História Simplesmente Acontece!! - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Karin, Kizashi Haruno, Mebuki Haruno, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Tags Sasusaku, Simplesmente Acontece
Visualizações 21
Palavras 2.250
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero que gostem!! 😊😘

Capítulo 1 - Capitulo 1


Fanfic / Fanfiction Simplesmente Acontece!! - Capítulo 1 - Capitulo 1

Tudo bem, respire fundo e conte tudo desde o começo. Conte como nos conhecemos, conte desde quando compartilhamos os nossos sonhos...

-Tive um sonho estranho ontem…- Até os sonhos mais estranhos do Sasuke. - Sabe o barco à remo? Aquele lugar em forma de U onde fica o remo, se chama forqueta, sabia?

-O que?  - eu perguntava para ele. Éramos pequenos e estávamos um nossa barraca feita de lençóis,  com uma plaquinha escrita “Hotel”,  em meu quarto.

-Se chama forqueta, tipo porqueta mas com “F”.- ele falava, me fazendo rir.- Eu era isso, eu era uma forqueta. - me fez rir e nós demos as mãos.

Não, melhor deixar isso em segredo. Diz pra eles que isso é, que isso só  pode ser…

-Pessoal.- Diz pra eles que esse só pode ser um dos dia mais felizes da minha vida.- Pessoal,por favor. Para quem eu não tive a chance de falar direito, eu sou a Sakura. E esse com certeza é  um dos dias mais felizes da minha vida….


                12 anos antes

   Aniversário de 18 anos da Sakura.

Ela não lembra de quase nada, porque estava bêbada.


Era uma balada em Londres. Sakura e seu melhor amigo, Sasuke, comemorando o aniversário de 18 anos da jovem. Depois de algumas  doses de tequila,  ela já estava muito bêbada, os dois dançavam e brincavam.

Depois de mais uma dança, os dois foram para o bar, sentaram nos banquinhos e viraram mas algumas doses de tequila com limão. Em um momento, Sasuke estava muito perto de sua melhor amiga, os dois estavam rindo. Sakura, completamente bêbada, virou mais uma dose e Sasuke, rindo, coloca a fatia de limão nos lábios de Sakura, que acaba chegando mais perto do rosto de Sasuke. Os dois ficam presos em uma troca de olhares. Como um ímã, os dois se aproximam cada vez mais, até que se beijam. O beijo, que iniciou como um simples selinho,  foi se tornando mais intenso, e quando Sasuke ia colocar a mão na nuca de Sakura, para puxá-la mais para si,  ela cai do banquinho e desmaia.

    Sakura on


Eu sinceramente não quero levantar dessa cama. Mas algum infeliz tinha que tocar essa campainha, que com toda certeza minha mãe vai atender. Nossa, que dor de cabeça infernal, nunca mais vou beber.

-É o Sasuke!- gritou meu irmão Akira, que tinha 8 anos. Era o caçula e era um amor de criança. Já meu irmão Hayato, que tinha 10 anos, era um pestinha. Somos  em 3,  e eu sou a mais velha. Acho melhor descer e salvar meu amigo, se não a Dona Mebuki não deixará ele em paz.

Ao descer a escada enrolada no edredom, ouvi eles conversarem.

-Eu juro que foi tudo minha culpa, eu obriguei ela a ir.- Sasuke está sempre tentando me proteger das burradas que faço.

-Olha Sasuke, eu gostaria muito de acreditar em você. Só que eu conheço minha filha. - ela suspira fundo - Que bom médico você vai ser tornar se continuar assim?

-Porque tá todo mundo gritando?- falei manhosa,  no topo da escada. Minha mãe revirou os olhos e foi para sala. Eu me viro para ir para o quarto e sasuke sobe as escadas, me seguindo.

-Ai, eu to morta de vergonha do que aconteceu ontem!- falo, e era verdade. Nunca fiz isso na minha vida, mas queria saber como era, e arrastei meu único e melhor amigo pra ir comigo.

-Não, não tem porque ficar com vergonha.- ele falou, entrando no meu quarto e fechando a porta. Somos amigos desde sempre, ele é meu vizinho e frequentamos a mesma escola e a mesma classe. Compartilhamos os nossos segredos e sonhos. Ele é um nerd alto, cabelo escuro que tampava o rosto quase todo, e tampa os lindos olhos negros que ele tem. Sonha em ser médico, e eu acredito nele e apoio esse sonho.

-Eu me comportei muito mal ontem- falei, completamente frustrada. Além de  beber muito e desmaiar, eu não me lembro de nada que aconteceu. Me jogo dramaticamente na cama.

-Mal as vezes pode ser bom.- assim que falou, se jogou ao meu lado.

-Mal? Mal não, foi péssima. - choramingo.- Dá enjoo só de pensar.- Sasuke se remexe e pergunta.

-M… Ma.. Mas de que parte você tá falando?

