História "Sobre a Luz da fama e o poder da Paixão. " - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Visualizações 50
Palavras 2.080
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Musical (Songfic), Poesias, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Mais um capítulo espero que gostem' e uma ótima leitura para vocês meus amores.😉😘

Capítulo 2 - "Mantenha a Fé"


Fanfic / Fanfiction "Sobre a Luz da fama e o poder da Paixão. " - Capítulo 2 - "Mantenha a Fé"


P.o.v Camila

Me chamou Karla Camila Cabello Estrabao, mais prefiro que me chame de Camila Cabello, Tenho 21 anos Moro em Miami com meus pais Alejandro Cabello e Sinu Cabello e minha irmã Sofia Cabello que tem 10 anos, somos muito apegada uma a outra, Sofia e meu xodó.

Estou no ultimo ano da faculdade de Arquitetura, na verdade eu queria fazer música mais meus pais não deixaram alegando que música não era  profissão. que eu deveria fazer a mesma faculdade que eles, na verdade minha mãe nem tanto, foi mais o meu pai, não tive muita escolha afinal de conta ele que pagaria minha faculdade.

Meus pais são grandes arquitetos de Miami, donos da empresa “Arq'Cabellos” . uma das maiores e mais conhecida empresas de Arquitetura da cidade.

Eu amo música sou apaixonada essa sempre foi minha paixão. Lembro de quando eu tinha meus 12 ano e eu ficava cantando no karaokê imaginando que estava fazendo show para um enorme público, lembro também de insistir muito para meus pais me colocarem na aula de violão, pelo menos isso eles não me negaram, sempre estou tocando e cantando no meu quatro.

Meu sonho é ser uma grande cantora, a música é a forma mais linda de expressar seus sentimentos, ela acalma quando esta estressado, anima quando se está desanimado, alivia a dor nos deixando mais leve, quero tocar pessoas através da melodia da letra de cada canção cantada por mim. Esse e um sonho que eu sei que vou conseguir realizar.

Sinu: kaki o café da manhã já esta pronto, não demora se não você vai se atrasar para faculdade, Eu e seu pai já estamos indo, vamos deixa Sofia na escola e depois vamos para empresa, você vai com a Dinah? – falou encostada na porta do quarto.

Camila: ok mama, só vou finalizar aqui e já estou descendo pra tomar café e sim a Dinah vai passar aqui. – falei terminando de passar o batom.

Hoje optei em verti uma calça jeans da cor preta com rasgados nos joelhos uma blusa branca com uma esta na frente e um tamanco com salto baixo.

Peguei a minha bolsa e descei para tomar meu café da manhã, ninguém merecer ir para faculdade de estômago vazio né.

Bom dia família! – falei para meus pais e Sofia que estavam na sala.

Alejandro: Bom dia filha! Já estamos indo ok?

Sofia: Bom dia Kaki!

Camila: ok papa bom trabalho para vocês e boa aula para você Sofi. - falei dando um sorriso para ele.

Sinu: Tchau filha. – falou mandando beijo.

Assim que eles saíram fui para cozinha tomar meu café da manhã, peguei uma tigela coloquei leite e cereal e comecei a comer não demorou muito para um carro começa buzina na frente da minha casa:

POOMM POOMM.....

Camila: Já vai! – falei pegando uma banana minha bolsa e a chave de casa.

POMM POOM....

Dinah: Vamos logo chancho vamos chegar atrasadas.

Camila: Já vou chee só estou fechando a porta. - Assim que terminei de fecha a porta, fui até seu carro, abrir a porta e entrei. – olhei para ela e disse: Já acabou JESSICA. – lhe causando uma grande gargalhada não contive e comecei a rir junto Com ela.

Dinah: Bom dia Chancho. – falou beijando minha bochecha. – você não abusa banana não em?

Camila: Bom dia Cheeche, abuso não agora vamos?

Dinah: vamos! – falou rindo e dando partida no carro.

No caminho até a faculdade fomos conversando algumas coisas aleatórias, e ouvindo uma boa música, Mani havia mandado msg para Dj avisando que ela e Ally já estavam na faculdade, não demorou muito pra que chegássemos, Dj estacionou o carro saímos e logo avistamos Mani e Ally enfrente a faculdade conversando, Dj e eu chegamos de vagar por trás delas que estavam distraídas conversando e ai:

Buum! – gritamos juntas atrás delas assustando as duas.

Mani: Aaii OMG . – gritou levando sua mão ao coração.

Ally: Ai sangue de Jesus tem pode misericórdia, vocês estão loucas.

