1. Spirit Fanfics >
  2. Singers vs. Actresses >
  3. Second day

História Singers vs. Actresses - Capítulo 3


Escrita por:


Capítulo 3 - Second day


Buttercup abriu os olhos lentamente, ouvindo o despertador de "orelhas" redondinhas tremer sobre a mesa de cabeceira ao lado da cama, o relógio de ponteiro marcava 10 horas, Buttercup esticou-se na cama para alcançar o despertador e bateu no mesmo para desliga-lo, sorriu animada naquela manhã, nenhum barulho de guitarra. Soltou uma risada enquanto se espreguiçada e deslizava para fora da cama. 

Após cortar o cabo do amplificador de Butch os dois tiveram uma discussão acalorada, o garoto queria joga-la do segundo andar e ela só sabia sorrir debochada, quando Joan surgiu e apartou os dois conversando com Butch prometendo outro amplificador no dia seguinte, mas com a condição de que teria que tocar guitarra no estúdio, isso enfureceu o rapaz que já estava habituado a tocar na varanda. 

Buttercup sorriu se sentindo vitoriosa, mas algo em si dizia para ela que não ficaria daquele jeito, Butch faria algo do jeito que estava, tão bravo com Buttercup. Ela rolou os olhos e decidiu tomar um banho para acordar, seja lá o que Butch planejava tinha certeza que não a afetaria tanto. 

Após se arrumar devidamente -calça de moletom uma blusa larga manchada e meias- ela desceu as escadas sentindo o cheiro de café fresco vindo da cozinha, ela inspirou e desceu os degraus mais rápido e caminhou até a cozinha, cruzando seus braços sobre o balcão da cozinha, observou Blossom cantarolando enquanto passava o café. 

Blossom- bom dia, Butter - cumprimentou quando viu a amiga

Buttercup- bom dia - sorriu, Blossom se virou lentamente em direção da amiga com um vinco entre as sobrancelhas que se juntavam cada vez mais, os olhos rosados desconfiados. 

Blossom- você está bem ? - questionou se aproximando, colocou a mão na testa de Buttercup que riu da ação de Blossom, está, franziu ainda mais as sobrancelhas

Buttercup- eu apenas acordei de ótimo humor 

Blossom- o que você fez Buttercup - cruzou os braços sobre o peito e olhou séria para a amiga que sorriu largamente. 

-cheiro de café - uma voz murmurou animada, Boomer inspirou profundamente e sorriu entrando na cozinha junto de Butch e Brick, Butch lançou um olhar raivoso para Buttercup 

Buttercup- Butch, como está seu amplificador ? - questionou, provocativa. 

Butch- você...- o garoto se aproximou perigosamente

-jovens, bom dia, está um céu lindo não ? - Joan surgiu entre as garotas e os garotos, um sorriso nervoso nos lábios, ele olhou para Butch que tinha uma carranca no rosto, o mais jovem saiu da cozinha em passadas pesadas e Joan suspirou esfregando a nuca - temos um longo dia hoje - se pronunciou para os meninos 

Boomer- fala sério - bufou exasperado jogando sua cabeça para trás.

Brick ergueu uma sobrancelha para Joan como se esperasse que o produtor ditasse a agenda, o mais velho pescou o celular do bolso e olhou para a tela se apoiando na parede da cozinha. 

Joan- vocês terão uma entrevista no programa da senhorita Keane, após isso iremos para o estúdio começar as gravações do próximo Cd, aliás, como estão as músicas ? - perguntou, tirando seus olhos do celular e passando a olhar para os dois garotos, Boomer sorriu nervoso 

Boomer- estamos com um pouco de dificuldade, mas nada que não possamos driblar 

Joan- vai dar tudo certo garotos, acredito em vocês, por que as senhoritas não se juntam com os meninos ? - ele olhou para a dupla de garotas - talvez possam ajudar com ideias, Ken disse que são muito criativas 

Buttercup- para Ken somos tudo e mais um pouco - revirou os olhos e cruzou os braços sobre o peito - não compomos 

Blossom- desculpe, senhor Joan - se pronunciou olhando para o líquido escuro o despejando em uma garrafa térmica, seus olhos caíram no homem mais velho que sorriu para as duas meninas 

Joan- não se preocupem com isso, garotas - balançou a cabeça, para afirmar sua fala. - vocês gostariam de nos acompanhar ? 

