História Sob o Mesmo Teto - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Os Heróis do Olimpo, Percy Jackson & os Olimpianos
Personagens Annabeth Chase, Apollo, Atena, Connor Stoll, Frank Zhang, Hazel Levesque, Jason Grace, Leo Valdez, Nico di Angelo, Percy Jackson, Poseidon, Thalia Grace, Travis Stoll, Will Solace
Tags História Infanto-juvenil, Novela, Percabeth, Romance
Visualizações 98
Palavras 2.759
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Famí­lia, Festa, Poesias, Romance e Novela, Suspense

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oieee meus amores.
Novo capítulo para vocês, esse ficou mais curto, por causa da falta de tempo, mas não deixei voces sem pelo menos...
Espero que gostem, BOA LEITURA!

Capítulo 5 - The Curiosity Kills!


Pov. Percy

LIGAÇÃO ON

- Eu já te disse que eu não sabia! - exclamava Jason do outro lado da ligação.

- Mas como você sabe agora? - o questionei.

- Annabeth me contou ontem com quem ela foi morar, ontem! - ele repete a palavra “ontem” para fixar – e eu esperei você me ligar, para conversarmos.

- Foi mal cara, mas é por que essa situação toda tá me deixando maluco. Ela é um problemão.

- Como assim?

- A família dela se mudou para cá já tem 1 semana e meia. E por enquanto tá sendo impossível esconder o sentimento que eu sinto por ela – confesso.

- Você gosta dela? - Jason me pergunta.

- É... - tento hesitar – Bom,é justamente por isso que ela é um problemão.

- Eu não sabia desse detalhe e nem a Annie me contou. Cara, isso não é nada legal. Sério mesmo, se apaixonar pela própria irmã? - diz Jason rindo da desgraça alheia.

- Ah valeu mesmo Jason pela sua enorme ajuda! Muito amigo você! - brinco irônicamente.

- Foi mal cara, mas isso é loucura...

- Em legítima defesa – o interrompo – nós nos conhecemos antes de saber que éramos irmãos. E ela é muito linda... Mas no mesmo dia descobrimos esse 'pequeno' detalhe que SOMOS irmãos – dou ênfase no 'somos'.

- A Annie me contou a história só que eu não sabia da sua parte.

- Cara, poderia pelo menos me dizer se ela gosta de mim?

- Não mesmo. A Annabeth é muito temperamental, se ela descobrir que eu te contei o que ela disse ontem, ela vai me matar – escuto isso revirando os olhos.

- Ah Jason, por favor – imploro.

- Foi mal irmão, mas dessa vez é com você.

- Beleza, mas mudando de assunto... Quando você vem nos visitar?

- Chego aí depois de amanhã, no sábado. To com saudade da minha família.

- E de mim... - completo brincando.

- Na verdade só da minha família mesmo. E da Annie. - ele completa depois de um tempo.

Nós dois rimos.

- Mas eu sei que não é só por causa da Annie... - faço um suspense – Festa da Rachel sábado. Não é?

- É, também... - ele diz.

- Mano, vocês dois já se pegaram? - pergunto.

- Não cara, jamais...

- Aham, sei. - finjo de desintendido – mas diz que vai ser uma festa daora.

- Todas as festas da Rach são daora. Só to indo por que nessa festa vou rever todos os meus amigos e que ela é minha amiga...

- Verdade – concordei.

- Falou, tenho que ir estudar – despede Jason.

- Beleza, falou irmão – me despeço e desligo.

LIGAÇÃO OFF

- PERCY! - escuto uma voz irreconhecível (sqn) fora do meu quarto.

- O QUE FOI, SARAH? - grito de volta.

- CADÊ VOCÊ? - sua voz se aproxima mais.

- NO MEU QUARTO! - respondo.

Rapidamente, uma Sarah cansada e ofegante entra no meu quarto.

- Que isso, Sah? - me pergunto preocupado.

- Eu preciso...de...um favor... seu – ela disse respirando entre as palavras.

- Fala – falo já me despreocupando. A Sarah sempre precisa de mim..

- Você vai na festa da Rach? - ela pergunta.

- Sim.

- Sabe se o Jay ai?

- Sim, acabei de falar com ele – aponto para o celular.

- Ótimo! - ela sorri – Obrigada!

- Por que você quer saber? - pergunto desconfiado.

- Nada...é...porque...Não é da sua conta – ela se embola com as palavras e fico mais desconfiado ainda. Logo depois sorrio.

- Você gosta dele?

