História Sitteo, Nadie Como Tu - Capítulo 23


Escrita por:

Postado
Categorias Sou Luna
Personagens Matteo, Simón
Visualizações 214
Palavras 2.257
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Ficção, Hentai, LGBT, Musical (Songfic), Romance e Novela, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Capítulo com Lemon, pq já estava demorando muito para aperecer um kkkkkkk
Shipper Benício x Ramiro ❤❤❤
#Ramicio ou #Bemiro
Bem, sem enrolação, vamos à história.
Boa leitura❤❤❤❤

Capítulo 23 - Capítulo 23. Jogo De Sedução, Nadie Como Tu


Fanfic / Fanfiction Sitteo, Nadie Como Tu - Capítulo 23 - Capítulo 23. Jogo De Sedução, Nadie Como Tu

Benício estava sorrindo e Matteo continuava atordoado com a descoberta de que Simon e Benício já tiveram um caso no passado.

Não, você está mentindo, o Simon te odeia. disse Matteo.

Claro que ele diz isso, pra se manter distante de mim, pra não revelar pra todo mundo que ele ainda me deseja. disse Benício.

Isso não é verdade. disse Matteo.

Claro que é, você não viu com seus próprios olhos que ele é louco por mim. disse Benício.

Ele disse que foi você que o beijou. disse Matteo.

Claro, agora quem faz as coisas sou eu. disse Benício.

Claro que faz, você é uma cobra Benício, e eu não quero escutar você. disse Matteo correndo pra longe.

Vai então, mas lembre-se que eu te avisei. gritou Benício enquanto via Matteo se distanciar cada vez mais.

Ao ver que Matteo já desapareceu de vista, Benício começa a rir, Ramiro aparece e vê Benício rindo.

Do que você tá rindo? perguntou Ramiro.

Eu... eu tô rindo do vídeo que me mandaram no whats hehe. disse Benício.

Ah tá, pode me dar uma ajudinha? disse Ramiro levantando umas sacolas de compras que estava carregando.

Claro. disse Benício pegando a metade das sacolas de Ramiro.

Benício e Ramiro saem andando enquanto conversavam.

Hospital De Buenos Aires

Mônica e Alfredo estavam acompanhando os exames clínicos de Âmbar.

.... e de acordo com os últimos exames, podesse dizer que Âmbar não terá nenhuma sequela paralítica física, já que seu exame mostra que seu corpo está bem. disse o médico.

Aí que alívio. disse Mônica.

E quando ela vai acordar doutor? perguntou Alfredo.

Bem, ela acordara quando seu corpo reagir, depende dela mesma. disse o médico.

Entendo. disse Alfredo.

Quanto ao exame de sangue se pode dizer que......... O médico continuou sua conversa com Mônica e Alfredo.

Jam & Roller

Michel procura Tommy por todas as partes, e vê Nico.

Oi Nico, você não viu o Tommy por aí? disse Michel.

Não, na verdade eu não vejo o Tommy a muito tempo. disse Nico.

Sim, eu também não o vejo a algum tempo. disse Michel.

Espera aí... (Nico se afasta um pouco) Oh Pedro, você não tem visto o Tommy esses dias? perguntou Nico.

Não, não o vejo a muito tempo. disse Pedro.

E você Simón? perguntou Nico.

Eu também não, mas você devia perguntar isso a Luna, eles são da mesma turma de escola. disse Simon.

Bem, você ouviu né Michel. disse Nico.

Sim, valeu Nico, fico te devendo essa. disse Michel e se foi.

Casa De Ramiro

Ramiro e Benício chegam cansados na casa de Ramiro.

Poxa, essas sacolas tão pesando umas toneladas. disse Benício.

Pois é, mas chegamos, vamos colocar lá dentro. disse Ramiro.

Depois de uns minutos.

Pronto, guardei tudo, quer alguma coisa pra beber? disse Ramiro.

Quero água gelada. disse Benício.

Ramiro pega um copo de água gelada e da para Benício.

Obrigado. disse Benício pegando o copo e bebendo a água.

Ei valeu pela ajuda, você quer mais alguma coisa, acho que tem alguma coisa pra gente comer aqui na geladeira. disse Ramiro procurando algo na geladeira.

