História Sobrenatural- (Jeon Jungkook) - Capítulo 3


Escrita por:


Capítulo 3 - Cap- 3


Fanfic / Fanfiction Sobrenatural- (Jeon Jungkook) - Capítulo 3 - Cap- 3

Sayuri

Na manhã seguinte acordei mais cedo que jungkook, me arrumei e olhei o horário das aulas, depois da luta tem aula de dança, logo de canto e natação. Pera... natação? O que vou fazer ? Não dá para esconder o seios em natação, senhor. A cada minuto ficava nervosa para a última aula. Resolvi cutucar o jungkook para acorda Ei você vai se atrasar O vejo abrir os olhos, os olhos dele esta vermelhos suspirei calma, já vi meu appa com os olhos vermelhos, a minha babá mandou eu suspirar e ficar calma com tudo, passando tranquilidade a o outro, o olhei nos olhos e o vi voltar ao preto. Levanta vamos atrasar para a aula de luta.


Jungkook

Eu suspirei esfregando meus olhos, eu odeio essa luz do sol que entra pela janela dela Eu vou, mas feche a janela falei me sentando, logo lembrei que hoje haveria aula de natação depois da de luta, e eu odeio nadar Quer matar a aula de natação? Falei sorrindo curioso


Sayuri

Assim que fechei a janela ele perguntou se eu queria matar a aula de natação, um suspiro de alívio tomou conta do meu corpo por inteiro, virei para ele assentindo Odeio natação, acho que vamos ter que matar a aula todo tempo Digo rindo pegando minha espada no porta espada atrás da porta. Vai logo


Jungkook

To indo~ falei indo me arrumar logo sorrindo

[...]

A aula de luta estava indo bem, mas para mim, o garoto que estava lutando contra ele era muito mais forte, na verdade, um vampiro com poder de força contra um garoto indefeso, era até maldade isso, o mesmo estava prestes a empurra-lo em direção da parede para zuar o quanto ele era fraco e indefeso, até que eu entrei no meio e o empurrei dando a ideia de que ele havia o atingido, o garoto vôo longe me fazendo rir Parabéns! Sorri para ele


Sayuri

A luta não estava sendo igual, ainda mais para mim que não tem poderes algum, suspirei cansada e irritada, o garoto veio para cima de mim, eu não tinha chances realmente, usei a espada, jungkook apareceu e empurrou o garoto, mais aos olhos de outros parecia que eu tinha o jogado longe, eu agradeço ao jungkook por ter me ajudado, mais vão criar coisas que não existe sobre mim e acabar que vou me ferrar com tudo isso. Obrigado Digo mais para agradecimento de me ajudar do que agradecimento por conseguir nada. Diga que acabou a aula, estou cansada, cansado Droga de palavras que tem que ser usada de forma masculina, sem falar na minha voz que tenho que modificar um pouco


Jungkook

A aula acabou falei sorrindo pela confusão dele, assim que saímos nos voltamos aos nossos quartos matando a aula de natação, eu me negava a ir banhar no lago, e ele muito menos, mas o que me deixou ainda mais perplexo foi o que aconteceu na noite anterior Por que você tem tantas faixas? Falei em relação aos bandeides no banheiro Já se machucou alguma vez? Tentei tocar no assunto por curiosidade


Sayuri

Me assustei quando o mesmo perguntou sobre as faixas Co-omo você sab-be ? O que eu faço ? preciso acha uma forma de mentir, mais se eu mentir ele pode desconfiar, calma, se bem que se eu não conta a verdade não estou mentindo. É algo pessoal, não conta a ninguém daqui por favor Falo com um semblante sério, não quero causar nada, não quero que ele saiba sobre minha vida assim no segundo dia que nos conhecemos.