- Ahhh, não! - ela diz confiante – Sabia que a Annabeth vai? - ela foge totalmente do assunto.

De repente minha atenção se volta toda para Sarah. O que essa garota tá fazendo comigo?

- Ta. E daí? - tento parecer desinteressado – Mas como ela conseguiu o convite?

- Perla – Sarah cospe as palavras – Ela arranjou um convite para a loira.

- Você tá com ciúmes? - pergunto.

- Não! - ela exclama – Só não entendo por que ela está sendo tão boazinha com a Annie. Parecem ser amigas agora, mas isso não importa.

- Ta...E o que você quer mais?

- Me responda com sinceridade Percy... Você tá saindo com a Rachel?

Faço que não com a cabeça e começo a empurrá-la até a porta.

- Ei, você não me respondeu... - disse ela tentando fugir dos meus empurrões.

-Já repondi sim – falo – E o que você que que eu diga? AH É CLARO QUE VOU SAIR COM MINHA NAMORADA RACHEL AGORA! Ah, por favor Sarah, me dá licença.

Vou abrir a porta e estranho por que Annabeth estava atrás dela. Empurro Sarah mais um pouco e ela finalmente sai da minha cola. Espero que Annabeth não esteja escutando a nossa conversa, mas quando abri a porta ela tomou um susto. De qualquer modo, não iria desperdiçar essa chance de conversar com ela.

- Oi, tudo bem? - pergunto educado enfiando minhas mão no bolso do meu moletom.

- Ahh, sim. - ela responde rapidamente e depois fica vermelha.

Ela fica tão fofa assim...CONCENTRA PERSEU!

- Fiquei sabendo que você vai na festa da Rach esse sábado – falo puxando assunto.

- Bom, eu não sei ainda se vou... - ela parece hesitar – não conheço muita gente de lá.

- É claro que conhece! - tento animá-la – Você me conhece, conhece a Lia, a Haz, os garotos, minhas irmãs...

- Bom, vou pensar ainda – ela sorri. Tinha esquecido como o sorriso dela é lindo.

- Seu sorriso é lindo – sem querer falo, fico vermelho. Ela também me acompanha e começa a competição de pimentões.

EU SOU MUITO BURRO! Pensei.

- Eh, obrigada – ela consegue dizer – eu já vou indo... - ela da passos para trás em direção ao seu quarto.

Apenas sorrio de volta e entro no meu me perguntando como eu sou burro.

Pov. Annabeth

Ok, tem algo de errado comigo. Talvez tenha sido na minha fabricação, ou eu bati a minha cabeça quando era bebê. Por que, não tem como!

Além da minha vida já não ser normal, eu tenho que piorá-la. Não sei se é uma doença ou é só eu mesma.

Acho que isso é uma brincadeirinha que o destino está fazendo comigo, só pode! Primeiramente, eu me apaixono por um cara que eu conheci no mesmo dia. Depois, eu descubro que ele é meu 'novo irmão'. Mais tarde, nós dois nos tratamos como desconhecidos e agora eu não paro de pensar no maldito! Ok, isso tem que ser uma brincadeira.

Vamos revisar o lindo (sqn) começo de quinta-feira que eu tive.

Acordei tarde hoje por que ontem, eu e a Luna tivemos que limpar a sala da sessão de cinema que o Rick e o Will fizeram. Sim, NÓS tivemos que limpar, por que eles nos deduraram sobre a noite em que assistimos NETFLIX até amanhecer. Enfim, acordei tarde e fui descer para tomar café por que tava com muita fome.

Tomei café e blá, blá, blá. O importante é que depois de tomar café, a Perla me entregou o tal convite da festa de sábado. No início eu fiquei feliz, mas depois pensei que ficaria forever alone naquela festa. E foi por isso que subi até meu quarto para ligar para Jason para perguntá-lo se ele iria.

Quando eu subi, percebi que a porta do quarto de Percy estava aberta, não pude conter a curiosidade de dar uma olhadinha. Ele estava de costas conversando com alguém no celular. Dei meia volta e me direcionei para o meu quarto.

Deixei o convite em cima da minha escrivaninha para lembra de decidir se iria ou não mais tarde. Direcionei meu olhar um pouco mais para o lado e avistei meu celular. O peguei, o desbloqueei e apertei no ícone 'telefone'. Disquei o número que eu já sabia de cór e chamei.

Primeira tentativa: ocupado. Segunda Tentativa: ocupado. Terceira tentativa: ocupado.

