História Sob Seu Olhar (Min Yoongi) - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Dirty Talk, Drama, Hentai, Romance, Sexo, Tragedia, Yoongi
Visualizações 125
Palavras 1.087
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Fluffy, Hentai, Orange, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Heyyy potatoes ❤❤❤!

Desculpem o atraso 😪! Tive mal tempo de cagar , passei o sábado fora de casa por causa do curso ! Masssssssssssss aqui estou eu com mais um cap pra vcs!
Cho ir dormir que dormir é vida né non?

💋 Boa leitura 😊!

Capítulo 9 - Seu sorriso é lindo


Fanfic / Fanfiction Sob Seu Olhar (Min Yoongi) - Capítulo 9 - Seu sorriso é lindo

Pov Autora 


Sexta-feira, 14:15 Mansão Min


A tarde estava chuvosa o que era relaxante para a jovem morena que tanto apreciava o clima frio , porém mesmo assim a menina de pele bronzeada estava inquieta , andava de um lado pro outro em seu quarto , já tinha tentado de tudo pra se distrair , dormir,assistir  e nem mesmo escutar música que era o que mais gostava de fazer tinha a distraido.

O que a fez ficar assim? Simples , a mulher loira carinhosamente apelidada de vadia loira tinha deixado a mais nova naquele estado , mesmo que naquele momento que tivera com ela na mesa tenha se mostrado forte , agora tinha certo receio , a mulher parecia realmente disposta a ter o seu homem.

Seus passos cessaram assim que finalmente caiu a ficha. 

- Ele já conhecia aquela mulher..-respirou fundo e passou uma mão no cabelo.- aquela... ela já foi acompanhante  dele.

Esfregou as mãos no tecido do short jeans e respirou fundo , decidiu que iria tirar aquela história a limpo aproveitando que o loiro estava em casa mais precisamente em seu escritório , e as visitas tinham saído pra algum lugar que ela não queria saber , o importante era que estavam sozinhos e era um ótimo momento.

Desceu os degraus da escada com cuidado , suas pernas estavam meio moles por conta do nervosismo, assim que seus pés descalços tocaram o chão, mania que irritava o loiro que sempre dizia  a mais nova que iria pegar um resfriado. Caminhou até a porta de madeira escura e polida , engoliu seco e deu duas batidinhas chamando baixinho pelo mais velho.

-Senhor Min..- escutou um breve 'entre' , e assim fez fechando a porta logo depois , observou por alguns momentos o lugar. Prateleiras com livros , alguns bem grossos e em outros idiomas , uma pequena mesinha com algumas bebidas , uma poltrona aparentemente confortável e a sua frente uma mesa comalguns papeis bem organizados , um notebook onde o loiro digitava sentado em uma cadeira confortável.- Ahn.. se o senhor não estiver muito ocupado..eu queria perguntar algo.

Sentou em uma das cadeiras de frente pra mesa. O homem parou de digitar apenas para encarar a mais nova e depois voltou a faze-lo.

-Pode perguntar , estou escutando.- a mais nova assentiu e mordeu o lábio ,pegou um lápis na mesa e começou a balançar entre os dedos.

-Bem..eu queria perguntar se o senhor já conhecia aquela mulher.. a senhora Lee .- a atenção do mais velho foi capturada assim que a jovem terminou a frase.- ontem quando o senhor foi até a adega com o marido dela , ela comentou sobre já conhece-lo antes de se casar.

-O que exatamente ela comentou?.- se acomodou no encosto da cadeira e cruzou os braços fitando a mulher a sua frente.

-Nada de mais , ela só disse que já o conhecia.. é verdade?.- levantou  o olhar encontrando duas orbes cor de carvão sobre sí.

- Sim! Ela apenas trabalhou pra mim por um tempo nada de mais.

-hum..não pareceu só isso.- disse baixinho mesmo assim o loiro escutou.

- O que disse?.- este tinha um pequeno sorriso no canto dos lábios rosados.- venha aqui jagi.- afastou um pouco a cadeira da mesa e deu dois tapinhas em sua coca esquerda, a morena levantou e sentou-se , sua cintura foi envolvida por um dos braços do pálido.- olhe pra mim! Eu quero que me fale o que vocês conversaram.

