1. Spirit Fanfics >
  2. Sinais de Primeiro Amor. (Yuri) >
  3. Encontro após a aula 2. (História literal)

História Sinais de Primeiro Amor. (Yuri) - Capítulo 22


Escrita por:


Capítulo 22 - Encontro após a aula 2. (História literal)


"Nestes momentos que passamos juntas após a aula... A distância entre nós fica ainda menor". 

No karaokê...

Akira:  🎵🎶🎶🎵🎵

(A akira é mesmo uma ótima cantora.)

Chitose: Minha diva! Você arrasa! Eu te amo!

Como estamos só nos duas aqui, eu gritava feito louca. Então, ela sorriu timidamente. 

Akira: Obrigada. Eu também te amo.

Chitose: O que? Você ama o quê? A minha música?

Akira: Hã? Do que está falando? Você estava dizendo que amava a minha música?

Chitose: Não, não foi o que eu quis dizer. Bem, eu amo te ouvir cantar. Eu amo você e a sua música. 

Akira: Hehe, entendi.

Vendo-me entrar em pânico, ela deu um largo sorriso e começou a cantar de novo. 

(Aff... Não me provoque. Dizer essas coisas tão subitamente, faz o meu coração disparar.)

No caminho...

Chitose: Hoje foi tão divertido!

Akira: Sim. Foi divertido te ver indo a loucura. 

Chitose: É por que eu gosto de te ouvir cantar.

Akira: Bem, fico feliz em ouvir. 

Embora eu tenha respondido de maneira seca, ela segurou a minha mão e começamos a caminhar alegremente. 

Akira: Vamos dar uma passada naquele restaurante popular.

Chitose: Desculpe, eu tenho que ir para casa agora.  

Akira: ...Ok.

(Ela parece triste. Fico feliz em saber que ela ainda que estar comigo.)

Chitose: A Mayu está vindo passar a noite na minha casa hoje. Desculpe. 

Akira: Ah... É uma festa do pijama. 

(Nossa, que olhar afiado!)

Chitose: ... Você está brava?

Akira: Eu não ligo. Se você precisa se apressar, vamos embora logo.

Chitose: Ah, claro. 

(Que clima pesado. Talvez seja a hora de me fazer de boba.)

Chitose: Akira... Você está, com ciúmes? Desculpe, foi brincadeira. Hehe. 

Akira: ...!

(Oh, ela está corando. Ela realmente...)

Chitose: Você está mesmo com ciúmes?

Akira: Tanto faz.

Chitose: Hey, espere...!

Ela começou a andar de mal humor, mas ela foi diminuindo a velocidade, então eu pude alcançá-la.

Chitose: Akira...

Akira: Ficar com ciúmes por causa de uma amiga sua é tão estúpido. 

(Ela estava mesmo com ciúmes de mim. Ela está emburrada, que fofa!)

Chitose: Você não tem que ter ciúmes. Você é a pessoa que eu mais amo.

Akira: Mesmo assim, eu me sinto mal. Eu também quero ficar mais com você. 

Eu pude ver que ela estava triste só de ouvir ela murmurando. Inevitavelmente, a abracei. 

Chitose: Sinto muito. Eu não percebi que você estava tão triste. 

Akira: Está tudo bem. Eu não quero te mostrar o meu lado deplorável.

Chitose: Mas... Você quer que eu não me aproxime de outras pessoas?

Akira: Não, eu não te pediria isso. Eu não me sinto bem, mas quero que você continua saindo com as suas amigas como sempre. Mas, ainda assim, eu não gosto de te ver saindo monopolizada por outro alguém. 

Chitose: Entendi. 

Akira: Você também não quer me ver ficando próxima de outra pessoa, quer?

Chitose: ... Não mesmo. 

Akira: Ah, tive uma boa idéia!

Chitose: Hm?

Ela sorriu para mim e me olhou nos olhos. 

Akira: Enquanto você estiver se divertido com alguém, eu vou sair com alguém também. 

Chitose: O quê?!

Akira: Brincadeira. Eu não quero fazer isso mesmo. E também, você sabe que eu não tenho amigos assim.

Chitose: Verdade. 

Akira: Você deveria negar isso.

Chitose: Desculpe. Mas, se é assim, sou eu quem tem que curar o seu coração. 

Akira: Hm, o que está dizendo...?

Chitose: Eu te amo, Akira.

Eu pressionei a minha testa contra o corpo dela e a abraçei com toda a minha força. 

Akira: Bem, eu já sei que você me ama.

Chitose: Mas, você ficou com ciúmes porque eu não te disse isso o suficiente, não é? Então, eu vou dizer que te amo muitas vezes!

Akira: Já é o suficiente. Eu estou bem.

Chitose: Nada disso! 

Ela bufou e me abraçou de volta.

Chitose: Está se sentindo melhor agora?

Akira: Sim. Se você estiver comigo, me sento relaxada. 

Chitose: Eu também. Queria que pudéssemos ficar juntas para sempre. 

Akira: Mas, você fez uma promessa, então vá logo para casa.

Chitose: Eu sei, mas... Então, venha à minha casa na próxima vez.

Akira: Sem chance. 

Chitose: Por que?! 

Akira: Vai parecer que eu estou competindo. 

Chitose: Mas, eu quero passar a noite com você. Eu quero ficar contigo cada vez mais. 

Akira: Aff, não me olhe como um cãozinho sem dono. Assim não consigo negar.

Chitose: Ah, então...?

Akira: Qualquer dia desses, ok?

Chitose: Certo. Então, vamos fazer uma promessa de mindinho!

Akira: ... Ok.

Parecendo desconfiada, ela estendeu a mão e fez a promessa com o seu dedo esguio. 

Chitose: É como se fôssemos ter um encontro especial.

Akira: Especial, né. 

Chitose: Nós podemos nos monopolizar por uma noite inteira. 

Akira: Você está deixando isso estranho. Sua amiga está te esperando, vá logo para casa.

Chitose: Ah, só mais cinco minutinhos.

Fiquei animada em passar a noite com ela. Meu coração batia rápido, pensando em ficar com ela a noite inteira. 

                     ♥Fim♥



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...