-De tudo! Nunca aconteceu, tá legal Sasu? Ninguém pode saber, tá?- ele olha pro teto.

- Tá!- estranho, ele parece pensativo... Será que fiz alguma coisa que não lembro ontem?

Quando eu ia perguntar o porque dele ficar assim, a porta do meu quarto abre e Akira e Hayato entram gritando.

-AH SAKURA FOI PRO HOSPITAL  NANANA. - eu mereço! Peguei uma almofada  e joguei neles.

-VÃO EMBORA!! - Iria acertá-los, se eles não tivessem fechado a porta. Ta aí uma boa pergunta, como eu saí do hospital? Lembro vagamente de estar no hospital, porque Sasuke  me levou depois de eu ter desmaiado de tanto beber, umas das poucas coisa que me lembro, pra falar a verdade.

-Como eu saí do hospital? - perguntei olhando pro Sasuke.

- Haann... Minha mãe pegou a gente,  eles precisavam dos nomes dos responsáveis e eu não quis dar os nomes dos seus, e sua mãe acha mesmo que eu sou uma péssima companhia e blá blá blá.- dramático, meus pais adoram ele.

- É, você  é mesmo uma péssima companhia!- falei rindo, porque ele sabe que é mentira.

- E é por isso que vou ter que passar 2 horas na biblioteca todos os dias por duas semanas. - falou ainda olhando pro teto.

-Nossa que pesadelo.- falei olhando pra ele.

- É, mas podia ser pior...- deu uma pausa. - A Ino tá trabalhando lá agora. - Falou sorrindo pra mim. Cachorro!

- Seei, Ino Yamanaka?- falei sarcástica.- Sério, a Ino? Esquece, até eu quero dormir com ela. - ri, tirando com a cara dele.

-Para sua informação...- falou com aquele sorriso de canto que eu tanto adoro.- Ela não tira o olho de mim. - Até parece, sem chance.

-Ela deve ta pensando porque você ainda não espremeu essa espinha na testa!- falei rindo.

- Haaaa, qual é?- ele riu também.

-Não, sério. Vem aqui, deixa eu espremer pra você! - falei rindo e pulando em cima dele.

-Não, pode parar! Não faz isso Saky, nem pense em fazer isso!-  Falava tentando segurar meus braços, enquanto nós dois gargalhamos.  

Depois dessa nossa brincadeira, Sasuke foi pra casa. Ele tá de castigo, assim como eu também. Duas semanas sem sair de casa, e só vou conseguir ver Sasuke no colégio. Estávamos no último ano, no fim do último ano pra falar a verdade, e esse ano tem o tão esperado baile. O garoto mais popular do colégio me convidou para ir com ele, mas não aceitei, porque tinha combinado de ir com Sasuke.

Duas semanas se passaram, e não foi de todo ruim. Passei o tempo estudando para tentar fazer um vestibular, já que minha família não tem condições de me pagar uma faculdade. Também passei essas semana vendo filme com meus irmãos e falando com Sasu pelo bate papo no computador. Mas já estava doida para esse castigo acabar pra poder sair e me divertir com Sasuke, e assim foi. Combinamos de ir a praia. Era de tarde e alguns colegas do nosso colégio estavam lá também, mas eu e Sasuke nos divertiamos juntos, só nós dois,  correndo pela areia e pulando nas costas um do outro, e até jogando areia um no outro. Quem olhasse para a gente assim, não iria falar que já temos 18 anos.

Estávamos todos conversando até que Sasori, o garoto mais popular do colégio, pediu para falar comigo de novo.

-Sakura, vim te pergunta de novo se você quer ir ao baile comigo?

-Sasori eu não sei, já tinha combinado de ir com um amigo...

-Qual é, vem comigo vai se legal.

-Foi mal, mas não vai dar.

-Ta, mas se mudar de ideia, é só  falar!- ele se afastou e eu voltei para onde Sasuke estava.

Depois que o sol estava se pondo, sentamos na areia, olhando as outras pessoas e rindo.

-Olha lá o Sasori.- olhei e ele tava junto de alguns amigos e uma garota do lado dele, e ele estava mostrando os músculos.- Pra mim ele é um galinha!- Comentou.

-Mas é muito gato!- falei.- Ele me convidou para ir ao baile.- Sorri.

-Como é? E o que você disse?- falou um pouquinho sério.

-Falei que não, é óbvio! Eu vou ao baile com você.- Falei sorrindo.

-Oi Sasuke, eu senti sua falta na biblioteca. - Falo Ino enquanto se aproximava. É impressão minha ou ela ta dando em cima do MEU melhor amigo?!

-É… Pois é, eu tava atoa por ai. Não, não, não. Digo, eu tava muito ocupado.- Porque ele tá corado?- É isso, eu tava muito ocupado.- ela riu.

- Ah sim. Eu senti sua falta, vê se não some tá!- Não to gostando muito disso.

- Tá bom, pode deixar eu não vou sumir não. Te vejo lá.- e ela voltou para onde as amigas dela estavam.