Buttercup- eu passo dessa vez Joan - bateu no ombro do mais velho como se os dois fossem grandes amigos, Joan riu e balançou a cabeça em concordância

Blossom- eu terei de dispensar a oferta também, senhor Joan - sorriu recebendo um aceno do mais velho 

Joan- tudo bem, deixarei meu número no balcão caso precisem de algo, não hesitem em me ligar 

As duas garotas confirmaram com a cabeça

Boomer- isso é bolo de chocolate ? - o garoto se aproximou de um prato redondo onde jazia um bolo, Blossom soltou um sorriso e afirmou com a cabeça colocando a garrafa sobre a mesa - está bem, eu consigo me acostumar facilmente com isso - afirmou, olhando para Joan

Joan- vejo que as coisas estão melhorando, então - sorriu - se me dão licença, eu irei acertar os últimos detalhes, tomem café e se preparem, iremos partir após o almoço - disse, antes de sair da cozinha e deixar os quatro jovens. 

-bom dia - um cantarolar foi ouvido fora da cozinha, este que chegou até o local, Bubbles surgiu na porta com um sorriso imenso no rosto exalando toda sua alegria, ela deixou um beijo estalado na bochecha de Blossom e de Buttercup que resmungou. - meninos - assentiu para os dois garotos como cumprimento - Blossom isso não se faz - um bico se formou nos lábios da garota quando ela viu o bolo em cima da mesa.

Blossom- apenas um pedaço, sim ? - incentivou Bubbles que pareceu ficar pensativa por alguns segundos, ela sorriu novamente. 

Bubbles- terei que ficar uma hora na academia, mas tudo bem, eu não posso resistir aos seus doces Blossom - deixou outro beijo estalado na bochecha da mais velha 

Os 5 tomaram café silenciosamente, Boomer e Brick foram atrás de Butch que estava enfiado no estúdio batendo nos pratos da bateria como se fosse um saco de pancada. 

Boomer- ei, você comprou ela semana passada, não tente quebra-la já - zombou, Butch largou as baquetas e bufou - ainda está com raiva dela ? Quem diria que alguém teria coragem de provocar Butch Jojo 

Butch- aquela garota me tira do sério - esbravejou irritado, Boomer ergueu uma sobrancelha e sorriu 

Boomer- estamos vendo, para mim ela é você, versão feminina - sorriu divertido, este que saiu de seu rosto assim que uma almofada atingiu seu rosto - eii - protestou. 

Butch- não somos nada parecidos, Boomer - resmungou - ela é um incomodo. 

Boomer- sabe, eu achei que seria pior esse lance delas virem morar aqui, está sendo razoável. 

Butch- isso por que você ainda não foi alvo, espere só Boomer. 

Boomer revirou os olhos, nada poderia o tirar do sério, certo disso, ele sorriu convencido 

Boomer- e você Brick, o que acha ? - perguntou ao irmão que até o momento parecia concentrado demais no seu caderno de músicas. 

Brick- uhm - respondeu, não dando importância para o assunto 

Boomer- uhm ? Vamos Brick, o que você achou delas ? Tenho certeza que gostou de Blossom, por que ela faz um ótimo bolo - riu, Brick era como uma formiga, sempre atrás de doces e bolos. 

Brick permaneceu em silêncio, não admitiria aquilo nunca, seu orgulho seria atingido e ele não queria colocá-lo em jogo, então se conteve em um dar de ombros, o que fez Boomer bufar. 

Butch- eu duvido que Brick tenha gostado delas, Boomer você é o único aqui que criou uma espécie de amizade com o inimigo, seu traidor - acusou 

Boomer balançou a cabeça em negação, seu irmão as vezes parecia uma criança, mas sabia que seria difícil para Butch se adaptar já que depois do que aconteceu os três já não conseguiam mais confiar tanto em outras pessoas. 


Blossom- após o almoço eu irei fazer compras - se pronunciou, subindo as escadas com as duas garotas ao seu lado. 

Buttercup- eu irei a acompanhar, faz tempo que não saímos de fato, até para ir até o mercado 

Blossom sorriu e concordou com a cabeça, estavam sempre tão atoladas em trabalho, Ken que fazia as compras das meninas e tudo o que elas precisassem em época de gravações, sentiam falta até de frequentarem o mercado. 

Blossom- e você Bub ? 

