1. Spirit Fanfics >
  2. Sobre A Luz Do Luar >
  3. Capítulo 4

História Sobre A Luz Do Luar - Capítulo 4


Escrita por: Feh__Lima

Notas do Autor


Amores espero que estejam gostando da fic❤

Capítulo 4 - Capítulo 4


Minha avó me deu um caneca de chocolate quente e enquanto eu tomava eu explicava para ela o que tinha acontecido comigo e quanto mais eu falava mais eu chorava, minha avó pediu para eu me acalmar e me disse que o que eu tinha acabado de lhe falar era super normal e como ela tinha me falado eu era uma bruxa, eu não queria acreditar naquilo e ela disse que sabia o que eu sentia desde pequena que eu era diferente, falou que bruxas existem e que vampiros também e não só vampiros mas também outros seres mágicos, eu fiquei abismada com tudo aquilo que tinha acabado de ouvir.

Ela me deu um caderno parecia antigo e velho, falou que aquilo era um grimório era um caderno de bruxa onde anotava receitas, poções, feitiços tudo sobre magia era colocado ali, e que era para eu ficar e estudar e praticar, e que daquele momento em diante ela me auxiliaria, eu estava ainda meio receosa sobre tudo não estava querendo acreditar que eu Sakura Haruno era uma bruxa.

Fui pra casa, minha avó falou que seria bom eu descansar um pouco e que todos os dias depois da escola era pra eu ir direto pra sua casa para começar minha vida na bruxaria, quando cheguei em casa tomei um banho e fui dormir não iria para a escola nesse dia, mal dormir estou esgotada fisicamente e psicologicamente.

Assim que eu acordei, lanchei meu pai não estava em casa tava no trabalho ainda iria dar 16hrs da tarde Ino me mandou mensagem perguntando por que não fui a escola falei que estava gripada e ela me desejou melhoras, eu gostei dela parece ser uma boa pessoa, falar em boa pessoa lembrei do Naruto pego meu celular e mando mensagem pra ele pedindo para ele ir me encontrar na lanchonete aqui perto e que queria conversa com ele na mesma hora ele respondeu e falou que queria muito falar comigo, iria conversar só isso e também agradecer até por que ele me salvou.

Chegando na lanchonete pedi um chocolate quente e aguardo o loiro chegar, o carro dele parou em frente e logo avisto o loiro entrando meu coração acelerou na hora e todas as cenas da noite anterior volta com força total.


- Oi Sakura.Naruto estava sem graça.-Você está bem?

- Estou graças a você, falar nisso muito obrigada.Disse de uma forma seca.-Bom não estou aqui para papinho furado, quero conversar com você para fazer algumas perguntas.

- Estou aqui para responder.Tentou pegar na minha mão mas eu tirei rapidamente

- Bom, você me disse que é um vampiro.Ele fez sinal de positivo.- Por que não queima quando está no sol?.

- Esse anel me protege uma bruxa fez um feitiço nele.Mostrou um anel que parecia ser bem antigo

- E sobre alho, espelho?.

- Tudo isso e mito.

- Quem é aquele cara?.

- Não o conheço, e novo por aqui eu e minha família somos os únicos vampiros dessa cidade.

- Sua família também.Arregalei os olhos assustada e o loiro fez sinal positivo.- Vocês não podem sair por aí machucando as pessoas Naruto

- Calma eu e minha família nós alimentamos com bolsas de sangue que meu pai pega do hospital.

 - Menos mal.Recebi mensagem da Ino falou que precisava conversar com alguém e que queria me ver.- Eu já vou depois termino de fazer as perguntas.Quando viro para pegar minha bolsa para levantar o loiro pega na minha mão

- Não conta pra ninguém por favor Sakura.Naruto falou

- Não se preocupe seu segredo está guardado comigo.Levanto

- E sobre nós dois.

- Agora não dá para pensar em nós dois Naruto, tudo o que aconteceu foi demais pra mim.Saí


Vou rumo a escola para ver a Ino ela disse que estaria me esperando lá, só que essa hora não tem mais ninguém, deve ser por que não tem outro lugar para ela ir penso comigo mesmo.Quando chego na entrada principal da escola algo me disse para eu não entrar porém penso que é coisa da minha cabeça, andando pelos corredores senti que tinha algo diferente quando chego a sala onde Ino falou que estaria, vejo a loira amarrada e amordaçada com sangramento no pescoço.