Benício o abraça por trás colocando sua mão encima do pênis de Ramiro.

Você me perguntou oque eu queria, só falta saber se você tá disposto a me dar. disse Benício.

E você pode me esclarecer melhor sobre oque você quer? disse Ramiro num tom pervertido.

Eu quero seu leite. disse Benício.

Ao ouvir isso Ramiro se virou e beijou Benício, Benício passou suas pernas entre a cintura de Ramiro que o agarrou em seus braços e o carregou para seu quarto.

Jam & Roller

Pedro estava preocupado sobre seu vídeo com Nico, e Matteo aparece.

Que cara de funeral é essa parceiro? disse Matteo.

Éh... nada não Matteo. disse Pedro.

Ei... não precisa finjir, você tá mal com algo, deixa eu tentar te ajudar. disse Matteo.

Tudo bem, nem sei como começar a explicar. disse Pedro.

Comece do começo. disse Matteo.

Então tá (suspiro fundo), ontem eu e o Nico quase transamos na dispensa do Roller. disse Pedro.

Que hahaha. disse Matteo rindo mas ao mesmo tempo surpreso.

Não ria, é sério. disse Pedro.

Foi mal, continua. disse Matteo.

O problema é que o Feliph gravou tudo, e por mais que não transamos, ficamos pelados e isso pode causar minha demissão e também do Nico. disse Pedro.

E porque ele quer que vocês sejam demitidos? disse Matteo.

Não, ele disse que se eu não ajudar ele a destruir a equipe do Roller, ele entrega o vídeo pro Gary e a Juliana. disse Pedro.

Matteo fica surpreso com a atitude de Feliph e vê a expressão triste de Pedro.

Pode deixar, eu cuido disso. disse Matteo.

Oque mas como? disse Pedro.

Eu tive um plano. disse Matteo.

Pedro fica confuso vendo Matteo.

Casa De Ramiro (quarto de Ramiro)

Ramiro joga Benício encima do colchão e deita em cima dele, beijando-o enquanto ambos tiram as roupas.

Ramiro começa a beijar o pescoço de Benício o fazendo gemer alto.

Depois de tirarem totalmente as roupas, Ramiro começa a morder o peito de Benício que começa a gritar loucamente, as unhas de Benício causavam danos a Ramiro enquanto passeavam lentamente pelas suas costas.

Ramiro voltou a concentrar seus beijos ao pescoço de Benício que implorava por seu corpo.

Ei Benício, você quer provar do meu leite? disse Ramiro.

É tudo que eu mais quero agora. disse Benício.

Ao ouvir isso, Ramiro agarra os cabelos de Benício e o da um feroz beijo, ao final do beijo Ramiro abaixa a cabeça de Benício em direção ao seu enorme pênis.

Benício começa a dar pequenas lambidas na cabeça do pênis de Ramiro, depois de umas lambidas o introduz dentro de sua boca completamente.

Ramiro com uma mão controla a velocidade das estocadas de seu pênis na boca de Benício, e com a outra mão, massagiava lentamente a entrada anal de Benício, isso o fazia delirar de prazer.

Com as duas mãos Ramiro começa a impulsionar a cabeça de Benício contra seu corpo, fazendo com que seu pênis vá mais fundo na garganta de Benício.

Com força Benício introduz todo o pênis de Ramiro.

Ao terminar de chupar seu pênis, Benício agarra as bolas de Ramiro, e as lambe delicadamente, chupando todo comprimento do pênis de Ramiro.

Depois de alguns minutos, Ramiro se agacha atrás de Benício e começa a beijar e lamber a entrada de Benício, que gemia o nome de Ramiro.

Jam & Roller

Feliph estava assistindo o vídeo de Pedro e Nico, estava excitado com o vídeo que seu pênis estava visivelmente volumoso em sua calça.

Aí droga, ninguém pode ver isso. disse Feliph tentando disfarçar sua ereção.

Oi Feliph. disse Matteo sorridente sentandosse ao lado de Feliph.

Ah... oh... oi Matteo. disse Feliph.

Ei, calma ae, não vou te matar. disse Matteo vendo o tão surpreso ficou Feliph.