Bubbles- eu ficarei, receberei algumas encomendas - sorriu empolgada. 

Blossom- tudo bem, não vamos demorar - respondeu recebendo um assentir da mais nova. 


Blossom fez novamente o almoço com os poucos ingredientes restantes da compra do dia anterior, mas não deixou de fazer algo descente e assim que o almoço se deu por acabado Joan arrastou o trio para a Van da banda deixando como prometido, seu número em cima do balcão para as garotas caso precisassem. 

As três arrumaram a cozinha rapidamente e Blossom e Buttercup subiram para se arrumarem, ou melhor, se disfarçar, era difícil sair na rua sendo atrizes, celebridades, brotava paparazzis por cada canto da esquina, grupos de fãs que sempre a seguravam por horas, era difícil ter uma vida normal, não é que o trio não gostassem de seus fãs, elas os amavam, mas era realmente complicado lidar com tanta atenção. 

Buttercup- eaí mana  - fez uma pose teatral, entrando no quarto de Blossom, ela abaixou os óculos escuros até a ponta do nariz, Blossom riu analisando as roupas da garota, calças largas pretas cheias de bolsos, uma camisa branca e um casaco de tecido verde musgo, um boné preto cobria o cabelo de Buttercup que estava amarrado e o capuz branco do casaco cobria parte do boné, além das correntes Buttercup também usava os óculos escuros.

Blossom- você sempre se supera, Buttercup - rolou os olhos rosas quando Buttercup sorriu convencida, Blossom arrumou seu sobretudo, usava uma saia longa de xadrez azul com branco, junto de uma blusa branca lisa, alisava o sobretudo preto longo que ia até seus joelhos, cheios de botões dourados, passou os dedos pela peruca loira coberta por um chapéu fedora preto, também usava óculos escuros de um modelo diferente do que Buttercup estava usando.

Buttercup- eu devo dizer o mesmo sobre você - riu sendo acompanhada por Blossom, que pegou uma bolsa e saiu do quarto acompanhada de Buttercup, as duas desceram as escadas passando por Bubbles que estava sentada no sofá assistindo algum filme da tv, seus olhos caíram nas duas garotas e um sorriu se formou. Ela saltou do sofá e bateu palmas, Buttercup fez uma reverência e sorriu 

Elas se despediram e Blossom saiu junto de Buttercup para fora da casa, rodearam a mesma atrás da garagem e visualizaram o carro preto e de janelas escuras que Ken havia deixado para o uso do trio sempre que fosse necessário, as duas sorriram uma para a outra e deslizaram para dentro do carro. 

Buttercup- lá vamos nós - pronunciou sorrindo, Blossom dirigiu para fora do condomínio, encontrando um amontoado de paparazzis e alguns fãs, Buttercup deslizou para baixo no banco do passageiro e olhou para o outro lado enquanto Blossom manobrava o carro com certa pressa, as duas só conseguiram respirar tranquilamente quando já estavam no fim da rua. Por mais que estivessem disfarçadas, todo cuidado era pouco. 

Blossom- estamos bem - afirmou tentando parecer despreocupada, Buttercup assentiu

Buttercup- sim, estamos, não vamos nos preocupar quem iria reconhecer a gente assim ? - questionou com um sorriso de canto, Blossom sorriu e balançou a cabeça em concordância, estacionou o carro em frente ao mercado e entrou com Buttercup em seu escalço, as duas tentaram passar despercebidas pelas outras pessoas do mercado que estava com pouco movimento. 

Pegando um carrinho e começando a enfiar várias coisas no mesmo, Blossom pegando comida a qual ela dizia ser saudável e Buttercup comprando besteiras como cereais as duas se sentiram mais normais do que nunca, tirando todo o disfarce elas eram apenas duas adultas fazendo compras. 

E estavam muito tranquilas quando chegaram no caixa para pagarem suas compras, ouvindo o som da maquininha sempre que a atendente passava as compras Blossom não percebeu uma pequena agitação se formar perto das duas garotas, muito menos Buttercup que estava colocando as sacolas dentro do carrinho. 

Foi quando Blossom colocou a senha de seu cartão pagando pelas compras que um grito fino despertou as duas atrizes, elas olharam em direção do grito, um grupo de garotas que cochichavam e davam risadas escandalosas.

-são elas, Buttercup e Blossom - a garota que havia gritado, pronunciou e todas as outras meninas começaram a dar gritinhos. 

