História Sing For Me - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Neo Culture Technology (NCT)
Personagens Haechan, Jaemin, Jeno, Mark
Tags Donghyuck, Haechan, Mark, Markhyuck, Nct, Nct Dream
Visualizações 97
Palavras 3.597
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Homossexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Vou fazer suspense por hoje hehehehehe, espero que gostem ♥

Capítulo 4 - Capítulo 4 - King And Lionheart


Dois meses haviam se passado desde que a vida de Mark havia virado de cabeça para baixo. Sua mãe ainda estava internada, e ele passava mais tempo no hospital do que em sua própria casa. Algumas vezes, Donghyuck vinha fazer companhia para Mark no hospital, ele aproveitou e conheceu melhor a mãe dele, que particularmente o adorou, ela dizia que ele tinha uma aura bonita e que ele fazia o seu filho sorrir mais, aquilo deixava Mark envergonhado.

E por falar em Donghyuck, durante esse mês, algumas vezes Mark dormiu em sua casa, isso aconteceu três vezes, e foram nos três dias mais difíceis para Mark, pois apesar de Donghyuck o consola-lo e não deixa-lo sozinho, ele ainda tinha medo, ele tinha medo de sua mãe não se curar, tinha medo de perder a competição da escola e ficar sem a sua vaga e sem o dinheiro para ajudar a sua mãe e tinha medo de ficar sozinho, ele já parara de se sentir culpado pelo incidente da sua mãe, mas ele se sentia culpado por sempre trazer problemas para Donghyuck ajudá-lo a lidar, mesmo com o menor sempre ressaltando que gostaria de ajudar, ele tinha medo de algum dia Donghyuck simplesmente fechar a porta na cara dele ou simplesmente nem atende-lo.

Porém ele mal sabia que foram necessários só dois meses para Donghyuck se apaixonar por ele. Mark não podia negar que sentiu algo pelo seu amigo desde que bateu o olho nele, a vontade de abraça-lo e protege-lo de tudo e todos. Porém Donghyuck era lerdo e demorou um pouco mais para perceber seus sentimentos pelo amigo, claro que Donghyuck sempre quis ter um amigo, mas aquele outro tipo de sentimento era novidade para Donghyuck e por isso ele demorou para entender o que se passava em seu coração... E quando isso aconteceu, o mundo de Donghyuck se tornou mais bonito e colorido, até mesmo Mark notou a diferença do amigo, ele sempre via o amigo o olhando com um sorriso no rosto e um brilho nos olhos e sempre estava colado com Mark, para onde ele ia, Donghyuck logo ia atrás. Aquilo deixava Mark feliz, pois ajudava ele a não se sentir sozinho no hospital já que a maior parte do tempo sua mãe ficava dormindo devido as medicações.

[...]

Finalmente havia chegado o grande dia, Mark já estava pronto. O ambiente estava um caos. Meninas histéricas gritando aos sete ventos, música alta tocando e todo o caos mental que passava pela cabeça de Mark, ele estava muito ansioso, sua turma seria a próxima a se apresentar, cada uma em cada categoria, as distribuições de apresentações seriam aleatórias e aquilo deixava Mark ainda mais nervoso. Ele queria estar no lugar de Donghyuck, já que por ele ser do primeiro ano, sua turma iria se apresentar por último.

Ele havia ensaiado uma música que havia escrito, ele fez essa música pensando no seu futuro, era uma música feita para que incentivasse todos os alunos, assim como ele se sentia incentivado pelo seu Hyuck. Ele não mostrou para Donghyuck, disse que seria uma surpresa para ele, mas deixou a dica de que ele se sentiu inspirado após ter ouvido ele cantar para si naquele dia no estacionamento do hospital.

Já por outro lado, Mark sabia qual música o seu amado iria cantar, pois ele o incentivou a fazer um outro teste vocal na escola, porém com menos pessoas pois ele não queria se sentir pressionado a fazer aquilo, e Mark o ajudou a ensaiar em sua casa.

- Você está muito nervoso Mark? - Donghyuck perguntou após Mark olhar pela terceira vez em menos de um minuto para o relógio de pulso dele- Olha, fica calmo, vai dar tudo certo.

- Fica calmo Mark- Jaemin apareça e imitava a voz de Donghyuck- Se não der certo, eu como o bom viadinho que sou te dou um beijinho.