Camila: vocês tinha que ver a cara de susto de vocês. – falei dando gargalhada e Dj me acompanhou.

Mani: não vi graça nem uma. – falou cruzando os braços.

Camila: wow não fica zangada Mani, foi só uma brincadeira. – falei abraçando ela e dando um beijo em sua bochecha.

Ally: vamos entra que é o melhor que a gente faz. – falou abraçando Dj, saíram abraçadas.

Entrámos na faculdade, faltava 15min para começa as aulas, ficamos conversando um pouco no pátio, logo em seguida fomos para nossas salas, Ally faz contabilidade, mais na verdade ela queria fazer moda ou culinária mais seus pais não deixarão, Mani e Dj fazem Dança elas são as únicas que fazem realmente o que gostam, em quanto eu e Ally fazemos o que nossos pais acham melhor pra gente.

[...]

Já fazia um tempo que estava em aula, essa já era última aula já não estava me aguentando mais ouvir o professor explicando aquela matéria

Professor: conceitos fundamentais de Teorias das Estruturas ... Forças externas - Ativas O primeiro fator a ser considerado quando da execução do projeto estrutural de uma obra são os carregamentos nela atuantes. Carregamento: qualquer influência que causa forças ou deformações em uma estrutura.

O professo estava explicando sobre a Teoria das Estruturas confesso que nada daquilo estava entrando na minha cabeça, logo ele começou a fazer alguns rabiscos na lousa numero e letras ai que tudo fico Pior. - o que eu estou fazendo da minha vida, eu deveria está em uma sala de música, e estudando Teorias Músicas em vez disso. E essa hora que não passa e o sinal que não bati logo. – assim que finalizei esses pensamentos o sinal bateu. – olhei a hora em meu Celular já era 11:45.

Guardei minhas coisas e saí a procura das meninas, fui andando pelos corredores e logo avistei elas a frente conversando.

Camila: Oi meninas! – falei me aproximando delas.

D/M/A: Oi Mila. – As três falaram juntas.

Dinah: E o por que dessa Cara Mila?

Camila: E a única que eu tenho.

Dinah: E garota qual foi que bicho que te mordeu. – falou com uma expressão de preocupa.

Camila: Ai desculpa Chee eu só estou estressada eu não aguento mais gráficos número na minha cabeça, essas coisa não entram sabe eu só estou perdendo tempo fazendo Arquitetura. – falei suspirando fundo.

Ally: Ei Mila não fica assim esse e o último ano aguenta mais um pouco. – falou me abraçando.

Camila: Eu sei meninas mais estou sentindo como se esse tempo todo estudando foi tempo e dinheiro jogado fora. Não e o que eu amo sabe, eu amo e sempre fui apaixonada por música.

Mani: Nós sabemos Mila mais não fica assim falta pouco pra acabar.

Dinah: Ei vamos tira essa cara de tristeza do rosto, o que acham de saímos agora irmos ao shopping comer alguma coisa e assistir um filme?

Mani: Ótima ideia gostei. – falou batendo palminhas.

Ally: Eu topo. – falou levantando a mão

Camila: Eu também mais só se me deixarem escolher o filme. – falei olhando para as três com o olhar do gato de botas.

Dinah: Ta bom mais só hoje viu. – falou e saímos em direção ao seu carro.

Entramos no carro e fomos em direção ao shopping e claro que íamos ouvindo música e cantando bem auto, eu amo quando cantamos, e as meninas tinham uma voz bem bonitas, se elas quiserem seguir essa carreira um dia daria certo. 

 Logo chegamos, Dj estacionou o carro e entramos no shopping já fazendo a maior bagunça chamando atenção da pessoas que estavam ali, Dinah e muito barulhenta e ela não tem limite e impossível não nota-la quando ela chega em algum lugar. Antes de ir assistir o filme decidimos primeiro comer saímos em direção ao MCDonald'S.

[...]

Mani: Ta Mila qual filme vamos assistir? – perguntou enquanto olhamos os filmes que estavam em cartas.

Camila: calma ai deixa eu pensar. – falei colocando o dedo indicador no queijo em uma pose de pensativa. – já sei esse aqui. – falei a pontando para um cartas.

Dinah: SING? sério que vamos assistir esse filme. – falou com um expressão de desgosto. – É só um monte de animais cantando.

Camila: Não Dj. – É um monte de animais com um sonho de cantar assim como eu. – falei fazendo bico. – você disse que eu podia escolher o filme, você vai gosta e muito legal garanto isso a você.

Dinah: Ta bom você venceu. – falou me dando um sorriso.

Camila: eba! – falei pulado e batendo palminhas de alegria.