Jungkook

Eu preciso me preocupar com alguma coisa? É algum machucado? Falei preocupado pensando na propabilidade dos pais o baterem, mas acho que longe disso
Não se preocupe, eu só estava curioso sorri por achar isso um tanto estranho, esse garoto é um mistério completo, eu me larguei na cama e fechei meus olhos com sono Vou descansar um pouco para a próxima aula


Sayuri

Não temos próxima aula, tempo livre agora. Digo calma deitando na cama Desculpa por falar assim sério, é um assunto pessoal, e não precisa se preocupar estou bem Falo olhando para o mesmo deitado, suspirei e virei na cama ficando de costa para ele, eu não sei o que me aconteceu, lágrimas começaram a molhar meu rosto


Jungkook
Eu devo ter tocado em um assunto um tanto delicado já que ele me respondeu tão friamente, eu me referia ao clube de artes havia entrado a pedido de alguns amigos, mas parece que ele não entrou em nenhum clube ainda, eu suspirei o olhando ainda preocupado, ele foi o primeiro amigo que fiz aqui quando cheguei, e eu gostaria de protegê-lo, eu não sei por que, mas sinto essa necessidade Você está mentindo para mim? Falei o olhando como se aquilo fosse o mais óbvio o possível, eu levei meu olhar a janela, o dia estava chegando ao fim, eu pensei um pouco e quis tirá-lo dali Sabe, é bom sempre sair pra respirar! Vamos? *Disse não querendo saber se ele queria ou não, apenas o peguei em meus braços e em segundos já estávamos no meio da floresta, no mesmo lago que fomos antes


Sayuri

Eu ignorei a pergunta dele se eu estava mentido para ele, mais logo sou tirada dos meus devaneios com ele me chamando para dar uma volta e pegando eu nos braços. Você não bate bem mesmo. Digo rindo observando o lago ao meu redor Me responde algo, você já mordeu alguém antes ? Pergunto o fitando curiosa


Jungkook

Pra falar a verdade, uma única vez falei lembrando do doce gosto do sangue daquela garota Eu estava com muita sede, e quando isso acontece tendemos a ficar muito selvagens, não queremos saber se tem família ou não, nós matamos sem pena, claro que não são todos que são assim, ela ficou viva ainda sorri sem jeito enquanto jogava pedrinha no lago, ele parecia melhor, já não chorava mais


Sayuri

As vezes eu imagino sendo vampiro ou anjo, deve ser legal ter poderes, acho que se eu tivesse teria uma vida mais alegre. Digo vendo a pedrinha quicar na água várias vezes


Jungkook

Eu o olhei curioso Você é tão negativo, não acho que seja um anjo falei sorrindo por que anjos são sempre positivos com tudo ao seu redor, eu levei meu olhar com cuidado aos olhos dele, o olhei de forma intensa procurando algum sinal que pudesse deixar seu poder claro, mas nada estava ali, era misterioso, e isso me deixava curioso, eu sorri e me levantei o chamando Quer ver os vagalumes?  Tem muitos por aqui! Eles são muito bonitos! Sorri mesmo que a lua estivesse linda ali no lago


Sayuri

Vagalumes? Tem aqui ? Amaria ver Sorri levantando e o seguindo animada, assim que chegamos o mesmo apontou um local onde há várias luzinhas verdes, sorri correndo para perto, os vendo me rodear, acabei girando com os braços aberto e alegre


Jungkook

Eu não pude deixar de sorrir bobo pelo que estava vendo, eu consegui fazer alguém se sentir melhor, então eu devo ser uma pessoa boa certo? Alguns vampiros não são maus de verdade,eu levei meu olhar a lua, estava ficando tarde Vamos? Falei sorrindo por ele estar melhor agora Se der sorte ainda posso pegar um vinho sorri animado


Sayuri

Então vamos Sorri sendo segurada por ele e levada, assim que ele me segurou fiquei com sono, repousei a cabeça no peito dele e fechei os olhos.


Jungkook

Assim que chegamos ele já estava dormindo, era incrível como ele caía no sono tão rápido, eu o ajeitei na cama dele e o embrulhei com cuidado, eu não estava com sono ainda, então apenas sorri e desliguei a luz indo dar uma volta pelos corredores do colégio



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...