- Ele receberia um beijo mesmo Jaemin- Donghyuck vira-se em direção a Jaemin e o olha com desprezo no olhar- É muito melhor do que receber um soco você não acha?

- O que disse seu idiota? - Jaemin começara a partir para cima de Donghyuck, mas logo foi impedido pelo braço de Mark.

- Sai daqui- Mark falou com uma voz séria- Não aprendeu da primeira vez? Ou será que tenho que te dar outro soco para se lembrar?

- Hm, boa sorte no show hoje Mark Lee- Jaemin engoliu em seco com a ameaça do amigo, sua boca doía só de lembrar do soco que levou de Mark, mais do que isso, seu ego também doía por ter sido na frente de várias pessoas- Espero que ganhe, não seria nada bom para o seu amado “Hyuck” ficar sem o guarda costas dele na escola.

- Você é doido Mark- Donghyuck fala rindo e dando tapinhas no ombro do amigo- Mal sabe ele que você ficou todo chorão e com medo de ser expulso da escola após ter batido nele.

- Eu ainda to com medo de perder Hyuck- Mark dizia olhando para o chão- Eu só espero ganhar, de verdade.

- Você vai- Donghyuck colocou seus braços nos dois ombros de Mark, demonstrando apoio e confiança- Você é um dos meninos mais talentosos que eu conheço.

- Um dos? - Mark abre a boca fingindo estar chocado, o que faz Donghyuck rir pois forma um círculo perfeito- Não sou o mais talentoso?

- Idiota- Donghyuck ri com os “ciúmes” de Mark- Eu só quis dizer que você vai ganhar. E a propósito, foi só uma maneira de falar, você é o mais talentoso que eu conheço.

- Obrigado Hyuck- Mark abraça o amigo- O seu apoio é importante para mim.

Antes que eles pudessem continuar com o abraço, Mark é chamado para o palco.

- Vai lá, mostra que é o dono da escola- Donghyuck amava demonstrar apoio.

Mark subiu no palco, toda a gritaria de antes pareceu se intensificar, pessoas da sua escola e de todas as outras, ele sabia que era popular, mas não nesse nível.

- Olá a todos- Mark diz e é recebido com mais gritaria- Eu me chamo Mark Lee, estou no segundo ano da S.O.P.A. Irei fazer uma apresentação de rap e gostaria que todos vocês sentissem a letra.

 

The kids over there, with the neck ties
Listen to this
Only when you're about to turn 20
Can you finally see how the world changes
I just wanna write it all down to ya
The adult title is heavier than your school bag
So afraid of becoming a child
Isn't it time I showed you the result
Saying that I'm all ready is a lie
Because there are still many things that i can do
I'm gonna leave the full of worry me here
For a while and go
As well as the heavy mic
Right here, I'm gonna drop that.

I got this feeling aye bae

You must all be curious right
You all know this feeling
It's fleeting so drop it for a while and go
So drop 'em
Regret is gonna go away soon
So just drop 'em for you
You know this feeling.

It's not easy, I know better
The cold look is like cold weather ay
It's ok. No matter what they say
I've passed it now. 20 questions
Even though it's hard, I want to say what i wanted to say
I want to buy food for my brothers everyday
I want to become the shoulders that they can lean on and rest
I want to show them the way like a dad
when they get tired from running
Of course even though I don't know when that is
If you say that i have to go anyway, I'll step up and
Drop the thing called fear here and go
Perhaps if you also know this feeling then drop that.

I got this feeling aye bae
You must all be curious right
You all know this feeling
It's fleeting so drop it for a while and go
So drop 'em
Regret is gonna go away soon
So just drop 'em for you
You know this feeling.

Drop em Drop em
Drop em All For You.

 

Assim que a música termina, o local se explode em gritarias e aplausos. Todos amaram aquela composição, pois refletia muito em como eles se sentiam. Refletia um pouco também em como Mark se sentia, secretamente o refrão onde dizia sobre saber dos sentimentos, era uma mensagem para ele mesmo que tinha certeza do amor que sentia pelo Donghyuck, mas isso nunca ninguém saberia, Mark guardaria para si, ter aplausos de todos por gostarem da música naquele estilo já era o suficiente por hora.

Mark volta até o camarim atrás do palco e é recebido com palmas de todos que ali estavam, menos de Jaemin e Jeno. Porém ele não ligou para aquilo, e foi em direção a Hyuck enquanto Jaemin e Jeno se direcionavam em direção ao palco pois eram os próximos a se apresentarem.