- Isso… Foi… Muito patético!- eu falei olhando pra ele.

- Essa aí já tá na minha.- não acredito no que eu ouvi.

- Você deu foi muita sorte de ela não ter escorregado na sua baba no chão! -falei olhando para o mar.

- Oooh, vai lá me dá umas dicas se é tão esperta! Como eu dou em cima de uma garota que é demais para mim?- me olhou com um olhar desafiador.

-Você está falando sério?

- É, eu to sim. - Tá bom então, Sasuke Uchiha.  

- Em primeiro lugar, você  já está em desvantagem só  pelo fato de você ser tipo, “virgem”! -A última parte falei baixinho.- Não, não, mas isso da pra resolver. Primeiro  você  tem que ser mais descolado.- ele abaixou a cabeça e riu.- Isso é fácil, só precisa ignorar e fingir que não liga para ela.

-Tá, nisso eu já tenho prática.

-E segundo...- continuei meu raciocínio.- Tem que mostrar que você viu algo nela que ninguém mais viu, talvez a alma dela.

- Enquanto ignoro ela?! - falou sorrindo.

- Exatamente!

- Tá legal, mas onde foi parar o Sexo?- ele riu.

-Tem tudo a ver com Sexo!

-Você não presta, sabia?- riu mais ainda.

-Você não faz ideia!- gargalhei.

Ficamos um pouco em silêncio, e ele virou para mim e disse:

-Ela quer que eu seja o par dela no baile...

-Sério? -Isso me incomodou.

- É isso mesmo.- ele parece feliz com isso.

-Leva ué. Se é importante pra você, leva ela.- É só um baile, certo?

-Não, qual é? Você vai acabar ficando sem par.

- Ei, eu acabei de ser convidada pelo cara mais gato do nosso ano, eu vou ficar bem.- Eu acho.

-Então, na verdade, isso veio bem a calhar pra você?- Não, não mesmo.

- Sim veio!

- Tá bem, então eu vou convidar ela.- CACHORRO!

- É, faz isso!

-Tá bom, eu vou lá então!- sorriu.

-Ta!- ele levantou e foi.

- EI INO, OI…- Fiquei olhando para eles, enquanto os dois conversavam.

Qual é, Sakura? É só um baile, né?. Eu repetia para mim mesma. Vi eles se abraçando, IDIOTA! Quer saber? Vou aceitar o convite do Sasori! Me levantei e fui até ele.


-Oi Sasori, posso falar com você?.- ele acena que sim com a cabeça e me segue. Fomos um pouco mais afastado do pessoal.

- Então Sakura, pode falar.

- Sasori eu estava pensando... E decidi que, se ainda estiver de pé o convite, eu gostaria de ir com você ao baile.- Falei sorrindo.

- Claro que tá de pé o convite, será um prazer ter você me acompanhando!

- Ta ok então, depois agente combina certinho tá?- falei saindo.

-Tá joia!- ele acenou com a mão pra mim.

Como Sasuke estava de papo com a Ino, decidi ir embora. Dei apenas um tchau com a mão para ele e fui embora.

No outro dia, evitei ao máximo falar com o Sasuke. Estava meio chateada com ele, pois a gente tinha combinado que iríamos juntos ao baile. Tá certo que eu falei pra ele chamar a Ino pra ir com ele, mas o que poderia fazer? Ele parecia feliz, e eu não ia ser egoísta com isso.

Agora estou na aula de história e estamos usando os computadores, meninas de um lado da sala e meninos no outro. Por cima do computador eu percebi Sasuke olhando pra mim todo sorridente. Humm tá com cara de quem aprontou! Apenas ignorei, mas como minha sala de bate-papo tava aberta, ele mandou mensagem para mim.


Chat on

-Sakura, ta ai?

- O que foi? Sua cara ta me irritando!  -_-  - Ele olhou pra mim e riu.

- Tenho uma novidade! - Com certeza ele aprontou.

- Eu também! Preciso me concentrar, para conseguir passar nas provas e ter uma vida. - ele riu e começou a digitar.

-Minha virgindade já era! - ta legal isso me deixou em choque. - Oi ta ai ainda??! - eu tô, seu babaca!

- Quem foi a vítima??! - Por favor, Ino não, Ino não, a Ino não!!

-A Ino!

Chat off


-MERDA!- ai caramba, falei alto.

-Já chega! Sakura Haruno já para diretoria!- falou o professor. Quando me levantei, Sasuke também se levantou.

- Não, não professor foi tudo culpa minha, eu precisava conta uma coisa pra ela!- ele tentou me defender, como sempre.

- É, eu percebi Sasuke!- ele deu um click no teclado do computador, e nossa conversa apareceu no telão da sala, pra todo mundo ver!- Meus parabéns!

E todos da sala começaram a bater palmas e rir da nossa cara! MAIS QUE MERDA!



Continua....  









Notas Finais


😊☕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...