História Social Anxiety - (Saiko x Ycaro) - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Rodrigo "Saiko" Ximenes
Tags Fluff, Saiko, Ycaro, Ycro, Ykuuro
Visualizações 195
Palavras 483
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, LGBT, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi kkkk
Sei que todo mundo desistiu de esperar atualização desse caralho mas tamo aí né 😎🤘

Capítulo 2 - Capítulo 1


Fanfic / Fanfiction Social Anxiety - (Saiko x Ycaro) - Capítulo 2 - Capítulo 1

"Bobear. O mesmo que banzerar; vacilar nas ações"

「 • • • 

Pela quinta vez o alarme tocava em seu volume máximo, passando 25 minutos do horário em que Rodrigo deveria ter acordado. O som irritante que saía do pequeno aparelho só o dava menos paciência. 

O plano era dormir até o fim de tarde para evitar o rolê de hoje, tendo a desculpa que ficpu virado a noite e dormiu durante todo o dia seguinte. Não teria que ver ninguém, muito menos Ycaro. Não teria que lidar os olhos preocupados do outro. Sempre preocupados.

Mas não parava de pensar nele.

Sabia que só iria se revirar sobre a cama, mergulhando em suas paranóias. As vezes até mudava de idéia e considerava se levantar e ligar para seus amigos dizendo que não iria, só para não pagar de vacilão por não comparecer. Hoje é o gera do Sana, todo mundo combinou de ir como uma garota colegial genérica de anime.

Saiko sorria imaginado como seu namorado ficaria vestindo uma saia.

Além do Sana, havia a suas pílulas matinais. Estava com preguiça de se levantar e pega-las. Dor de cabeça era o que não ó faltava.

Suspirando exaustado da barulheira, o jovem cedeu e moveu seu pé até a ponta de seus dedos chegar ao chão de madeira. Estava fria, e como sua pele era sensível, o Ximenes respondeu a isto levando sua perna devolta para sí, se encolhendo e se cobrindo mais debaixo das cobertas. Não irá sair dali tão cedo. E o alarme continuava a tocar. 

@@@@@@

Era o fim do dia, todos tinham ido embora. Meiaum se hospedou na casa de um amigo, Luca foi para sua casa que ficava bem perto de onde o evento ocorreu, e Tawan estava prestes a ligar o carro para ir para o apartamento de sua sua namorada, Isa, que por acaso estava com ele. Já Ycaro não conseguiria voltar para casa tão cedo. Ocorreu um incidente com os ônibus da região e estava impossibilitado de ir a algum lugar assim. 

-"Tu num vai querer ir não, man?" Perguntou o peruano, pegando Carlos de surpresa.

-"Mas, não vai ser um incômodo pra seis não?" Em vez de responder, fez outra pergunta devolta, dando um longo ênfase no "mas".

-"Pode vir se quiser! Uma garota de saia à noite nunca está segura sozinha. Ainda mais, se não tem como voltar pra casa mesmo" Isa respondeu, abrindo a porta do carro e oferecendo um acento no banco de trás, dando um sorriso acolhedor, como sempre.

O garoto sorriu como resposta e entrou no carro.

Uma vez que Tawan deu a partida, Gabryel apoiou a cabeça na janela de vidro. Infelizmente não estava com seus fones de ouvido, pois tinha os imprestado para Rodrigo semanas atrás, no qual não tinha os devolvido desde então.

-"O Saiko amarelou hoje..." Comentou Isa.

-"Verdade, o bixo bobeou ó. Mô, me lembra de dar uma rasteira naquele arrombado depois?" Perguntou o namorado.

-"Lembro."

Ycaro não falou nada.


Notas Finais


se tiver erro é pq eu to com sono


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...