- Você conseguiu Mark- Donghyuck sorria para ele e até mesmo uma lágrima ele deixou escapar- Que letra mais linda foi aquela, você vai acabar virando um símbolo escolar, você sabe disso não é mesmo?

- Não exagere Hyuck- Mark ria com os comentários do ruivo- Aquelas pessoas gritam por qualquer coisa.

- Mas elas pareceram gritar mais para você- Donghyuck disse otimista.

- Não me importo com elas- Mark disse indo para mais perto de Donghyuck- O que você achou da minha apresentação?

- Eu amei de verdade- Donghyuck diz com sinceridade- Foi bem intenso e bonito.

- Igual você- Mark diz se aproximando ainda mais de Donghyuck, porém mais uma vez eles são interrompidos por um alvoroço de gritarias no camarim e eles olham no monitor que estava mostrando as imagens do palco, tudo estava sendo gravado e reproduzido em telões para que mais pessoas pudessem enxergar, parecia ser de conexão bluetooth o projetor e os monitores.

Mark fica chocado ao ver aquilo, Jaemin e Jeno estavam dançando em hoverboards, eles eram habilidosos e faziam diversos tipos de manobras, desde um giro simples até ficar de ponta cabeça, nada parecia impossível para eles.

- Eu não acredito que eles fizeram isso- Donghyuck estava realmente bravo pois as chances de vitória de Mark abaixaram muito com essa apresentação de Jaemin e Jeno.

- Eu vou perder Hyuck- Mark não iria chorar como da última vez que ficou com medo, mas ele estava com o semblante triste- Eu não posso perder, mas eu vou.

- Para de dizer essas coisas- Hyuck queria aparentar mais confiança ao dizer aquilo, mas ele estava bravo.

Donghyuck o abraça e eles ficam assim, até Jaemin e Jeno finalizarem a apresentação deles e virem para o camarim, eles passam direto por Mark e Donghyuck com um sorriso perverso no rosto. Logo Donghyuck é chamado para a sua apresentação vocal e ele desfaz o abraço.

- Boa sorte- Mark beija o rosto do amigo e aquilo faz o coração de Donghyuck acelerar.

Donghyuck sobe ao palco, ele não queria demonstrar para Mark, mas ele estava muito nervoso, e aquilo só piorou quando viu aquele bocado de gente junta no mesmo lugar gritando e tirando fotos, ele queria muito perder aquela timidez.

- Olá eu sou Donghyuck- Ele dizia com a voz um pouco trêmula- Eu sou do primeiro ano e irei cantar uma música sobre companheirismo, espero que gostem.

A música começa, porém Donghyuck está travado, ele não começa a cantar, algumas pessoas estão confusas, Jaemin e Jeno mais uma vez estão vaiando ele. Mark se irrita com aquilo novamente, parece que ele está vivendo um dejavu. Porém dessa vez ele não corre em direção a Jaemin e Jeno, ele corre em direção ao palco, rouba um microfone de um menino de cabelos azuis do primeiro ano também. A música volta ao começo, o MC do show de talentos resolveu dar mais uma chance para Donghyuck, e aquilo foi a melhor coisa que podia acontecer. Mark sobe no palco. As pessoas ficam confusas com aquilo, outras gritam, e ele pega na mão de Donghyuck.

- Só olha nos meus olhos- Mark diz bem próximo do amigo pois aquela gritaria o impedia de falar mais de longe- Ignora toda essa gente, finge que somos só eu e você aqui, como nos ensaios ok?

Ok- Donghyuck diz fazendo um carinho singelo com o polegar dele na mão de Mark.

Taking over this town, they should worry

But these problems aside

I think I taught you well

That we won't run, and we won't run

And we won't run

And in the winter night sky

The ships are sailing.

 

Looking down on these bright blue city lights

And they won't wait, and they won't wait

and they won't wait

We're here to stay, we're here to stay

We're here to stay.

 

His crown lit up the way

as we moved slowly

Past the wondering eyes

of the ones that were left behind

Though far away, though far away

though far away

We're still the same, we're still the same

we're still the same.

 

Howling ghosts, they reappear

In mountains that are stacked with fear

But you're a king and I'm a lionheart.


