1. Spirit Fanfics >
  2. Sn e seu amor inesperado... >
  3. Capítulo 3 part.2: eu não tô gostando do namjoon!!

História Sn e seu amor inesperado... - Capítulo 4


Escrita por: itachiutirra

Notas do Autor


Não sei se vocês estão gostando, mas vou continuar postando os capítulos até acabar a fanfic enteira :')
Talvez esse capítulo tenha ficado um pouco confuso? Talvez, mas acho que dá pra entender :/
Tenham uma boa leitura! <3

Capítulo 4 - Capítulo 3 part.2: eu não tô gostando do namjoon!!


Fanfic / Fanfiction Sn e seu amor inesperado... - Capítulo 4 - Capítulo 3 part.2: eu não tô gostando do namjoon!!

Capitulo 3 part. 2:

Mas bem que eu queria que fosse né...

Ai S/n para de pensar em besteira!! Vocês são só amigos, nada mais

Mas...ele é tão legal comigo e...

“E” nada.

Quando deixei minha imaginação de lado, percebi que já havia tocado o sinal para a hora do almoço. Todos já tinham saído da sala...exceto eu e uma pessoa, quem será né??(ironia)

S/n – Nam, por que que você ainda tá aqui? Todo mundo já foi comer... – falei me fazendo de desentendida.

NJ – Ah, eu só tava pegando uma coisa hahah – disse um pouco nervoso guardando algo desesperadamente em sua bolsa.

S/n – Ah então tá... – fiquei um pouco confusa, mas entendi o motivo dele estar lá. Bom, pelo menos de acordo com minha mente de fanfiqueira – bora Namjoon, já, já acaba horário do almoço!! – falei puxando o garoto.

Namjoon on*

Nossa, quase que ela viu...aish, não consegui terminar o desenho, ela tinha que sair do mundo da Lua logo agora, ela tava tão linda e pensativa...

Estávamos andando em direção ao refeitório, quando percebi que S/n andava mancando, fiquei um pouco preocupado, então perguntei:

NJ – Ei, você se machucou? Tá mancando... – disse fitando a menor.

S/n – Nam, não se preocupa, eu só tropecei na escada hoje de manhã, nada demais... hahah – ela falou um pouco desconfortável. Acho que ela tá sentindo dor...

NJ – Você não quer ir na enfermaria? Eu sei que deve estar doendo – ela sorriu

S/n – Nah, não tá doendo – falou quase caindo na minha frente, mas eu a segurei

NJ – S/n, você não tá bem, deixa de pagar de orgulhosa e vamos logo – disse firme

S/n – Aish! Tá bom, eu vou... – ditou emborrada

Quando chegamos na enfermaria a médica examinou o tornozelo de S/n, deu uma medicação para dor e pediu para que a mesma ficasse repousando em uma das camas por um tempo. E obviamente como eu não sou um babaca não deixei que ela ficasse sozinha lá. Depois que a mulher saiu brotou um silêncio no ambiente e ficamos assim por quase cinco minutos (que pareciam uma eternidade), então resolvi quebra-lo.

NJ – E então S/n? Tá melhor...? – olhei para ela e rapidamente desviei o olhar

S/n – SIM, sim, é estou melhor hahah – falou um pouco nervosa olhando para as suas mãos que se encontravam agitadas.

NJ – Ah que bom... – Nossa, cara, por que eu tô tão nervoso? É só a S/n... minha amiga

S/n – Então Namjoon, eu queria te perguntar uma coisa... – disse demonstrando um pouco de nervosismo

NJ – hmm...pode falar – sorri com as mãos nos meus bolsos da calça e olhei para ela

S/n – Bom, é que amanhã é meu aniversário... e como eu não vou fazer nada mesmo...pensei que como é no sábado você poderia...passar o dia comigo...? Mas se você não quiser eu faço outra coisa e...

NJ – Sim, eu fico com você, gosto da sua companhia – interrompi a menor e a olhei com um doce sorriso.

S/n – É, eu sabia que ia recusar, eu...não, espera, v-você disse “SIM”???? – falou olhando ligeiramente para mim com aqueles vividos olhos verdes.

NJ – Sim, eu disse hahah – ditei me abaixando para olhar mais profundamente os seus olhos, e consequentemente aproximando nossos rostos. Estávamos à pouquíssimos centímetros de distância um do outro. Confesso que estava prestes a selar meus lábios com os dela, mas a médica chegou bem na hora e acabou me impedindo de realizar tal ato. Logo me levantei e fiquei fitando a janela do cômodo, fingindo que não tinha acontecido nada. A médica me achou um pouco estranho, mas mesmo assim prosseguiu com o que ia falar. Ela disse que S/n tinha torcido o tornozelo, então deveria ir para casa e ficar repousando por no mínimo 5 dias, ou até seu tornozelo melhorar. Fiquei mais aliviado pelo fato de não ter sido muito grave.

S/n on*

Mais que merda, 5 dias sem ver o Nam!! Não, pera, o que eu tô pensando??? Eu não tô gostando dele!! Ain por que eu fui falar pra ele que eu ia fazer aniversário amanhã?? Eu nunca comemorei de verdade meus aniversários... (bom, pelo menos até antes da mamãe ir embora..., mas não quero pensar nisso...) será que ele pensou que eu o chamei para um encontro?? Aish!!!

Quando saí da enfermaria não conseguia parar de pensar no meu “quase primeiro beijo” (eu ia beijar o Namjoon se aquela enfermeira fia da put4 não tivesse entrado lá) e na merda que eu fiz quando chamei o Nam pra comemorar meu aniversário comigo. Mas vai dar certo S/n!! Não vai acontecer nada de estranho...bem, eu não vou deixar acontecer...reformulando: espero que não aconteça né...


Notas Finais


Espero que tenham gostado lindos(as), até o próximo capítulo...
E me desculpem por qualquer erro.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...