1. Spirit Fanfics >
  2. Só acaba quando Saiko se declarar >
  3. Único;

História Só acaba quando Saiko se declarar - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


n tenho oq falar

Capítulo 1 - Único;


Os quatro amigos estavam em call falando besteiras irrelevantes e tentando achar um bom jogo para gravarem uma gameplay.

— Que tal Among Us? – sugeriu Ycaro.

— A gente jogou isso ontem, abestado.

Tawan riu soprado e André concordou com Saiko.

— Mine? — indagou — A gente podia fazer tipo “só acaba quando Ycaro matar o Saiko” — desta vez quem sugeriu foi MeiaUm.

Todos riram sabendo que se fosse assim o vídeo seria eterno.

— Eu quero um vídeo só — riu – , não uma série inteira.

— Não seja engraçadinho não, viu?

— Desculpa se a realidade é dura – riu debochado

— eu só sou ruim no minecraft, diabo!

— No minecraft e em todo o resto. — Saiko riu ainda mais.

— Bora pvp então, bora!

— A gente podia jogar — Tawan parou – sei lá, doido. Estamos faz horas procurando um jogo e o Saiko nega todos.

— Eu já sei, rapaziada! — MeiaUm soltou uma risada maligna — “Só acaba quando Saiko se declarar para o Ycaro”.

Silêncio.

Saiko não acreditava que o filho da puta do André tinha mesmo – de certa forma – exposto sua queda pelo loiro.

Arrombado.

O clima constrangedor havia chegado em Ycaro que estava agora ruborizado, agradecia em silêncio por estarem em call.

Tawan estava segurando a risada que em poucos segundos quase explodiu os tímpanos dos seus amigos.

E André estava a fim de jogar merda no ventilador por diversão.

— Boa — Saiko finalmente falou algo — , tenho uma melhor “Só acaba quando o MeiaUm contar para o Tawan que já sonhou com sem roupa, pelado”

— Safado. — Ycaro riu alto

— Sériao’ mesmo, mano?

Tawan ficou sem graça.

Vamos ser realistas, todos naquela ligação eram apaixonados.

Saiko por Ycaro.

André por Tawan.

E todos estavam cansados de esconder os sentimentos.

— Podia ser um “Só acaba quando o Saiko tomar coragem e me pedir em namoro” — Ycaro soltou isso, de repente.

Tampou a boca e antes que se batesse até desmaiar Saiko respondeu:

— “Só acaba se tu aceitar”

MeiaUm fez um som com a boca, enquanto Tawan dizia “isso ae’”

— Calma’ aí, doido – MeiaUm tossiu — “Só acaba quando no 5 todos falarem por quem são apaixonados”.

Contaram cinco minutos mentalmente e como o imaginado todos se declararam juntos.

Envergonhados, os quartos ficaram em silêncio novamente.

Ycaro pensando em Saiko.

Saiko pensando em Ycaro.

Assim como MeiaUm e Tawan.

— “Só acaba quando — foi interrompido

— Palhaçada, acabou já, porra. — Saiko riu — Ycaro, eu te amo. E eu não sei como expressar isso... tem vezes que eu quero te pegar no murro e tem vezes que eu sinto vontade de te sequestrar e esconder tu só pra mim.

— Gente, Saiko psicopata. – MeiaUm riu

— Eu sei que tu me ama.

— Ycaro burro, cortou o clima romântico! – reclamou Tawan

— Tá todo mundo namorando agora? — MeiaUm riu duvidoso

— Eu não tô namorando todo mundo — Saiko suspirou leve.

Ele sorriu bobo mesmo sabendo que ninguém iria ver.

— Eu tô é namorando o Ycaro, esse abestado.

— Isso deveria ter sido fofo, mano. – Tawan balançou a cabeça – Meu namorado edita música, é isso.

Todos riram. Eram quatro amigos apaixonados e envergonhados.

Cada um com a sua pessoa, essa foi a ligação mais sem sentido e maravilhosa de suas vidas. Haviam começado aquela merda mesa para escolherem um jogo, e agora estavam bobos e sentindo seus corações acelerarem a cada segundo que aquilo se tornava mais real.


Notas Finais


isso pode ser considerado uma história? Plmda


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...