História Sober - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Camila Cabello, Fifth Harmony, Lauren Jauregui
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Camren
Visualizações 379
Palavras 2.179
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), LGBT, Literatura Feminina, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa Madrugada!!!
Estou de volta!
Ia postar amanhã, masss provavelmente vou fazer compras no Walmart e depois irei na academia.
Vou começar a treinar Jiu -Jitsu !!!
Tô muito feliz!
Amanhã é certeza que volto com o corpo dolorido para casa. Vai valer a pena.


Música de hoje - Robbie Willams-Angie

Capítulo 10 - Angels


Fanfic / Fanfiction Sober - Capítulo 10 - Angels

03 de Agosto


Wickenburg,Arizona


5:00 A.M


O despertador me acordava para enfim realmente dar início ao meu tratamento. Seria uma jornada muito dolorosa ,eu já estava pressentido isso. Da outra vez ,que estive nessa situação foi pela dependência de cocaína e álcool, na época optamos pelo uso de medicamentos para controlar a abstinência. Porém, dessa vez meus pais optaram por algo totalmente diferente.Tratamento holístico, sem medicamentos, com isso minha irritação estava a mil além das dores de estômago que hoje estavam me matando. Confesso que não é algo bom de suportar ;meu raciocínio estava muito lento e a dor de cabeça pela manhã era triste de lidar ;assim  como a ansiedade.


Era um processo muito lento e eu vou ter que lidar com isso pelo resto da minha vida. Nós quando estamos com muita dor dentro do peito ou desacreditado de tudo e do mundo, normalmente não buscamos soluções que vão nos beneficiar. Tudo é feito de forma que você só  quer anestesiar o hoje ,o agora. Você nunca pensa no futuro quais vão ser os efeitos dessas escolhas.


A sociedade não se preocupa com os fatores que nos levam a chapar até muitas vezes perder a consciência ou morrer. Eu via no ilicito a calma,o relaxamento, a inexistência de dor e sofrimento. Mas ninguém diz a você que depois da primeira dose, cheirada ou fumada. Você fica deprimido e volta a consumir mais e mais até chegar num ponto de ter que precisar daquilo toda hora em todo o momento. 


Eu vivi isso.


Dessa vez, foi um pouco mais brando ou não. Não sei definir . O fato que nesse meu momento de reflexão pude aprender algo comigo mesma. Preciso estar sóbria hoje. Preciso viver e pensar no hoje.

E assim o meu dia começa. Levanto da cama e vou tomar banho. 


xxxxxxxxxx


Após o café da manhã regado a muita fruta, minha primeira atividade era um passeio pelos jardins. E uau! Sentada num banquinho vejo o nascer do sol e com ele vem a esperança. Por hoje vou reunir toda a minha  confiança para que no fim do dia, meu objetivo ser concluído. Isso me fez sorrir feito trouxa. Caminho de volta para dentro do local e vou para a sala da Dra. Linda.

xxxxx

Se você alguma vez já assistiu a série lucifer ,deve ter visto o escritório da terapeuta do diabo e bem o da Dra. Linda Martin; não era muito diferente da sala da terapeuta do diabo.Havia ali um sofá creme e em frente a poltrona onde a Dra. senta. Muitos quadros e livros adornavam a sala. O que atribuía ao local uma espécie de conforto. Minhas mãos suavam e não sei definir qual era o motivo.


_ Bom dia, Lauren._ saudou assim que me acomodei no sofá. Dei um sorriso social e passei as mãos na calça para ver se diminuía a ansiedade e  o nervosismo.


_Bom dia,Dra._ respondo


_Oh,sem formalidades.  Me chame de Linda. Isso irá nos ajudar e muito. Pode acreditar._ 


_Okay._


_Podemos começar?_ ela ajeita o óculos de grau no nariz. Isso dava a ela um ar muito profissional.


_Sim._ respondo.


_Ótimo! Me fale um pouco sobre você e das coisas que você gosta.Se quiser pode deitar._me deitei no sofá e fiquei refletindo.


_Não sei por onde começar. _ admito. Ela deu risada e isso deixou o clima mais confortável.


_ Claro. Comece dizendo o que veio fazer nesse lugar._diz calma.


_Isso não está escrito no meu prontuário?_questiono.


_Sim.Porém são informações técnicas._ 


_Certo. Estou aqui em busca de tratamento para a dependência de drogas e transtornos mentais._ 


_Você teve outra recaída?_


_Sim._ 


_ Lauren, eu preciso que você relaxe. Pense em algo que te faça bem e me diga o que te vem a mente. Feche os olhos._ explica.


_ Camila._ respondo. Afinal, eu fui dormir ontem pensando nela e naquele bilhete. Era quase impossível de não falar dela.


_ Certo. Quem é Camila?_


_ Ela é minha ex namorada. Mas nós estamos começando a voltar. Quer dizer, ela disse que me ama. Acredito que quando eu conseguir me desintoxicar e tratar esses transtornos mentais, a gente deva ficar junto._


_Como você define ela?_ 


_Como assim?_ passo a mão nos fios do meu cabelo. Hábito que tenho desde pequena.