And in this sea that's painted black

Creatures lurk below the deck

But you're a king and I'm a lionheart


And as the world comes to an end

I'll be here to hold your hand

'Cause you're my king and I'm your lionheart

A lionheart, a lionheart, lionheart

 

 

Mark e Donghyuck podiam ter idades diferentes, nacionalidades diferentes e até mesmo tamanhos diferentes, mas nada disso importava, eles se tornaram uma coisa só naqueles minutos. Donghyuck não travou mais, ele cantou a música inteira olhando nos olhos de Mark, e naquele instante ele se tocou que daquele dia para todo sempre, ele iria levar Mark Lee em seu coração. Mark não estava muito diferente, o seu coração parecia que ia sair pela boca, o que ele tinha feito ali era a maior das loucuras, nada daquilo estava programado, mais uma vez ele agiu no modo automático para ajudar o seu amado Donghyuck.

Todas as pessoas ficaram de pé para aplaudir os dois e até mesmo o MC do evento não soube como reagir muito bem aquilo. Eles continuaram com as mãos dadas e se curvaram agradecendo a todos pelos aplausos e gritos.

Mark e Donghyuck voltam para o camarim, todos sorriem para eles e os parabenizam, Jeno e Jaemin saem do local sem dizer nada e com as caras fechadas.

- Mark, será que podemos ir rapidinho para um lugar mais quieto, gostaria de te dizer algumas coisas- Donghyuck ainda não soltou a mão de Mark e nem espera a resposta dele para começa-lo a puxar em direção a saída dos fundos do local do show de talentos.

Assim que eles chegam lá, Donghyuck não enrola e já começa a falar.

- Mark- Donghyuck está tímido, mas se ele não fizer isso agora, não vai fazer nunca mais- O que eu gostaria de dizer, é que...

- É que? - Mark estranha a timidez do amigo.

- Eu gosto de você- Ele diz rapidamente.

- O que disse? - Mark não entendeu pela rapidez que Donghyuck disse- Pode repetir por favor?

- Eu gosto de você- Ele diz separando cada uma das palavras.

- Você o que? - Mark estava com seu coração acelerado, no final das contas o seu amor era correspondido, ele tinha que admitir que aquele era um sentimento novo para ele, o de ser o “crush” de alguém, é claro.

Antes que eles pudessem dizer mais alguma coisa, Jeno e Jaemin chegam no local.

- Os namoradinhos vieram aqui para dar uns amassos escondidos foram? - Jeno diz debochando deles.

- Aproveitem enquanto podem- Jaemin começara a provoca-los também- A derrota de vocês está próxima.

- Você acha que eles deveriam saber o que nós fizemos Jaemin? - Jeno diz sorrindo para o amigo, era um sorriso típico de garoto malvado.

- Sim eles deveriam saber do nosso “boicote” para o Mark sair perdendo e ser expulso da escola- Jaemin diz e Mark fica confuso com o que ele está tentando dizer, mas ao mesmo tempo chocado, boicote? Do que eles estão falando?

Donghyuck por instinto pega o celular e disfarçadamente começa a gravar tudo.

- Você se acha o poderoso não é mesmo Mark Lee? - Jaemin começa a dizer- O dono da escola, mas você se engana, esse lugar no trono é meu.

- Exatamente- Jeno concorda como se fosse um papagaio treinado de Jaemin.

- Nós aqui meu caro amigo- Jaemin era venenoso e sínico, Mark o odiava- boicotamos os nossos hoverboards, eles foram readaptados para serem mais fácil de equilibrar e fazer manobras. Nós já ganhamos essa competição e você meu caro amigo será expulso da escola.

- Seu namoradinho irá ficar sozinho- Jeno agora tomara partido na conversa- Ou melhor, sozinho não pois estaremos sempre no encalço dele, ele irá se tornar nosso alvo principal.

- Vamos voltar para dentro- Jaemin diz rindo- Deixem eles aproveitarem o máximo que puderem juntos, logo isso vai mudar.

Jeno concorda e ambos voltam para dentro do show.

- Esses dois imbecis são desprezíveis- Mark vira para Donghyuck que estava dando atenção ao seu celular.

- Concordo- Donghyuck diz, porém não olha para Mark e aquilo o deixa intrigado.

- Gostaria que o mundo fosse menos injusto- Mark volta ao seu momento de raiva, ele ficava bem-falante quando ficava bravo- Mas claro que ninguém vai acreditar em mim, só naqueles dois riquinhos mimados, isso me irrita muito Hyuck.

- Acho que esperar a vida te favorecer as vezes não é a resposta- Donghyuck dizia com um sorriso arteiro no rosto- Está na hora de nós agirmos contra aqueles dois panacas.

