História Só Me Ferro (Hiatus) - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Colegial, Comedia, Imagine Bts, Yaoi
Visualizações 42
Palavras 902
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Ficção Adolescente, Hentai, Lemon, Orange, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shounen, Universo Alternativo, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


T Á F O D A
Meu Deus do céu, esse capítulo tá pequeno? Sim, muito, chega dá até uma decepção de mim mesma.
900 palavras de pura bosta maciça.
Nossa mas que gostoso isso não?

Acontece que eu, por enquanto, perdi a personagem. Não vou mentir e dizer que não me inspiro em mim mesma pra escrever, só que de uma forma bem mais exagerada.

Mas acontece que, eu estou na merda.
Resumindo tudo. É, eu estou na merda.
Bem no fundo da merda, sacou?
Em que sentido? O sentido em que eu tenho sentimentos.
Cara, eu não tinha isso.
Sabe? Sentimentos.... Amorosos...
Afeto... Ah que bost

Cara, eu odeio o amor, odeio mesmo
Afeto, paixão, essas coisas de filme que normalmente me irritam.
Nossa! Ai!

Claro que não tô falando de odiar o amor fraterno ou de família, ou de amizade e blablabla...
Eu não sou tão fria assim, por favor.

Só que a parte pessimista e que faz piada com a própria desgraça foi substituída por felicidade e bipolaridade.
Vê se pode?

Então eu tentei ao máximo resgatar o que já existia e que, se Deus permitir e se ele quiser ser bondoso com o meu coração o esmagando, que essa crise existencial nojenta, melosa e amorosa morra junto com a palavra 'afeto'.
Amém.

Eu gosto quando a barra fica pequena então sim, eu estou aumentando as notas por pura estética,
Desculpa.
Eu sou artificial.

Capítulo 7 - VII


SOU A MELHOR AMIGA DE UM IDIOTA



“Você é amiga do Taehyung, certo?” — Essa é sem dúvida, a frase mais familiar e mais padrãozinho que eu ouço todos os dias, uma frase que eu posso ter ouvido de todos os cantos da escola, com algumas pequenas exceções, como os Professores.

Ainda bem, eu acho.

Sinceramente, eu preferia mil vezes ser invisível do que ser lembrada como a "melhor amiga" do Taehyung, em alguns pontos é humilhante. O pior é eu me sentir obrigada a ser melhor amiga dele, já que em tese, eu não tenho nenhum outro melhor amigo.

Quando eu cheguei na escola, lembro bem de o quanto eu estava iludida com o meu futuro sucesso, que eu iria chegar e ser o centro das atenções por ser estrangeira, eu sei que é idiota, mas convenhamos, você pensaria o mesmo.

Claro que ganhei um certo reconhecimento desde que caí em uma amizade com Taehyung irritantemente impossível de sair, mas são por motivos totalmente imbecis.

Garotas impacientes em busca do príncipe encantado e de preferência rico – que por algum motivo encontraram isso no Taehyung –, mas isso até eu queria, a parte do rico, não do Taehyung.

Todos os dias me deparo com uma garota perguntando por ele, sobre ele, até começam uma conversa extremamente aleatória que por pura coincidência, chega até o Taehyung e sobre como ele é. Bom, é claro que não perderia a chance de denegri-lo, afinal, tenho que me livrar delas de alguma forma, é nada melhor do que assusta-las. E como bônus, pode servir de fonte pra desabafar.

Mas vejamos pelo lado positivo, os benditos e abençoados privilégios que elas dão a mim; Desde as respostas das questões com a garota mais nerd da turma, ou em conseguir comida de graça com a garota que tem pais que são donos de um restaurante.

Ainda bem que o humano descobriu o sentido da palavra chantagem.

Elas me usam para conseguir o Taehyung, e eu as uso para conseguir comida e o meu bem estar escolar e existencial, nada mais justo.

E quem sabe, se eu tiver chance, me livro do Taehyung também?


Talvez eu nunca entenda a fixação de todas as garotas pelo Taehyung, deve ser porque não conhecem de perto, porque se conhecessem, elas com certeza mudariam de idéia. Mas okay, devo admitir que Taehyung tem o seu charme, é bonito, confiante e relativamente engraçado, mas sejamos sinceros, ele é um idiota.