Ally: E nesse filme que a cantora Tori Kelly faz a voz da elefante? – falou enquanto comprávamos nossos ingressos.

Camila: Sim muito linda a Voz dela, ela canta muito.

Fomos compra nossas pipocas e logo em seguida entramos no cinema e não demorou muito logo início o filme.....

Após o filme as meninas me deixaram em casa, no caminho estávamos falando do filme, o quanto elas tinham gostado até mesmo a Dinah acho o filme legal, coisa que me deixou muito feliz, todas vezes que vamos ao cinema Ela sempre escolhe um filme de terro e eu odeio filmes assim me casam muito medo.

Dinah: chegámos Chancho. – falou parando o carro em frente minha casa.

Camila: tchau meninas foi muito boa essa tarde com vocês beijos até amanhã. – falei saindo do carro.

Tchau Mila. – falaram juntas

Olhei no relógio era 16:30 da tarde entrei em casa Sofia estava na sala assistindo.

Camila: Princesa só esta você em casa. – falei sentando no sofá ao lado dela.

Sofia: Mamãe esta no quarto dela. – falou olhando para mim e com um sorriso no rosto.

Camila: Ta bom vou para meu quarto se a mamãe pergunta fala que estou lá. – falei dando um beijo na sua bochecha e sai subindo a escada indo direto para meu quarto.

Tomei um banho relaxante, não demorei muito logo saí, verti um short soltinho e uma regata comprida, deitei na cama e fiquei ali olhando para o teto.

Toc toc...

Entra..

Sinu: Kaki esta tudo bem filha? – falou entrando no quarto e sentando na beirada da minha cama.

Camila: sim mãe está. – falei me levantando e ficando sentada na cama. – só estou um pouco cansada.

Sinu: Por que chegou tarde hoje?

Camila: Eu estava um pouco de mau humor, pelas aulas de hoje e Dinah teve a ideia de irmos a shopping comer alguma coisa e assistir um filme.

Mãe nada daquelas aula entra na minha cabeça, eu não estou feliz fazendo Arquitetura, eu gosto de música.

Sinu: Eu sei filha. – falou me abraçando. – mais esse e seu ultimo ano, só aguenta mais um pouco. – qual o filme que vocês assistiram?

Camila: SING – falei rindo.

Sinu: É aquele que tem vários animais que cantam? – fiz um de sim com a cabeça ela sorriu de canto beijou minha cabeça levantou e saiu do quarto fechando a porta.

Eu continuei na mesma posição olhei para um canto perto do meu guarda roupa onde fica meu violão, levantei peguei meu violão me sentei na cama, fiz os acordes da música “the climb” da Miley Cyrus comecei a dedilhar em seguida comecei a cantar cada frase da canção.


"Eu quase posso ver

O sonho que estou sonhando, mas

Há uma voz dentro da minha cabeça dizendo

Você nunca vai alcançá-lo

Cada passo que eu estou dando

Cada movimento que eu faço, parece

Perdido, sem direção

Minha fé está abalada

Mas eu, eu tenho que continuar tentando

Tenho que manter minha cabeça erguida

Sempre haverá outra montanha

Eu sempre vou querer movê-la

Sempre será uma batalha difícil

Às vezes eu terei que perder

Não é sobre o quão rápido eu chegarei lá

Não é sobre o que está esperando

Do outro lado

É a escalada

As lutas que estou enfrentando

As oportunidades que eu estou tendo

Às vezes podem me derrubar, mas

Não, eu não estou falhando

Eu posso não saber disso

Mas estes são os momentos que

Eu vou lembrar mais, yeah

Só tenho que continuar

E eu, eu tenho que ser forte

E apenas continuar

Porque, sempre haverá outra montanha

Eu sempre vou querer movê-la

Sempre será uma batalha difícil

Às vezes eu terei que perder

Não é sobre o quão rápido eu chego lá

Não é sobre o que está esperando do outro lado

É a escalada

Porque, sempre haverá uma outra montanha

Eu sempre vou querer movê-la

Sempre será uma batalha difícil

Às vezes eu terei que perder

Não é sobre o quão rápido eu chego lá

Não é sobre o que está esperando do outro lado

É a escalada

Continue em movimento, continue escalando

Mantenha a fé, querido

É tudo sobre

É tudo sobre a escalada

Mantenha a fé

Mantenha a sua fé


Finalizei a música deixei o violão do lado da cama olhei a hora e era 18:45 me deitei fiquei pensando em algumas coisas e acabei pegando no sono.....



Notas Finais


O que estão achando?
Desculpem qualquer erro ortográfico🙈😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...