- O que você está planejando? - Mark estava muito curioso.

- Eu gravei tudo o que eles disseram- Donghyuck estava se sentindo o maior espião por ter conseguido aquele feito sem que eles percebessem- E usei meu lindo cérebro para conectar o meu celular via bluetooth com o projetor, ou seja, nesse momento todos que estão lá dentro, estão sabendo do boicote de Jaemin e Jeno.

Donghyuck nem terminou de falar e Mark saiu correndo para dentro do show, e é claro que ele foi logo atrás.

Assim que eles chegam lá, o vídeo que Donghyuck gravou já está no fim, está um falatório no auditório. As pessoas começam a vaiar os dois, logo todo o público estava em vaias.

- Jeno e Jaemin, por favor se apresentem no palco imediatamente- O MC do show de talentos disse com um tom sério, nem parecia o mesmo homem animado das outras apresentações.

Assim que eles chegam ao palco, são recebidos com mais e mais vaias. O MC anuncia que eles foram desclassificados da competição por terem boicotado. Todos aplaudem a decisão dos organizadores. Eles são expulsos até mesmo do show.

Donghyuck sorri e Mark ri da situação, quem imaginaria que aquele menininho todo tímido seria capaz de um ato de coragem e inteligência daquele tamanho?

Alguns minutos se passaram, as apresentações já haviam acabado, foi finalizada com uma apresentação de dança do menino de cabelo azul que Mark roubara o microfone, ele só havia utilizado para se apresentar e depois deixou de lado no palco. Todos são chamados para a frente do palco, a hora de anunciar o vencedor da competição havia chegado.

Todos estavam muito nervosos, Mark principalmente, ele não largava da mão de Donghyuck, ele estava suando muito e tremendo um pouco também.

- Os vencedores da noite, com a maioria dos votos e com as melhores notas dos jurados são- O MC estava fazendo muito suspense- Quem diria hein? Esses dois mexeram realmente com os nossos corações. MARK LEE E LEE DONGHYUCK MEUS PARABÉNS.

Mark e Donghyuck se olharam com espanto, eles haviam ganhado e nem eles mesmo haviam acreditado, eles ganharam com uma dupla, aquilo era sensacional. Mark estava chorando de felicidade e Donghyuck o abraçara.

- No final das contas- Donghyuck começara a falar- Quem ganhou foi nós dois hein.

Mark nem deixou Donghyuck fazer mais alguma piadinha, ele selou os seus lábios com os lábios de seu amado. Ele não ligava com que todo mundo iria dizer, ele só precisava fazer aquilo, ali e agora, ele poderia ser odiado, xingado e repreendido, mas ele não se importaria. Ele havia conseguido, ele iria ficar com sua vaga na escola, iria ficar com Donghyuck e o melhor, ele iria ajudar a sua mãe a se curar.

- Eu também gosto de você Hyuck- Mark disse logo após pegar um lado troféu com uma das mãos e Donghyuck pegar o outro lado- Desculpa dizer isso meio atrasado, mas dessa vez não tem ninguém para nos atrapalhar.

- Você vai aguentar conviver com Jaemin e Jeno nos provocando diariamente por nós nos gostarmos? - Donghyuck questiona o seu amado.

- Eu não me importo com eles- Mark sorri para Donghyuck- Eu me importo com você, eu amo você, e quero namorar com você.

- Eu também te amo- Donghyuck diz corando- A partir de hoje você é o meu namorado oficial.

- É muito bom saber que sou o oficial Donghyuck- Mark começa a provocar o namorado- Espero que você não tenha outros não oficiais.

- Idiota- Donghyuck ri- Você é o único no meu coração.

Mark sorri, ele estava feliz. Mais do que isso, ele estava completo. E Donghyuck também estava, ambos eram uma coisa só, e não haveria ninguém no mundo que iria separa-los.


Notas Finais


Olá de novo amores hehehehehe. Eu deixei o finalzinho com algumas pontas em aberto simplesmente para vocês imaginarem na concepção de vocês. Devo dizer que na minha concepção a mãe de Mark se cura e Jaemin após um longo tempo de castigo sem poder passar um tempo com Jeno, descobre que ama o amigo e para de ser o chatão da escola, ATÉ MESMO ELE TEM SENTIMENTOS VOCÊS ACREDITAM? Espero que tenham gostado!!!

meu twitter: @chenlever


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...