História Sister Of Elena,Angel For Damon - Capítulo 38


Escrita por:

Postado
Categorias The Vampire Diaries
Personagens Damon Salvatore, Elena Gilbert, Katherine Pierce, Personagens Originais, Stefan Salvatore
Tags Akatsuki, Drama, Revelaçoes, Romance
Visualizações 56
Palavras 1.539
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Mutilação, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 38 - Reconciliação


Damon já tinha sido um idiota por muito tempo.

Desde Katherine,viveu em mais de um século de profundo rancor contra o mundo,contra Stefan e contra si mesmo.

Agora que tinha a chance de ser feliz,não deixaria escapar tão fácil.

Elena tinha saído com Damon,Jenna estava na casa de Alaric e Jeremy estava no Grill com Bonnie,então ele tinha a oportunidade perfeita para por seu plano simples mas provavelmente eficiente em prática.

Ir até o aparelho de som e por uma certa música para tocar.

Damon achava essa música irritante e meio piegas antes,mas agora achava que ela resumia Angela com perfeição.

Música:She,Elvis Costello

http://www.kboing.com.br/elvis-costello/1-300595/

Ela

Pode ser o rosto que eu não posso esquecer.

Um traço de prazer ou arrependimento

Pode ser meu tesouro ou o preço que eu tenho que pagar.

Ela pode ser a música que o verão canta.

Pode ser o frio que o outono traz.

Pode ser cem coisas diferentes

Dentro da medida de um dia.

Ela

Pode ser a bela ou a fera.

Pode ser a fome ou o banquete.

Pode transformar cada dia em um paraíso ou em um inferno.

Ela pode ser o espelho dos meus sonhos.

Um sorriso refletido em um riacho

Ela pode não ser o que ela pode parecer

Dentro da sua casca

Ela, que sempre parece tão feliz no meio da multidão

Cujos olhos podem ser tão secretos e tão orgulhosos

Ninguém pode vê-los quando eles choram.

Ela pode ser o amor, que não pode esperar para durar

Pode vir para a mim das sombras do passado.

Que eu vou me lembrar até o dia que eu morrer

Ela

Pode ser a razão pela qual sobrevivo

O porquê e o motivo de eu estar vivo

A única que que eu vou cuidar prontamente ao longo dos anos durante as adversidades.

Eu vou pegar as risadas e as lágrimas dela

E farei delas todas as minhas lembranças

Para onde ela for, eu tenho que estar

O sentido da minha vida é

Ela, ela, ela

Angela entrou em casa nesse momento.Essa era uma de suas músicas favoritas.

Como poderia estar tocando?

E ela só sabia de uma pessoa que poderia ter entrado lá e colocado essa música para ela.

–Damon?Você está aqui?

Ele apareceu e pôs a mão no rosto dele.

–A Sage veio aqui pedir desculpas.-explicou ele-Ela não sabia que o nosso relacionamento era sério.Ela nunca me viu com ninguém para valer antes e nem sabia que eu estava com você.

Angela continuou quieta.

–Ei,não fica assim garota!É com você que eu quero ficar!Não te trocaria por nada e nem por ninguém.

–Não?

–Não!-afirmou ele com bastante convicção.

–Mesmo com crises de TPM assassinas e ciúme possessivo?

–Mesmo com tudo isso!-garantiu.

Ele tinha certeza que sim.Ela não era apenas divertida,sexy,com uma língua afiada.

Era uma menina gentil,amável,que sempre estaria ao lado dele.

Era também uma mulher forte,convicta e cheia de personalidade que jamais fraquejava quando defendia ou se sacrificava por alguém.

Era um pouco louca e bastante ciumenta,mas isso não eram defeitos que o incomodariam eternamente,Damon também não era um anjo de candura.

–Entenda que eu jamais trairia você ou te deixaria,Angela.Não preciso de mais nada quando estou com você.

Ela o beijou com todo o amor do mundo.

                       ***

Era dia de mais uma festa.

As meninas estavam super-animadas para a festa.

Foram no shopping uma semana antes(com os cartões de crédito de Liz,Jenna e Alaric) para comprar os vestidos de cada uma.

Angela se impressionou com a quantidade de festas que Mystic Falls dava para os habitantes.

Se Mystic Falls não fosse na Virginia juraria que era uma cidade baiana.

***

Ela desceu e beijou Damon.

–Vá chamar a minha irmã,Elena tem a péssima mania de demorar pra se arrumar.

–Já está me dando ordens?A gente nem é casado ainda!

–Pode-se dizer que estamos treinando.-ela zombou.

Damon revirou os olhos e subiu as escadas.

E então ela reparou em Stefan.

–Uau,a Elena não mentiu,você fica realmente sexy de terno.

Stefan riu.

–Elena falou isso mesmo?

–Foi uma confidência de irmãs,ela disse que fica louca quando te vê vestido assim.

–E você fica muito sexy de preto.

Damon e Elena já estavam descendo as escadas.

–Ei,nem vem que essa Gilbert é minha,irmãozinho,a sua está bem aqui.-brincou Damon,apontando para Elena.

Jenna olhou aquilo de longe,estava com um leve mal-estar e não podia ir a festa.

Ela ficou impressionada com a diferença de agora para dias antes de Angela aparecer em Mystic Falls.

Quando eram apenas os três,havia rancor e ódio entre Damon e Stefan.Havia confusão da parte de Elena,amando Stefan mas se sentindo atraída pelo irmão dele.Os três estavam conectados demais,um triângulo de paixão,dor e angústia que não estava trazendo felicidade para nenhuma das três partes.