_ Exemplo. Um adjetivo ou sinônimo que caracterize como você vê ela._ explica.


_Certo.Diria que um anjo.Pensar nela me traz o conforto de sentimentos bons._ explico com um sorriso bobo. Fazia tempo que não me sentia assim. Desde do falecimento da vovó.


_ Que sentimentos são esses querida?_


_Amor. Muito amor e afeição. Ela me oferece proteção e apoio._ deixo escapar um sorriso bobo ao pensar sobre isso.


_ Você ama ela?_


_Muito!Linda não amo uma mulher. Eu amo um anjo. Camila é um anjo que Deus botou no meu caminho._


_A conexão de vocês é muito forte. Posso sentir no jeito que está falando dela._


_Sim. Eu quero viver num futuro Dra. Quero casar e ter filhos com a mulher que amo. Quero estar ao lado dela do mesmo jeito que ela está para mim. Quero ter uma casa grande, três filhos. Dois meninos e uma menina. Quero ter dois cães e um gato. Imagino envelhecer ao lado dela e ver nossos netos crescer._


_ Isso me parece ótimos planos._


_Eu sei_ dou uma risadinha.Por que aquilo tinha sido muito meloso. Há dias atrás eu nem sequer passava em um futuro._ Antes da overdose, nunca sequer imaginei isso. Só quero deixar tudo isso de ruim para trás.


_ Como assim?_ O silêncio pairou no ar. Estavamos em um ponto que machuca falar e pensar sobre isso.


_ Não me sinto pronta para falar sobre isso._ ergo meu corpo do sofá. Sinto todas as terminações nervosas do meu corpo pulsar.O calor misturado com a raiva.


_ Tudo bem. Você já pode sair._ saio pela porta sem olhar para trás.


Minha próxima aula seria de Yoga. Nunca fiz isso na vida. Não tenho flexibilidade para isso. Nunca imaginei que todo esse estresse e ansiedade  fosse dissolvido com aquele silêncio. Nunca pensei que aqueles exercícios e a meditação fossem realinhar meu corpo, minha mente e os meus sentimentos. Apesar de ter ficado com o corpo dolorido. Foi uma hora que restabeleceu a minha harmonia num todo.


Depois da yoga fui para o meu quarto onde tomei outro banho e vesti uma roupa para ir a biblioteca do local. Quero ficar lendo até o horário do almoço já que até lá estarei livre,pois geralmente você só tem suas atividades fixas pela manhã. Eram 10:00 horas da manhã ainda.

 Então tiraria o resto da manhã para descansar o meu corpo. Já que a próxima aula seria a terapia com os cavalos. Estou muito ansiosa para ir nessa aula. Nunca sequer andei a  cavalos. E assim se foi mas uma manhã. Na hora do almoço , nos íamos ao refeitório do local, onde tinha três mesas para que pudéssemos fazer as refeições. Estava tão distraída comendo aquele peixe que nem me dei conta da mulher que estava na minha frente. Ela pigarreou para chamar a minha atenção,levantei o olhar para cima e vi uma morena linda. Juro que se não fosse apaixonada e amasse Camz, eu provavelmente ficaria de quadro pela deusa a minha frente. Veja bem, amo Camila. Porém,não é errado olhar para os outros. Claro que nunca faria isso na frente dela é falta de respeito com quem tá do seu lado. A mulher sorriu e estendeu a mão para me cumprimentar,o que aceito de bom grado.


_ Prazer, Rihanna._ diz com um sorriso cínico. O que me deixou cismada.


_Prazer, Lauren._ aperto a sua mão e volto a comer a minha comida sem dar muita atenção para ela.


_Hm... Lauren, você não me conhece de nenhum lugar por aí?_ ergue a sobrancelha. Encaro bem a mulher a minha frente e nego com a cabeça._ Okay. Isso está muito estranho. Você não escuta música pop ou R&B contemporâneo não?_ sorri.Sinto meu rosto queimar. Afinal, não faço ideia quem ela seja.


_ Na verdade. Sou meio desantenada para esse negócio de música e gênero. Quer dizer, escuto rock e músicas alternativas ;de vez em quando pop. Minha ex adora. Então tem algumas canções que escuto com muita frequência._explico. Estou morta de vergonha.


_ Certo. Não acredito que você não me reconheceu! Estou chocada. Sou cantora._ abre um sorriso de canto. Se aquilo era para ser charmoso ou para chamar a minha atenção. Deu super errado. Apesar de ser linda,eu já tenho alguém. Um anjo para dizer a verdade. 


_ Uau! O que faz aqui?_ a expressão da mulher se desmancha e toma uma postura seria.


_ Problemas com o álcool e com a coca._ Balança os ombros como se não fosse nada._ E você o que faz aqui e principalmente quem é você?_


_ Sou atriz. Ex Disney para dizer a verdade. Tive uma overdose de heroína e em consenso com meus familiares resolvi buscar ajuda._explico. Sintia meu rosto queimar ainda. Que gafe!