Buttercup- não, não somos elas, com certeza não- respondeu afinando um pouco a voz, as meninas olhavam para as duas garotas empolgadas 

-eu reconheceria essas pulseiras em qualquer lugar - outra menina disse e o grupo todo concordou, Buttercup e Blossom olharam para os pulsos, sabiam do que se tratava, as pulseiras que Ken havia as presenteado quando elas conseguiram seus primeiros papéis, elas se entre olharam e Blossom deu alguns passos para mais perto de Buttercup que segurou o carrinho. 

Quando o grupo de meninas se aproximou as duas saíram correndo com o carrinho do mercado a toda velocidade com o grupo de garotas atrás delas, ao qual havia aumentado quando outras pessoas se deram conta que eram as duas atrizes. 

Buttercup- merda, eu sabia que estávamos esquecendo de alguma coisa, mas como elas conseguiram ver, visão raio x ? - gritou enquanto as duas corriam em direção ao carro 

Blossom olhou para trás o grupo estava muito perto, não daria tempo delas entrarem no carro e saírem, seus pensamentos formaram um embolado de ideias em sua mente 

Blossom- eu tenho uma ideia, vamos nos separar, tente despista-las e volte para o carro, irei chamar a atenção delas, está bem ? 

Buttercup franziu as sobrancelhas não entendendo como aquilo funcionária, mas assentiu concordando, buttercup virou a esquina de uma rua e Blossom continuou a correr, foi quando a garota de cabelos escuros viu sua oportunidade, seguiu para dentro de uma floriculta se embrenhando no meio das flores junto com o carrinho de compras

-senhorita, está tudo bem ? - uma senhora se aproximou da mais nova, com uma expressão louvável de preocupação, Buttercup retirou seu óculos jundo do boné, a mais velha abriu a boca surpresa 

Buttercup- a senhora pode me ajudar ? 


***

Blossom correu como nunca fez antes, o grupo de garotas já não era tão grande, mas contando o número delas, sabia que a maioria estava atrás de si, então havia uma chance maior de Buttercup conseguir voltar até o carro. 

Ela se sentia mal por estar correndo de suas fãs, mas sabia que se parasse para dar autógrafos e tirar fotos não seriam apenas alguns minutos, iriam querer cada vez mais tempo com ela como já havia ocorrido outras vezes, ficaria horas no meio do grupo. 

Foi quando seus olhos pararam em uma lanchonete praticamente vazia, viu sua oportunidade, olhou para trás por alguns segundos, estavam bem perto de si, teria que ser rápida, talvez se esconder atrás do balcão, atravessando a rua e disparando para dentro da lanchonete Blossom deslizou pelo balcão baixo caindo no chão, os olhos do homem que parecia ser o dono do local se arregalaram. 

Blossom- por favor senhor, eu preciso de ajuda - pediu tirando a peruca e o óculos

- senhorita Blossom utonium - o homem deixou o copo que segurava cair no chão, a garota colocou o dedo sobre sua própria boca pedindo silêncio, foi quando ela escutou as vozes das meninas 

- ela entrou aqui - uma voz gritou, foi quando as vozes ficaram mais audíveis que Blossom percebeu, elas haviam entrado no local

O homem olhou para Blossom que juntou as mãos e pediu ajuda silenciosamente, o mais velho voltou sua atenção para o grupo de jovens 

-senhorita, em que posso ajuda-las ? 

As garotas começaram a falar juntas, embolando as frases mas o homem havia entendido que procuravam pela atriz que se escondia atrás do balcão. 

-ela saiu pela porta dos fundos - apontou para uma porta do outro lado do bar - da na rua de trás 

Blossom ouviu o agradecimento das garotas que seguiram para a porta dos fundos atrás de si, ela esperou não ouvir mais nenhuma voz para se levantar do chão, colocou as mãos em suas costas que estavam um pouco doloridas pela queda, mas nada grave de fato. 

Blossom- obrigado senhor, eu não esquecerei de sua ajuda 

O homem mais velho sorriu e assentiu com a cabeça

Blossom- como posso pago-lo por isso ? 

-a senhorita poderia dar um autógrafo ? Minha filha caçula é sua fã

Blossom sorriu largamente e pegou o bloco que o homem estendeu para ela, assinou seu nome, deixando uma pequena mensagem para a menina e saiu do bar cuidadosa, teria que voltar até o carro rapidamente. 