Não, não é isso, é que... dizia Feliph tentando disfarçar a surpresa.

Ei cara, você tá ereto... tá vendo filme porno né safado. disse Matteo num tom sarcástico.

OQUE? CLARO QUE NÃO MATTEO. disse Feliph.

Opa, calma... é só uma brincadeira. disse Matteo.

Ah... é... eu já vou, to mega ocupado. disse Feliph.

Espera, eu tava vendo você aqui sozinho... e sabe, você é super interessante. disse Matteo.

Onde você quer chegar Balsano? disse Feliph demonstrando curiosidade no assunto.

Então, meu pai vai viajar a negócios amanhã, e eu vou estar sozinho em casa. disse Matteo mordendo o lábio inferior. disse Matteo.

Feliph não sabia como reagir a ser seduzido por Matteo, tudo que pode fazer foi engolir seco quando Matteo começou a brincar com a gola de sua camisa.

Que tal alugarmos um filme e não assistir. disse Matteo se aproximando mais de Feliph.

Ah... é... tá bom, eu... vou estar lá. disse Feliph gaguejando.

Vai ser um prazer. disse Matteo enfatizando de modo sensual a palavra prazer.

Tá.. tá, até amanhã. disse Feliph saindo dali sem tirar os olhos de Matteo por um segundo sequer.

Pedro se aproximou de Matteo quando Feliph não estava mais a vista.

E ai, conseguiu executar a primeira parte do seu plano? perguntou Pedro curioso.

Não podia ter saido melhor. disse Matteo.

Mesmo sem saber do que se tratava Pedro começou a rir com Matteo.

Enquanto Isso

Luna e Nina entram no Roller e se encontram com Michel.

Oi Michel. disse Luna.

Oi Luna, você está melhor? disse Michel.

Eu tô sim, é necessário mais do que uma galinha pra me machucar. disse Luna sorrindo.

Meninas, eu queria perguntar uma coisa. disse Michel.

Oque? pode dizer. disse Luna.

Vocês têm alguma notícia do Tommy, ou pelo menos tem visto ele. disse Michel.

Olha Michel, você sabe que eu nao gosto deste garoto, mas agora que você disse já faz um tempo que não o vejo. disse Luna.

Sim, eu também não o vejo, mas ouvi dizer que ele fez transferência pra outra escola, mas são só boatos. disse Nina.

Oque? não pode ser. disse Michel se deprimindo.

Luna abraça Michel e Nina apóia sua mão no ombro dele.

Olha, eu sei que você gostava dele, mas você vai ficar bem. disse Nina.

É, e olha que eu e a Nina somos experts em superar um grande amor. disse Luna sorrindo.

Valeu meninas. disse Michel abraçando elas.

Casa Do Ramiro

Benício gemia e gritava o nome de Ramiro enquanto ele esplorava sua entrada com a língua, implorando pra que Ramiro vá mais fundo.

Ramiro se levanta e posiciona seu pênis na entrada de Benício.

Pronto? perguntou Ramiro.

Eu já nasci pronto. disse Benício com um sorriso malicioso.

Pov Benício

Desde que terminei definitivamente minha relação com Pedro, senti que precisava substitui-lo por outro, não quero ser hipócrita dormindo com todos para esquecer ele, e não estou sendo, desde que nosso namoro acabou não consegui transar com mais ninguém, nem mesmo com o Ramiro da última vez, agora sinto que superei o Pedro, mas não sei se sinto algo sentimental pelo Ramiro, sinto um fogo que consume meu corpo em chamas, uma sensação de prazer que me faz gemer de tesão, Ramiro era definitivamente uma delícia, era forte, gostoso e tinha um beijo ousado que não se encontra em qualquer boca.

Agora estamos aqui, Ramiro me perguntou se eu estava pronto, e sem exitar disse que já havia nascido pronto, por conhecer Ramiro sei que ele meteria o mais fundo possível, com toda sua força e sem preparamento algum, mas era exatamente assim que eu quero.