Ok, com quem ele estaria conversando tanto assim nessa hora da manhã? Respirei umas duas ou três vezes e pensei: Calma Annabeth, agora não é hora de dar um ataque de ciúmes.

Como vou dar a resposta para a Perla, sem saber se o Jay vem? Pensei bastante, e não demorou para ter uma solução. Ler! Ler sempre me acalma. E cá entre nós, temos uma biblioteca aqui em casa, então isso não é desculpa.

Deixei meu celular na escrivaninha de novo e saí do meu quarto.

Quando eu saí, notei que a porta do quarto de Percy estava fechada. Ok, tudo bem até aí. Mas eu comecei a escutar duas vozes no mesmo. E a primeira reconheci rapidamente, Sarah. E a outra pertencia ao Percy mesmo.

Uma observação: eu não sou enxerida ou algo assim. Só que não tem como evitar! A porta do garoto é do lado da minha! VOLTANDO...

Me aproximei mais um pouquinho e consegui escutar a conversa nitidamente:

- Você tá com ciúmes? - Percy pergunta para a Sarah, provavelmente.

- Não! - ela exclama – Só não entendo por que ela está sendo tão boazinha com a Annie. Parecem ser amigas agora, mas isso não importa.

Paro um pouco e penso se quero realmente continuar a escuttar a conversa... Mais a curiosidade foi maior.

- Ta...E o que você quer mais?

- Me responda com sinceridade Percy... Você tá saindo com a Rachel?

Um momento de silêncio é depositado no me ouvido. PERA AÍ, Rachel não é a garota que vai dar a festa? Será que o Percy tem namorada e eu não sabia?!

- Ei, você não me respondeu... - disse Sarah parece que...se aproximando da porta?

-Já repondi sim – fala Percy – E o que você que que eu diga? AH É CLARO QUE VOU SAIR COM MINHA NAMORADA RACHEL AGORA!

Escuto aquilo e o meu coração para. Sinto uma pequena dor no coração. Parece que...Ciúmes?

Ele fala mais alguma coisa depois mas não me importo. Me distancio um pouco da porta e por pouco Percy não me vê com a orelha colada na mesma.

A feição dele é de: “O que você está fazendo aqui, Annabeth?” Mas eu o ignorei.

Ele meio que empurra a Sarah pelas escadas que depois de muito custo sai do local.

Quando ela sai, nós dois nos encaramos por alguns segundos e aquela sensação de 'desejo' retorna. Será que ele senti isso? Não Annabeth, ele tem namorada. Meu cérebro me recorda. É bom ter você cérebro, se não, não sei do que seria capaz de fazer...

- Oi, tudo bem? - me surpreendo com a sua pergunta do nada.

- Ahh, sim. - respondo rápido demais, merda! Por que eu sempre fico assim?

- Fiquei sabendo que você vai na festa da Rach esse sábado – ele fala puxando assunto.

- Bom, eu não sei ainda se vou... - penso mais um pouco – não conheço muita gente de lá.

- É claro que conhece! -ele me anima – Você me conhece, conhece a Lia, a Haz, os garotos, minhas irmãs...

- Bom, vou pensar ainda – Sorrio,talvez possa pensar mais mesmo.

- Seu sorriso é lindo – ele fala, logo depois fica vermelho como eu. Fico totalmente sem graça.

- Eh, obrigada – tento parecer confiante– eu já vou indo... - vou me distanciando em direção ao meu quarto.

Quando chego na porta, a abro rapidamente e fecho atrás de mim. Deito na minha cama exausta e agora estou aqui, revisando minha manhã.

Será que vou nessa festa? É melhor ligar para Jason, ou pelo menos tentar.

Pego meu celular e me sento na cama. Disco o número e finalmente ele me atende.

LIGAÇÃO ON

- Aleluia você me atendeu – falo dando uma bronca nele.

- E aí Wikipédia, dormiu bem?

- Mais ou menos e você?

- Nem tanto...Mas só para esclarecer, eu conversei com o Percy hoje – Jason diz.

- Ah, então era com você que ele conversava hoje de manhã... - compreendo.

- Pois é e falamos sobre você – ele solta isso do nada.

- QUE?! - grito sem querer – Que?!

- Fica calma, foi só coisas boas.

- Jason, você não falou nada sobre a nossa conversa ontem, não neh?

- Claro que não, eu só escutei a versão dele.

- Ai meu Deus!

- Calma aí Wikipédia, fica tranquila.

- E o que conversaram? - pergunto curiosa.

- Não posso falar – ele faz isso só para provocar.

