1. Spirit Fanfics >
  2. So fuck me >
  3. Pensamentos impuros

História So fuck me - Capítulo 2


Escrita por:


Notas do Autor


Meu deus!, o primeiro capítulo teve nove visualizações e quatro favoritos...tem um olho na minha lágrima😪




Boa leitura!.(e relevem a autora retardada)

Capítulo 2 - Pensamentos impuros


 

  

Satoru arregala os olhos ao ver a cena e logo saí de perto cobrindo seu rosto com as mãos, logo ele ouve o som de zíper sendo fechado e logo o garoto se aproxima dele.

 

-Não conte a ninguém!-diz o garoto com as bochechas vermelhas

-E porque eu  contaria?-diz Satoru com as mãos ainda em seu rosto

-Não sei, pra me arruinar?

-Arruinar oque??

-Eu sou popular, então talvez conte pra tirar minha popularidade

-Tenho coisas melhores pra me preocupar, agora me da licença que o sinal tocou-diz Satoru logo saindo do banheiro  indo para sua sala

 

   Satoru se senta na sua mesa, mas não vê o garoto da punheta entrar na sala então ignora, mas depois de alguns segundos ele entra tomando uma advertência da professora.

 

-O Naoki é tão lindo!-diz a garota que senta na frente de Satoru para uma amiga sua

-Então o garoto da punheta se chama Naoki..?-diz Satoru baixo enquanto morta a tampa de sua caneta pensativo, mas sua atenção vai para Naoki que passa por si logo sentando na carteira atrás

 

   A aula foi uma chatice pois era aula de biologia qual todos odiavam inclusive Satoru, o sinal toca avisando que era o sinal para ir embora, todos correm parecendo animais, Satoru apenas guarda suas coisas na calma e saí pela porta seguindo seu caminho até sua casa.

Ao chegar em casa Satoru vai direto para seu quarto pondo sua mochila pendurada em um gancho e troca de roupa botando uma roupa mais confortável e logo se joga na sua cama mexendo em seu celular.

O tempo foi passando e cena de Naoki se masturbando não saia de sua cabeça, ele chegou a pensar na possibilidade de ser gay, mas afastou este pensamento pondo um vídeo “educativo” e começando a se masturbar, mas enquanto se masturbava ouviu na sua cabeça Naoki gemendo, então o mesmo para o ato e vai tomar banho para esfriar a cabeça, o mesmo achou que estava ficando maluco, pois do nada começou a ter este pensamento com homens, Naoki nunca ficou com ninguém e por acaso começou a imaginar como seria beijar um garoto, mas ele achou que estava louco e foi dormir após o banho quente.

 

   Ao chegar do amanhecer Satoru acorda com os gritos da emprega já que não havia acordado pelo despertador.

 

-Acorda Satoru!!,se não irá se atrasar!-grita a mulher do andar de baixo da casa

-Meu deus!-o garoto acorda na pressa por estar atrasado

 

  Satoru se arruma rápido e desce as escadas correndo, não cumprimenta ninguém, apenas passa correndo por todos pegando o caminho de sempre para a escola. Ao chegar na escola os portões estavam se fechando, mas por sorte conseguiu entrar. Ao entrar na sala ninguém nota sua presença apenas a diretora que estava na sala, então o mesmo vai até sua carteira e se senta ali.

 

-Bom alunos, hoje vim dar uma noticia a todos vocês-diz a diretora da escola- Como aqui em nossa escola quase nunca fazemos passeios para nos divertir, eu e os outros da secretária decidimos que iremos a um passeio pela floresta onde faremos um acampamento e ficaremos lá por quatro dias-todos os alunos se animam-tragam as autorizações assinadas amanhã, o passeio será no sábado  as seis da manhã até terça de tarde-diz ela entregando as autorizações-agora deixarei os professores dando suas aulas-diz ela saindo da sala

 

   Assim que ela  saí o professor de historia entra e começa sua aula fazendo Satoru arrepiar pela voz grossa do  professor, era essa voz que ele imaginava para o personagem de seu livro “Cretino irresistível”, mas mudando de assunto, a aula se passou normal, Satoru tentava ignorar qualquer tipo de contato com Naoki pois ainda estava com vergonha pelo oque viu no banheiro e pelo que fez em sua casa..., só de lembrar o mesmo ficava com as bochechas vermelhas, mas afastou os pensamentos e voltou a prestar sua atenção na aula.

   Depois dos dois períodos de historia acabarem e os alunos terem tempo de conversar até a próxima professora entrar, os amigos de Satoru vem até ele para falar algo.

 

-Você vai no passeio né Sato?-diz um amigo de Satoru

-Quantas vezes vou dizer que odeio que me chame de Sato,Yuki??

-Ok.., vou parar de te chamar assim Satoru-diz Yuki revirando os olhos

-Obrigado e respondendo sua pergunta não vou ao passeio

-Oque???-diz agora a amiga de Satoru indignada

-Eu não vou Akemi-diz Satoru para a amiga

-Como não Satoru??, é sua grande chance!

-Cala boca!-diz Satoru

-É sua chance amigo aproveite

-Mas com quem??

-Sei lá, vê alguém que você está com vontade de comer e só vai!

-Mas isso é estrupo!

-Não sem pedir a permissão da pessoa né Satoru!, pergunte se a pessoa quer se quiser então só vai!

-Ainda verei Akemi, tenho que ver com meu pai se posso ir..

-Pelo amor de deus Satoru, você tem dezessete anos!-diz Yuki-Pede pra ele assinar e pronto não precisa da autorização total dele

-Tá ta eu vou!-Os amigos dele sorriem  por satirsfeitos e voltam para suas mesas pois a professora entrou na sala

 

Satoru não havia percebido que Naoki estava escutando toda a  conversa que acabará de ter, assim que aquela conversa acabou Naoki solta um sorri como se tivesse algo em mente, e pelo sorrisinho dele não seria nada bom..., ele está planejando algo para este acampamento que Satoru mal esperará.


Notas Finais


O próximo capítulo já está sendo produzido.😉


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...