Ramiro se posicionou por uma última vez e deu uma estocada só, enfiando de uma vez, todo o comprimento de seu pênis monstruoso em mim, foi tão rápido e tão forte que não pude sequer dar um grito decente, a dor foi o suficiente para me fazer perder o fôlego antes mesmo de terminar de gemer, em uma só estocada senti todo o prazer sexual do mundo.

Após essa primeira estocada senti como se as seguintes fossem cada vez mais doloridas, era como se o pênis dele já tivesse chegado ao limite de minha entrada, sentia como se sua grande vara estivesse ultrapassando os limites do interior de minha entrada.

Ramiro era um monstro, era selvagem e parecia ter uma fome insaciável, Seus beijos se tornaram mordidas, seus toques deixaram as marcas de seus dedos em minha pele, seu corpo quente parecia um vulcão prestes a entrar em erupção, Sua voz parecia uma fera rugindo protegendo algo que havia conquistado, e suas embestidas contra meu corpo... era como sentir uma bela e deliciosa surra em meu ponto G.

Ramiro estava enfiando com tanta força que estava perdendo minhas forças, já não conseguia suportar o peso de seu corpo contra o meu, meus gemidos já não passava de patéticas tentativas de dizer seu nome.

Já estávamos transando há algum tempo, e eu estava literalmente esgotado, só conseguia me mover através de suas investidas, sentia meu corpo subir e descer, acompanhando suas estocadas, meu pescoço já estava inundado de sua saliva, nossos corpos estavam tão colados que eu podia sentir cada gota de suor que descia de seu peitoral, acumulandosse em minhas costas por tocar excessivamente seu abdômen, eu já havia ultrapassado meus limites.

Ouvir a voz de Ramiro voltar a ser como era em um último grito de prazer, no qual senti minha entrada se encher de seu esperma delicioso, foi a melhor experiência da minha Vida.

Pov Narrador

Ramiro e Benício caem de uma só vez na cama de Ramiro, com a respiração ofegante era impossível Falar uma palavra completa.

Ramiro olhou diretamente nos olhos de Benício e simplesmente o beijou.

Um beijo que não durou sequer 5 segundos pois a falta de ar os impossibilitou.

Ramiro se deitou de barriga para cima, seu peitoral enchia e esvaziava de ar com uma respiração muito ofegante.

Benício se deita sobre seu peitoral.

Você... é o mais... gostoso do... mundo. disse Benício tratando de recuperar seu ar.

Pois é, eu... sou o cara, mas... eu só... sou assim por... porque você despertou... isso em mim. disse Ramiro abraçando Benício.

E... agora? Como... vai ser? disse Benício.

Agora... nós vamos... dormir, e... quando acordarmos... resolvemos. disse Ramiro virando Benício de costas pra ele, e sarrando sua vara na entrada de Benício, encostando seu abdômen suado nas costas de Benício.

Depois de alguns minutos os dois caíram em um sono profundo, dormindo de conchinha.

Ruas De Buenos Aires

Matteo estava andando um pouco distraído e com o corpo inquieto.

Ei Maurícinho, porque está andando assim? disse Simon se encontrando com Matteo.

Ah... é você guitarrista, eu não quero papo com você. disse Matteo se retirando.

Que? não... espera, eu disse que eu não beijei o Benício, foi ele que me beijou. disse Simon.

Matteo seguiu andando adiante sem olhar pra trás.

Simon vai atrás de Matteo e segura seu braço.

Por favor Matteo, acredite em mim, eu não o beijei. disse Simon.

Ah... quer saber, eu acredito sim, mas não acredito que você escondeu de mim que já teve um caso com o Benício no passado. disse Matteo.

Oque? quem... quem te disse isso? perguntou Simon engolindo seco.

Você não está negando nada. disse Matteo com um olhar frio.

Por favor Matteo, deixa eu te explicar. disse Simon.

Então vamos lá Guitarrista, oque ouve entre você e o Benício na praia de Cancun? perguntou Matteo cruzando os os braços com um olhar cada vez mais gélido.

Simón olha nos olhos de Matteo e se prepara pra contar sua história.


Notas Finais


🔥🔥🔥🔥🔥🔥🔥🔥🔥
Ramiro e Benício são o melhor Shipper do mundo kkkkk
E então, gostaram?
Comentem ai.
Até breve amores😘😘😘😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...