1. Spirit Fanfics >
  2. Soft One Shot - Jeon Jungkook >
  3. Capítulo único!

História Soft One Shot - Jeon Jungkook - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Oii, tudo bom? Uma pequena One Shot para vocês. Espero que gostem!


Capítulo 1 - Capítulo único!


Fanfic / Fanfiction Soft One Shot - Jeon Jungkook - Capítulo 1 - Capítulo único!

Me acordei mais uma vez me sentindo triste, vazio e solitário. Aquela casa vazia e silenciosa não me ajudava em nada. Suas fotos ainda estavam espalhadas pela casa, juntamente de algumas coisas suas.


- Como eu sinto a sua falta, Jagi...


Caminhei em passos lentos até o sofá, onde me deitei de qualquer jeito pensando no que fazer. Minutos depois me levanto decidido a concertar as coisas que eu havia estragado.


Eu estava louco de ciúme. Não que eu não confie nela, eu confio sim, e muito. Mas eu não confio em seu amigo que tem aquele olhar malicioso. Ele também poderia não resistir ao seu cheiro doce, tão doce quanto o das belíssimas rosas que acabei por comprar, acompanhadas de uma caixa de chocolate com um pequeno bilhete dentro.


Eu sabia que ela amava qualquer tipo de chocolate, mas já não fazia questão alguma por flores. Ferindo o meu orgulho, entrei em meu carro e dirigi até a sua casa, decidido a pedir desculpas e pedir para que voltasse. Não mentiria. Minha vida está uma droga desde que ela saiu daquela casa, deixando apenas lembranças.


Uma, duas, três batidas na porta. Estava bastante ansioso e apressado. Os segundos pareciam durar horas. E quando já iria bater novamente, a porta se abre. Não era ela, mas sim a sua mãe. Ela piscou para mim e sorriu, mostrando que estava me apoiando e desejando sorte.


Ela entrou e chamou sua filha, que vem apressadamente até a porta, sem nem sequer imaginar que eu estaria ali parado, com um buquê de flores, chocolates e uma cara de cachorro arrependido.


- Jungkook...


A interrompi, pois sabia que ela perguntaria algo tipo: "o que você está fazendo aqui?". Queria pular essa parte e ir direto ao ponto, antes que toda a coragem que eu havia acumulado por alguns dias desaparecesse


- Não fala nada, apenas me escuta - Me preparei mentalmente - Confesso que fui um babaca naquele dia, mas eu te amo muito, muito mesmo, e tenho medo de te perder para um babaca qualquer. Eu confio em você. Você é a pessoa qual eu mais confio nesse mundo inteiro, mas eu tenho medo. E se você algum dia achar que não sou o suficiente e precisa de alguém melhor? 



- Jungkook, eu não vou te abandonar. Eu já disse que ele é só meu amigo, mesmo que ele tente, não vai conseguir nada comigo. Sabe por quê? Porque você é o único que eu amo.



- Volta para casa, por favor - A abracei, escondendo o meu rosto em seus cabelos, aproveitando para sentir o seu cheiro doce - Alguns dias sem você e meu mundo virou de cabeça para baixo. 


- Eu volto, Jungkook! - Retribuiu o meu abraço e ficamos assim por um bom tempo, até que eu escuto alguns comentários sobre o quanto somos fofos, então olho para dentro de sua casa e vejo seus tios, tias, avó... Todos assistindo àquela cena - Esqueci de avisar. Minha família veio passar o fim de semana aqui.


- Aish, Jagi... - Disse envergonhado sabendo que todos ali haviam nos escutado.


- Não precisa ficar com vergonha. Só assim eles sabem o quanto me ama - Sorriu convencida e eu ri lhe entregando as coisas que eu havia comprado - Ah, Jungkook...


Ela sorriu olhando as flores e os chocolates, e depois me deu um abraço bem apertado. 


- Você merece - Sorri, logo lhe dando um selinho demorado.


- Vem. Também tenho uma surpresa! - Me puxou para dentro de sua casa e depois subiu as escadas com pressa, me deixando ali sozinho, com toda a sua família me encarando.


Felizmente, logo ela volta com uma pequena caixinha branca em mãos, me entregando na frente de todos, que nos olhavam curiosos. A caixa era bem bonita e arrumada, com um laço vermelho encima, dava até dó de abrir, mas a curiosidade foi ainda maior.


Abri a caixinha delicadamente, sorrindo nervoso já que todos me olhavam. E dentro da caixinha haviam dois sapatinhos de cor branca e um bilhete.


"Papai, estou chegando!"



Mantive o meu olhar vidrado na pequena caixa, ainda raciocinando o que estava acontecendo, enquanto alguns parentes dela me apressavam querendo saber o que era, menos a mãe dela que com certeza sabia de tudo.


- Você está grávida? - Seus parentes comemoraram e eu vi seus olhos brilharem.


Recebi um turbilhão de emoções quando ela balançou sua cabeça dizendo que sim. Todos me olhavam para verem a minha reação, mas eu estava intacto. 


- Eu vou ser pai? - Perguntei sorrindo bobo.


A partir desse momento eu senti tanta felicidade ao ponto de até tremer. Apenas senti o impacto do meu corpo com o chão e tudo ficou escuro.


- Jungkook! Eu sabia que isso ia acontecer - E foi a última coisa que eu ouvi antes de apagar de vez.





Notas Finais


KKKK Jungkook desmaiando de tanta felicidade.

Uma coisinha bem curta e aleatória, pelo fato de eu ter escrito às 08h da manhã, já que estava sem sono ainda.

Se quiserem comentar sobre alguma coisa, fiquem à vontade (coisas que vcs não vão fazer, eu sei. Mas não custa tentar).

Espero que tenham gostado! Obrigada se leu até o fim!!❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...