Olhando sempre para todos os lados, Blossom correu até a rua do mercado e encontrou Buttercup colocando as compras com pressa no porta malas. 

Por sorte do destino, a senhora mais velha era uma grande fã de Buttercup e a escondeu nos fundos da floricultura onde ficava as plantas maiores, fechando as portas de madeira para se precavir. Buttercup saiu quando ouviu o grupo de meninas longe do local

Buttercup- obrigada senhora - agradeceu tirando o carrinho do meio das plantas 

-estou feliz em ajudar querida, sou uma grande fã  

Buttercup não se conteve e sorriu, tirando uma foto com a mais velha e deixando uma assinatura no quadrinho da floricultura, a garota correu para a rua onde havia deixado o carro e começou a enfiar as compras no porta malas, logo visualizando Blossom se aproximando. 

As duas entraram no carro e Blossom deu partida no mesmo de imediato, dirigindo até a casa, já estava começando a ficar tarde

Buttercup- nos lembre de tirar as pulseiras na próxima - brincou, Blossom soltou um riso sendo acompanhada por Buttercup, as duas começaram a rir pelos acontecimentos de momentos atrás, havia sido um dia agitado. 

Quando Blossom entrou no condomínio as duas garotas se permitiram relaxarem, deixando o carro na garagem, viram a Van de Joan se aproximando da mansão, pegaram as compras e partiram para dentro da casa que parecia silencioso demais. 

Buttercup- ela está aprontando alguma coisa - parou em frente da porta fechada, Blossom afirmou com a cabeça receosa. A van estacionou e Joan surgiu junto do restante dos garotos.

Os quatro pararam quando viram Buttercup e Blossom em seus disfarces

Joan- meninas - o mais velho sorriu, segurando um riso, pegou algumas sacolas para ajudar a dupla 

Buttercup- pode rir Joan, você está apenas com inveja pois parecemos modelos de passarela - abaixou seus óculos escuros até a ponta do nariz, sorrindo convencida, Joan soltou uma risada e concordou 

O mais velho abriu a porta para o grupo entrar, assim fizeram as atrizes, quando todos pararam estáticos em frente da porta, Joan olhou para onde todos ficavam, a sala. 

Toda a decoração foi trocada, o sofá em um azul turqueza, puffs coloridos, quadros de arte nas paredes, cores extremamente berrantes. 

-bubbles - as duas garotas exclamaram juntas, largando as compras no chão elas correram para o segundo andar, abrindo as portas se surpreenderam com sacos plásticos pretos espalhados pelo chão e as paredes pintadas com suas cores favoritas.

Foi quando escutaram a voz de Boomer soando alto, ele havia gritado o nome de Bubbles. 

Blossom e Buttercup saíram de seus quartos e correram até um dos primeiros que era o de Boomer, a porta estava aberta e dava ampla visão para o acontecido, havia um saco plástico preto forrando o chão e os móveis, a parede estava pintada de azul. Tinha quadros pendurados nas paredes junto de luzes led e caixas de papelão espalhadas pelo quarto. 

Foi quando ouviram outro grito, Butch, um xingamento alto amaldiçoando Bubbles, Blossom e Buttercup se entre olharam e foram até o quarto de bubbles abrindo a porta, encontraram a loira com headphones e um rolinho de pintura na mão, a parede metade pintada de azul turqueza, totalmente leiga a situação, Buttercup retirou os fones de bubbles que se virou para protestar, quando encontrou as amigas ela sorriu. 

Bubbles- meninas, você viram a sala ? Eu decidi trocar os móveis sabe, pensei em pintar as paredes mas é um cômodo imenso e demoraria muito, então decidi pintar os quartos primeiro - ela tagarelava animada, Buttercup tinha vontade de rir mas sabia que daria uma grande confusão o que Bubbles havia feito. 

-Bubbles - a voz de Boomer foi escutada na porta, ele estava com uma expressão séria no rosto e os braços cruzados sobre o peito, as três garotas se entre olharam, era a primeira vez que viam aquele garoto tão sério.

Brick, Butch e Joan surgiram logo depois, Butch estava com uma expressão irritada, Joan continuava com um sorriso gentil e Brick tinha uma sobrancelha erguida. 

Joan- acho que precisamos conversar 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...