- Meu deus Ino.Corri para desfazer os nós.- Quem fez isso com você?.Tirei o pano da sua boca

- Me ajuda por favor Sakura, eu não sei quem foi.Ino estava desesperada

- Calma vou te ajudar.Mais o mesmo homem da noite anterior apareceu e me pegou pelo pescoço e deu um tapa na Ino fazendo a loira voar para o fundo da sala a mesma desmaiou com o impacto.-Me...Me solta.Estava ficando sufocada

- Oi de novo bruxinha, vim aqui só para te matar.Apertava mais ainda meu pescoço

- E...Eu disse pra me SOLTAR.Gritei e o homem me jogou para o funda da sala 

- Sua bruxa desgraçada você me queimou.Veio até minha direção.- Eu vou te matar agora

- Por favor eu não te fiz nada.Eu estava sem ar e toda dolorida do impacto

- Você é uma Haruno, certo?.

- Sim, mas o que isso tem haver?

- Você é a chave para tudo.Me pegou pelo pescoço e me levantou até eu não conseguir mais tocar o chão

- Do que você está falando.

- Não interessa se vou te matar.Riu, quando ele ia para me morder Naruto apareceu e jogou o homem contra a mesa

- Sakura pega a Ino e corre.Naruto falou me levantando 

- Como você sabia que eu estava aqui?.Olhei para ele e seus olhos estava de novo como antes 

- Depois te explico, vai.

- Tá Bom toma cuidado por favor.Estava preocupada com ele


Peguei Ino pelas mãos e sai arrastando ela, ela não acordou então tive que carregar ela assim coloquei a loira no meu carro e meti o pé no acelerador, eu não parava de pensar no Naruto e como ele estava Ino foi acordando aos poucos.


- Sa...Sakura onde estamos?.A loiro disse ainda meio sonolenta 

- Estamos indo para minha casa.

- Onde eu estava?.Ela não se lembrava de nada

- Não se preocupe, agora você está bem.


Chegamos em casa e a levei para tomar um banho e depois a deitei, assim que a loira dormiu de novo fui também tomar um banho enquanto a água caia sobre o meu corpo eu pensava como isso poderia está acontecendo comigo, antes eu era uma menina simples e agora descobrir que sou uma bruxa e que o menino que sai é um vampiro e que minha avó também é uma bruxa, depois que me visto saio do banheiro e me assusto quando vejo Naruto sentado na beira na minha cama com a roupa rasgada e com algumas manchas de sangue.


- Nossa Naruto, você está bem?.Peguei no seu rosto tentando achar alguma ferida nele mas não tinha nenhuma

- Estou bem, minhas feridas já cicatrizaram.O loiro pegou na minha mão eu olhei para ele

- O que aconteceu com aquele homem?.

- Não precisa mais se preocupar eu matei ele.Disse simplista.- Vim ver se você está bem

- Agora estou melhor.Soltei sua mão.- Só estou preocupada com a Ino e como ela vai reagir

- Posso fazer ela esquecer.Naruto olhou bem no fundo dos meus olhos

- Como assim?.Fiquei confusa

- Eu sou diferente dos outros vampiros.Me explicou- Eu posso controlar a mente das pessoas.

- Então faça ela esquecer tudo isso e que ela só veio para minha casa e acabou ficando para dormir.

- Ta Bom.Naruto acordou a loira e fez com que ela esquecesse tudo o que tinha acontecido e fez com que ela voltasse a dormir.-Pronto 

- Me tira uma duvida.Fui andando em direção ao loiro e fiquei na sua frente ele era bem mais alto do que eu.- Se você pode controlar a mente então por que não me controlava?

- Eu só faço isso em caso de urgências como essa.Naruto pegou no meu rosto.- E eu quero que entre eu e você seja tudo de verdade não por manipulação, e também você é uma bruxa não tem como te hipnotizar.Ele riu

- Você sabe? Como?.

- Desde o momento que você me queimou.

- Nossa desculpa.Nessa hora o loiro passou sua mão pela minha nuca e me puxou pra um beijo, nossos lábios se encaixavam era tão bom, mas eu coloquei minha mão sobre seu peito lhe afastando um pouco.- Naruto eu não posso por mais que eu esteja começando a gostar de você eu não posso.Abaixei minha cabeça

- Entendo que você esteja com medo, irei lhe esperar o tempo que for você e minha alma gêmea Sakura.Olhei para o loiro e fechei os olhos e ele me deu um beijo na testa e sumiu.


Eu estou gostando do Naruto de verdade mas não sei como suportar tudo isso, me deito com uma dor no peito me lembrando de cada palavra do uzumaki e apago a luz do abajur e tudo ficou escuro.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...