para me acalmar e contínuo contando. - Harry disse que é meu anjo da guarda. - Mia começa a rir, mas percebe que eu estou seria e para no mesmo momento.

- Você esta falando a verdade? - Faço sinal positivo com a cabeça e ela me olha como se não acreditasse no que eu avia falado.

- Eu sei que é verdade... Harry disse coisas sobre minha vida que ninguém mais sábia... Se não quiser acreditar tudo bem, eu so contei a você mesmo por ser minha melhor amiga. - Finalizo. - A agente não tem segredos uma com a outra...

- Olívia você é minha amiga... mas isso é loucura, colocar alguém que você não conhece na sua casa. - Ela se levanta e caminha de um lado para o outro. - Você não pode acreditar nas coisas que ele diz. Ele pode estar te vigiando a muito tempo e por isso...

- Chega! Eu pensei que sendo minha amiga iria entender, mas eu ja vi que não é possível. -  Passo minhas mãos sobre os meus cabelos. O clima estava tenso.

- Olívia eu sou sua amiga... E é por isso que estou falando para o seu bem.

- Mas eu estou bem, Harry não é perigoso... Eu sei que não. - Ela me olha, e chaga mais perto de mim.

- Mesmo achando errado, eu preciso respeitar sua decisão... Não quero brigar com você amiga. - Diz me abraçando.

- Eu também não quero brigar com você. - Rimos junto ao abraço.

(...)

- E ai Harry quantos anos você tem? -Mia pergunta e Harry muda seu olhar para ela.

- Anjos não tem idade, somos eternos. - Mia fica surpresa pela resposta, ela esta tentando entender isso tudo que esta acontecendo. Ela concorda com a cabeça e diz:

- Hum... Interessante, eu acho que sua aparecia é de um jovem... - Ela pausa um pouco para analizar. - De no mínimo 23 anos... Então se alguém perguntar a você sua idade, diga 23 anos. - Sorrio com o jeito da minha amiga falar. - Mas... Então Harry por que você se transformou em humano? - Ela pega o seu copo de suco para beber.

- Eu ja perguntei isso a ele... Mas não obtive resposta. - Olho para Harry e ele olha para mim.

- Se não quer nos contar Harry, não se preocupe não iremos insistir... Ok. - Mia sorri gentilmente para ele que sorri também pela sua compreensão.

                          ***

                       Harry

Ela está dormindo em um sono tranquilo... Tão linda... É incrível poder sentir seu cheiro e tocar sua pele tão macia. Desde que eu me apaixonei por Olivia eu só imaginava como seria esse dia, eu sei que eu estava sempre ao lado dela, mas agora é diferente, Olívia pode me ver, será que ela poderá se apaixonar por mim também? Algum dia ela vai me amar como eu a amo?

Eu não estou totalmente transformado em humano. Ainda posso tomar forma de Anjo por enquanto, mas não vai ser necessário usar os meus poderes.

Eu não durmi, passei a noite inteira no quarto de Olívia... Como sempre foi assim, mas antes do sol nascer eu tenho que sair daqui, eu não quero que ela se assunte com a minha presença. Afinal para Olívia eu ainda sou um estranho.

Ela esta agitada... Movendo-se de um lado para o outro e falando coisas sem sentidos, Olívia está tendo um pesadelo. Caminho até sua cama e me deito do seu lado sem sem fazer nenhum movimento brusco.

- Não... Não... Me solta... - Ela esta suando frio e cada vez mais agitada. Puxo ela para mais perto de mim e a abraço.

- Shiu... Vai ficar tudo bem. - Acaricio seus cabelos para que ela se acalme. Ela muda de posição envolvendo seu braços em meu corpo me abraçando. Ainda de olhos fechados ela diz:

- Meu anjo... - Ela parecia estar mais calma agora, eu acho que seu pesadelo passou.

- Sempre estarei com você Olívia. - Digo beijando sua testa. - Eu a amo... - Eu sei que ela esta dormindo e não se lembrará do que eu disse agora.

- Harry. - Ela diz meu nome baixinho. - Eu sei que é você...






Notas Finais


Obrigado por ler até o próximo!!!❤❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...