_ Eu não queria estar aqui. Minha equipe me obrigou. Por mim ficava tudo como  estava._revira os olhos. 


_ É preciso tomar a escolha certa. E acredite, o tratamento é a escolha certa. Não desperdice teu tempo. Aceite a ajuda e mude a sua vida._Ela ficou alguns minutos quieta. Me levanto da mesa e deixo a bandeja numa ilha do refeitório  e volto para o meu quarto.

xxxxxxxxxx


14:30 P.M 


O primeiro contato com os equinos foi estranho. Os bichos eram grandes e isso me deixou um pouco receosa em me aproximar. Quando o instrutor de equoterapia me chamou para perto do bicho tive muito medo. Nunca fui de ter animais então não sei como me comportar na presença de um agora imagine um cavalo.Com receio me aproximei do cavalo negro. Ele era grande e tinha um pelo brilhante e macio. Quando encostei nele o bichinho abaixou a cabeça para ganhar mais carinho na crina. Foi ali que descobri minha mais nova paixão. Cavalos.


Zachary me explicou que aquele cavalo era um cavalo de esporte e que com ele é possível praticar esportes. Como hipismo. Aquilo me deixou muito animada. 


_ Como ele se chama zachary?_ pergunto ao adestrador.


_Amuleto. Quer montar nele?_ pergunta entusiasmado.


_Sim posso?_


_Claro que sim. Vou pedir para algum preparar ele._ diz e sai dali.


O jovem Zachary não demorou muito para voltar e ele me levou num local onde coloquei um capacete. Depois ele explicou qual era a raça do Amuleto que é  um Bretão. As principais características da raça dele é o temperamento dócil e manejo fácil . O animal era encantador. 


_ Zac é possível adestrar ele?_ o rapaz riu.

_Lauren todo cavalo pode ser adestrado. Alguma são mais hóstis. Porém não é o caso desse garanhão._ o cavalo chega e juntos caminhamos para fora das baias._ Fique calma. Ele é seu amigo,não tem porque ter medo dele. _ instruiu com cautela.


Subo no lombo do cavalo e aos poucos Zachary começa a puxar as rédeas do Amuleto.Abro um sorriso grande. Era uma experiência muito boa. O trotar dele era elegante e o animal em momento algum se assuatou.Quando voltamos para as baias onde ficava os cavalos, não pude de deixar de ficar feliz o dia tinha sido muito bom.Me despedi de Amuleto e Zac e fui para os dormitórios. Já era fim de tarde. E logo teria o jantar. Após tomar outro banho. Acho que nunca tomei tantos banhos na minha vida, ri com esse pensamento e comecei escrever no meu diário como havia sido o dia de hoje e como eu tinha conseguido passar por esse obstáculo. Em breve esses obstáculos estariam para trás e assim vou poder correr atrás dos meus objetivos e do meu futuro.


Depois do jantar fui direto para o meu quarto. Estava cansada e queria dormir logo. Pois estava ansiosa para amanhã,já que seria a primeira vez que haveria a terapia em grupo.

Antes de dormir agradeci a Deus por tudo e por ter colocado pessoas boas no meu caminho. Mamãe,Papai, meus irmãos, Dinah,Ally,Vero , Halsey e o meu anjo.


Meu último pensamento do dia foi nela. Antes de cair num sono tranquilo.



Eu sento e espero
Um anjo contempla meu destino?
E eles conhecem
Os lugares onde nós vamos?
Quando estamos grisalhos e velhos
Porque me disseram
Que a salvação deixa as asas deles estendidas
Então, quando eu estiver deitado na minha cama
Pensamentos correndo pela minha cabeça
E eu sinto que o amor está morto
Estou amando anjos em vez disso

E durante isso tudo ela me oferece proteção
Muito amor e afeição
Esteja eu certo ou errado
E correnteza abaixo
Onde quer que isso possa me levar
Eu sei que a vida não me arruinará
Quando eu vier chamar ela não me abandonará
Estou amando anjos em vez disso

Quando estou me sentindo fraco
E minha dor caminha por uma rua de mão única
Eu olho para cima
E sei que serei sempre abençoado com amor
E conforme o sentimento cresce
Ela aspira carne nos meus ossos
E quando o amor estiver morto
Estou amando anjos em vez disso

E durante isso tudo ela me oferece proteção
Muito amor e afeição
Esteja eu certo ou errado
E correnteza abaixo
Onde quer que isso possa me levar
Eu sei que a vida não me arruinará
Quando eu vier chamar ela não me abandonará
Estou amando anjos em vez disso

E durante isso tudo ela me oferece proteção
Muito amor e afeição
Esteja eu certo ou errado
E correnteza abaixo
Onde quer que isso possa me levar
Eu sei que a vida não me arruinará
Quando eu vier chamar ela não me abandonará
Estou amando anjos em vez disso














Notas Finais


Erros reviso depois.😘😘😘😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...