- A-h não..-sua coxa direita foi levemente apertada em repreensão.- tudo bem.- e assim contou exatamente todas as palavras que ela e a loira trocaram naquela noite.- e foi isso.

-Certo.-suspirou.- ela foi minha submissa a um tempo atrás , acho que ela confundiu as coisas.

-Submissa?.- indagou , enquanto se ajeitava no colo do mais velho.

- Sim! Assim como você el..- foi interrompido quando a jovem levantou bruscamente.- o que foi?.

-Assim como ela? Acho que agora quem esta confundindo as bolas é VOCÊ! Eu não sou submissa de ninguém quanto mais de você.

É a relação desses dois terá turbulências piores que essa.

Pov (S/n)

Essa porra de homem deve ter deixado a tinta oxigenada por muito tempo nessa cabeça dele pra achar que eu sou a porra de submissa dele.

-Sabe , você já deveria ter aprendido a me respeitar!.- aquela calma dele era uma droga , só me fazia querer voar naquele pescoço branquelo e estrangula-lo.- e sim jagi , você é minha submissa , algum problema?.

- Algum problema?.- ri de nervoso.- Pro inferno você e esse contrato eu tô fora dessa palhaçada.- caminhei a passos firmes e sai porta fora , subi a escada correndo e fui pro quarto. Adentrei e fui em direção a minha bolsa , escutei a porta do quarto fechar e bufei.- Se você inventar de querer me castigar eu vou gritar até e a polícia vai aparecer.

- Acho que não.- caminhou até onde eu estava parando em minha frente, tinha uma droga de parede bem atrás de mim o que me deixou incurralada,sua respiração batia em meu ouvido.- naquela noite você gritou meu nome e ninguém apareceu.

Mesmo eu não querendo , aquela droga de voz tinha um poder sobre meu corpo , aqueles olhos.

- Não precisa ter medo jagi.- sua destra acariciou meu rosto.- Não vou machucar você!.- Fechei meus olhos ao sentir seu hálito bater em minha boca.-Garanto que não vai se arrepender uh?.-  assenti levemente antes de ter meus lábios tomados pelos seus, diferente dos outros, o ósculo era calmo , sua mão direita acariciava levemente meu rosto, a esquerda estava em minha cintura me mantendo junta de sí. O ar fez falta , nossas respirações deaconpassadas.- Eu preciso sair agora , nós vamos sair mais tarde!

- Pra onde?.- mordi o lábio ,seu polegar passou por cima do mesmo.

-Vamos a um jantar , vista qualquer vestido , todos ficam bem em você.- segurei um sorriso.-Não faça isso!!.- o encarei confuso.- Seu sorriso é lindo , não o prenda , me deixe ve-lo!.-balancei a cabeça não contendo um sorriso.- Assim!

-Você.. o senhor devia sorrir mais vezes também.- um sorriso tímido brotou em seus lábios , o suficiente para me dar a visão de seus dentinhos curtos e perfeitamente alinhados o que me fez sorrir.- Assim!.

Trocamos aquele momento de sorrisos bobos , que acabou assim que o mais velho ficou sério de repente pigarreou e se afastou , me encarou e virou as costas saindo do quarto.

-Esteja pronta as 20:00! Não se atrase.- olhou por cima dos ombros.- sabe o que irá acontecer a você caso atrasar.- e saiu.

- Arg! Não existe pessoa mais bipolar que eu conheça.





Notas Finais


Levanta a mão quem morreu com o sorriso lindo do nosso açúcar 🙋🙋😍!! Pois é minhas povas.

O capítulo saiu mais curto que o normal mas amanhã PROVAVELMENTEE sai o próximo com a festa que..muhahhha promete ! NÃO VOU DAR SPOILER , deixar vcs imaginando o que vai acontecer...FUIII 💋💋💋💋!

SORRY pelos erros , cap não revisado !
Preguiça... 🐨


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...