Só não é mais idiota que o Yoongi porque pelo menos ele não tem a Yukio como namorada, até porque seria incesto. Nada contra Yukio, é claro, mas se não tenho paciência com o Taehyung, imagina a prima dele?

Além de irritante, Taehyung é um tremendo filho da puta. Com todo o respeito, claro.

Vai ser exatamente o que vou falar no dia em que eu ter que depor na delegacia por assassinato.


Aliás, em falar em assassinar o Taehyung e voltando a validar o papel de irritante que Taehyung insiste em atualizar, eu não sei o que deu nele nessas semanas, mas ele simplesmente decidiu que queria aprender português.

Não pergunte o pôr que, eu também não sei.

Ele não consegue colocar na cabeça nem seu próprio idioma e ainda fala errado as vezes, e simplesmente decide aprender outro? Se fosse inglês eu até entenderia, mas português?. Francamente, em comparação aos meus poucos meses e toda a vida do Taehyung morando aqui, eu sou quase fluente.

Talvez seja apenas uma forma bizarra do Taehyung me fazer me sentir em casa, talvez?

Mas sei lá, comprava uma coxinha pra relembrar os velhos tempos, e estaria tudo bem (Até porque seria até mais fácil e inteligente)

Como posso visualizar e conviver em um mundo em que Taehyung fala português? Não, eu não posso. Pelo menos estou confiante de que ele vai desistir. Okay, ficaria extremamente feliz em poder conversar com alguém sem que fosse a minha propria mãe ou com os sermões do meu padrasto? Sim, no entanto, a minha integridade vale pelo fato de ninguém entender o que eu estou realmente falando já que é em outra língua. Essa é a graça. Poder julgar quem quer que seja em que qualquer país, a não ser que você seja de Portugal, aí é outra história.

Pelo menos rapariga por lá não é chingamento.

Seguindo essa linha de raciocínio, a algumas semanas, eu acabei chamando Tini de puta acidentalmente por puro acaso. Ela me ouviu e perguntou o que era essa palavra, tentei me consertar e disse que era uma forma de chamar uma outra pessoa formalmente.

Tapada como ela é, acreditou.

Modéstia a parte, foi uma jogada muito inteligente da minha parte, eu poderia chama-la assim todos os dias sem ela nem mesmo desconfiar, e se descobrisse, eu diria que ela simplesmente escreveu a palavra errado. Mas ela começou a me chamar desse jeito por uma semana aí eu desisti.

Eu sei, eu tenho a sorte de um cavalo.


Teve um dia em que estávamos passeando — Sendo levada a força pelo Taehyung, como sempre — por perto de uma praça, onde estávamos “voltando a nossa infância” como Taehyung disse. Passamos por uma igreja próxima e como eu sei que demônio não pega fogo, tive a idéia de perguntar se tinha água benta pra jogar em Tini e como podem sacar, não deu certo. Infelizmente, além de eu não ter nenhum cúmplice, o único ser que poderia ser o meu cumplice, vulgo Yukio, se recusou a me ajudar e ainda me impediu.
Se Lúcifer tem uma irmã, já sei quem é.


Notas Finais


Enfim.
Tá pequeno mas eu só postei pra não ficar na seca, pq se não eu não me perdoo.
Vou ver se termino e coloco outra continuação e depois de um mês em que o outro capítulo estiver postado eu juntarei os dois.
Entao fiquem de olho nesse capítulo pra não perder nada.
Viram? Não tem NADA acontecendo no capítulo
Ah como isso me irrita.
Não tem local, não tem ação
Não tem porra nenhuma ._.)
Mano eu fiz um resumo inteiro sobre a guerra fria e ficou bem melhor que isso, e bem maior também.
Na verdade o resumo sobre como estou na merda conseguiu ser mais criativo e legal do que o capítulo.
Man
Que triste kkkk

E me digam se notaram uma mudança na personagem
Ah me diz que não por favor!!! MAS NÃO MINTAM!!

Obg pela atenção
E rezem pra que o amor morra ou fique 10 anos em coma.
E que a criatividade ressuscite no lugar
Amém.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...