- Jason! Desembucha!

- Como eu não contei o que você me contou ontem para ele, eu também não vou contar o que ele me contou hoje para você. Simples assim.

- Ai que vontade de ir aí só pra te dar um soco – o ameaço.

- Relaxa, vou para aí esse fim de semana, dá para você me bater quando chegar.

- Você vem!? - pergunto alegre.

- Claro, ora! - ele diz – Como ficaria sem te ver por muito tempo?

Abro um sorriso muito alegre e começo a comemorar com dancinhas bem constrangedoras no meu quarto.

- Uhuuu! Você conhece a Rachel Elizabeth Dare? Ela estuda no seu antigo colégio aqui em Floripa.

- Humpf, é claro que conheço a Dare. Quem não a conhece?

- Tem razão...Mas, você vai na festa que ela vai dar sábado? - o pergunto.

- Vou sim, o Percy já confirmou minha presença - quando ele respondeu aquilo, eu comecei a comemorar com mais dancinhas.

- Eba! Então eu também vou!

- Você conhece a Dare?

- Claro que conheço, afinal, quem não a conhece?– respondo com a mesma resposta dele.

- Hahaha engraçadinha. Mas aqui, como você conseguiu o convite? - ele pergunta.

- A Perla tinha dois e me deu um.

- Ahh, tá. Te vejo sábado preciso ir.- ele se despede.

- Beijos – desligo.

LIGAÇÃO OFF

Fui direto correndo para o primeiro andar para confirmar minha presença com a Perla.

- Perla! - a chamo.

- Aqui na sala! - ela responde,

Chego lá igual o flash com um sorriso estampado na cara e muito empolgada, para falara a verdade e fico de frente para ela.

- Pode confirma a minha presença na festa! - falo super feliz.

- Uhuuu! Eu sabia que você iria topar! - ela responde feliz também, damos nossas mãos e começamos a dar pulinhos de alegria.

- Posso saber o por quê dessa empolgação toda? - pergunta Luna acompanhada de Sarah chegando na sala.

- A Annie vai na festa com a gente sábado! - diz Perla sorrindo.

- Uau! Que alegria – diz Luna debochada.

- Ah Luna, pelo menos eu fui convidada – dou uma patada na minha irmã. Ela faz uma careta e se senta no sofá pegando o controle.

- Tem certeza que é só por isso? - pergunta Sarah sorrindo.

- Na verdade, é que o Jay chega sábado do Rio – respondo alegre.

Perla me encara perguntando se é verdade e eu confirmo com a cabeça. Ela fica alegre, já a Sarah fechou a cara e se sentou do lado de Luna. Não entendi o por quê.

- Você sabe se ele vai na festa? - pergunta Luna.

- Ele vai, falei com ele agora. - respondo.

- Amm, que tal chamarmos a Pips para combinarmos nossa roupas? - sugere Perla.

- Quem é Pips? - pergunto.

- Ela é muito nossa amiga. Ela é filha da modelo Afrodite – responde Sarah

- Afrodite tem filha?

- Sim, eu sei. Ela parece muito nova – responde Sarah

- Ok, então chame-a! - falo.

O resto da tarde foi isso, a gente conversou, brincou, riu, se divertiu e junto com a Piper veio a Hazel, e nós ficamos mais amigas ainda. As duas são muito legais. Gostei da tarde, mas me senti culpada pr não ter chamado a Lia, mas afinal nem era eu que tinha convidado, então... Paciencia.

Chegou a noite e cada um foi para o seu quarto. Deitei na minha cama e não pude impedir a lembrança da conversa que eu escutei hoje. O Percy seria capaz de me esconder que tinha namorada? Mas, a culpa não é dele também, por que afinal, não temos nada entre si...

Bom, parece que essa festa não vai ser pouca coisa, então que a galerado Liberty College me conheça! E vamos ver, se eles não gostam de mim...

" Eu vi ele com outra sim. Eu vi ele falar pra outra, tudo que um dia quis que ele me falasse. Mas nem assim consegui sentir raiva dele. Ele ta feliz, e só isso já basta pra mim. Mesmo que o motivo dessa felicidade não seja eu, eu estou feliz que o meu amor esteja bem..."

(desconhecido)


Notas Finais


Espero que tenham gostado.
Desculpe os erros de ortografia, mais tarde eu reviso.
Me incentive com comentários por favor.
Preferem caps mais longos?
Só vou avisar que o próximo capítulo promete...
Até semana que vem
Bjos de luz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...