E então Angela chegou,implicando com todo mundo,chamando Stefan de Cabeção,Damon de Demônio e Elena de Ameba,infiltrando-se nas vidas do lado sobrenatural de Mystic Falls.

E acabou surgindo a amizade/rivalidade entre ela e Damon.

Brigavam muito,mas aos poucos foram demonstrando que um se importava bastante com o outro.

E então tudo se encaixou.

O amor surgiu de forma quase normal e natural entre os dois,mas é claro,a cabeça dura de cada um fez aquele romance demorar a engrenar.

Todos ali já tinham percebido que Damon e Angela ficariam juntos.

Todos,menos os dois.

Mas aí,Angela se tornou prisioneira de Klaus e ambos tiveram que admitir tudo o que sentiam.

E então,as coisas mudaram.

Jenna ficava feliz em ver como a harmonia crescia entre os quatro a cada dia.

Era como se Angela fosse a peça que faltava para se encaixar na história Damon/Elena/Stefan.

Elena e Angela se adoravam,Jenna entendia que Elena amava o fato de ter uma irmã de sua idade que podia compreênde-la mais do que qualquer outra pessoa.Damon e Stefan fizeram as pazes e conseguiram se entender.A atração entre Damon e Elena deu lugar a um sentimento muito mais fraternal-e feliz,diga-se de passagem.

Mas talvez fosse a amizade que crescia rápido e cada vez mais forticada entre Stefan e Angela que os fazia ficar a cada dia mais inseparáveis.

Ambos se adoravam.Para Angela,Stefan era o irmão mais velho que sempre quis,sem tirar nem por.Para Stefan,ela era sua irmã,tão ou mais sua amiga quanto Léxi fora.

Angela foi essencial para a felicidade que desfrutavam agora.

Jenna nem queria imaginar a tragédia que seria se ela nunca tivesse aparecido em sua vidas,estava mais do que feliz de ter convidado a Gilbert desconhecida para morar em sua casa.

É claro que todas essas reflexões passaram em apenas segundos na mente de Jenna Sommers,enquanto o "quarteto amoroso" se despedia dela e ia para a festa.

***

Matt pôs o filme no dvd e se sentou no sofá.

Jane se deitou,encostando a cabeça em suas pernas,com os olhos fixos na televisão.

–Não quer ir na festa?

–Não,aqui está bom até demais.

–Tem razão.-concordou Matt,apertando o play.

***

As meninas estavam perto da mesa do bifê,jogando conversa fora.

–Seu vestido é muito simples!-disse Caroline,franzindo a testa para o vestido de Angela.

–Nem todo mundo quer virar a nova Bratz como você,Carol.

Bonnie revirou os olhos.suas amigas não tinham jeito mesmo!

Falaram sobre amenidades e Angela e Caroline até discutiram para saber quem era a melhor protagonista de filmes de vampiros.Caroline era fanática por Bella Swan,mas Angela era louca por Anjos da Noite e achava a Selene o máximo-e Bonnie no íntimo concordava,aquilo sim era uma vampira de respeito.

Angela estava com um sorriso enorme,mas esse sorriso morreu ao ver Damon conversar com um grupinho de garotas com decotes enormes e minissaias coladas no corpo.

Fechou a cara e praticamente marchou na direção dele.

Segurou no braço de Damon e deu seu melhor sorriso falso para elas.

–Meninas,acho que eu e o meu namorado precisamos discutir a relação.-E depois disse entredentes para ele-Lá.Fora.

Damon sabia que estava lascado dessa vez.

Angela manteve o mesmo sorriso para todos os convidados que passavam por eles,mas quando chegaram no lado de fora passou a dar vários golpes nele com sua bolsa.

–Se eu.Te ver.De Novo.Falando.Com essas vacas.Te acerto.Uma estaca.Onde o sol.Não bate!-Cada pausa era uma nova bolsada em cima dele,que se defendia como podia.

–Tá,eu já entendi!-disse ele,se rendendo.

Angela ficou mais calma.

–Vamos entrar.

Os dois voltaram para a festa,mas Angela estava de mau-humor.

Damon a abarçou por trás e deu um pequeno beijo em seu pescoço.

–Não precisa ficar brava assim.Você é a minha namorada,lembra?

–Tem vezes que parece que seu passado de mulherengo te persegue.

–E de certa forma isso é verdade.Mas aquele tempo acabou,okay?

–Tudo bem.Mas a ameaça ainda vale.

Damon revirou os olhos.

–E eu que pensei que o meu charme funcionava...-disse ele,fingindo tristeza.

–Funciona meu caro,mas em mim não adianta golpes baixos,sabe que sou dura na queda.-disse ela,dando um leve beliscão no queixo dele-Vamos a mesa?O pessoal deve estar perguntado pela gente.

–Mais fácil dizer que eles estão perguntando por você.

–Você está mais suportável agora,eles gostam de você.Sem falar que você é meu namorado,portanto...

–Alguém Está ficando presunçosa...

–Faz parte do meu charme.

–Essa fala é minha.

Ela ergueu a sobrancelha.

–Jura?Me processa!

Angela foi na frente,Damon ficou um pouco de longe a admirando, mas ela fez sinal para que ele a seguisse e o casal ficou perto de Elena e Stefan pelo resto da festa.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...